História Imagine Taehyung - Meu meio irmão - Capítulo 22


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga)
Tags Imagine, Taehyung
Visualizações 57
Palavras 1.386
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


( ͡° ͜ʖ ͡°)
🔞
( ͡° ͜ʖ ͡°)
🔞
( ͡° ͜ʖ ͡°)

🔞
🔞
B
O
A

( ͡° ͜ʖ ͡°)

L
E
I
T
U
R
A
🔞
🔞

Capítulo 22 - Pleasure


Fanfic / Fanfiction Imagine Taehyung - Meu meio irmão - Capítulo 22 - Pleasure

Anteriormente...


Tae: Hm é... s-surpresa! - ele mantia os olhos fechados e segurava em minha bunda apertando a mesma...


Continuação...


Ele cambaleia a cabeça para trás,e eu deposito selinhos em seu pescoço. Ele gemia baixinho.

Tae: S-s/n... hm! - ele cai se costas na cama e eu continuei em cima do mesmo. Ele se encosta na cabeceira da cama e eu rebolo em seu membro ainda por cima do tecido da calça,o atiçando.

S/n: T-Tae... - paro de rebolar em seu membro e ele se levanta da cama saindo do quarto sem falar nada.

Eu fico sem enteder da sua saida repentina. Após ele sair da porta eu me levanto achando que ele não iria voltar. Vou até o banheiro desligando a torneira da banheira,logo me abaixo e passo a mão sobre a água sentindo a água quente entre os meus dedos. Taehyung não poderia ser tão cara de pau de sair assim sem mais e nem menos.

Sinceramente... fiquei muita chateada com ele. Me levanto e tiro minha roupa já que vou ter que tomar banho sozinha mesmo...

Quando eu estava tirando minha camiseta ficando apenas de roupas íntimas,sinto uma mão fria tocar minha cintura,me puxando para mais perto. Era Tae... ele roçava sua ereção em minha bunda me exintando. Ele chega mais perto do meu ouvido.

Tae: Trouxe uns brinquedos! - me arrepio com suas palavras,Tae anda meio... "bruto" e bem diferente quando se trata daquilo...

Ele toca em minha intimidade brincando com a minha calcinha que já estava molhada. Ele solta uma risada nasal e me vira para frente dele me beijando com muito desejo e excitação. Ele desce os beijos até meu pescoço me pegando no colo segurando em minha bunda e eu dou um gemido baixinho. Ele me prensa contra a parede comigo ainda no seu colo.

Eu pego em seus cabelos gentilmente enquanto ele passava sua língua habilidosa entre meus seios que ainda estavam cobertos com meu sutiã,logo ele se livra dos escudos que o atrapalhava tendo a visão completa dos meus seios nus.

Ele chupava,lambia e mordiscava meus seios enquanto eu apenas ofegava, ofegava e ofegava.

S/n: T-Tae... hm... - eu mordo meu lábio inferior tentando não gemer alto. Tae para de brincar com os meus seios e comigo ainda em seu colo ele me leva para meu quarto me jogando brutalmente contra a cama. Logo o mesmo sobe em cima de mim e me beija,dando sarradas lentas no meio das minhas pernas me deixando mais excitada. Eu solto um gemido e ele aperta forte minha coxa.

Tae: Fique... quieta... não vai querer saber o que vai aconter... com vc se vc me desobedecer! - ele apertava minha coxa com força com aquelas mãos grandes e fortes.

S/n: E se eu an... desobedecer?! - o olho o desafiando e ele ri de ladinho

Tae: Vc vai saber! - eu tiro sua camisa e ele continuava a me provocar roçando seu membro ereto que estava quase rasgando sua calça. - Olha o que vc faz comigo?! Vc é uma garota muito levada! - eu sorrio sapeca e ouço ele tirar a sua calça,e eu passo minha mão em cima da sua ereção a apertando e ele solta um gemido de aprovação.

Ele sai de cima de mim e pega uma caixa preta que estava no chão. Eu não vejo o que havia dentro dela,então ele coloca uma venda em meus olhos,me impedindo literalmente de ver o que ele iria fazer,o mesmo prende minha mãos para trás com acho eu que algemas. Ele me senta ma cama me encostando na cabeceira logo abrindo minhas pernas e tirando minha calcinha lentamente.

Tae: Tão gostosa! - ele sussurra

Eu precisava dele,necessitava,e ele apenas me atiçava mais e mais. Sinto ele colocar duas bolinhas na minha intimidade logo ele brinca com elas dentro de mim.

S/n: A-ah T-ae... hm - ele para e eu fico brava

Tae: Quieta! - ele bate na minha coxa e tira as bolinhas de dentro de mim.

S/n: T-Tae... nosso pais!

Tae: Eles sairam,e vão demorar! Agora shhhh - sonti o mesmo colocar seus dedos na minha boca em pedido de silêncio. Eu queria toca-lo mas estava difícil com as mãos presas.

Ele coloca dois dedos em minha entrada e com o polegar estimulava meu clitóris

S/n: T-Tae... eu quero te tocar! - digo manhosa

Tae: Espere! E fique quieta por favor! - ele insere mais um dedo e eu me contorcia me agarrando nos lençóis e mordendo meu lábio inferior. Eu apenas ouvia a respiração pesada de Tae. Eu estava fazendo um grande esforço tentando fazer o que Tae desejava,mas espero que ele esteja preparado para o que EU vou fazer com ele...

Sinto uma coisa molhada e gelada em minha intimidade,pelo o que eu pensei parecia gelo. Ele passava aquela predrinha gelada em minha intimidade,estimulando mais e mais meu clitóris.

Tae: Não goze! - Solto um suspiro e o mesmo da um tapa em minha coxa que já estava dolorida. Ouço ele abrir uma embalagem que tinha um cheirinho gostoso. Logo sou preenchida de surpresa com seu membro grosso e grande,sem mais nem menos eu solto um gemido alto,e ele tira as algemas,e a venda dando a visão de seu rosto completo por prazer,com seus cabelos colados em sua testa o deixando sexy.

S/n: T-Tae... mais r-rápido! - ele me esrtocava devagar me torturando

Tae: Isso é... por vc ser uma menina muito desobediente! - ele começa a estocar rápido o mesmo mordia o lábio inferior,uma cena dos deuses!

Eu já havia chegado no meu ápice,mas ele não,então ele continuou a me estocar forte e fundo. Então eu resolvi que EU iria ficar no controle! Ficando por cima dele eu começo a tortura-lo,comecei a cavalgar em seu membro devagar e o mesmo sorri de ladinho com os olhos fechados.

Tae: M-mais rápido!

S/n: Qual a palavrinha mágica?! - falo em um sussurro em seu ouvido

Tae: P-por favor! - ele fala baixinho

S/n: Me fala em voz alta! Não ouvi! - sorrio maléfica

Tae: P-por favor minha Baby Girl! - ele sorri junto a mim e eu aumento os movimentos.

S/n: Ah...Tae! - ele pega em minha cintura ajudando nos movimentos e eu dou um selinho no mesmo.

Tae: Hm... S-s/n.

Após ele dizer isso ele chega no seu ápice e eu saio de cima do mesmo muito ofegante. Me deito do lado do mesmo e respiro fundo,o cheiro de sexo pairava no ar.

S/n: Caramba! - chego perto do mesmo que já havia retirando a camisinha do seu membro  - Vc tá mais... peculiar! - ele ri

Tae: Peculiar?! Eu sempre fui assim! Só não antes pra não assustar vc! - ele me abraça e eu deito minha cabeça em seu peito nu.

S/n: Mas saiba... - chego perto do seu ouvido - Que eu iria adorar do mesmo jeito! - sussurro e ele me beija calmamente.

Tae: Te amo! - beija minha cabeça

S/n: Também te amo muito! - beijo seu peito - Tae?! - ele resmunga um "Hm" - O que vc queria me mostrar?! - pergunto

Tae: Vc verá! Ja disse que é surpresa! - ouço sua risada nasal e eu bufo - Quer tomar banho?! - ele me olha

S/n: Sim,mas... como?! Eu mal consigo me mexer! E... eu estou dolorida. - faço cara de dor

Tae: Eu fasso massagem! Eu sei que vc vai querer! - me olha malicioso

S/n: Uhum! Tá bom mas sem safadeza! - ele assinte e sai de cima da cama e vai ao banheiro. Ouço a banheira sendo esvaziada,já que eu havia enchido-a mas não tomado banho,então provavelmente a água já estaria gelada

Depois de ums 6 minutos,vejo Tae entrar novamente no quarto,e me olha dos pés à cabeça e eu fico com vergonha já que eu estava nua.

Tae: Não prescisa ter vergonha! Não tem nada ai que eu não tenha visto! - ele sorri malicioso e me pega no colo estilo noiva me levando até a banheiro,e me colocando na banheira com água quente. Logo ele entra também.

S/n: Ai! - Gemo de dor e ele me puxa,me fazendo ficar entre as suas pernas e ele coloca a mão em minha intimidade

Tae: Me diga onde está doendo! - ele mexia os dedos em minha intimidade sem nenhum tipo de safadeza.

S/n: Aí,está doendo aí! - ele para os dedos em um só local e começa a massagear ali. Eu me encosto em seu peito ,logo fecho os olhos aproveitado a massagem...


Contínua...





Notas Finais


Tá um cu eu sei!👏😉


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...