História Imagine Kim Taehyung(V)-I hate you, but I love you. - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Seventeen
Personagens Hansol "Vernon" Chwe, Jeon Wonwoo, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Kim Mingyu, Lee Chan "Dino", Rap Monster, Soonyoung "Hoshi", Suga, V
Tags Bangtan Sonyeondan, Bts, Hoseok, Imagine Kim Taehyung, Jimin, Jin, Jungkook, Namjoon, Seventeen, Taehyung, Yoongi
Visualizações 1.834
Palavras 1.271
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Crossover, Ecchi, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiiiieee pessoas!!

BOA LEITURA!♡

Capítulo 9 - Jogo complicado


Fanfic / Fanfiction Imagine Kim Taehyung(V)-I hate you, but I love you. - Capítulo 9 - Jogo complicado

- Vai rindo da desgraça alheia, Taehyung, vai rindo aí, o mundo dá voltas e logo vai ser eu a chorar de rir da sua desgraça. - Fala Jimin e Taehyung praticamente cospe em sua cara soltando o riso. - Só hoje essa menina já chegou em mim três vezes, com ela eu não faço! 

Jimin se levanta e vai até o professor cochichando algo em seu ouvido e logo vejo que o professor trocou sua dupla.

- Pessoal, eu errei, me desculpem, recomeçando:

- Park Jimin e Park Chung-hee . - Jimin sorri aliviado.

- Byun Yang Mi e Kim Taehyung. - Yang se vira para trás batendo na mão. de Taehyung.

- S/N e Jeon Jungkook. - Sorri para Kookie e o mesmo retribue.

- ..................*o resto das duplas*


-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


O professor já tinha formado as duplas, fiquei com o Kookie, melhor ele do que Lee. A  primeira aula já tinha acabado, então o sinal toca para a segunda aula, mas em vez do professor aparecer na sala, uma voz se fez presente na pequena caixa de som no canto do teto da sala.


- Aqui quem fala é a diretora, por um imprevisto o professor de história não poderá comparecer à essa aula, então confio em vocês para que não desrespeitem as regras e possam ficar quietos em seus lugares até que a aula acabe, mandarei algum inspetor ou outro professor até a sala para supervisioná-los daqui há alguns minutos, pois o inspetor está ocupado neste momento, obrigada.


Já devem imaginar no que vai dar, não é? A sala sem supervisão... já viram a merda feita? Porque eu já. 

- Então, verdade ou desafio, junta aqui! - Grita Dong-yul, um garoto normal da sala, e todos rapidamente se animam afastando as carteiras para os lados e formando um espaço aberto no centro, onde todos sentaram em círculo. 

- Vem, S/N! - Chama Yang que estava ao lado Jungkook e com seu outro lado livre. 

- Não, podem jogar, não gosto muito. - Falo um pouco mais afastada. Fala sério, eu odeio esses jogos. 

- Ou joga todo mundo ou não joga ninguém, vem, só faltar você! - Grita Dong-yul e todos começam a reclamar da demora para começar. 

- Vai logo sua chata! - Fala Yang e eu me sento ao seu lado bufando.

- Então vamos começar! - Fala Eun-byul, outra garota aleatória da sala, colocando sua garrafa de água no meio de todos.

- Quem começa? - Pergunta Mina.

- Eu! - Fala Lee. Ela foi até a garrafa e a girou, caiu na Mina e no Jimin.

- Então, gatinho, verdade ou desafio? - Pergunta ela para Jimin com um sorriso travesso.

- Verdade. - Fala ChimChim.

- Então, é verdade que você gosta de mim? - Perguntou ela com um sorriso malicioso que me deu ânsia. 

- Não. - Ele disse um "não" tão simples que foi até engraçado, metade da sala riu, e eu estou incluída. 

- Chato, vai, gira logo essa porcaria! - Fala Mina apontando para a garrafa.

Ele foi e girou, caiu na Yang e na Lee.

- Vai, o que você quer? erdade ou desafio? - Pergunta Lee observando suas unhas. Mais fútil, impossível. 

- Desafio. - Fala Yang.

- Te desafio a trazer no meio do círculo a pessoa mais bonita aqui da escola na sua opinião, claro. - Disse Lee com um sorriso divertido, até que não foi tão ruim.

- Eu não vou fazer isso, não acho ninguém bonito aqui. - Fala Yang gaguejando em algumas palavras, agora até eu estou curiosa. 

- Ah para, está na cara que você está mentindo, vai logo, ele está aqui na sala? - Pergunta Lee.

- Não, não está, e eu não vou sair da sala para incomodar ele, então me deixem! - Fala Yang Mi cruzando os braços.

- Você aceitou brincar, então vai logo e para de graça! - Fala Lee aumentando a voz.

- Não precisa gritar, ninguém aqui é surdo! - Falo.

- Me deixa, garota! - Fala Lee.

- Está bem, eu vou, podem parar de gritar! - Fala Yang se levantando e saindo da sala. Confesso que eu estava curiosa em saber quem Yang Mi acha bonito. 

Alguns minutos depois ela volta e quem está com ela? Quem? Ela esta arrastando Yoongi para o meio do círculo.

Não fiquei muito surpresa, eu já sabia que Yang tinha uma quedinha por ele, ela não admitia mas tinha.

- Pronto, satisfeita? - Pergunta Yang bufando.

- Hum, então, quem é ele? - Chan Sun pergunta visivelmente interessada e Yang a ignorou. 

- O que eu estou fazendo aqui? - Pergunta Yoongi com uma expressão confusa. 

- Desculpa, Yoongi, eles me obrigaram! - Fala Yang.

- Tudo bem, não façam isso de novo, eu estava pegando no sono, querem que eu pegue minha AK-47? Certamente levarei bronca por sair da sala do nada. -  Fala Yoongi em um tom sério. Ele não teria uma AK-47... ou teria?

- Você tem uma AK-47...? quer dizer, desculpa, Yoongi. - Fala Yang de cabeça baixa.

- Tudo bem. - Ele suspira de olhos fechados. - Só não faça mais o que eles pedem! - Fala Yoongi levantando a cabeça de Yang Mi que na hora suas bochechas ficam rosadas e um bico pequeno se forma em seus lábios. 

- Então tchau! - Fala Yoongi saindo da sala.

- Pronto, já me fizeram passar vergonha, agora vamos continuar! -  Fala Yang Mi girando a garrafa. Caiu no Tae e em mim. Ok, estava tudo tranquilo até agora, e assim vai continuar. 

- Bom, S/N , verdade ou desaf...

- Desafio!

- Calma! - Fala ele rindo. - Então te desafio a.... - Ele estava pensando muito. - Vou ser bonzinho, somente aponte para o garoto mais confiável daqui.

- Ah, só isso! Que chato! - Reclama Kwan fazendo careta.

- Daqui da sala? - Pergunto.

- Sim. - Taehyung responde. 

- Ok, não sou muito próxima aos meninos, mas o que mais durou uma conversa foi você. - Dou de ombros e a ponto para Taehyung. 

- Eu sou confiável também! - Jimin se pronuncia. 

- Eu também! - Metade dos garotos da turma falam juntos. 

- Ok, vimos que sou o mais confiável, prosseguindo... - Fala Tae e todos ccomeçaram a resmungar entre eles.

Tae foi e girou a garrafa, caiu em Lee e em mim. Sabe agulha? Então, não passava naquele lugar de jeito nenhum. 

- Verdede ou desafio? - Perguntou Lee me olhando nos olhos.

- Verdade. - Falo rápido.

- É verdade que você já foi traída pelo "amor" da sua vida? - Sorri maldosa. Vagabunda. - Ah esqueci, você nem ama a si mesma, então quem mais vai amar, não é mesmo pessoal? É claro que é! 

Eu fiquei paralisada, não pelo comentário desnecessário, mas sim por ela saber disso, somente Yang e minha mãe sabem. Meu Deus do céu. 

 - Quer saber? Tchau. - Suspiro me levantando. - Você é tão desnecessária, Lee. - A encaro com seu sorriso convencido. Saio da sala em passos lentos. 

Fui até o jardim, na mesma árvore do outro dia, me sentei, dobrei minhas pernas e escorei minha testa em meus joelhos. Minha calcinha estaria aparecendo? Provavelmente, porém cerco minhas coxas as meus braços, tampando qualquer coisa.

Lee não me deixou triste ou algo do tipo, eu só estou cansada, o que ela não sabe é que eu realmente não ligo para nada que vem dela. Mas ela me lembrou dele, aquele idiota. Quanto tempo não o vejo, o bom é que não ligo para qualquer sentimento de ódio ou rancor que me vem em relação a ele, eu simplesmente deixo quieto. 

Eu estava lá com a cabeça em meu joelho, até que sinto alguém me abraçar, já sabia quem era, seu cheiro era impossível de não reconhecer...





CONTINUA...













Notas Finais


Espero que tenham gostado, desculpe qualquer erro ortográfico!
ATÉEEE!!
BJÃO♥♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...