1. Spirit Fanfics >
  2. Imagine Tamaki Amajiki - Amizade? >
  3. Capítulo único.

História Imagine Tamaki Amajiki - Amizade? - Capítulo 1


Escrita por: Apaixonada_Por_Animes

Capítulo 1 - Capítulo único.


"Eu quero ir para casa."

“Amajiki, você é tão fofo,” você riu às "custas" dele. Ele estava atualmente tentando fundir sua testa com a parede, e esperava que o resto dele o seguisse para que ele simplesmente não precisasse existir. Sim, algo assim. Então ele não teria que estar aqui nesta sala de aula, nesta situação. Com você .

Ele podia sentir sua energia feliz atrás dele como uma fogueira, fazendo-o encolher com as sombras bruxuleantes. Ele se sentiu mal do estômago, sentiu calor e sua cabeça estava vazia e leve. O pior de tudo foi a estranha vibração de seu coração. Corações não deveriam fazer isso, certo? Não era uma condição médica ou algo assim?

“Você não pode ficar olhando para a parede para sempre, Amajiki,” você o provocou, fazendo-o se encolher e achatar mais o corpo contra a parede. Eram só vocês dois na sala de aula vazia, levando-o do refeitório para almoçar com ele. Ele não tinha ideia de por que você iria querer almoçar  com ele . E se você estivesse tentando matá-lo? Eliminar a competição mais cedo?

“Tamaki ~” Você murmurou o nome dele tão docentemente quanto pode.

Sim, definitivamente tentando matá-lo.

“Não consigo olhar para você, sua personalidade cega demais”, resmungou ele timidamente, olhando para o chão. Desde que ele foi apresentado à classe do primeiro ano, você começou a fazer sua presença conhecida. Você tinha um amigo na classe 1-A, você sendo do segundo ano, então é claro que você teve que conhecer um dos famosos membros da “Big three”. Você queria conhecê-los, em vez de saber sobre eles. E depois de conhecer Tamaki Amajiki pela primeira vez, você não pode negar o quão adorável ele era.

Ele era um menino precioso e você queria amá-lo e protegê-lo, mesmo enquanto ele tremia como um cachorrinho assustado na sua frente.

Você sabia que, no fundo, ele não te odiava. Você deu a ele inúmeras oportunidades de escapar, tanto agora como no passado. Tudo que ele precisava fazer era pedir que você parasse, mas ele nunca o fez. Mirio também informou que Tamaki “pode ou não falar de você constantemente”. Todas as coisas boas, ele assegurou.

Mas Tamaki estava além de tímido, então você precisaria dar o primeiro passo. E o segundo... E o terceiro..  tenha paciência com ele. Irá valer a pena.

“Por que você sempre quer ir para casa, Tamaki? Você não conhece aquele ditado sobre o lar ser onde está o coração? " Ele praticamente podia sentir o seu sorriso na nuca, fazendo seu corpo tremer e seu coração bater contra o peito. Ele se sentia como se estivesse sufocando. A sala sempre foi tão abafada?

"O que há de errado?"

“O seu coração não está nas suas aulas? Em se tornar um herói profissional? ”

O garoto de cabelo azul marinho profundo refletiu sobre as palavras em sua cabeça. Claro que ele queria ser um herói profissional, quem não queria? Mas essa não era a única coisa que ele desejava. Havia muito o que desejar quando você tinha medo de sua própria sombra, uma sombra criada pelo sol ardente de um amigo próximo.

“Essa não é a única coisa”, ele murmurou baixinho para si mesmo, pensando em todas as coisas que ansiava. E em algum lugar desses pensamentos, uma imagem de seu rosto sorridente apareceu em sua mente. Ele respirou fundo e segurou, o pânico crescendo em seu corpo.

"O que mais então?" você perguntou inocentemente, inclinando-se para o terceiro ano assustado. Ele balançou a cabeça contra a parede vigorosamente.

“P-Por favor,  Para,” ele pediu na mesma voz calma. Você mal ouviu, mas quando o fez, uma pontada de culpa puxou você à uma sensação desconfortável. Você levou as coisas longe demais? Você leu muito as palavras de Mirio? De qualquer maneira, você respeitaria os desejos do seu colega.

"OK. Estarei no refeitório então se ... “

Você quase caiu quando o garoto curvado de repente deu uma volta de 180º, virando-se para encará-la. Sua cabeça estava inclinada para baixo, mechas escuras atuando como uma cortina para seu rosto. Você podia ver vagamente uma cor rosa brilhante saindo de suas orelhas. Você estava prestes a perguntar o que ele estava fazendo quando, de repente, ele deu um passo à frente, envolvendo os braços em volta da sua cintura com força.



Espere.

Isso estava realmente acontecendo agora !?

Um rubor violento cobriu seu rosto e pescoço enquanto o rosto de Tamaki se enterrava na clavícula de seu uniforme escolar. Seu corpo estava tenso, tremia. O aperto nas costas de sua jaqueta o surpreendeu, a pressão de seu rosto em seu peito a fez prender a respiração.

“O que-“

“Quieta. Estou seguindo seu conselho, ”ele murmurou nervosamente. Seu coração quase derreteu com a aparência adorável dele. Ele queria ficar bravo, mas ele ainda estava normal, nervoso.

Você não precisava dele para explicar nada de qualquer maneira. Suas ações falaram muito por si mesmas. Então, você voltou a segurá-lo, abraçando seu pescoço. Uma sensação de facilidade tomou conta de você quando o tremor dele diminuiu.

Ele deixou escapar um pequeno suspiro de alívio.

(…)

Mas uma coisa o incomodou.

“Hum, podemos reorganizar de forma diferente? Seu rosto está realmente perto do meu “

“ C-Certo! ”


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...