1. Spirit Fanfics >
  2. Imagine TWICE. >
  3. Uma forma peculiar de se conhecerem.

História Imagine TWICE. - Capítulo 2


Escrita por:


Capítulo 2 - Uma forma peculiar de se conhecerem.


O pôr do sol acontecia, voltávamos a casa, tínhamos espalhando os cartazes, sobram somente alguns, estávamos voltando da editora de Minatozaki após entregamos o manuscrito, estávamos de mãos dadas.

— Sobre o quê é seu manuscrito? — ti fiz a questão, lhe olhando curiosamente, apesar de ter uma certa noção do que poderia ser, eu desconfiava que desta vez era diferente, ela se dedicou muito nele, virou noites simplesmente nisso, parecia realmente empenhada.

— Desta vez não é erótico, infelizmente. — explica, olhando em meus olhos, como normalmente sempre fazia, não éramos apenas “amigas”, às vezes íamos além, mais nunca falávamos sobre isso no dia seguinte, era como se não fosse importante, apesar de eu discordar disso. — Tive de fazer algo fora da minha realidade, como você, a diferença do meu caso é o seu, é que o meu é sobre o traços dos desenhos. — dizia desanimadamente, Sana odiava mudanças, principalmente aquelas lhe prejudicava. — Eles querem algo aventureiro, com a ação, e não personagens sensuais.

Antes que pudesse lhe dizer algum conselho que vi na TV, ou em outro lugar sobre sua situação, fomos derrubadas, atropelas para ser exata por uma bicicleta.

— Minha cabeça. — a pessoa por quem fomos atropeladas disse com as mãos na região onde provavelmente doía, e choramingava, ela abre os olhos lentamente, sua expressão faciais pareciam de supresa. — Não acredito, estou no céu, estou vendo anjos.

— Não seja cara de pau, Im. — ouvimos alguém dizer atrás da garota de dentinhos de coelho, que pelo jeito se chamava Im, ela estava num bicicleta e olhava para a gente com preocupação nítida, seus olhos e suas expressões faciais diziam claramente isso. — Vocês estão bem? — desce da bicicleta e a encostando no poste, ajudando a gente a se levantar. — Desculpe, essa garota, não presta atenção por onde anda.

— Estamos bem. — disse Minatozaki, assim que estávamos de pé. — Menos meu joelho. — tentava andar, mais seu joelho doía, o que a fazia andar com dificuldade. — Ela está bem? — perguntou ainda olhando para a garota que agora estava deitada no chão, e choramingava fazendo drama, dizendo que havia tido um traumatismo craniano.

— Está sim, ela apenas é dramática demais, além de que ela fez teatro. — fez a explicação olhando com desdém para Im, que rolava de uma lado para o outro com as mãos na cabeça, e lágrimas desciam pelo seu rostinho, devo admitir ela é uma atriz e tanto. — Vocês estão realmente bem? — fez a questão novamente com preocupação, enquanto colocava a outra garota de pé, conferindo se ela não havia se machucado. — Se não fosse pelo sermão que eu estava dando nela, talvez este atropelamento não teria acontecido.

— Foi só um cochilo, não foi nada demais. — Im voltou a si e resmungado assim que provavelmente se lembrou do sermão, mais voltou se olhar para a gente, que a olhávamos curiosamente, mais especificamente para os cartazes que Sana recolhia no chão com dificuldade. — O que são estes cartazes? — fez a questão com curiosidade, lhe olhei com estranheza, nem parecia que estava rolando de um lado para o outro como uma criança.

— É somente alguns cartazes que estávamos espalhando pela cidade, querem ver? — ajudo Minatozaki a recolher os restantes, e entregando um cartazes para elas. Vi que seus olhos se arregalaram, e se olharam como se quisesse ter a confirmação de virão no cartaz.  — O que foi? — lhes fiz a questão querendo entendê-las.

— Era o que estávamos precisando. — disse a garota de cabelo até os ombros, que até agora não sabíamos o nome, ela era bastante linda, na verdade as duas eram realmente lindas, perdi meu olhar nelas até ter sido tirada de meus pensamentos por uma cotovelada de Sana, encolhi envergonhada. — Tá... — disse olhando a gente estranho devido a cotovelada. — Voltando o que eu dizia, estávamos precisando alugar um apartamento, só que não estávamos achando, e finalmente.

— Sei que eu atropelei vocês, mais, podemos dar uma olhada no apartamento de vocês amanhã, estamos realmente precisando disso. — pediu Im, entrelaçando suas mãos, e fazendo sua melhor cara de gato de botas.

— Tudo bem. — Sana de pronunciou, sorrindo simpaticamente, e entrelaçado sua mão com a minha. — Amanhã então, o endereço está no cartaz, precisamos ir, está anoitecendo, preciso terminar um projeto meu, estou atrasada para a entrega. — provavelmente outro projeto.

— Tá bom, a gente se ver amanhã. — Im sobe em cima de sua bicicleta e começa a pedalar, olhando para atrás ao invés de ser para frente. — Tchau. — acenou para a gente que retribuímos o ato.

— Nayeon, se você atropelar outras pessoas não serei responsável pelos meus atos. — a outra subiu sobre sua bicicleta e começou a pedalar rapidamente até a Im aumento a velocidade de suas pedalas.

— Elas parecem legais, espero que gostem da casa. — comenta Sana apoiando em mim para que pudéssemos voltar nosso caminho para ir para a casa, faltava poucos minutos para chegamos.

— É realmente, além de que foi uma bela forma de a gente se conhecer. — digo indicando seu joelho com a cabeça, sorrindo divertidamente.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...