História Imagines Aleatórios (Grupo: Ateez) - Capítulo 12


Escrita por:

Postado
Categorias ATEEZ
Personagens Hongjoong, Jongho, Mingi, Personagens Originais, San, Seonghwa, Wooyoung, Yeosang, Yunho
Tags Ateez, Choijongho, Choisan, Imagine, Imagineateez, Jeongyunho, Jungwooyoung, Kangyeosang, Kimhongjoong, Parkseonghwa, Songmingi
Visualizações 126
Palavras 677
Terminada Não
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 12 - IMAGINE : JEONG YUNHO (acidente)


Yunho havia sofrido um acidente em um dos ensaios de dança que ele estava fazendo sozinho.


Ele escorregou e acabou machucando um pouco a coluna e com isso o médico disse para que ele usasse uma cadeira de rodas por alguns dias, o impossibilitando de andar.


Desde quando Yunho machucou, eu não o via mais sorrir ou qualquer coisa do tipo.


Então eu resolvi fazer uma surpresa para o mesmo junto com os meninos.


Levamos Yunho para um piquenique e fizemos várias coisas depois.


Yunho havia ficado muito feliz aquele dia, mas algo me dizia que ele ainda estava incomodado com alguma coisa.


- Amor... /Chamo Yunho que estava indo para a cozinha.


Yunho - Huh? Oque foi?


- Você está bem?/Assim que chego na cozinha, vejo que Yunho estava tentando pegar algo em uma prateleira, mas como estava muito alto eu tentei lhe ajudar.


Yunho - Y/n eu não preciso da sua ajuda, ok? / Yunho diz de forma rude.


- Mas Yunho eu só quero te ajudar, qual o problema?!


Yunho - O problema foi eu ter ficado assim...


- Mas Yunho o médico disse que isso não é para sempre, você irá ficar assim apenas por alguns dias... 


Yunho - Mas esses dias estão sendo torturantes.


- Porque?


Yunho - Porque assim eu me sinto incapaz de ter fazer feliz... 


- Que maluquice é essa Yunho? Nem se você quisesse me fazer infeliz você iria conseguir. Você foi o primeiro cara que eu conheci que fez com que eu me sentisse a garota mais especial desse mundo, e eu sou muito grata por isso, e eu te amo andando ou não andando e eu não vou te abandonar por isso...Nem se você ficasse assim para o resto da vida.


Me senti triste por ouvir aquilo de Yunho, já que ele era um cara bem confiante de si mesmo.


Yunho - Eu posso ter feito você se sentir a garota mais especial desse mundo, mas mesmo assim você pode parar de sentir amor por mim.


- Yunho você pensa que eu sou que tipo de garota? 


Yunho apenas abaixa a cabeça, mas eu pego em seu queixo o levantando para me olhar.


- Yunho eu te conheci ainda quando a gente estudava e te amo até hoje... Eu não sou uma garota que tá com você por dinheiro ou seja lá oque você acha, eu estou com você porque eu te amo, será que é tão difícil assim entender.


Yunho - Olha y/n... Me desculpa é que isso nunca aconteceu comigo, tenho medo de que você não aguente ficar ao meu lado por causa disso...


- Esqueça isso Yunho, isso nunca vai acontecer, ok?


Yunho e eu já estávamos com lágrimas nos olhos pela nossa conversa.


Yunho e eu fomos para o quarto para dormirmos já que estava muito tarde e amanhã Yunho teria que ir ao médico.


(DIA SEGUINTE)


Yunho e eu já estávamos no médico esperando para sermos chamados.


- Vai dar tudo certo ok?


Yunho da um leve aperto em minha mão e logo a enfermeira vem nos chamar.


Enfermeira - Já podem entrar.


Então assim fizemos.


Dr. - Bom Yunho vamos ver como você está ok?


O Dr. ajudou Yunho a se levantar e logo Yunho conseguiu dar uma volta toda na sala do médico sem precisar ajuda.


Dr. - Bom parece que apenas duas semanas de cadeira de rodas já te ajudou o bastante, você não precisar voltar a usá-las.


Yunho - Ah obrigado Dr. obrigado mesmo.


Assim que saímos, Yunho resolveu passar em um parque para conversarmos um pouco.


Yunho - Ah eu estou tão feliz... Me desculpe por ontem eu estava meio incomodado com a cadeira e tudo mais.


- Tudo bem meu amor, não se preocupe.


Yunho - Ah eu tive uma ideia meu anjo....


Yunho me olha de lado e sorri malicioso.


- Lá vem.... Qual a sua ideia?


Yunho - Que tal voltarmos para casa para que eu possa te recompensar por ter me ajudado todo esse tempo?


- Huh... É uma ótima ideia amor.


Yunho e eu sorrimos e fomos para casa




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...