História Imagines de kpop - Capítulo 6


Escrita por: e CaahT

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO, Lee Jun Ki, Monsta X, Pentagon (PTG)
Personagens Baekhyun, Chen, D.O, E'Dawn, I'M, Jeon Jungkook (Jungkook), Joo Heon, Kai, Ki Hyun, Kim Namjoon (RM), Lee Jun Ki, Min Yoongi (Suga), Minhyuk, Park Jimin (Jimin), Sehun, Show Nu, Suho, Won Ho
Tags Bts, Exo, Monsta X, Pentagon
Visualizações 261
Palavras 886
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção Adolescente, Fluffy, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


➡ História curta.
➡ Personagem Kim Namjoon.
➡ Edito erros depois.

Capítulo 6 - BTS- RM


Fanfic / Fanfiction Imagines de kpop - Capítulo 6 - BTS- RM

[POV] Kim Namjoon

Enquanto discutíamos sobre qual lugar ir primeiro, Jimin conversava com Yoongi animadamente, claro, do jeito dele. Jungkook dava dicas de lugares realmente bons, porém Seokjin discordava de todos.

Jungkook- Eu falei que ia ser uma má ideia convidar o Jin hyung para vir junto...- resmungou revirando os olhos. O mais novo falava assim, mas adorava a companhia do seu hyung. -  mesmo se não gostasse, meu @, minhas regras.

Me levantei do banco, peguei minha mochila e procurei pelo celular que tocava dentro dela. 

Nam- Mãe?! - atendi o celular. Meus amigos ficaram em redor para entender também. A ligação estava péssima.

Mãe- Venha...pra...casa...as...urgente! 

Nam- Quer que eu compre cachorro quente??? - Yoongi do meu lado me olhou com a expressão de "O que você está falando?!".

Mãe- Eu quero é...

Nam- Desculpa mãe! - desliguei a chamada e guardei meu celular.

Jin- Que tal ir festa do Wonnie? - disse com um tom divertido. - vai ser daqui 4 horas.

V- Vai ter comida? Eu topo! - disse enquanto jogava alguns amendoins na sua boca.

Yoongi- Se tiver um sofá pra dar um cochilo...

Hobi- Por mim tudo bem.

Jin- E aí Nam? Vamos no centro comprsr algumas coisas? - anéis para nosso casamento bebê?

Nam- Claro! Por mim tudo bem...

[...]

O som da festa estava muito alto e nós nem havíamos chegado no local ainda. De longe conseguíamos ouvir pessoas gritando, festejando. Hobi,Jimin e Kook iam pelo caminho dançando. Jin não saía do celular, toda hora checava algo, talvez estivesse esperando por uma notificação específica.

Chegamos na casa e Wonnie veio nos ver imediatamente. V correu para as batatas e refrigerantes, Yoongi revirou o lugar com os olhos para encontrar um sofá e quando achou seguiu reto e se tacou em cima. Kook e Jimin dançavam em sincronia e se divertiam muito, ao contrário de mim que estava bebendo num cantinho bem quieto vendo o cara que gosto mexer no celular e dar sorrisos bobos. 

Resolvi tomar coragem e ir falar com ele. Jin não havia notado minha presença e pude olhar com quem conversava. Ken. - aaah esse cara maldito não saí do pé do meu homem! - Tomei todo o líquido do copo e logo bati o copo na mesa ao lado dele chamando sua atenção.

Jin- Nam? - sorriu desligando o celular.

Nam- E quem mais seria? - joguei um olhar debochado. - Você nos convidou pra nada? Você não se diverte e...- fiquei quieto ao ver Ken entrar pela porta da frente. - Claro! Entendi tudo.

Jin- Nam, eu só - o interrompi.

Nam- Não, nada! Esquece Seokjin...- subi as escadas indo para o banheiro de cima. 

Joguei uma água na cara e me olhei no espelho.- Lixo! É isso que você é! Um lixo! - fiquei um tempo sentado no vaso, peguei meu celular para ver as redes sociais. Quando vi que não tonha nada de interessante desliguei o aparelho. 

Ao me levantar fiquei em silêncio, pois ouvi brigas do outro cômodo. Saí do banheiro e vi uma porta meio aberta, me controlei para não me intrometer. - Namjoon nem pense nisso! - uma garota gritou alto, mas a música atrapalhava. - Aaah!

Acabei vendo um cara partindo para cima da garota e acertando um tapa em seu rosto. Ela caiu na cama, seu rosto estava vermelho devido ao tapa.

Nam- Yá! - o garoto me olhou e eu acertei um soco em seu rosto, logo ele se levantou meio tonto, devia ter bebido. Acertei um tapa forte em seu rosto e ouvi ele reclamar.

???- Para! Isso dói muito! - passou a mão no lugar em que eu havia acertado o tapa.

Nam- Sim! Doi não é mesmo? E por que fez o mesmo com uma garota? - gritei. - saia daqui antes que eu te jogue dessa janela. - o cara saiu se segurando nas coisas, ne virei para garota e fui até ela. - Calma, não vou te fazer nada.

S/n- Nam...? - perguntou passando as mãos em seu rosto para secar devido as lágrimas.

Nam- Sim? Você me conhece?

S/n- Eu estudei com você desde o segundo ano. - sorriu tímida. Logo lembrei dela, mas ela estava diferente. Estava linda, muito linda. Não que ela não fosse antes, mas Seokjin era o único por quem eu era apaixonado.

Nam- A sim! S/n né? Woah! Você está linda. - passei o dedo tirando o borrado de rímel que havia no seu rosto. - quer um abraço? 

S/n- E-eu...- a abracei e senti lágrimas molharem minha camisa.

Jin- Namjoon? - Jin apareceu na porta do quarto junto com Ken. 

Nam- Ah Jin! Eu estava aqui com a S/n e...- fiquei sem palavras. 

Ken- Venha Amor! Eu quero beber mais um pouco. - puxou Jin pelo braço.

S/n- Você gosta dele? - perguntou fechando a porta do quarto.

Nam- Estou confuso no momento...- ri fraco. 

S/n- Obrigada por ter me salvado daquele idiota. Meu irmão trás cada pessoa aqui...

Nam- Foi nada. Você é irmã do Hyungwon? 

S/n- Não de sangue. Meu pai se casou com a mãe dele então...é só isso. - se sentou do meu lado na cama. 

Nam- Entendo, vocês não se dão muito bem, certo?

S/n- Infelizmente não.

Nam- Bom, eu vou indo e boa sorte com seu irmão que trás idiotas para cá! 

S/n- Nam? - me virei natez de abrir a porta. - algo me diz que esse Jin te ama muito. - sorri de lado e assenti com a cabeça.







Notas Finais


➡ História terminada.
➡ Até o próximo capítulo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...