História Imagines Kpop - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias 24K, 2AM, 2NE1, 2PM, 4Minute, A.C.E, After School, Agust D / Suga, Ailee, Akdong Musician (AKMU), AlphaBAT, AOA, Apink, April, ASTRO, B.A.P, B.I.G (Boys In Groove), B1A4, Bang Sung Joon, Bang Yong Gook, Bangtan Boys (BTS), BEAST (B2ST), BESTie, Bi Rain, Big Bang, BigFlo, BIGSTAR, Black Pink, BLANC7, Block B, BoA, Boyfriend, Boys Republic, Brave Girls, Brown Eyed Girls, BtoB, C-Clown, CL (Chaelin Lee), CNBlue, Cosmic Girls (WJSN), Crayon Pop, Cross Gene, CrystaL Clear (CLC), D.I.P, DaeSung, DAY6, DEAN, DIA (Do It Amazing), Epik High, EXID, EXO, F(x), GD & TOP, G-Dragon, G-Friend, GIRIBOY, Girl's Day, Girls' Generation, GLAM, Got7, H.O.T., Hello Venus, Huang Zitao "Z.Tao", Hyorin, HyunA, I.O.I, IKON, IMFACT, Infinite, IU, Jay Park, JYJ, K.A.R.D, K.Will, Kara, Kim Nam-joon / Rap Monster, KNK, Kris Wu, Lee Hi, Lee Hyori, Lee Min Ho, Lu Han, Mamamoo, MAP6, MASC, Miss A, Monsta X
Personagens 26, Ace, Ailee, Alice, Amber Liu, B.I, B.M, B:eta, Baekhyun, BamBam, Bang Sung Joon, Bang Yong Gook, Bang Yongguk, Baram, Baro, B-Bomb, Bekah, Benji, BoA Know, Bobby, Bon, Bona, ByungHo, C:ode, Casper, Chae Yeon, Chaekyung, Chaewon, Chan, Changsub, Changsun, Chanmi, Chansung, Chanwoo, Chanyeol, Chen, Cheng Xiao, Choa, Choa, Choi Yoo-jung, Cl, CNU, Cory, D.L, D.O, D:elta, Dabin, Daehyun, DaeIl, DaeSung, Dahee, Dahye, Dawon, Dayoung, DEAN, DJ Tukutz, D-Lite (Daesung), Donghun, Donghyuk, Donghyun, Dongwoo, Dowoon, E:psilon, Elkie, Ellin, Eun Chae, Eun Jin, Eunbin, Eunha, Eunice, Eunkwang, Eunseo, Eunwoo, Eun-young, Exy, E-Young, F:ie, Feeldog, Fei, G:amma, Ga In, Ga Yoon, G-Dragon, Geummi, GIRIBOY, Gongchan, Gunmin, Gyuri, H:eta, Haeryung, Hani, Hara, Heedo, Heejae, Heo Young-ji, Hero Jaejoong, HighTop, Himchan, Hong Yoo-kyung, Hongseob, Hoya, Huang Zitao "Z.Tao", Hui, Hui Hyeon, Hwasa, Hyejeong, Hyeong Seong, Hyeran, Hyeri, Hyerin, Hyeyeon, Hyoryn, Hyoyeon, Hyun A, HyunA, Hyung Won, Hyunjoo, Hyunseong, Hyunsik, I:ota, Ilhoon, I'M, J.Jun, J.Seph, J.Vin, J:eta, Jackson, Jae, Jaehyo, Jang Hyun-seung, Jang Woo-hyuk, Jason, Jay Park, JB, Jea, Jean Paul, Jennie, Jenny, Jeon So-mi, Jeong In-seong, Jeong Jinwoon, Jeongmin, Jeonguk, Jessica, Jeup, J-Hoon, J-hope, Ji Hyun, Ji Yoon, Jia, Jian, Jimin, Jimin, Jin, Jinhong, Jinhwan, Jinjin, Jinsol, Jinyoung, Jinyoung, Jisoo, Jiwoo, Jiyoung, Jo Kwon, Jongup, Joo Heon, JooYeon, Jude, Jun, Jung Chae-yeon, Jung Eun-ji, Jung Kyun, Jung Yong Hwa, Jung-Ah, Junghwa, Jungkook, Junho, Junhoe, Junhyeok, Junsu, K.Will, Ka-Eun, Kahi, Kai, Kang Jun, Kang Min Hyuk, Kang Mi-na, Kangta, Ki Hyun, Kim Chung-ha, Kim Do-yeon, Kim Ji-hun, Kim Nam-joo, Kim Se-jeong, Kim So-hye, Kim You-jin, Kisu, K-Kid, Kris Wu, Krystal Jung, Kwangmin, Kwon Kwang-jin, Kyung, Lay, LE, Lee Chaelin "CL", Lee Changmin, Lee Chan-hyuk, Lee Hi, Lee Hyori, Lee Jae-won, Lee Ji-eun "IU", Lee Jong Hyun, Lee Jung Shin, Lee Ki Kwang, Lee Min Ho, Lee Seyoung, Lee Soo-hyun, Lim Na-young, Lim Seulong, Lime, Lisa, Lizzy, Lu Han, Luda, Luna Parker, Mark, Maru, Mei Qi, Min, Min Hyuk, Mina, Minah, Minhyuk, Minhyuk, Minji, Minpyo, Minsu, Minwoo, Miryo, Miso, Mithra Jin, MJ, Moon Hee-joon, Moonbin, Moonbyul, Myungsoo (L), Naeun, Nana, Nara, Narsha, Nichkhun, Nicole, Oh Ha-young, Oh Hee-jun, Onejunn, P.O., Park Bom, Park Cho-rong, Park Jiyeon, Park Seung-jun, Park Yoochun, Peniel, Personagens Originais, Rachel, Raehwan, Rain, Raina, Rap Monster, Ray, Rocky, Rome, Ron, Rosé, Sandara Park, Sandeul, Sang, Sangmin, Sanha, Sehun, SeoA, Seohyun, SeokJun, Seola, Seolhyun, SeoYoung, Seung Ho, Seunghee, Seungri, Seungyeon, Seungyeon, Shin Won-ho, Shinwoo, Show Nu, Sign, SinB, Siwoo, So Hyun, Sojin, Solar, Solji, Somin, Son Dong Woon, Son Na-eun, Soo Min, Soobin, Sooyoung, Sorn, Sowon, Soyul, Spax, Su Han, Suga, Suho, Sulli Choi, Sun, Sunggyu, Sunghak, Sungjae, Sungjin, Sungjong, Sungjun, SungOh, Sungyeol, Sunny, Suwoong, Suzy, T.K., T.O.P, Tablo, Taecyeon, Taeho, Taeil, Taeyang, Taeyeon, Taichi, Tao, Teno, Terada Takuya, Tiffany, Tony An, Trinity, U Hyeong, Uee, UJi, U-Kwon, Umji, Ungjae, V, Victoria Song, Way, Wheein, Won Ho, Wonpil, Woohyun, Woosoo, Wooyoung, Wow, Xiah Junsu, Xiumin, Xuan Yi, Yang Yo Seob, Ye Bin, Yeeun, Yejin, Yena, Yeonjung, Yeoreum, Yeoreum, Yerin, Yong Jun Hyung, Yongseok, Yoojin, Yoojin, Yoon Bo-mi, Yoon Doo Joon, Yoona, Yooyoung, Youkyung, Young K, Youngjae, Youngjae, Youngmin, Yu Seong, Yu Yeon-jung, Yugyeom, Yuju, Yuna, Yunhyeong, Yura, Yuri, Zelo, Zhou Jieqiong, Zico, Zinni, Z-Uk
Tags Imagine, Imagines, Kpop Imagine, Sexo
Visualizações 305
Palavras 1.698
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishoujo, Bishounen, Crossover, Ecchi, Esporte, Famí­lia, FemmeSlash, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Fluffy, Harem, Hentai, Lemon, Literatura Feminina, Magia, Mistério, Misticismo, Musical (Songfic), Orange, Policial, Romance e Novela, Saga, Sci-Fi, Seinen, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Shounen, Survival, Universo Alternativo, Violência, Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Necrofilia, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Self Inserction, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Atrasadissimia, porém estamos aqui, né meus amorecos.
Enfim, como estão? Tô postando tarde, mas espero que gostem do capítulo.
Por favor, comente o que vcs acharam e o que vcs acham que tem que melhorar.

Nos vemos nas notas finais.

Capítulo 3 - Privacy (Wonho - Daddy kink)


Fanfic / Fanfiction Imagines Kpop - Capítulo 3 - Privacy (Wonho - Daddy kink)

A faculdade, aquela pequena parte da nossa vida que eu amo chamar de inferno, ainda mais em época de provas. Digamos que todo o pouco tempo que eu tenho, diminui em cem por cento.

Digamos que isso não seria um problema se eu não tivesse "compromissos".

Quando eu vim para a Coreia não foi nada fácil, eu tinha problemas com as minhas contas, que pareciam se tornar cada vez maiores; eu não tinha dinheiro para as mensalidades da faculdade e os devidos materiais que era necessário, apostilas, livros e afins. Mas digamos que a minha vida deu uma virada quando uma amiga disse que tinha o que eu precisava: um sugar daddy. Eu mentiria se dissesse que aceitei de bom grado logo de início, na verdade eu nunca na minha vida quis depender de alguém, ainda mais o fato de eu me sentir uma prostituta por ficar com alguém que pagava as minhas contas, mas foi apenas conhecer Hoseok para que as minhas dúvidas se sanassem por completo.

Shin Hoseok é um CEO muito importante, sua empresa de cosméticos estava crescendo na Coreia quando nos conhecemos e atualmente ela é uma das mais importantes empresas nesse ramo, ficando sempre entre as três primeiras posições no ranking de desempenho nacional e nunca sai do top dez no ranking mundial.

Quando nos conhecemos ele fez questão de me dizer que eu não seria apenas uma pessoa para ele transar e acrescentou que seria um prazer me ajudar com a faculdade. Nós começamos como namoradinhos e temos essa relação meio "daddy kink".

Porém como eu disse, a faculdade está tomando todo o meu tempo e Hoseok é um tanto carente e nesses dias ele vem me cobrando muito mais a atenção. Eu sei que é de certo modo "perigoso" eu ficar ignorando as mensagens e ligações dele mas é extremamente necessário, eu sei que se eu trocar algumas mensagens ou deixar que ele me ligue, ele com certeza vai virar a minha cabeça para que tenhamos uma noite de sexo. E eu não consigo dizer não aos pedidos de Hoseok.


ㅇㅈㅇ


Seokkie: Vc tem literalmente cinco segundos para abrir a porta.

Seokkie: estou entrando no elevador.


Merda.

Eu sabia o que isso significava, quem não sabia, não é mesmo? Eu estava negligenciando meu relacionamento com o Hoseok, estava a mais de uma semana sem fazer sexo com ele e nesse mesmo período eu apenas saciava a minha vontade de tê-lo dentro de mim com alguns brinquedinhos ou apenas ignorava o desejo que subia as minhas pernas sempre que eu o imaginava nu diante de mim.


Me: Eu estou estudando, amor.

Me: Você sabe que eu tenho dificuldades com cálculo.

Me: por favor, venha semana que vem.

Seokkie: 4

Me: Hoseok, por favor.

Seokkie: 3

Seokkie: 2


Ah, o infeliz sabe que eu quero tanto quanto ele.

OK, apena uma rapidinha não fará mal a ninguém.

— Pensei que estava tentando estudar. — Ele disse quando chegou a porta, ela estava aberta esperando por ele.

Eu usava apenas uma blusa um pouco grande de mais para mim, com uma estampa do homem de ferro, e um short curto. Hoseok estava com o paletó em mãos e a camisa social rosa bebê estava com os três primeiros botões abertos, ele tirou o sapato logo fechando a porta com o pé. Carregava sacolas de compras nas mãos, elas eram negras e sem nenhum escrito.

— Você poderia arrombar a porta se ela não estivesse aberta. — Digo divertida e ele sorri.

— Estava com saudades, baby. — Selou meus lábios, deixando as sacolas no chão e enlaçou a minha cintura, minhas mãos seguravam seu rosto fazendo um carinho leve nas suas bochechas. — Você é uma péssima baby, S/N.

— Não seja cruel, eu tinha que estudar para as provas, eu estou a ponto de reprovar em cálculo. E você sabe que se eu te atendesse eu acabaria cedendo... Desculpa. — Deixei um beijo em sua bochecha. — São presentes para mim?!

— Você não está merecendo. — Ele disse pegando as sacolas. — Mas em parte é... Um presente para nós dois, baby.

— Eu odeio quando você diz que é um presente para nós dois. Da última vez eu tive que transar com você naquela roupa rosa e desconfortável.

Ele riu indo até a cozinha e voltando em seguida com um copo de whisk, se ele soubesse o quão gostoso ficava com aquele copo em mãos.

— Mas você ficou deliciosamente gostosa naquela roupa. — Disse abraçando-me por trás mordendo meu pescoço, eu arfei com a ação dele. — Mas são uns brinquedinhos novos, você vai gostar. — Disse rindo rente a minha pele. — Alguns vibradores - proferiu sussurrando -, algemas... Eu fico duro só de te imaginar com elas bebê. — Ele disse apertando-me contra o seu corpo, eu pude sentir a sua ereção contra as minhas costas, eu arfei e Hoseok percebeu o quanto eu estava vulnerável.

— D-daddy... — Falei rebolando contra o pau dele, sentindo-me cada vez mais molhada e desejosa. 

Sua mão largou o copo de whisky e invadiu o meu short, masturbando-me vagarosamente, eu rebolava para aumentar o contato, estava na ponta dos pés a fim de sentir o pau de Hoseok entre a minha bunda. Eu gemia baixo a cada vez que o Hoseok pressionava com mais força o meu clitóris, fazendo com que as minhas pernas tremessem e meus olhos revirassem de prazer.

Senti meu corpo ser empurrado até as costas do sofá, Hoseok pressionou mais seus pênis rijo contra minha bunda esfregando-o ali. Ele se afastou puxando-me para dentro do quarto, estava com as sacolas em mãos.

Tirou de dentro de uma delas uma caixinha, abrindo-a e revelando um vibrador e, em seguida uma algema rosa.

— Deite-se, bebê. — Ele disse e assim eu fiz, eu sabia o que ele faria, mas eu estava curiosa para saber o que viria a seguir, eu estava interessada em cada passo que ele daria.

Minhas mãos passaram pelas grades da cama e foram presas àquela algema rosa.

— Sua missão, baby, é não quebrar essas porcarias. — Ele disse se referindo às algemas, que com certeza eram as mais baratas que ele havia visto na frente. — Você foi uma baby tão malvada esses últimos dias... — Ele começou arrancando o meu short e a calcinha. — Tão cruel com seu daddy...

Ele começou a chupar a minha intimidade, arrancando-me arfares e suspiros longos, minhas mãos pediam para agarrar os fios descoloridos de Hoseok, meu quadril suspendia a cada segundo e eu rebolava contra a sua boca. Suas mãos seguraram a minha cintura e sua boca subiu até a minha barriga, levantando a minha blusa e deixando ela dobrada na altura do peito, uma de suas mãos brincavam com meu seio esquerdo e a boca estava ocupada do outro, ele sugava meus mamilos fazendo meus olhos revirarem, dava mordidas intercalando entre o leve e o forte.

Ele se levantou despindo na minha frente, desabotoando a blusa devagar.

— Acho que o pior dos castigos vai ser não poder te marcar a pele, dady. — Proferi arfante por ver todo seu torso despido.

Depois de estar completamente nu, ele se abaixou e pegou o vibrador, que estava no chão, se aproximando da cama em seguida.

Ele ligou o vibrador e o barulho invadiu o quarto, minhas pernas foram afastadas e o objeto foi introduzido dentro de mim, minha respiração falhou e eu gemi engasgado. 

Hoseok sorriu movimentando o vibrador dentro de mim. Ele se aproximou do meu rosto e suas mãos pegaram meu cabelo, formando um rabo de cavalo mal feito. 

— Vire a cabeça — Ele disse e eu o fiz. 

Ele estava praticamente sentado e com muito dificuldade colocou o pau em minha boca, ele movimentava devagar fodendo a minha boca e a sua mão havia soltado do meu cabelo e começado a dar atenção ao vibrador, fodendo-me ali também. Os movimentos começaram a se tornar mais rápidos e eu me engasgava com os gemidos que eram impedidos e com o falo dele tocando a minha garganta.

Ele saiu se dentro da minha boca e tirou o vibrador de mim, arrancando um gemidos arrastado e demasiado alto. 

Suas mãos agarraram a minha cintura e ele entrou em mim sem mais avisos, fazendo eu gritar de surpresa, a grossura do vibrador não era nada comparado com o pau do Hoseok. 

Ele começou a se movimentar devagar dentro de mim, fazendo com que eu me contorcesse de prazer, ele aumentava a velocidade apertando a minha bunda entre seus dedos, enquanto o máximo que eu conseguia fazer era apertar minhas pernas em redor da sua cintura. Hoseok entrava e saia de dentro de mim com rapidez, fazendo a cama bater violentamente contra a parede e nossos gemidos se tornarem altos e obscenos. 

Tudo que eu queria era marcar a pele imaculada de Hoseok, cada uma de minhas células desejavam por isso, elas ansiavam a pele de Hoseok sob as minhas unhas. 

Eu tentava me segurar apertando as grades entre os meus dedos a cada estocada mais lenta de Hoseok, mas foi impossível manter o auto-controle quando ele sussurrou palavras xulas em meu ouvido enquanto seu pau ia fundo e lento dentro de mim. Minhas mãos arrebentaram aquelas algemas como se fossem papel e rumaram até as costas dele e o arranharam ali, minha boca mordia o pescoço dele e meus olhos reviravam de prazer. 

Meus gemidos eram entrecortados pelos beijos mal-sucedidos que tentávamos manter. Ele enlaçou minha cintura e me colocou sentada, fazendo com que eu quicasse em seu colo, meus olhos lacrimejavam e eu sentia meu ápice próximo. 

Eu quicava rapidamente no colo do Hoseok, minhas mãos estavam cravadas em seus ombros e palavras sem sentido deixavam a minha boca, minha cabeça pendia para trás e eu senti meu ápice, fazendo com que minhas pernas tremessem. Hoseok teve seu ápice logo em seguida e deitou-se sobre meu corpo mole e selou meu pescoço. 

— Você arrebentou a algema. Sabe o quanto isso foi caro? 

— Essa porcaria? — Eu pergunto rindo. — Dez reias é muito, daddy, peça seu dinheiro de volta. 

— De qualquer forma, você rasgou feito papel. Eu preciso pensar em outro castigo, baby... Um mais forte. 



"Eu preciso do seu corpo de maneiras
Que você não entende
Mas eu estou perdendo minha paciência
Porque nos estamos nisso já tem um tempo"
Privacy - Chris Brown
 


Notas Finais


Hey hey hey!!! Como estão, nenes??
O que acham do imagine?
Comentem, os comentários são importantes para mim saber se vcs estão gostando ou não.
Gostam da minha escrita, do jeito que eu desenvolvo? Comentem as suas opiniões, surtos e gritos de guerra.

♡ pedidos fora do primeiro capítulo serão ignorados.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...