1. Spirit Fanfics >
  2. Imagines ST e IT a coisa >
  3. Amizade a qualquer custo - Jack e SN - Parte um

História Imagines ST e IT a coisa - Capítulo 8


Escrita por:


Notas do Autor


Vocês pediram muito , eu trouxe logo para vocês , sei que no início é meio triste, inspiração : I Hate You , I Love You ( Fillie )

Capítulo 8 - Amizade a qualquer custo - Jack e SN - Parte um


Fanfic / Fanfiction Imagines ST e IT a coisa - Capítulo 8 - Amizade a qualquer custo - Jack e SN - Parte um

P.O.V S/N 

Oi meu nome é SN , eu moro em Vancouver no Canadá , eu sempre morei e meu melhor amigo é o Jack , quando fizemos 10 anos , ou melhor ele porque eu tinha 9 , os pais dele se separaram , e ele ficou com o pai , um dia seu pai estava embreagado e bateu o carro , desde então ele mora com a tia e quando ele tinha 12 anos e eu 11 , ele começou a se mutilar , se corta com lâminas , toma mil remédios sem autorização e não come , só bebe água e olhe lá , a tia não trata ele muito bem , já o primo dele , filho da sua tia o Noah , é perfeito sua tia trata ele como um rei e ele despreza o Jack , eu odeio o Noah por causa disso , hoje eu ia na casa do Jack , ele não foi denovo para escola : ( idade ele 17 você 16 )

- Olá S/Nn

- Oi senhora Grazer

- O que traz aqui ?

- Eu vim falar com o Jack

- Ata , o depressivo ? Tá lá no quarto

- Obrigada

Ela era um lixo com ele , chamava ele depressivo, mas ela até me tratava bem , aí vi o infeliz do Noah na sala :

- Oi gatinha

- Não enche garoto

- O que foi ? Ahh já sei , foi ver o depressivo é , aquele não sai do quarto , mas vai lá , siga em frente, já te falei que sou melhor que ele

Apenas ignorei e bati na porta :

- Jack , sou eu a S/N

- Oi , S/A pode entrar

O Jack estava horrível, ele estava com olheiras profundas , pálido mais do que ele já é , e sua boca estava totalmente branca , e sempre de moletom :

- Jack meu deus , é por isso que não tá indo para escola ?

- Não S/A , eu só acordei meio mal hoje , nas já tô melhor

- Não você não tá melhor , muito menos bem , vamos Jack você precisa... – eu fique chocada , vi o lençol todo sujo de sangue – Jack , você prometeu que não iria mas se cortar , daqui a pouco você vai estar aí no hospital, já que está toda hora perdendo sangue , deixa eu ver seus braços Jack

- Não S/N

- Mostra logo Jack – ele não mostrou de maneira alguma então eu tive que dar meu jeito – Jack , eu sou sua amiga , só quero te ajudar e ver seu estado , não quero que você vá para o hospital

- Eu sei S/A , mas não tô afim de mostrar

- Tudo bem , não vou te obrigar a nada , só quero te fazer uma pergunta. Você está se alimentando?

- Sim , S/N , eu tô

- Não é o que parece – o Jack estava muito magro , ele tava muito mal – Jack , não mente para mim , você realmente está comendo ?

- Não , mas eu boa consigo não é culpa minha

- A consegue sim , não é possível que não está com fome

- Eu estou , mas não quero comer

- Jack , eu não quero ser chata e já falei com você sobre isso mas vou repetir , tem certeza que não quer ficar lá em casa ? É melhor , você é mais acolhido lá

- Não , não precisa eu tô bem aqui , amanhã eu vou na escola , fica despreocupada

- Tá bom , Jack , tem certeza que não precisa mas de algo ?

- Tenho , pode ir eu tô bem , qualquer coisa te ligo

- Tá bom , mas me liga mesmo , tchau Jack

- Tchau S/A

Eu fui embora , eu fui pra casa , eu não queria parecer preocupada com o Jack , mas era impossível , não conseguia ver ele assim , eu tenho certeza que amanhã ele não ia para a escola denovo , eu odeio ver ele assim , mas ele não se cuida , quando cheguei em casa fiz tudo que tinha que fazer e desci para o jantar :

- Oi mãe , oi pai

- Oi minha filha , como foi seu dia ?

- Bem , pai , e como foi no trabalho ?

- Ótimo

- Oi Finn – Finn era meu irmão, eu odiava ele , pois ele era amigo de Noah , e sempre despreza o Jack também

- Oi S/N , como anda seu amigo depressivo?

- Ele tá do jeito que não te interessa

- Aposto que está quase morrendo

- Morrendo tá você com o soco que eu vou te dar

- Ei chega , crianças , vamos jantar pelo menos uma vez sem brigas por favor

- Tá bom mãe

Eu virei pro Finn e ele virou para mim , nós se matando apenas por olhares

Quebra Tempo

Depois do jantar eu subi as escadas e liguei para o Jack , para ver se estava tudo bem , mas ninguém me atendeu, então não insisti e fui dormir

P.O.V Jack

Eu amo a S/N , mas ela nunca namoraria um doente , depressivo, que não passa do que eu sou , eu decidi que mais uma vez eu ia me cortar , peguei a lâmina , e procurei alguma parte para cortar , não tinha mais espaço , então decidi que ia perfurar mais os meus cortes antigos , saiu muito sangue e acabei desmaiando .

P.O.V S/N

Era duas da manhã quando alguém me ligou e eu atendi :

- Alô , quem é ?

- Oi S/N , aqui é a senhora Grazer , aconteceu uma coisa

- Senhora Grazer, o que aconteceu?

- O Jack está desmaiado aqui no quarto com sangue em todo chão

- Como é que é ?

- Isso mesmo , eu tô desesperada , preciso de alguém para me ajudar

Ela estava preocupada com ele , será que por trás daquele jeito que ela tratava ele , tinha amor ? – Calma aí , eu vou acordar meus pais estou indo para aí , enquanto isso chama a ambulância , pelo amor de deus

- Okay , te aguardo

Fui correndo até o quarto dos meus pais e acordei eles :

- Mãe , pai , acordem

- O que foi filha ?

- O Jack tá desmaiado , precisamos ir até lá

- Calma filha , coloca uma roupa e já estamos indo , eu vou acordar seu irmão

- Tá bom mãe , vou colocar uma roupa

Eu coloquei minha roupa e desci , o Finn já estava lá :

- Só você para me tirar da cama por causa desse doente

- Finn , respeito né – disse meu pai

Quebra tempo

Cheguei na casa de Jack , e a ambulância já estava lá , com várias pessoas funcionárias e o Jack estava na maca sendo colocado na ambulância, eu tava muito nervosa , eu falei para ele que não era para ele se cortar até que vi o Noah com Finn , lógico falando mal do Jack :

- Mano , sério , esse garoto estragou minha noite , eu estava dormindo tão bem , até que fui acordado pela minha mãe , falando que era para virmos para cá , por causa desse garoto

- E minha mãe , que nunca se importou com o garoto , aí ele tá desmaiado , e agora só tem olhos para ele , meu primo depressivo é muito chato

Eu cheguei e falei – olha , vocês vão ficar falando mal do meu amigo? Se coloquem no lugar , imagine se é você Noah , desmaiado lá , se cortando , não comendo, tomando remédios sem autorização de ninguém e você Finn preocupado com o Noah , chorando igual a um maluco , porque ele pode morrer , e aí , tão se colocando no lugar ? Aposto que não , mas pensem como a vida de vocês é um luxo , vocês escolhem o que acontece na vida de vocês , a vida perfeita com mãe , pai , o que querem , celular caro , escola boa , e o principal saúde boa , a vida do Jack não igual a de vocês , ele não pode escolher a vida dele igual a vocês , a vida dele é uma merda , e se ele morrer a culpa é de vocês , porque a depressão dele começou por causa de vocês na escola , quando ele começou com isso , vocês lembram ?

FLASHBACK ON

- Jack , vamos vai ser legal a festa do meu irmão

- Não , S/A , vão ficar todos olhando torto para mim

- Porque Jack ? Você não tem nada de errado

- Tenho sim

NA FESTA

- Jack , vou lá do meu quarto rapidinho pegar uma coisa, já volto

- Tá bom S/A

- Ora , ora , ora se não é o garoto que perdeu o pai

- O que vocês querem ?

- Brincar um pouco , o que acha priminho ? – até que Noah fingi que tropeçou e derrama refrigerante no Jack – Aí desculpa priminho , foi mal

Até que Finn jogou tinta e cola na cabeça de Jack – Desculpa Jackzinho, foi sem querer

O Jack saí correndo da festa , e S/N vê ele saindo e grita :

- Ei , Jack . Aonde você vai ?

FLASHBACK OFF

- Lembraram né ? É por causa de vocês também que essa depressão aconteceu, o bullying que vocês fazem com ele desde o quinto ano , é culpa de vocês , seus tóxicos , odeio você

Eu não aguentei , tive que jogar na cara deles para acordarem para a vida , mas eu acabei chorando isso é muito forte para mim , nós fomos até o hospital, a senhora Grazer foi na ambulância, eu e meus pais , Finn e Noah , fomos no carro .

Eu estava no banco de trás , junto com os tóxicos , chorando , desabando de chorar , isso era muito triste e os garotos não estavam falando, era um milagre , mas o Finn falou meu nome :

- S/N

- O que foi ?

- Desculpa tá ?

- Desculpa, só porque agora joguei na cara de vocês a verdade, vocês vem pedir desculpas para mim , eu falei aquilo para acordarem para a vida , as desculpas não tem que ser para mim , tem que ser para o Jack quando ele acordar do desmaio

- Tá S/N , como quiser

- Que bom que é como eu quero

Continua.........


Notas Finais


Espero que tenham gostado, amanhã sai parte dois


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...