História Impossible Love - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias (G)I-DLE, Bangtan Boys (BTS), Blackpink, EXO, HyunA, Pentagon (PTG)
Personagens E'Dawn, HyunA, Jennie, Jeon Jungkook (Jungkook), Jisoo, Jung Hoseok (J-Hope), Kim Jong-in (Kai), Kim Taehyung (V), Kino, Lisa, Minnie, Rosé
Tags Chaennie, Hyudawn, Jennie, Menção Jenkai, Menção Liskook, Menção Vhope, Rose
Visualizações 14
Palavras 1.463
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Cheguei :)
Espero que gostem do capítulo meus amores

Capítulo 9 - Como ela está se saindo?


            J E N N I E   K I M 

–Jennie-ah você ainda está dormindo? –Ouvi a voz doce de Jisoo e esfreguei meus olhos tentando me acostumar com a claridade.

–Aish,Jisoo-ah que horas são? –Me cobri completamente com o cobertor.

–São sete d'manhã e já já o café será servido –Jisoo diz enquanto puxava o lençol de cima de mim. –Já era para você estar de pé!

O frio matinal de sempre se chocou contra meu corpo me causando arrepios.

–Eu estou quase nua,mocinha –Puxei o cobertor novamente e a mesma dá de ombros.

–Você é minha irmã,não ligo para este quesito como a Roseanne já liga –Senti maliciosidade em seu tom de voz.

E reparei que a mesma estava bem mais sorridente e alegre do que ontem e eu estava gostando disso.

Pois o que eu precisava naquele momento era ver o sorriso dócil da minha irmã caçula.

–Apesar como o capetinha do Taehyung está?Não vi ele mais pelos corredores do castelo –Estranhei este fato e me sentei na cama.

–Ele está a toda hora com o Hoseok Oppa e diz que ele é seu refúgio agora... –A mesma fez um bico adorável e a puxei para um abraço. –Estou com saudades de ter o TaeTae apenas pra mim

–Mas eu tô aqui,Jisoo –O mesmo adentra meu quarto e vem até nós duas nos acolhendo em um abraço aconchegante e caloroso. 

Ficamos ali alguns segundos apenas aproveitando o momento que tínhamos para nós três e matando a saudade pois por conta dá correria da pré-coroação quase não tinha como nós ver e ter um "momento de irmãos".

Mas como dizem,tudo que é bom dura pouco.

–Agora preciso que saiam pois irei me arrumar!

–É por que se não já já a Rosé Noona aparece aí e ela se surpreende mais uma vez –Disse Taehyung zoando com a minha cara e ameaçei jogar uma almofada nele.

–Não é por conta disso e sim por que eu não posso ficar semi nua o dia inteiro,sendo que tenho coisas para se resolver –Suspirei e o Taehyung abriu a boca para falar mais alguma besteira maia foi total impedido por Jisso.

–Vamos logo Taehyung Oppa se não você irá apanhar –Jisso sai puxando Taehyung pelo terno que o mesmo usava logo cedo.

–Pensando bem ela iria amar me ver assim –Sussurei e um sorriso malicioso contornou meus lábios. –E eu adoraria rever sua reação de novo.

Fui em direção ao armário.

–Será que eu espero a Roseanne vir? –Pensei e ri com o meu próprio pensamento. –Vou me arrumar logo é melhor.

[...]

–Lincença –Ouvi a voz dócil de Roseanne e meu olhar foi em direção a mesma. –Seus pais estão a sua espera pro café,alteza

–Oh... –Suspirei. –Obrigado por vir me avisar 

Dei um sorriso em sua direção e vi a mesma abaixar a cabeça envegonhada.

E parei de fazer o que eu estava fazendo para observar a mesma,ela estava impressionante naquela roupa suas curvas se realçavam e atraiam meus olhares para elas.

–Estou apenas realizando o meu trabalho,senhorita Kim –Ela se reverencia minimamente e fiquei ainda a observar reparando em cada detalhe seu e a mesma aparentou perceber e ficou corada.

–Tenho muitos compromissos hoje?Estou tão exausta!

–Você tem alguns compromissos mais não são muitos para sua feliciadade –Rosé disse e suspirei aliviada ao ouvir esta frase.

Cansa muitas vezes pousar para tantas fotos,prestar entrevista ou apenas estar ali ao lado de meus pais os ouvindo dar notícias pro jornal do povoado.

Trocávamos poucas palavras durante o caminho até a sala de jantar pois a gente não se sentia muito à vontade uma ao lado da outra ainda e isso era muito constrangedor.

Pelo menos eu acho que era mais para Rosé do que para mim já que entre nós duas eu era um pouco mais solta mesmo sendo por metade do tempo fria com a mesma. 

–Você vai tomar café da manhã com a gente? –Perguntei por curiosidade.

–Não,hoje não –Não sei o motivo mas suspirei frustada por conta da saída da mesma e tentei disfarçar ao máximo para a mais nova não perceber. –Irei ajudar o Hoseok em algo –Paramos em frente a imensa sala de jantar.

–Antes... –Segurei delicada em seu pulso para não machuca-lá e seu olhar foi para minha mão em seu pulso então retirei minha mão dali. –Você e o Hoseok tem algo?

Não sei por que diabos perguntei isso a mesma,mas a ruiva citava o mesmo com tanto carinho na voz ou sempre estavam juntos e isso dava a dizer fácil que tinham algo.

–Não alteza –Ela falou de imediato e vi seu desconforto,acho que eram apenas amigos mesmo. –Mas alguma coisa?

–Não mais nada,Roseanne!

–Ah...Então licença –Ela se reverenciou e saiu caminhando para um dos corredores.E a mais nova sempre muito educada e compreensiva.

Me pego pensando muitas vezes o do por que a mesma ter vindo tão nova a procura de um emprego para trabalhar no castelo,pois muitos de sua idade querem ficar só no bem bom sem fazer nada e sair lucrando ainda.

Observei a mesma se afastar e torcia para que a mesma não se perdesse pois era realmente difícil de não se perder aqui por conta da grandeza desse castelo.

Os reis dos antepassados foram muito importantes para a realização deste povoado atual pois eles eram e são de grande influência a todos.

E era fato que eles amavam construções grandiosas e essas construções serem também banhadas de muitos detalhes que mesmo sendo mínimos ou grandiosos faziam uma grande diferença em tudo.

Pois a estética desde castelo tem um pouco de todos eles,transformando assim esse lugar repleto de ensinamento,muito respeitoso e aclamado por tudo e todos.

Minhas mãos tocaram levemente a maçaneta gélida que abria a passagem para o cômodo que estava a minha frente e que eu estava prestes a entrar.

–Faz um tanto de tempo que não tomo café da manhã com minha família –Pensei antes de girar a maçaneta e ter a visão da sala de jantar.Mas logo isso ocorreu e a atenção da família Kim se voltou toda apenas a mim.As vezes não gosto que a atenção seja atraída apenas para mim,me sinto incomodada.

Mas uma hora ou outra terei que parar com isso pois serei nomeada como a rainha do povo e aí sim a atenção de muitas pessoas será toda virada para mim.

Por isso que sinto que não estou preparada –ainda– para ser uma rainha digna que este povo realmente merece.

Pois na minha opinião eles merecem alguém muito mais responsável com o objetivo já muito diferente do que eu uma burguesa rebelde que é tachada em alguns locais do povoado como "A contrária herdeira"

–Bom dia... –Me reverenciei e todos estavam ali presentes na mesa.

Era estranho depois de quase um tempo de só tomar café da manhã em meu quarto ou no horário diferente do deles.

–Jennie? –Ouve-se a voz de meu appa por todo o salão despertando-me de meus pensamentos. –Dormiu mais do que deveria hoje? 

–Aham –Resmuguei e me sentei no meu lugar que antes estava vazio e que agora voltou novamente a ser ocupado por mim,pois vou tentar deixar de lado a mini raiva que sentia por meus pais depois do ocorrido e tentar voltar a tomar café da manhã sempre com eles.

–Os preparativos para a coroação está ocorrendo tudo tranquilamente e está tudo perfeito –A voz da minha omma era orgulhosa de seu trabalho e suas deveras atenção que estava dando para que tudo saísse perfeito.

–Jennie Kim,já vá pensando em uma lei que irá impor no dia de sua coração pois é como uma tradição a família Kim fazer isso como deve saber –A voz do meu pai mesmo saindo séria não conseguia esconder a personalidade extrovertida dele e isso foi algo que Taehyung puxou dele.

E que eu queria ter puxado também só que eu acho que eu não puxei nada de meus pais,pois Jisoo puxou a paciência e a áurea pacífica e acolhedora de minha mãe.Mas meus pais sempre tentam me contra dizer dizendo que eu sou o laço do romance e a fortaleza deles.

–Irei pensar com muito cuidado sobre essa lei,appa –Meu olhar era sério e o direcionei ao meu appa que fez um manear compreensivo em minha direção.

–Apesar filha,como a Roseanne está se saindo como sua dama? –Suspirei frustada com a pergunta de minha omma. 

–Por que todos estão a me perguntar sobre ela? –Revirei meus olhos e ouvi a risada de todos presentes na mesa.

–Oras irmãzinha,só estamos curiosos –Taehyung como sempre um cínico. 

–Eu só não te mato agora TaeTae por que eu tenho que manter uma postura séria e sem nenhuma deixa de rebeldia por agora –Disse no mesmo tom irônico que o mesmo.



Notas Finais


Até :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...