História Impulsos - Jikook - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 22
Palavras 772
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Lemon, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 3 - Capítulo três


Vários segundos passam antes que ele baga novamente. Eu exalo lentamente, sentindo meu estômago doendo. Que coisa horrível fazer a alguém. Eu sei que ele dirigiu até aqui direto do trabalho, esperando para transar. Como eu me sentiria se alguém me deixasse assim? Esmagado. Minha auto-estima iria ter um mergulho maior do que ja tive desde que eu ganhei peso.Eu sinto que devo ao sujeito pelo menos uma desculpa, mesmo que seja chato e me faça parecer um idiota irracional.

Lentamente, eu vou com a ponta dos pés de volta para a porta, ainda tentando não fazer qualquer barulho. Meu olho se aproxima do olho mágico, e parte de mim espera que ele já tenha se afastado. Mas eu teria ouvido. Ele ainda está lá, e eu sei disso.

Quando eu olho através do olho mágico, minha expressão se transforma em confusão, e suspiro de alívio. O cara que está do outro lado da porta definitivamente não é o que eu deveria estar encontrando hoje à noite. Eu puxo meu lingerie de volta para baixo sobre meus quadris e destranco a porta. Enquanto eu não, ainda não estou fora de perigo, pelo menos eu ainda possa ser capaz de escapar antes de Leo chegar, se eu puder tirar este cara do meu caminho rapidamente. Agora que eu estou pensando nisso, eu não deveria nem me preocupar em abrir a porta, mas esse cara é muito bonito, e conversar com ele, mesmo que seja apenas por dois segundos, pode fazer a noite parecer nem tanto um desperdício.


Bonitinho era um eufemismo. Quando abri a porta para falar com ele, meus olhos se fecham com os olhos castanhos mais incríveis que eu já vi. Esse cara é muito atraente. Pena que eu não poderia ter marcado com ele em vez disso.

 -Posso ajudá-lo? - pergunto educadamente, tentando não revelar meu corpo escassamente vestido.

-Você é Jimin?

-Eu sou. - respondo com apreensão.

-Eu sou Jungkook. Posso entrar? - Ele gesticula para a porta como se esperasse que eu a abrisse para ele.

Fico boquiaberto por um momento antes de recuperar a compostura.

- Não, você não é. Você não se parece com o cara da foto. - Eu ouvi falar de pessoas sendo mais feias do que suas fotos, ou sendo muito mais velhas ou mais gordas. Eu já ouvi falar de pessoas usando fotos de modelos quando eles eram realmente trolls. Nunca antes ouvi falar do contrário.

- Se você me deixar entrar, eu vou explicar. - Ele abre um sorriso encantador.

A parte esperta de mim me diz para o afastar. A parte excitada de mim abre a porta e convida-o a entrar. Se houver alguma chance de que eu possa passar a noite com esse cara entre as minhas pernas, eu vou pegá-la. Moral e cautela ao vento. Sexo é o que importa!

Eu tento não olhá-lo muito descaradamente enquanto ele entra. Ele está usando um suéter de cor creme que se encaixa perfeitamente e um par solto de jeans. Meu Deus é ele sempre delicioso. Quando ele passa por mim, eu juro me sinto no paraíso. De repente, procurar na Internet sexo com um estranho parece ser a melhor ideia que já tive. Esse cara parece que poderia me montar pesado e me deixar de pernas abertas.

- Jungkook,sou Jimin. - Eu digo estupidamente, estendendo minha mão para ele enquanto ele se vira.

-Wow. - É como se ele estivesse me visto pela primeira vez. Seus olhos flutuam de meu rosto até minha box já marcada. Ele prestava atenção em cada curva de meu corpo. Mas quase no segundo que ele me olha, seu olhar dispara de volta até meu rosto. Não sei dizer se ele é repelido pelo que vê ou tenta ser educado. Seja qual for o caso, ele me faz sentir incrivelmente autoconsciente.

-Eu espero que você goste. - Eu coloquei minha mão em meu quadril, fazendo minha melhor pose sedutora.Tudo o que posso pensar é como será sentir em ele tirar meu lingerie, e então, eu tremo internamente. Julgando pelo quão difícil foi para mim tentar tirá-lo, pode acabar sendo um trabalho em equipe. Não é sexy. Eu deveria ter vindo com algo muito mais simples, mas é tarde demais para isso agora.

- É muito... bonito! - A palavra soa forçada, o que só leva a minha confiança para ainda mais baixo. Ele poderia parecer mais desinteressado em mim do que está agora? Eu esperava ser atacada no segundo que ele atravessou a porta. Ele está agindo como se estivesse recuando para uma caverna.

-Então.... Por que a foto falsa? - Eu decido mudar o assunto.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...