História In a Parallel World - BTS and Twice - Capítulo 4


Escrita por: e MinSerDuda

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), TWICE
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Kim Taehyung (V), Mina, Momo, Park Jimin (Jimin), Sana
Tags Bangtwice, Bts, Twice
Visualizações 16
Palavras 2.216
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Gentee essa é a ultima parte do Jimin, não deu pra colocar tudo no outro capitulo. E me desculpeem por não postar esse episódio antes e se esse ficar uma bosta também me desculpem, to sem criatividade.

Boa leituraa❤

Capítulo 4 - Park Jimin Pt.2


Fanfic / Fanfiction In a Parallel World - BTS and Twice - Capítulo 4 - Park Jimin Pt.2

Olá de novo rsrs, acho que me esqueci de contar uma parte MUITO importante da minha história com o jimin. Aconteceu quando eu tinha 14 anos. O pedido...


~°Flashback On°~


Hoje é quarta, e eu estava com as meninas no refeitório ja que estava na hora do recreio. Estávamos comendo e conversando quando escuto alguém berrar (literalmente) meu nome no meio do refeitório, olho pra trás reconhecendo Yanan junto de E'dawn e Hyuna. Eles me olhavam sorrindo e chamaram eu e as meninas, nos levantamos e fomos andando até eles. Quando chegamos cumprimentei eles e logo percebi uma venda nas mãos de Hyuna e ela me olhava meio travessa como se fosse aprontar.

- Pra que isso? -digo apontando com a cabeça para a venda nas mãos de Hyuna.

Yanan: temos uma surpresa.. Na verdade alguém quer te fazer uma surpresa e pediu nossa ajuda a te levar para um lugar sem você saber onde é. A pessoa pediu para não te forçar a nada e disse que se você quiser ir, você não vai se arrepender!

E'dawn: Eai? Você vai?

- Não sei...

Sana: Podemos ir também? Talvez ela se sinta mais confortavel.

Mina: E estamos curiosas também!

Hyuna: Podem. Vai ser importante para ela ter vocês lá... Concerteza!

- Sendo assim eu vou. -disse com um certo receio. Afinal eu não sei parar onde vou, pra que vou a esse lugar e nem mesmo mais quem vai estar lá.

Yanan coloca a venda em mim com a ajuda de Hyuna e depois eu vou andando ao lado deles e das meninas até esse "tal lugar".

[Alguns minutos depois...]

- Gente... Ja estamos chegando? Não aguento mais andar.

Sana: Sossega Momo, ja perguntou isso 4 vezes em 5 minutos.

- Diz isso porque, afinal, não é você que esta vendada.

Yanan: CHEGAMOS -Diz gritando e me dando um puta susto.

- AI YANAN QUE SUSTO, ESCANDALOSO.

Yanan: Ta xiiu, fecha a boquinha fecha. - estava prestes a responder quando ouço as meninas(incluindo Hyuna) dando uns mine gritinhos finos.

Sana: Wooo que fofinho aaaaa. 

Hyuna: Aaa que gracinha gente.

Sabe aquela foz que você ou sua amiga faz quando vê um cachorro? Que afina a voz mais que tudo e fala de um jeito fofinho? Elas estão assim agora. Confesso que estou mais curiosa ainda depois dessas reações.

Mina: Aiin socorro vou morrer de tanto amor. -Após ela dizer isso ouço uma risada meio abafada que eu juro que reconheço e isso fez meu coração acelerar de uma forma muito assustadora e minha respiração falhar pelo nervosismo e a ansiedade.

Yanan: Vira pra mim e Hyuna vai tirar a venda de você.

Assim fiz e Hyuna logo tirou a venda de mim me fazendo arrumar o cabelo dos lados. Reparei que estou em uma sala de aula sem uso e de frente para eles, todos estavam com um sorriso no rosto e olhando para trás de mim.

Ouvi passos atrás de mim e viro pra ver quem é. Bom.. Eu tento né, na hora que ia me virar Yanan que estava na minha frente segura em meus ombros me impedindo, e antes que eu fiquei agoniada ele me olha com um sorriso tranquilizador que me passou confiança. Fico mais tranquila e o mesmo solta meus ombros e da alguns passos para trás ficando ao lado dos outros que apenas observavam. Senti alguém atrás de mim, a poucos passos atrás na verdade.

E'dawn que estava ao lado do interruptor da luz da sala onde estávamos apagou a luz e eu me viro para trás com um pouco de dificuldade. Olhei para a pessoa a minha frente não identificando quem era. Noto um pouco de luz de vela atrás da pessoa a minha frente e estranho. Ouço a risada que novamente acelerou mais as batidas meu coração, e sorrio.

- Jimin.. -Digo sussurrando para somente o mesmo ouvir e o abraço levemente, recebendo um aperto do mesmo.

Jimin: Momo....

As luzes se acendem e vejo algumas fotos minhas e do jimin juntos e sorrio com as imagens. Olho para p lado e percebo quase todos sentados no cantinho da sala e apenas Hyuna em pé, ja que ela foi acender a luz e ja estava correndo em direção aos outros para se sentar ao lado de E'dawn.

Mina: NÃO ESTAMOS AQUI. -esse povo ama gritar né. Dou uma risada com a frase dela.

- Mochi.. Oque esta acontecendo? Oque estamos fazendo aqui?

Jimin: Eu resolvi tomar coragem pra fazer uma coisa que eu quero faz tempo.... Eu não faço ideia de qual vai ser sua reação. Mas eu preciso te dizer algo. Desde que eu te vi a dois anos atrás, eu me senti estranho. Eu sempre quis estar perto de você, te ver bem, te ver feliz. E quando eu via que você não tinha o seu lindo sorriso no rosto eu sentia a necessidade de colocar ele no lugar perfeito de volta. Talvez você não saiba mais.. Eu gosto de você, gosto tanto que talvez chegue a ser amor. Momo, eu.. E-eu te amo. -após dizer tudo ele se ajoelha tirando uma caixinha com aneis de compromisso dentro e meu corpo gela- Hirai Momo, Você aceita receber todo o amor que eu tenho para te dar e ser minha namorada?

Começo a tremer um pouco e meus olhos enchem de lágrimas. É impossível não estar em choque e emocionada ao descobrir que a pessoa que você tem crush desde 12 anos também gosta de você e esta  tenso, de joelhos na sua frente e aguardando sua resposta para o pedido de namoro que o mesmo fez.

- E-eu... Eu aceito! -digo me abaixando ficando de joelhos com o mesmo que coloca o anel no meu dedo e logo eu repito o ato com ele e o abraço em seguida. Quando íamos nos beijar ouço as meninas e os meninos começarem a gritar muito alto(nada fora do normal) comemorando o recém casal e começo a rir.

Eu e jimin nos olhamos sorrindo mas eu ouço um barulho na porta e me levanto  rapidamente com o susto vendo alguns amigos meu e do jimin entrando na sala fazendo mais escândalo ainda, e tinha algumas pessoas na janela olhando sorrindo. Fiquei com vergonha e jimin notou, então se levantou e eu o abracei escondendo a cabeça no seu pescoço. O mesmo riu de minha reação.

- Aigoo Jimin, não ri. -digo fingindo estar chateada mas o mesmo ri mais e acabo rindo junto.

O pessoal para um pouco do escândalo por um tempo e ficam sussurrando algo enquanto eu e jimin os olhamos curiosos, do nada eles param totalmente de falar e Mina começa uma contagem.

Mina: CINCO..... QUATRO.... TRÊS... DOIS.. UM.

Todo Mundo: BEIJA! BEIJA! BEIJA!

Eu e jimin nos olhamos novamente e quando iamos, a famosa diretora entra na sala. 

Diretora: QUE BAGUNÇA É ESSA? VAI TODO MUNDO PARA A SALA AGORA, O RECREIO JA ACABOU!!! 

O povo saiu reclamando e quando passaram por nós nos parabenizaram pelo namoro. A diretora olhou para nós sorrindo e antes de sair da sala nos mandou arrumar a bagunça que o povo tinha feito.

Eu e jimin estávamos arrumando a bagunça ja que ao invés de escandalosos nossos amigos são bagunçeiros. Apesar disso eu não tirava o sorriso do rosto, eu não acredito que estou namorando meu mochi, que agora é realmente meu mochi.

Depois de arrumar-mos as cadeiras todas, eu jimin estávamos tirando as fotos do quadro e guardando em uma caixinha que jimin trouxe. Depois que acabamos eu olhei para jimin sorrindo e ele retribuiu.

Jimin: Minha namorada é muito linda sabia? -diz vindo para mais perto de mim e ficando perto o suficiente para segurar na minha cintura me puxando levemente para mais perto ainda.

- Prefiro o meu. -digo e o mesmo solta uma gargalhada linda.

Em pouco tempo nós nos encaramos intensamente e sem perceber desviei meu olhar para os lábios dele e voltando aos seus olhos percebi que ele fez o mesmo. O nervosismo se fez presente, não é como se eu nunca tivesse beijado ninguém, acontece que agora é Park Jimin, meu namorado. Ele inclinou a cabeça levemente para o lado e fiz o mesmo, logo fechando os olhos. Senti seus lábios macios tocando os meus me dando um ar de leveza. E poucos segundo depois eu estava apoiada em uma mesa enquanto eu e jimin nos beijava-mos docemente de uma forma apaixonada.

Eu estava começando a ficar sem ar quando escuto alguém pigarrear propositalmente me fazendo levar um susto e separar os lábios do jimin dos meus logo olhando pra porta pra ver quem foi o infeliz. Ou melhor, as infelizes.

Sana: A professora ta chamando vocês. -diz com um olhar malicioso e um sorrisinho de lado no rosto. 

Mina: Deixem pra se pegar depois, safados. -diz com uma cara de lua(🌚) e eu começo a rir.

- Suas sem noção. Vamos mochi? -digo para jimin que logo pega minha mão e sorri largo me fazendo ficar sem reação.

Jimin: Vamos! Depois saimos para tomar sorvete.

E assim fomos para a sala. De mãos dadas.

[Quebra De Tempo]

Estamos na aula de português, já esta quase na hora da saída e eu estava a algumas mesas de Jimin já que nas aulas de português e matemática os lugares são em ordem de chamada. Mina que estava na minha frente percebeu que eu estava mais ansiosa doque o normal para o sinal tocar e logo brincou.

Mina: Levou a sério isso de deixem para se pegar depois, heim. -diz séria mais logo ri da minha cara de tacho.

- Idiota, eu só quero sair logo com ele.

Sana: AHAM SEI. -gritou a umas duas fileiras depois de nós e começamos a rir e tentar segurar o riso ao mesmo tempo. Resultado? Uma professora de português revoltada ameaçando deixar todo mundo até mais tarde na sala.

Professora: Se vocês três continuarem o showzinho de vocês vou ser obrigada a ficar até mais tarde na sala.

Xiumin: Você fica e nós vamos? -perguntou confuso e por pouco eu consegui me segurar para não começar outra crise de risos- AI GENTE CONTINUA QUE EU QUERO IR EMBORA. -Mina olha para mim e estamos as duas segurando o riso. Estávamos até soltar de uma vez tudo, resumindo: duas hienas na sala. Oque apenas resultou a maioria da sala começar a rir também.

Jimin: Xiumin deixa de ser lerdo. Se vocês continuarem a gente vai ficar até tarde junto!.... -diz sério e depois me encara me repreendendo com o olhar, só então lembro que a gente vai na sorveteria depois da aula e como um passe de mágica eu fico séria!

Professora: Um... -geral segurando o riso- dois... -quase todos sérios- três. -pronto- Podem ir.

Estou guardando meu material na mochila e Jimin vem em minha direção senta na minha mesa me olhando como se quisesse alguma coisa. Olho envolta e só esta Sana, Mina, Jungkook e Yanan. Olha para Jimin que continua do mesmo jeito e roubo um selinho do mesmo e de quebra ganho um sorriso.

Jimin: Vamos? -ele segura minha mão e eu olho sugestiva para ele.

- Vamos chamar eles. -digo apontando levemente com a cabeça em direção aos quatro seres conversando na porta da sala- que tal?

Jimin: Por mim tudo bem.

Fomos em direção a eles e dei a ideia de irmos todos para uma sorveteria e eles concordaram. Apesar de ser quase 18h, estava bastante calor. Mandei mensagem para minha Omma falando que estava na sorveteria com meus amigos.

[Duas horas depois]

Saímos da sorveteria e fomos cada um para o lado de sua casa, menos jimin que cismou em me levar em casa porque estava "tarde". Eu até disse que não precisava mas quando ele coloca algo em sua cabeça ninguém tira. Ele pegou minha mão(algo que ja virou costume) e fomos andando devagar até minha casa.

- Mochi? -ele murmura um "hm?" e eu contínuo- você esta sempre me dando a mão.. Porque?

Jimin: São dois motivos, o primeiro é que eu não quero mais ninguém dando em cima de você. E o segundo é porque eu amo nossas mãos juntas, desde que juntei elas hoje cedo e vi que elas foram feitas para estarem juntas.

- Você é muito fofo. -digo sorrindo, nunca estive tão feliz.

Jimin: E você... Perfeita. -diz e me puxa para perto de si e vendo que não tem quase ninguém na rua me beija. Não preciso dizer nada, preciso? Não. mas vou dizer mesmo assim. Quando ele me beijou a primeira coisa que veio em minha cabeça em como a sua boca se encaixa perfeitamente a minha! Pode parecer clichê, mas é a verdade.

Depois de um tempo voltamos o caminho para a minha casa e logo chegamos em frente ao meu portão, nos despedimos com um selinho e um abraço e eu entrei em casa vendo minha Omma me olhando divertida e meu Appa com a famosa cara de tacho.

Omma: Amigos né momo? -diz rindo.

Appa: Na minha época não era assim não! Oque ele é seu?

- Bem como eu nunca escondo as coisas de vocês eu vou abrir o jogo... Ele é meu namorado.

Omma: aaaaaa minha filha é sério??? -confirmo achando engraçado sua reação e olho pro meu Appa que esta sério.

Appa: Que história é essa? Eu quero conversar com ele para saber as intenções dele com você.

- Aish Appa, ta bom. Vou marcar um dia. -digo e subo para meu quarto pegando uma roupa e indo para o banheiro tomar um belo de um banho para ver se cai a ficha de tudo oque aconteceu hoje.

~°Flashback Off°~

Assim começou o meu namoro com o Jimin, que sempre fui muito importante para mim.

































Continua❤


Notas Finais


Esse foi o capítulo, espero que tenham gostado.
Comentem, isso me incentiva a escrever mais episódios.

Aviso: O próximo capítulo é MUITO importante e impactante, se preparem kkkk


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...