1. Spirit Fanfics >
  2. In addition to empires - Errormare >
  3. Capítulo 3 - Frustrações e Promessas

História In addition to empires - Errormare - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


Enfim o cap 3



Espero que gostem


Um café pra vocês (/≧▽≦)/ ☕

Capítulo 3 - Capítulo 3 - Frustrações e Promessas


Narrador P.O.V

 

Localização: Império do Sol, Escritório de Dream

Por mais que Dream tivesse sua sala do trono que pouco se encontrava lá, ele preferia usar seu escritório onde assinava os documentos que tanto autorizava ou discordava, que pudesse manter algo justo para todos... era sempre uma pilha de papeis que deixava Lord Dream completamente exausto, aquela sempre foi sua rotina que a cada segundo estava ficando cansativa, em meio de mais um documento que assinou parecia que era o último, “AMÉM!” Dream gritava em sua mente, mas para acabar com a alegria do líder do Império do Sol, Blue chegou com um novo papel no qual tinha que autorizar uma nova lei, pelo jeito o texto era imenso, ele ficou frustrado ao ver mais um papel em sua frente, Dream não aguentava mais aquela tortura sobre si, realmente ele precisava de longas férias, o líder jogou seu corpo rapidamente para trás quando se chocou em sua cadeira, fez com que tivesse um impulso e ele quase cai de sua cadeira com isso

Blue: *ele vai na direção de Dream, parecia preocupado* Está tudo bem!?

Dream: Estou sim, foi somente um susto... heh... pelo jeito mais um papel *ele revira os olhos, mas logo volta a olhar a folha*

Blue: Sim, desculpe por acabar com sua paz

Dream: Tudo bem Blue, você apenas está fazendo seu trabalho, não precisa se preocupar

Outer: *ele entra no escritório* Erm... Lord Dream- *ele foi interrompido*

Dream: Infelizmente estou muito ocupado Outer, volte mais tarde

Outer tinha um assunto sério a se tratar com seu líder... o único jeito pra chamar a sua a atenção era mencionar o nome Nightmare, que na verdade era dele mesmo que ia se tratar... “É um assunto sério, sobre seu irmão” Outer disse, isso fez que Dream virasse sua cabeça para o lado e olhasse para Outer, ele deu um suspiro pesado e se levantou da cadeira, antes mesmo de mencionar uma palavra direcionada para Blue, o mesmo entendeu e apenas cedeu com a cabeça como se dissesse “Pode ir, estarei te esperando”... isso fez com que o Dream abrisse um sorriso curto mas de alívio e logo ele sai do local em que estava, acompanhado de Outer

Enquanto os dois esqueletos estavam em um longo corredor que os mesmos caminhavam sobre um grande tapete vermelho com alguns detalhes dourados, do lado esquerdo era possível ver uma linda vista graças as imensas janelas de vidro e nelas tinha cortinas brancas que balançavam suavemente graças a uma pequena entrada de ar fresco, as janelas estavam presas a uma parede de concreto branca... já o teto tinha algumas decorações de arquitetura com um tom de amarelo claro, o que era bastante bonito e combinava com as cores da roupa que Dream usava, para decorar a parede era possível vê vários quadros, claro que tinha a iluminação adequada no local, a última coisa que deixava o corredor mais bonito era um imenso lustre feito de cristais cintilantes preso ao teto, eles andavam normalmente mas vinham em um profundo silêncio, Outer preferia desviar o olhar de Lord Dream que mantinha a cabeça baixa e o mesmo quebra o silêncio... “Me fale mais, o quê Nightmare aprontou dessa vez?” Dream disse, mas demonstrava uma voz calma e paciente, Outer queria evitar de falar sobre isso mas logo tudo seria descoberto... não se sabe se a reação de seu líder pode ser pior, por mais que ele demostre uma aparência neutra, isso era realmente um mistério, ninguém queria conhecer o outro lado de Dream, pelo menos se ele tem um... melhor se prevenir do que descobrir na hora errada, mas seu Lord sabe ser sério quando quer... já que o que seu irmão tinha feito com certeza iria o deixar irritado, Outer apenas engole em seco e até tenta emitir algo, mas falha miseravelmente

Dream: Desculpe, mas não entendi nada o que disse, poderia repetir novamente? Por gentileza? *ele soa com uma voz pacífica*

Outer: *ele dá um suspiro pesado* Eu acho melhor o senhor descobrir por si mesmo, enfim já chegamos no final desse corredor, parecia que ele nunca acaba

Era possível vê Ink tentando se proteger de Geno, mas Fresh tentava acalmar o irmão como podia, a única solução era o segurando pra não atacar ninguém

Fresh: Você sabe que bater em uns dos aliados de Dream não vai resolver nosso problema

Geno: PELO MENOS PASSA MINHA RAIVA, OU MELHOR, MEU ÓDIO

Fresh: Violência não resolve nada

Geno: Na maioria das vezes trás nossas respostas *ele força um sorriso amigável*

Fresh: Ainda bem que estou te segurando

Ink: *ele avista Dream* Meu Lord, pelo amor de Deus, me ajude! *ele sai de perto de Geno e se esconde atrás de Dream*

Dream: Erm... poderia me dizer o quê está acontecendo aqui?

Geno: QUER SABER? O FILHO DA P- *ele é interrompido*

Fresh: Se acalme, você ficando irritado vai só piorar as coisas

Geno: Urg! *ele respira com calma na intenção de se acalmar* Bom, queria dizer que seu “querido” irmãozinho sequestrou o meu irmão

Dream: Você tem certeza disso?

Geno: Se eu tenho certeza? Eu procurei o Error em todo o canto desse mundo e não o encontrei... se ele não está aqui onde mais seria?

Outer: Mas Lord Dream não tem nada a ver com isso

Geno: Pelo que eu saiba quando criam uma lei, acho que tem uma certa responsabilidade, não sei muito disso, mas burro não sou

Outer: *ele ia dizer algo, mas Dream o interrompeu*

Dream: Ele tem razão, eu tenho responsabilidade daquilo que criei, só não imaginava que Nightmare iria quebrar novamente

Geno: Eu não me surpreendo de mas nada que venha de seu irmão

Fresh: Geno, o quê Lord Dream pode fazer? Com certeza ele não pode ir entrando no castelo do Nightmare e mandar que devolva o Error pra nós

Geno: Ele que se vire, se eu pudesse ia dá um soco na cara de Nightmare!

Dream: *ele sussurra pra Outer* Seu amigo é bem temperamental né?

Outer: *sussurra de volta* Geno é apenas um velho conhecido, desde que o conheci sempre teve esse gênio

Ink: Por isso que não queria ficar com ele

Dream: O “perigo” já passou Ink, pode sair de trás de mim

Ink: Na verdade ele ainda está aqui, mas apenas ficou um pouco mais calmo

Geno: Você pode me soltar? *ele se referia a Fresh*

Fresh: Desculpa *ele solta Geno*

Geno: Obrigado *ele soa com um tom raivoso, mas tentava manter sua calma*

Ink: Eu tenho medo dele

Outer: Meu Deus Ink, para de ser covarde

Ink: Você apenas diz isso, porque não viu o que eu vi

Outer: Nem é dramático 

Geno: Não sei quem é dramático ou não apenas quero que resolva meu problema *ele cruza os braços esperando Dream falar algo*

Dream: Bom *ele esfrega sua mão em seu crânio* Quero dizer que não vai ser muito fácil tirar Error das mãos de meu irmão, afinal seu castelo é até que bem protegido e acho que ninguém vai me deixar entrar lá normalmente, como se não fosse um problema pra eles

Geno: Ou seja, precisamos de um bom plano e um urgente

Dream: Exato, acredito que você e Outer já se conhecem certo?

Geno: Sim, conheço Outer... ele era o melhor amigo de Error... prazer em te reencontrar novamente *ele estende a mão para Outer*

Outer: *ele aperta a mão de Geno* Heh... eu ainda sou amigo dele, apenas estamos distantes, mas nunca quero perder a amizade de Error e é um prazer te encontrar novamente

Dream: Ele vai te acompanhar até uma sala em que possamos conversar em particular e com calma 

Geno: Ah! Desculpa por invadir seu Império do nada, às vezes perco meu juízo

Fresh: “Às vezes” *ele diz sarcasticamente*

Geno: Quer apanhar? *ele encara o Fresh*

Fresh: Nope *em seus óculos era possível vê HELP*

Dream: Heh... *por um momento Dream olha pra o seu lado esquerdo, mas volta para Geno* Está tudo bem, afinal Error é seu irmão, se preocupar com ele é uma prioridade para você

Geno: Sim, temos que ir por onde?

Outer: Me acompanhe *ele sai dali acompanhado de Geno*

Fresh: Geno é assim mesmo

Ink: Pelo menos estou vivo *ele sai de trás de Dream*

Dream: Vou ir novamente pro meu escritório, é bom que Outer fará um pouco de companhia para Geno, primeiro tenho que ir com Blue, ele ainda está me esperando *ele se retira e deixa Ink e Fresh no local*

Fresh: Ele tem muita calma né?

Ink: Sim, ele é um poço de paciência e calma, isso me surpreende 

Fresh: Pensava que ele iria surtar com essa notícia 

Ink: Também

Fresh: E desculpe pelo meu irmão, ele é agressivo “às vezes”

Ink: Ah... apenas fiquei traumatizado, mas um dia supero isso

Fresh: Heh... 

Ink: Sem assuntos *ele desvia o olhar de Fresh*

Fresh: Sim...

 

Com o Dream

Dream chega até a porta de seu escritório, gira a maçaneta, quando a porta foi aberta, ele entra no local, pelo jeito Blue se ocupou seu tempo arrumando os papeis de Dream, o mesmo não estava nada positivo na visão de Blue... “Está tudo bem, senhor?” Blue disse, seu líder balançou sua cabeça negativamente, logo em seguida ele vai até sua cadeira e começa a ler impacientemente cada detalhe do papel no qual tinha que assinar se autorizava a lei... Blueberry já estava preocupado com Dream e dá um copo d’água pro mesmo, Lord Dream agradece e bebe o líquido, ele fica analisando o copo de vidro e de vezes enquanto tinha o olhar para a parede, quando Dream se lembrar por um instante do que Geno disse, isso fez com que jogasse com tudo o copo na parede, o quebrando completamente... Blue se assustou pelo ato de Dream, ele até ia limpar aquela bagunça mas Lord Dream o impede

Dream: Deixa que eu limpo Blue *ele volta a ler o papel*

Blue: Mas... *Dream ainda segurando o papel, olha novamente para Blue* ...Certo

Dream: *ele tinha uma caneta em sua mão e batia o objeto várias vezes na mesa* Arg... não tem como resumir para mim, Blue?

Blue: *ele dá um breve suspiro* Eu não li, apenas o senhor tem autorização para ler esse tipo de documento

Dream: *ele começa a se lamentar* Oh meu Deus

Blue: Me desculpe

Dream: Você não tem culpa Blue... apenas estou frustrado com tudo isso

Blue: Hm...

Dream: Nightmare sequestrou o antigo amigo de Outer

Blue: Pera o quê!? Mas ele não infringiu uma lei?!

Dream: Sim, ele desrespeitou mais uma vez, não me surpreendo muito das ações de meu irmão, mas Nightmare sempre encontra um jeito de me irritar e na maioria das vezes não consigo me controlar e desconto em um copo de vidro... não acha que ia sentir a mesma coisa que eu? *ele olha pra Blue*

Blue: Sinceramente acredito que sim, alguém tendo a intenção de te frustrar... isso pode fazer mal pro seu psicológico, o senhor sabe disso, não acha melhor tirar um tempo só pra você?

Dream: Eu sei, eu sei, mas não consigo ignorar... até que queria mas eu que tenho que autoriza as coisas e colocar tudo em ordem... o pior que só eu posso fazer isso e até então não terei paz tão cedo 

Blue: Vai autorizar ou não a lei?

Dream: Já estou quase terminando de ler *ele ler mais algumas palavras e assina o documento* Está autorizada *ele entrega o papel a Blue* Vou ter que ir agora com Geno, até mas Blue *ele dá tapinhas de leve no ombro do amigo e sorri pro mesmo, logo Dream sai dali*

Lord Dream vai na direção de um outro escritório, que era onde ele e os outros faziam suas estratégias para poder lutar contra o Império da Lua, lá estava Geno e Outer que pareciam ter uma conversa normal, quando Dream entra no local tudo fica em silêncio, o líder podia aparentar está calmo mas dava pra fez o quanto queria acabar com aquilo de uma vez por todas, mas era preciso de muita paciência e calma, esperar o momento certo para entrar no castelo de Nightmare, Dream podia ter escolhido a não ajudar Geno, mas sabia que tinha uma responsabilidade do que havia criado... parece que o veneno de Nightmare colocou sobre Dream estava fazendo efeito, o mesmo estava se esgotando a cada dia que se passava, mas se manter firme e com a mentalidade controlada seria bom para o Lord... talvez um pingo de paz seria bom naquelas horas, por mais que ele seja o guardião da positividade... nem sempre estamos em nossos dias, afinal todos nós temos problemas que deve ser resolvido com clareza... era o que Dream queria, achar uma luz no fim daquele túnel que o prendia

Outer: Por onde devemos começar? 

Dream: Bom... *ele coloca sua mão sobre o mapa que tinha na mesa, o mapa mostrava todos os locais existentes* Fazer uma estratégia de como podemos entrar no castelo de Nightmare, sabemos que não será nada fácil... mas tentaremos o nosso máximo

Geno: Você por acaso já entrou no castelo de seu irmão? *ele se volta para Dream*

Dream: Nunca ousei, sei que podia acabar machucado ou morto... essa será minha primeira vez, por isso que disse que não será nada fácil, mas impossível não vai ser

Outer: Espero que Error esteja bem... se para nós já está sendo difícil, imagina pra ele que está justo com o inimigo

Dream: Sim, acredito que Error está bem, no máximo Nightmare possa ter o ameaçado ou algo do tipo, conheço muito bem meu irmão, apenas não sei de suas estratégias... ele é uma caixinha de surpresas

Geno: Todos nós esperamos que Error esteja bem, mas eu juro se Nightmare ter machucado o meu irmão... eu acabo com a raça daquele canalha *ele dá um soco sobre a mesa que fez balançar alguns objetos que estava sobre a mesma* Com minhas próprias mãos, posso até morrer no final mas levo Nightmare junto comigo... isso é uma promessa!

Geno não falhou em uma sequer letra ou palavra, se permanecia firme com aquela ideia suicida, realmente estava falando sério... isso deixava tanto Outer quanto Dream preocupados, ambos se olhavam e já sabiam o que acham daquilo, pois não sabiam do que Nightmare podia fazer com o irmão de Error, o jeito por enquanto era se permanecer controlado... Geno não ia tirar aquilo tão cedo de sua mente, não até ter novamente Error seguro em sua casa... para piorar todo aquele clima de silêncio, era possível ouvir uma forte chuva que caia lá fora, alguns trovões já davam pra se escutado... em uma única janela que tinha ali era possível vê que o tempo tinha ficado ainda mais escuro, todos se sentam em suas devidas cadeiras para começar a bolar um plano de resgate, Dream olha para o relógio de pêndulo que tinha no local, era possível saber que já era 20:39 da noite, ia ser uma longa noite pra ter um plano exato para se executar, além de Lord Dream, Outer e Geno estarem no cômodo do Império do Sol, o seu companheiro era o relógio que fazia lentamente o som “Tic! Tac!”, era o único som que podia ser ouvido, além da chuva, enfim Dream fala algo

Dream: Acredito para que podemos entrar no castelo, precisamos nos comunicamos com Error, pra sabermos a rotina de cada um, não é possível que ninguém o vigiei 

Outer: Não seria mais fácil apenas pegar Error?

Dream: Tem razão Outer, mas vamos terminar mortos se fomos fazer isso, acho que o melhor a se fazer é saber da rotina de cada um, afinal não vamos entrar de uma hora pra outra já que os aliados de Nightmare não vão deixar de jeito nenhum, Error pode ser nosso informante assim todos nós estaremos seguros 

Outer: Será que podemos fazer com que o Error se infiltrasse dentro do castelo mesmo? Com certeza ele deve está em alguma prisão, Nightmare não seria burro deixar com que um novato andasse em seu castelo como quisesse 

Dream: Podia até dar certo, mas Nightmare pode manipular Error e deixar com que ele fique contra nós, isso é uma possibilidade provável, não podemos negar isso... temos que ser cuidadosos em cada decisão em que tomarmos 

Geno: O único jeito de se comunicar com meu irmão é através de cartas, sei que uma cela não é um local totalmente fechado, pode ter uma janela, nem que seja pequena, um envelope com uma carta dentro, pode passar tranquilamente

Dream: Temos algumas ideias feitas e podemos executar hoje mesmo, depende de você Outer, Error também vai precisar de um tempo pra conseguir as devidas informações, mas Geno *ele se volta pra Geno* Se quiser pode conversar com seu irmão

Geno: Tudo o que mais quero! *ele se segura pra conter suas lágrimas de felicidades, saber como o Error estava, era o que mais importava para Geno naquele momento*

Outer: Recomendo escrever sua carta agora, tomarei coragem e entregar hoje mesmo, serei o seu correio agora *ele pareceu debochado com o último comentário, Outer levou um tapa em seu ombro por Dream*

Dream: Seja sério Outer

Outer: Hehe... vou tentar, vou tentar *mesmo com a lição de Dream, Outer ainda tinha um sorriso estampado em seu rosto, estava se segurando para não rir*

Dream: *ele revira os olhos mas tinha um sorriso amigável* Brincadeira a parte, mas sabe que vai ter que ser bastante cuidadoso com essa missão...

Outer sabia muito bem disso, ele pretendia ir por um atalho pela floresta, assim se aproximaria do castelo de Nightmare com mais segurança, o aliado de Dream se volta para Geno, o mesmo parecia bem concentrado escrevendo sua carta para Error, afinal fazia semanas que não se encontravam ou trocavam uma palavra, o amigo do Glitch resolve enfim olhar para seu líder... “O senhor não vai escrever sua carta?” Outer disse, Dream responde apenas afirmando com a cabeça, ele pega um papel em branco, um pote de tinta que tinha uma pena acinzentada dentro, o guardião tira a pena de dentro do objeto e a segura com sua mão esquerda, logo em seguida começa a fazer sua carta, o líder do Império do Sol sugere a Outer ter algum jeito de poder chamar a atenção do Error, ele ainda não tinha em mente o que fazer, mas com certeza daria um jeito na hora

Dream e Geno dão suas cartas pro Outer, o mesmo coloca os papeis escritos em um envelope... “Recomendo levar uma arma dessa vez, pois você quase acaba morto por Killer, se não fosse por Blue que te ajudou...” Dream disse, realmente Lord Dream tinha razão, Outer prometeu levar alguma arma consigo aquela lição foi inesquecível para o aliado de Dream, a chuva já tinha passado, Outer se despede de Geno e Lord Dream ambos dizem em sincronia “Boa sorte!”, ele sorri com o incentivo, logo vai na direção da porta e abre a mesma, enfim sai daquele local... quando chega a entrada do Império, Ink abriu as portas, o céu estava tomado pela escuridão além de está a noite, mas o tempo estava nublado, Outer solta um suspiro baixo e sai de dentro do Império de Dream, deixando Fresh e Ink pra trás, ele caminha mais um pouco e enfim sai do território de Lord Dream, Outer andava normalmente e tinha uma bolsa de couro azul-escuro consigo, dentro dela tinha o envelope e outras coisas, se ele levantasse um pouco mais seu casaco era possível deixar amostra uma faca, Outer havia afiado ela justamente se cruzasse com algum integrante do Império da Lua, principalmente Killer...

 

Quebra de tempo

Infelizmente por causa da chuva, a floresta tinha inundado completamente, era normal naquela estação do ano... então Outer teve que mudar de direção de seu percurso, o único jeito pra chegar no castelo era indo pro caminho principal... o aliado de Dream caminhava em passos largos, parecia que estava sendo observado, mas para seu alívio era somente uma coruja, por onde ele olhava havia árvores sombrias, Outer se encolheu um pouco e abraçou a si mesmo, aquilo fez o sentir medo e teve uma breve ilusão em que parecia que umas das árvores podia o agarrar a qualquer momento... ainda bem que era coisa de sua mente e o medo provocou tudo isso, para chegar ao castelo era preciso andar mais um pouco, pra piorar as coisas começa a chuviscar, possivelmente iria cair uma tempestade, mais um motivo pra Outer terminar seu serviço... ele toma um leve susto quando ouve um trovão e vê um raio cortando o céu, isso faz com que o castelo se ilumine por fora graças a luz que o raio provocou... realmente foi uma imagem perturbadora...

 

.

.

.

.

.

.

Continua


Notas Finais


,_, Agora coloco "Continua"

Eu editei os outros caps, todos estão com o "Continua" uwu


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...