História In Love With My Brother - Capítulo 36


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bangtan Boys, Bts, Bts Incesto, Imagine Taehyung, Incesto, Taehyung
Visualizações 115
Palavras 2.372
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Mistério, Poesias, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oie gente, turu bom?
Desculpem qualquer erro ai galerão.
Boa leitura <3

Capítulo 36 - Namoro?


Fanfic / Fanfiction In Love With My Brother - Capítulo 36 - Namoro?

 Anteriormente...

Sem nem perceber, eu adormeci.

Atualmente...

Kim Taehyung P.V.O

Senti um peso em meu ombro e vejo ser Angel dormindo. A olho e aprecio sua baleza sorrindo igual um bobo.

Angel é tão linda, tão preciosa, tão perfeita para mim, eu amo essa mulher, pena que o universo não quis que ficássemos juntos. 

Pego ela em meu colo estilo noiva e subo as escadas a levando para seu quarto, pensei em leva-la para o meu, mas quando ela acordasse me mataria.

Coloco ela deitada em sua cama com todo o cuidado para não acorda-la, tiro seus tênis e a cubro. Me sento ao seu lado e fico admirando seu rosto, seu nariz com o piercing que não vou mentir, eu gostei, ela ficou mais bonita do que já era. 

Eu queria poder ter ela para mim, só para mim, mas o Hoseok infelizmente agora tem ela, não que ela seja um objeto, mas vocês me entenderam. Eu queria tocar nela, beijar ela, abraçar ela, ter ela. Ela é simplesmente a mulher que eu quero para a minha vida inteira, mas a vida não é perfeita.

Th-Se você soubesse o quanto eu te amo e que toda essa história é uma mentira, você estaria deitada na minha cama enquanto eu faço carinho em seus cabelos agora-suspiro.

Fico lhe encarando dormindo suavemente, por impulso eu selo seus lábios com leveza, ela não acorda e eu me levanto rapidamente. Eu não devia ter feito isso!

Me encaminho rapidamente para a porta e apago a luz, eu iria sair, mas olhei para trás e corri até ela lhe dando um beijo rápido na testa, corro de volta até a porta e a fecho com um sorriso bobo no rosto.

Eu não deveria ter a beijado com ela dormindo, mas eu não consegui segurar, precisava sentir seus lábios novamente.

Vou para a sala vejo Namjoon em um sono profundo enquanto ronca, desligo a TV, coloco as coisas sujas na pia da cozinha. Vou até Namjoon e o balanço.

Th-Nam, acorda-mexo em seu braço.

Nj-Hm-murmura.

Th-Anda Nam, vai para o seu quarto-o balanço mais forte.

Nj-Ah? O que aconteceu?-diz abrindo os olhos.

Th-Você dormiu no meio do filme.

Nj-Ahta, bom eu vou para o meu quarto-se levanta ainda meio zonzo-Boa noite Taehyung-quase bate de cara na parede

Th-Boa noite Nam, cuidado para não quebrar nada no meio do caminho-brinco.

Nj-Palhaço-riu fraco.

Apago as luzes da casa, ligo o alarme de segurança e vou para o meu quarto dormir.

 Dia seguinte...

Kim Angel P.V.O

Abro os meus olhos com dificuldade, olho ao redor e vejo estar em meu quarto, fico confusa pois eu dormi na sala pelo o que me lembro, quem me trouxe até aqui? Aish, deve ter sido o Namjoon.

Me levanto indo direto para o banheiro tomar um banho. Tomo meu banho, visto uma blusa branca, um short jeans meio curto, uma jaqueta jeans clara, um All Star azul e algumas pusseiras que ganhei de Taehyung.

Passo um perfume, me olho no espelho e não estou nada mal, dou uma arrumada no cabelo, pego minha mochila e vou para a cozinha.

Estava Namjoon ali comendo.

A-Cadê a omma e o appa?

Nj-Foram trabalhar, como sempre-diz passando geleia em seu pão.

A-Hm, obrigada por ter me levado até o meu quarto ontem a noite-me sento.

Nj-O que?-me olha confuso.

A-Como assim "O que"? Você me colocou na cama ontem depois do filme, não foi?

Nj-Não, não foi eu.

A-Então...

Th-Foi eu!-entra na cozinha, pega um suco na geladeira e se senta conosco.

A-Porque fez isso?-o olho desconfiada.

Th-Não iria deixar você dormir no sofá então a levei para o quarto, não quis te acordar pois você parecia estar bem cansada.

A-Oh...o-obrigada, eu acho-olho para os lados.

Logo terminei de comer e peguei minha mochila. 

Nj-Ei, me espere-pegou sua mochila-Vem com a gente Taehyung!

Th-Nam eu...

Nj-Vem logo!-empurra ele até o carro.

Todos entramos no carro e fomos em direção a escola.

(...)

Jin-Oie gente!

A-Jin!-o abraço forte.

Jin-Calma maninha, nos vimos ontem.

A-Eu sei, mas eu já estava com saudades-sorrimos.

Jk-Então gente, que tal vocês dormirem lá em casa hoje hein?

Yg-É, só não quebrem nenhum dos bonecos do Jungkook que ele fica bravinho-fez careta para o irmão.

Jk-Cala a boca hyung!-mandou bravo-Então gente, o que acham?

Hs-Eu vou!-chegou por trás de mim me abraçando-Oie anjo-beijou minha bochecha.

A-Oi hobi-sorri.

Hs-E esse short curto? Está querendo me provocar?-sussurra em meu ouvido me deixando arrepiada.

A-Imagina-sorrio inocente.

Hs-Não sabe os meus pensamentos agora.

A-Aqui não seu tarado-rimos.

Jm-Eu vou também.

Jin-Vou se eu puder levar a Min-Hee.

Jk-Claro que pode.

Nj-Eu topo!

L-Também

A-Já que todos vão então eu também vou.

Th-Eu acho que não vou não gente...-diz com a mão na nuca.

Jk-Porque não?

Th-Sei lá, não estou muito no clima.

Yg-Ele vai sim, Taehyung para de graça capeta!

Th-Aish! Tudo bem, eu vou.

Jk-Ótimo, as 20:00 lá em casa!

Todos-Ok!

O sinal toca e todos nós vamos para as nossas salas.

(...)

Já era a hora da saída, as aulas foram bem puxadas hoje. Estava saindo da escola junto ao pessoal quando ouço alguém gritar meu nome.

X-Angel!-olho para o lado e vejo Yugyeom.

A-Yug!-o abraço-O que faz aqui?

Yug-Eu vim falar com a minha omma, ela trabalha aqui.

A-Oh sério? Eu estudo aqui-sorrio.

Yug-Que coincidência, minha omma é a diretora daqui.

A-Wow, não fazia ideia-ouço umas tocidas falsas atrás de mim e me lembro do povo-Ah...então gente esse aqui é o Yugyeom, ele é o modelo da Gucci que eu costumo fotografar. Esses são Seokjin, Namjoon e Taehyung, meus irmãos, Laurence, Jimin e Jungkook, meus melhores amigos, Yoongi irmão de Jungkook e Hoseok meu...amigo!

Todos-Prazer!

Yug-Oh o prazer é todo meu-sorriu.

A-Então, e seu noivo?

Yug-Ele está em casa resolvendo algumas coisas sobre o nosso casamento-sorriu feliz.

L-Você é gay?

Yug-Sim-coçou sua nuca.

L-Felicidades a você e ao seu noivo.

Yug-Obrigada-sorriram-Então Angel, eu vou almoçar e depois ir direto para a empresa, pensei em nós almoçarmos juntos e irmos para lá.

A-Oh tem certeza que não te incomoda?

Yug-Claro que não, você agora é a minha amiga.

A-Se é assim, então tudo bem-dei de ombros-Gente eu já vou indo nessa, a gente se encontra na casa do Jungkook.

Yg-Na verdade a casa é minha neh, mas...

A-Você entendeu idiota-ri.

Hs-Tchau, bom trabalho anjo-me deu um selinho demorado.

A-Obrigada Hobi. Tchau gente!

Todos-Tchau!

Entrei no carro de Yugyeom e fomos o caminho conversando.

Yug-Hmm amigo neh? Hoseok não me parece ser só seu amigo-sorriu malicioso.

A-Ain a gente tem uma amizade colorida.

Yug-Gosto! É bom entrar em aventuras as vezes-sorriu.

A-Verdade.

Seu celular começou a tocar e a foto de Jinyoung apareceu na tela, espera, o que o meu primo está fazendo na tela do celular de Yug?

Yug-Aish não posso atender agora, deixa tocar.

A-Conhece Jinyoung?

Yug-Claro, ele é o meu noivo-riu e eu arregalei os olhos.

A-O QUE?!-digo surpresa-O Jinyoung é seu noivo?!

Yug-O conhece?

A-Sim, ele é o meu primo! 

Yug-Ah mentira!! Não acredito!-me olhou surpreso e logo voltou sua atenção para o trânsito.

A-Seríssimo!

Yug-Que coincidência!-rimos.

A-Muita!

O celular começou a tocar de novo, Yugyeom atendeu e colocou no viva-voz.

Yug-Oie amor!

Jyg-Oie meu anjo, onde está?

Yug-Estou no carro indo para o restaurante almoçar e você?

Jyg-Acabei de resolver a papelada do casamento e agora vou comer.

Yug-Hm, você não sabe quem está aqui do meu lado.

Jyg-Quem?

A-Oie Jinyoung, aqui é a Angel.

Jyg-Angel? Minha priminha? É você mesmo?-altera a voz

A-Eu mesma!!

Jyg-Aaahh que saudades, finalmente saiu daquele hospício que você chama de escola! Como você está?

A-Ah eu estou bem, também senti saudades.

Jyg-Espera, como vocês dois se conhecem?

Yug-Adivinha quem é a fotógrafa novata que te falei.

Jyg-MENTIRAAAA!! Meu deus que ótimo!

A-É, o mundo é bem maluco as vezes.

Jyg-A gente poderia se encontrar qualquer dia desses. Como estão seus outros irmãos?

A-Ah claro, e eles estão ótimos!

Jyg-Ai que bom, não vou mais tomar o tempo de vocês pois o Yug está dirigindo e qualquer coisa esse embuste bate com o carro, é perigoso andar de carro com ele

Yug-Calado Jinyoung!-diz fazendo Jinyoung rir.

Jyg-Bom, é isso, Tchau amor, tchau Angel, foi bom falar com você de novo, bom trabalho para os dois!

Angel e Yug-Tchau!

Yug desligou o celular e parou o carro em frente ao um restaurante.

A-Nha foi bom falar com ele, fazia mais de 13 anos que não nos falávamos.

Yug-Quem sabe não se encontram por ai-sorriu.

Sentamos em uma mesa no canto e fizemos nossos pedimos.

A-Quando irá ser o casamento?

Yug-Ainda vamos marcar a data-diz comendo.

A-Entendi.

Yug-E você e o seu ex? Já superou?

A-Superar eu não superei, mas estou tentando esquecer ele aos poucos.

Yug-Faz bem-sorriu.

Logo acabamos de almoçar e fomos direto para a empresa, o dia iria ser puxado hoje.

(...)

(...)

Eu já estava em casa me preparando para passar a noite na casa do Kookie. Coloquei algumas roupas na minha mochila e desci.

Omma-Se divirtam, não façam besteiras ok?

A-Pode deixar omma.

Appa-Tomem cuidado com o que vão fazer lá, o perigo está onde vocês menos esperam-diz encarando Taehyung que engole o seco.

Th-A-ah tudo bem, vamos.

Nj-Meu carro está sem gasolina, vamos ter que ir no seu Taehyung.

Th-Tudo bem-ele pegou as suas chaves e logo saímos se despedindo de nossos pais.

Entramos dentro do carro e fomos a caminho da casa do Kookie.

(...)

Já estavam todos lá jogados pela sala. Logo apareceu os pais dos meninos, Sr.Min e Sra.Jeon

Sra.J-Oie crianças, oie meu filho-deu um beijo na bochecha de Jungkook.

Jk-Oie omma.

Sr.M-Então, fiquem a vontade, tem comida e bebida na cozinha, não quebrem nada e não façam muito barulho. Yoongi não mexa no meu vinho pelo amor, já está quase na metade por causa de você e você sabe como eu amo meu vinho branco.

Yg-Eu sei appa, pode deixar-riu fraco.

Sra.J-Nós iremos dormir agora, qualquer coisa é só chamar, boa noite!

Todos-Boa noite.

Th-MinMin mexe no vinho do papai é?

Yg-Ele deixa na minha vista, então não posso fazer nada-riu.

Jm-Meus sogros são muito de boas-diz abraçado ao Kookie.

L-Eu que o diga-sorriu.

A-Vocês não sabem quem eu descobri que é o noivo do Yugyeom.

Jin-Quem?

A-Park Jinyoung!

Nj-O que? O Park Jinyoung nosso primo? O mesmo Park Jinyoung que beijou o Taehyung?-diz nos fazendo rir.

Th-Não precisava lembrar desgraça-revira os olhos.

A-Esse mesmo Park Jinyoung ai-balancei a cabeça positivamente.

Jin-Que coincidência.

Jk-Então, o que querem fazer? Jogar algo, ver algum filme, comer ou já querem ir dormir?

Yg-Eu aceito a opção de ir dormir-diz com cara de sono.

Hs-Acho que jogar algo enquanto comemos é uma boa.

Min-Hee-Então vai ser isso.

Jin-Tá, mas qual o jogo?

Nj-Que tal, eu nunca?

A-Pode ser-deu de ombros.

Yoongi pegou pizza, batata frita e mais algumas outras besteiras. Nos sentamos em um círculo no chão e começamos a brincar.

L-Eu nunca peguei comida do lixo e comi.

Jungkook, Taehyung e Namjoon apaixaram um dedo.

Yg-Que nojo mano-fez careta.

Th-Quando a fome é muita a gente faz qualquer coisa.

Nj-Eu nunca fiquei com algum membro da família-diz, mas depois ficou meio sem jeito pois se lembrou de mim e Taehyung.

Todos abaixaram um dedo, menos o Jimin.

Jm-O que há com vocês para fazerem tanto incesto?

Min-Hee-Quem nunca ficou com algum primo neh.

Jm-Eu!-cruzou os braços e nós rimos.

Hs-Eu nunca pedi alguém em namoro-me encarou sorrindo.

Jk-Fácil!

Todos abaixaram, menos eu, Laurence e Hoseok.

Fomos jogando até cansar e dar sono. Logo arrumamos tudo ali na sala e fomos para os quartos.

Yg-Divisão dos quartos a seguinte: Jungkook e Jimin, Jin e Min-Hee, Eu e Laurence, Taehyung e Namjoon, Angel e Hoseok ok?

Todos-Ok!

Fomos direto para os quartos, tomei um banho quente rápido e me deitei ao lado de Hoseok.

Hs-Como foi no trabalho?

A-Ah foi normal, mas bem cansativo. 

Hs-Entendo. Está com sono?

A-Muito-bocejo.

Hs-Então venha cá-me puxa para mais perto e eu me aconchego em seus braços fortes-Boa noite anjo.

A-Boa noite Hobi.

Dia seguinte...

Acordo e Hoseok já não está mais do meu lado, vou ao banheiro e faço minhas higienes. Não iríamos a faculdade hoje pois simplesmente não queríamos.

Tomo um banho rápido, pego um moletom cinza e um short jeans na minha mochila e os visto, coloco o meu tênis e desço.

Estavam todos na mesa comendo.

A-Bom dia!-me sentei ao lado de Hoseok.

Todos-Bom dia!

A-Uau, essas panquecas estão ótimas, quem as fez?

Sra.J-Foi eu que fiz!-sorriu-gostou?

A-Está maravilhoso Sra.Jeon-digo comendo mais.

Hs-Bom eu gostaria de fazer uma coisa, já que todos estão aqui-se levantou e foi para a frente da mesa.

Yg-Lá vem!-todos encaram Hoseok.

Hs-Bom, nesses últimos tempos eu tenho sentido coisas muito diferentes, eu nunca havia sentido algo assim por ninguém. Quando entrei para a Universidade conheci uma garota-me encarou-Que me faz muito feliz, me faz querer continuar, jamais pensei que me apaixonaria assim tão fácil pois eu nunca me apaixonei por alguém, nunca nem tive um relacionamento. Quando eu vi aquele sorriso, eu já sabia que eu iria me ferrar, eu sofri pois essa garota gostava de outra pessoa, mas eu vi uma chance para eu tentar conquista-la e acho que aos poucos estou conseguindo fazer isso-ele pega na minha mão me fazendo levantar e ficar de frente para ele-Essa garota é você Angel, sempre foi você, eu sou apaixonado por você a muito tempo, mas eu nunca tive a chance de desmontrar isso. Eu só quero que me deixe te fazer feliz, que me deixe ser sua esperança-ele se ajoelha e abre uma caixinha com dois anéis-Sei que é cedo, mas...você aceita namorar comigo?

Fiquei sem palavras, simplesmente sem palavras ao que Hoseok disse.

A-E-Eu aceito, é claro que aceito!-ele sorriu se levantando e colocou a aliança no meu dedo, fiz o mesmo com ele.

Hs-Que bom que aceitou-ele me puxa pela nuca e me da um beijo bem calmo e apaixonado.

A-Claro que eu iria aceitar bobinho-toco seu nariz.

Todos nos deram os parabéns e nos abraçaram, olho para o lado e Taehyung e Yoongi não estão mais ali. Para onde será que foram?

Kim Taehyung P.V.O

Ver aquela cena, dos dois colocando alianças nos dedos um do outro me deu dor, me deu vontade de chorar e sair correndo, e foi isso que eu fiz, acima de tudo eu ainda sou um ser humano.

Eu estava no quarto de Yoongi, eu só sabia chorar e chorar, chorava de soluçar. Porque a vida tem que ser assim? Por que? Tudo que eu queria era poder ficar com a Angel, isso é pedir muito?! E agora ela está nos braços de outro alguém, agora ela ama outro alguém! Eu não aguento mais isso!

Yg-Taehyung, eu vi você saindo correndo da cozinha, é por causa da Angel não é?

Th-Me deixa em paz Yoongi!-peço limpando minhas lágrimas.

Yg-Taehyung o que está acontecendo?-se senta ao meu lado e eu me levanto histérico.

Th-O que está acontecendo? Ah o que está acontecendo? EU VOU TE DIZER O QUE ESTÁ ACONTECENDO! O que está acontecendo é que eu perdi a mulher da minha vida para o Hoseok, é isso que está acontecendo!-fungo-Meu appa é o maior traficante da Coréia e está me ameaçando a matar a mulher que eu amo para eu casar com outra pessoa, tudo porque? POR CAUSA DA PORRA DOS NEGÓCIOS DELE, E POR CAUSA DE TODA ESSA MERDA EU PERDI A MULHER DA MINHA VIDA. E sabe o que é engraçado? É que ela nem minha irmã inteira é!-coloquei tudo para fora de uma vez chorando descontroladamente sem conseguir parar.

Yg-O-que?


Continua...?


Notas Finais


Joguei a bomba! Então gente sei que é meio tarde para eu estar postando, era para esse capítulo ter saído mais cedo, mas acabei me distraindo com o dorama kkkkkkk bom, mas pelo menos eu postei neh? ;-;
Não sei quando sai o próximo capítulo, mas provavelmente não irá demorar.
Amo vocês.
Beijo no pâncreas <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...