História In Soul - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Tags Historia Lixo
Visualizações 6
Palavras 854
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Ficção, LGBT, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Sobrenatural, Violência
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oi, estou no tédio então aqui vai uma historia que eu acabei de criar e já me arrependo profundamente haha.

Os títulos serão frases de musicas que eu gosto, e por curiosidade elas sempre estarão nas notas finais

AGORA temos no whattpad para vc ver, com o mesmo nome

Capítulo 1 - Welcome to my darkness, I been here a while


Denny

-Denny- Hoje o dia foi chato, não acha?

-Adam- Todos os dias são chatos

-Denny- Até mesmo comigo te importunando sempre?

-Adam- A escola é chata, de você eu até gosto

-Denny- he, fico feliz de ouvir isso, aliás não esqueça de entregar o trabalho em dupla que a prof passou

-Adam- Me lembra quando eu pegar no celular, é mais fácil para eu lembrar

-Denny- Vamos apressando, o intervalo já já acaba e a professora não vai deixar nós entrarmos atrasados

-Adam- ok
  O dia estava normal, tudo acontecendo como sempre, nada de novo, até algumas horas atrás. Cheguei exausto em casa como quase todos os dias, lavei as mãos e fui bater um rango. Eu havia recebido uma mensagem do Adam, mas não estava em condições de responder na hora.Estava terminando de comer, quando eu ouvi batidas na porta, e mal terminei de abrir quando um homem mascarado que deu uma ombrada com tudo e apontou uma arma para mim, gritando para colocar as mão na cabeça, minha família na hora correu para ver o que era- como se de longe não era óbvio de se perceber- e consequentemente eles também foram rendidos e agora nossas chances de sair dessa diminuíram bastante, o “amiguinho” dele levou minha família para um sótão que temos embaixo da escada, apenas deixando eu e minha irmã como prisioneiros, para que nada os atrapalhasse. Aquele inferno pareceu estar quase acabando, com os ladrões indo para porta sempre com a arma apontada para os meus pais, eu infelizmente não contava com o sequestro relâmpago que eles fizeram comigo e com a minha irmã, amordaçaram-nos numa velocidade incrível para alguém que acabou de roubar uma família inocente e estava suando igual a um,a um… sei lá, alguma coisa que soa bastante -até parecia o primeiro roubo deles, e eu estou achando que realmente que é isso- eles nocautearam nós dois e colocaram em um porta malas e saíram vazados dali.
  Acordei com a cabeça doendo para um cacete, tipo uma enxaqueca, eu acho que eles estavam falando sobre vender nossos órgãos no mercado negro, esses caras queriam mesmo dinheiro; tentei levantar mas as amarras estavam apertadas demais, então eu apenas sentei, ainda bem que a minha irmã não estava acordada.Vendo que eu estava acordado, um deles veio até mim, e me dando um soco no olho, e outro, e outro até que eu estivesse zonzo, caí outra vez no chão e estava quase fechando os olhos de novo quando ouvi um barulho, um estrondo para ser mais específico, alguém entrou no lugar e começou a lutar com todos que estavam alí e decapitando cada um,ele vestia uma armadura preta reluzente até mesmo na falta da luz;ele tinha cabeças de shinshi tanto nos ombros quanto nos joelhos e vestia uma máscara de hannya , depois ele colocou uma de tampão de orelha na minha irmã, me desamarrou e dando uns tapinhas fracos no meu rosto para me acordar de vez, admito que estava com o coração na garganta e com o cú tão fechado que não passava wi-fi, perguntei quase que instantaneamente pra ele.

-Denny- V-Você vai me matar?

-Mascarado- Não, agora deixa eu curar esse olho ai, den.

Ele ergueu a mão e com um pouco d'água jogou no meu olho.

-Mascarado- Seu olho vai curar daqui algumas horas.

  E percebi que aquele não era só um ser de armadura e mascara que me salvou, mas sim o meu “bf” Adam, pois só e apenas ele me chama de den, e eu acho que ele percebeu o que tinha falado.

-Denny- Adam? é você?

-Mascarado- N-Não, nem conheço esse tal de adam, sou eu não

-Denny- Óbvio que é você, nem tente me enganar, agora tire essa máscara.

-Adam- Pff, okay okay, me pegou.

-Denny- Por que você não me contou que era um assassino/ninja?

-Adam- Porquê eu não sou, mas não temos mais tempo, eu liguei para a polícia, limpe o sangue no seu rosto, eu vou limpar o sangue dessa sala e retirar os corpos, amanhã eu vou te explicar isso tudo melhor, apenas confie em mim.

-Denny- Eu confio.

  Dava para ouvir o barulho das sirenes lá fora, desviei minha atenção dele por segundos para ver se minha irmã tinha acordado, graças ao deus não, então voltei meu olhar para ele, bom, se ele estivesse aqui, ele sumiu com todos os corpos e o sangue, deitei no chão de novo apenas fingindo que ainda estava desacordado, Porque sou muito cínico e sou um dos melhores;os policiais entraram pela porta já arrombada, então nos pegaram e colocaram em macas para irmos ao hospital, quase dormindo eu apenas ouvi que apesar do olho roxo eu estava “bem”, fiquei mais ou menos 2 horas nos hospital antes de levar alta, demorou 2 minutos para que minha família começar a fazer perguntas, tanto na ala de espera do hospital quanto no carro e até em casa, ignorei todas elas e fui direto para cama dormir- depois de um belo e longo banho- e aquilo ficou na minha cabeça por horas até que nós nos encontrássemos de novo.


Notas Finais


o título foi tirada da musica: dark side- bishop briggs


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...