1. Spirit Fanfics >
  2. In The Next Life-MITW >
  3. Finally found you...?

História In The Next Life-MITW - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


Obrigada por todo apoio até agora, estou adorando escrever e fico feliz em ver que tem pessaoas gostando, vocês são incríveis! Amo todos vocês e um beijo no coração!

Capítulo 3 - Finally found you...?


 

Thomas caminha pelos corredores quando avista um garoto sentado em um banco perto de uma jaenela lendo um livro.

Thomas: (( Então esse é o calouro que todos estão falando....não entendo porque implicam tanto com ele, só porque a família dele ajuda muito na faculdade e tem muita influência financeira não quer dizer que ele só conseguiu entrar por isso....ele parece bastante inteligente...e bonito também... Talvez eu devesse falar com ele... parece tão sozinho...))

 

Thomas se aproxima do garoto, mas ele é ignorado. Em mais uma tentativa de chamar sua atenção, Thomas aproxima seu rosto do garoto, finalmente chamando sua atenção e o fazendo perguntar em um tom bem sério...

 

Matteo: O que você quer...?

Thomas: A-Ah...bem, eu...vi que você estava aí sozinho e vim de fazer companhia....

Matteo: Obrigado...dispenso...-ele volta a ler o livro-

Thomas: ((Que chato, eu só queria conversar.... Ah! Mas eu não vou desistir assim tão fácil.))

 

Thomas se senta no chão na frente do garoto e começa a encara-lo com uma carinha de cachorro sem dono.

 

Matteo: Não tem outra pessoa pra encher o saco...?

Thomas: Não, meus amigos estão por aí correndo atrás de garotas.... –ele continua encarando-

Matteo: E por que não foi com eles ao invés de ficar aqui me perturbando...?

Thomas: Digamos que meu gosto pra flertes são diferentes dos deles...

Matteo: E...?

Thomas: E você está sempre sozinho, achei que poderia querer companhia ué.

Matteo: Eu não preciso de companhia...

Thomas: Todos precisam de companhia, não se sente triste sozinho...?

Matteo: Não é da sua conta...e também, ninguém fica perto de mim a não ser que queiram algo...por que com você seria diferente?

Thomas: Está se referindo a influência dos seus pais sobre a faculdade? Oras, eu não dou a mínima pra isso, não preciso de influência dos outros pra conseguir algo, quero te fazer companhia porque gostei de você e quero ser seu amigo.

Matteo: Não preciso de amigos...

Thomas: Ah, larga mão de ser chato, até parece que tem um coração de pedra... –ele faz um biquinho de emburrado e cruza os braços-

Matteo: A-an.....

Thomas: Ah! Já que não quer ser meu amigo......posso flertar com você, certo? –ele pergunta com uma carinha de inocente-

Matteo O-o que?! Você nem sabe meu nome, como faz esse tipo de pergunta?! E se tivesse alguém ouvindo?!

Thomas: Ah, eu não ligo para o que as pessoas acham e sobre seu nome, por que não me fala, em?

Matteo: M-me recuso. –ele fica um pouco vermelho-

 

Thomas ri da reação do garoto, se levanta e se senta do lado dele estendo a mão.

 

Thomas: Me chamo Thomas, sou da faculdade de economia, prazer. –ele dá um enorme sorriso-

Matteo: Me chamo Matteo, sou da faculdade de administração...

Thomas: Viu? Não é tão difícil dizer seu nome. –ele ri para brincar com a cara do garoto-

Matteo: Cala a boca...

 

Matteo aperta a bochecha de Thomas como forma de repreendê-lo.

 

Thomas: Ai! Isso dói...

 

Thomas faz uma cara fofa que faz com que Matteo o solte e fique o encarando enquanto dá um enorme sorriso ingênuo.

 

   ...........................................

 

Tarik está sentado em uma das mesas no pátio desenhando a cena dos dois garotos que viu em seus sonhos, enquanto isso espera Rafael chegar.

 

Tarik: ((Foi assim que eles se conheceram...será que eles eram dessa universidade...?))

Rafael: Viajando de novo, Tarik?

Tarik: Hum..? Ah, não, só estava pensando...quando foi que chegou? Nem te vi...

Rafael: Por que será? –ele ri debochando do amigo-

Tarik: Haha...

Rafael: Cheguei agora pouco. Aliás, por que você sempre chega tão cedo?

Tarik: Eu não consigo dormir muito por....

Rafael: Por..?

Tarik: Bem, eu tenho muitos sonhos e acabo acordando muito angustiado e com dor no peito... então não consigo dormir de novo...

Rafael: Dor no peito? Tem algum problema de coração?

Tarik: Não que eu saiba, mas ele dói bastante quando eu fico angustiado...

Rafael: Isso não faz nada bem, devia consultar um médico o quanto antes. –ele fala em um tom de preocupação-

Tarik: Eu vou ficar bem, não precisa se preocupar. –ele sorri gentilmente-

Rafael: Não me venha com essa, seu cabeça de pudim.  

 

Rafael passa seu braço pelo pescoço de Tarik e bagunça seu cabelo com a outra mão.

 

Tarik: Ei! Me solta!

Rafael: Bem feito pra você.

 

Na mesma hora uma jovem de óculos e de coque se aproxima deles.

 

Kate: Tarik!

Tarik: Hum? Kate!

Rafael: Mas hein...?

Kate: Hum...? LOIRINHO?!

Rafael: POMPOM?!

 

Ambos apontam um para o outro com cara de espanto e Tarik olha sem entender.

 

Tarik: V-vocês se conhecem...?

Kate: Esse paspalho aí me acertou uma bolada no primeiro dia de aula e quebrou meus óculos!

Rafael: Eu pedi desculpas! Você simplesmente começou a me xingar e saiu andando!

Kate: Eu acho que devia ter xingado mais! Vem Tarik, vamos embora!

 

Ela puxa o braço de Tarik, mas em seguida Rafael segura o outro, o impedindo de segui-la.

 

Rafael: Calminha ai! O Tarik vai comigo! Não é seguro ficar perto dessa maluca!

Kate: Quem você está chamando de maluca?! O maluco aqui é você e eu não vou deixar alguém assim perto de um garotinho gentil e inocente como o Tarik!

Rafael: Eu é que não vou deixar alguém como você ficar perto dele!

Tarik: Ei! Quando foi que eu entrei no meio da história?!

Kate&Rafael: Quieto!!

 

Eles começam a puxar Tarik, um para cada direção diferente, então Tarik se solta e repreende os dois.

 

Tarik: Chegaaa! Eu não vou com nenhum de vocês dois! Já está na hora de esquecer essa briga boba.

Kate&Rafael: Mas...

Tarik: Sem “mas”, vocês precisam se dar bem, o passado fica no passado.

 

Tarik vai em direção a sua sala, deixando os dois para trás.

 

Kate: E-espera! –ela o segue-                       

Rafael: Esperem por mim! –ele corre atrás dos dois-

 

.............................

 

Mike e Felipe estão na sala do clube de basquete arrumando alguns papéis, mas Mike está bem pensativo e distraído.

 

Felipe: Mike, Mike!

Mike: Hum...? O que foi?

Felipe: O que está pensando? Está mais distraído que o normal....

Mike: Não é nada...daqui a pouco é hora do almoço, temos que terminar de analisar essas fichas logo...

Felipe: Meu Deus, seu chato. Nunca me conta nada... –ele faz cara de emburrado-

Mike: Volte ao trabalho...

Felipe: Hum...

 

Felipe analisa as fichas quando se depara com uma em especial, a foto nela é de um garoto loiro de olhos azuis chamado Rafael. Ele o conhecia de vista, mas gostava do que via....

 

Felipe: Rafael, né...? Interessante...

 

NA HORA DO ALMOÇO....

 

Kate e Rafael estão sentados um na frente do outro e Tarik está na ponta da mesa apenas observando eles se encararem com raiva um do outro.

 

Tarik: Dá pra vocês esquecerem suas desavenças e serem amigos....por favor?

Kate: Não.

Rafael: Nem pensar.

Tarik: Ah...fala sério....

 

Tarik está decidido em fazer os dois se darem bem, então começa a tentar puxar assunto.

 

Tarik: Dia bonito, não?

Rafael: Esse pompom aí está tapando minha visão da luz do Sol.

Kate: E esse seu bafo está tirando meu apetite. Ah! Não, pera...é seu cheiro de sempre, né?

Tarik: Já chega! Vocês parecem duas crianças! Eu tenho um desafio pra vocês, se ficarem sem se xingar por uma semana podem pedir o que quiserem que eu faço com o maior prazer!

Kate: Hum...é uma oferta tentadora...

Rafael: Talvez possamos negociar...

Tarik: Certo, então apertem as mãos como sinal de comprometimento.

 

Eles apertam as mãos e se encaram.

 

Kate: Boa sorte....colega...

Rafael: Pra você também...

Tarik: ((Meu Deus....me ajude com esses dois.)) ^-^”

Rafael: Ah! Eu vou me atrasar pra encontrar você Tarik. Tenho mais uma reunião do clube e depois vamos treinar um pouco.

Tarik: Eu te encontro no clube então.

Kate: Eu vou junto.

Rafael: Por quê?!

Kate: Meu irmão também é do clube e eu tenho que ir pra casa com ele hoje, algum problema?

Rafael: Não, nenhum...imagina... ((Chata...))

Kate: ((Intrometido..))

Tarik: Enfim, vamos, já deu a hora. Nos vemos mais tarde no clube, Rafael.

Rafael: Até...

 

Tarik e Kate vão para o clube de arte, enquanto Rafael segue para o clube de basquete meio emburrado...

 

Sarah: Olá, pessoal! Infelizmente o presidente não pode estra aqui novamente...então eu vou auxilia-los novamente. –ela dá um sorriso meio apreensivo-

Kate: ~Qual é a desse presidente de novo....?~

Tarik: ~Você conhece ele..?~

Kate: ~Ele aparece de vez em quando, mas na maioria das vezes deixa o trabalho todo pra Sarah...~

Tarik: ~Sério? Por que não tiram ele do cargo...?~

Kate: ~Eu me pergunto isso desde que entrei...

Sarah: Certo, pra começarmos faremos desenhos com diferentes temas toda a semana os melhores serão colocados no mural do clube. Tudo certo? Então podemos começar. O tema dessa semana é sonho, cada um de vocês pode interpreta-lo como desejar e transporta-lo para o papel.

 

Todos começam a desenhar e algumas horas depois Sarah avisa que eles poderão terminar em suas casas e que já deu o horário.

 

Kate: O que desenhou?

Tarik: Um sonho que tenho com muita frequência a muito tempo...

Kate: Que tipo de sonho?

Tarik: An...nada em especial..v-vamos, o Rafael vai ficar maluco se não estivermos lá. ^-^”

Kate: Mas---

 

Tarik a puxa para o clube de basquete sem dar chance de terminar o que ia falar. Chegando lá eles vêem que o treino havia acabado de terminar e que todos já estavam indo para o vestiário.

Eles esperam Rafael terminar de se arrumar e finalmente vir ao encontro deles.

 

Kate: Demorou, hein loirinho...-ele fica com a cara emburrada-

Rafael: Você que quis vir junto pompom. –ele fica emburrado também-

Tarik: Ei, ei! Qual era o nosso combinado?

Rafael: Foi ela que começou!

Kate: Ei!

 

Mike estava falando com Felipe quando vê sua irmã conversando com mais dois garotos e um deles é o garoto que tem chamado muita sua atenção.

 

Mike: Espera um segundo eu já volto...

Felipe: Vai aonde?

 

Mike ignora a pergunta e segue em direção a eles.

 

Felipe: Mike! Esse pastel nunca me espera...-ele o segue-

 

Mike se aproxima, mas o garoto não baixo de cabelos castanhos não se dá conta até sua irmã falar seu nome em voz alta.

 

Kate: Mike!

Tarik: H-hum...?

Rafael: Presidente?!

 

Quando Tarik se dá conta, Mike está logo atrás dele. Como o garoto é um pouco mais alto que ele, o mesmo se assusta ao ver aquela figura grande perto de si, ainda mais ele...

 

Kate: Estava te esperando. Ah! Esse é meu amigo Tarik e o Rafael você já deve conhecer. –ela faz uma cara de desgosto quando se refere a Rafael-

 

Mike apenas concorda com a cabeça e mantem seu olhar fixo em Tarik e o mesmo acontece com Tarik.

Os sonhos com os dois garotos vêm à mente de Tarik como flashes de memórias, algo no seu coração tentava dizer alguma coisa e a vontade de chorar subia até sua garganta e ficava entalada ali, seu coração também doía como se tivesse levado um tiro, ele fazia o máximo para não chorar...

Mike se sente eufórico e tranquilo ao mesmo tempo, flashes de algo que parecem memórias, mas que também tem aparecido em seus sonhos vem a sua mente. Será que ele achou o que tanto procura...?

 

Rafael: C-como você conhece o presidente do clube...?

Kate: Ele é meu irmão.

Rafael: S-seu irmão...? ((Tô perdido...é agora que eu não entro pro time…))

 

Rafael dá um passo pra trás, meio tonto com a notícia, mas sente alguém o segurar, então quando se vira dá de cara com Felipe e seu coração começa a acelerar.

 

Felipe: Cuidado ai loirinho...

Rafael: V-vice-presidente....?

Felipe: O próprio. Ah, olá Kate.

Kate: Oi, Felps!

Felipe: Você insiste nesse apelido ainda...?

Kate: Combina com você. –ela ri de Felipe-

Rafael: ((Até ele ela conhece?!))

Felipe: Pff. Hum? Mike? Mike! Acorda!

Mike: H-hum? Ah..desculpe...seu nome é Tarik, certo..? –ele fala ainda olhando para Tarik-

Tarik: É-é sim...

Mike: Meu nome é Mikhael, mas pode me chamar de Mike...

Tarik: Prazer...

Felipe: O que deu no seu irmão...? Ele é muito rigoroso com quem ele deixa chamar pelo apelido... –ele fala discretamente para Kate, mas continua segurando Rafael-

Kate: Boa pergunta...mas também quem não gostaria de um garoto como o Tarik? –ela ri de seu comentário-

Rafael: A-an...n-não quero cortar o papo de vocês, mas...p-poderia me soltar vice-presidente...?

Felipe: Seu nome é Rafael, certo?

Rafael: Sim...((Como ele lembra do meu nome..? Não sou um membro do clube que tem esse tipo de atenção...))

Felipe: Se eu te soltar não vai cair? Você parecia bem pálido a pouco e agora ficou bem vermelho, não quer ir até a enfermaria?

Rafael: E-eh....((Eu tô vermelho?! Que merda! O que eu faço?!))

Felipe: Se quiser eu posso te levar... –ele se aproxima do rosto do garoto loiro-

Kate: Felps! Para de dar encima do garoto.

Felipe: Ah...não seja chata...

Rafael: E-eu preciso ir!! Tarik, você vai comigo?

Tarik: V-vou, claro! F-foi um prazer Mike...até breve!

 

Ele fala e sai apressadamente dali com Rafael.

 

Kate: Vocês hein...

Felipe: Que foi? Ele é fofo, quer que eu faça o que?

Kate: Eu não vou muito com a cara do Rafael, mas mesmo assim não brinque com os sentimentos dele Felps, ninguém merece ter seus sentimentos feridos...

Felipe: Não se preocupe tanto Kate, eu sei até onde posso ir com alguém...bem, eu também já vou, até amanhã senhor presidente, tente para de babar tanto.

Mike: Cale a boca seu pastel..

Felipe: Tá bom, tá bom. Fuuuii antes que eu apanhe. –ele se retira do local-

Kate: Esse Felps...ele nunca aprende?

Mike: Quem sabe agora ele finalmente entenda o que gostar de alguém...

Kate: Tomara que ninguém saia magoado nessa história...

Mike: Não é você que não gosta do Rafael...? Por que essa preocupação...?

Kate: Eu também não sou tão ruim pra desejar que ele sofra, ainda mais sofrer por amor ou algo do tipo...

Mike: você tem um bom coração...podia esquecer essa briga boba e ser uma boa amiga dele...

Kate: Sem chance! Minha honra fica onde?

Mike: Só você mesmo...

 

Mike dá um sorriso de canto e faz carinho na cabeça de sua irmã, depois ele simplesmente s e retira sem dizer mais nada.

 

Kate: O-o que deu nele...? E aquilo foi um sorriso?! Mike, pera aí!! –ela o segue rapidamente-

 

...............................

 

Tarik chega na porta de seu apartamento e entra rapidamente, vai para seu quarto e se joga na cama.

 

Tarik: O que foi que aconteceu...? Eu senti uma vontade tão grande de chorar naquela hora...e meu peito doía tanto...não conseguia parar de olhar pra ele...como eu queria entender o que está acontecendo...

 

O celular de Tarik toca e ele recebe uma notificação de Rafael.

 

MENSAGEM:

Rafael: Você está bem? Estava tão pálido àquela hora, fiquei preocupado...

Eu: Estou bem, mas e você? Saiu nervoso e do nada...

Rafael: Acho que você estava ocupado demais para perceber, mas o Felipe estava praticamente dando encima de mim...

Eu: Sério?!

Rafael: É...eu travei na hora e não tive outra opção senão sair dali o quanto antes...

Eu: Rafa...eu sei o quanto gosta dele, mas cuidado para não se magoar...ok?

Rafael: Não se preocupe comigo, eu sou muito esperto pra me deixar levar assim!

Eu: Aham, claro..

Rafael: Ei! Duvida de minha nobreza?

Eu: Não, não, imagina kkk

Rafael: Enfim, sabe o que mais que perdeu enquanto babava pelo presidente do clube?

Eu: Wow! Eu não estava!!

Rafael: Até parece...de qualquer modo, adivinha quem me ajudou a escapar daquela fria?

Eu: Quem?

Rafael: A Kate...

Eu: Sabia! Ela se importa com você, essa briga boba de vocês é só orgulho!

Rafael: Eu ainda não gosto dela só porque ela me ajudou! Só pra deixar claro!

Eu: Orgulhoso... -_-

Rafael: Shiiiiii

Eu: Enfim...eu vou descansar e ver s e consigo dormir..

Rafael: Eu também. Te vejo amanhã.

Eu: Até!

Rafael: até!

 

FIM DAS MENSAGENS...

 

Tarik desliga a tela de seu celular e vai tomar banho e em seguida se deita e acaba dormindo.....

 

................................

 

Matteo está no escritório de seu pai e logo a sua frente está ele com um olhar de desgosto e reprovação...

 

Pai de Matteo: O que pensa que está fazendo?! Trazendo uma vergonha dessas para nossa família!

Matteo: Amar não é nenhuma vergonha pai!

Pai de Matteo: Como ousa dizer com tanto ardor que ama um homem?! Isso é um absurdo! Nunca, mais quero te ver perto daquele garoto novamente! Caso contrário eu mesmo faço questão de garantir a saída dele da faculdade!

Matteo: Não pode fazer isso!

Pai de Matteo: Desafie minhas ordens e verá!

Matteo: Como ser tão mente fechada pai?!

 

O pai de Matteo vai até ele e lhe acerta um tapa.

 

Pai de Matteo: Controle essa boca garoto mal-agradecido!

 

.......................

 

Dessa vez, Mike acorda violentamente e com o coração batendo tão forte que parece que correu uma maratona, ele também estava com muita raiva. Depois do terrível pesadelo ele não pode mais dormir tranquilamente aquela noite, sempre assombrado pelo pesadelo....

De manhã, Mike nem tomou café direito, estava completamente fora do ar. Então deixou uma mensagem para Kate de que iria mais cedo pois tinha que resolver algumas coisas sobre um trabalho na biblioteca da faculdade. Ele tão distraído que acaba esquecendo alguns papeis encima da mesa de jantar.

 

 

Quando Kate acorda, percebe que está atrasada, então se arruma rapidamente, pega seu celular e vê a mensagem de seu irmão.

 

Kate: Belo dia pra resolver ir mais cedo Irmãozinho!!

 

Ela vai até a sala de jantar para tomar seu café e dá de cara com alguns papéis.

 

Kate: Ótimo, ainda por cima esquece dos papéis dele...esse meu irmão, viu..?

 

Ela pega os papéis rapidamente, sai sem café e corre para a faculdade. Chegando quase no horário da sua primeira aula, ela avista Tarik e corre até ele quase sem fôlego.

 

Kate: T-TARIK!

Tarik: Kate?

Kate: Estou...super...atrasada...pode fazer um favor pra mim?!

Tarik: Posso, o professor da próxima aula faltou então estou com tempo, o que precisa?

Kate: Ótimo! Leve esses papéis pro Mike na biblioteca, por favor...ele esqueceu, aquele pamonha!

Tarik: P-pro Mikhael...?

Kate: Você é um amor, obrigada!

 

Ela entrega os papéis para Tarik e sai correndo para poder chegar na sua aula sem se atrasar mais. Meio confuso e inseguro sobre falar com Mikhael novamente, Tarik segue para a biblioteca, lá ele ´procura por Mikhael, mas quando o acha vê que ele está dormindo profundamente sobre um monte de livros que estão na mesa.

 

Tarik: ((E-ele dormiu..? S-será que devo acordá-lo...?))

 

 

 


Notas Finais


Até o próximo capítulo! Bjsssss <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...