História Incidentes (Vmin) - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO
Personagens Baekhyun, Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Vmin
Visualizações 100
Palavras 782
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Fluffy, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hey, bolinhos!

Desculpem a demora, mas o capítulo demorou para ser terminado. Tentei fazer algo bom.

Eu espero que gostem, desculpem qualquer erro, boa leitura! :)

Capítulo 9 - Capítulo IX - Confissão (Taehyung)


Fanfic / Fanfiction Incidentes (Vmin) - Capítulo 9 - Capítulo IX - Confissão (Taehyung)

O que eu estou fazendo? Como posso perder o controle de tal forma? Jimin deve estar me achando um completo idiota, até mesmo havia sussurrado algo, porém, não consegui ouvir.

Fui até o banheiro, passando a lavar meu rosto. Me apoiei na pia, olhando meu reflexo no espelho.

-Taehyung, pare de agir por suas emoções… enquanto seu coração diz: "eu amo o Jimin", sua mente diz: "o Jimin não te ama"… Por que é tão difícil de você entender que não pode forçar alguém à amá-lo? -disse para mim mesmo.

Balancei a cabeça de um lado pro outro, negativamente. Sequei meu rosto e abri a porta. Voltei para a sala, mas Jimin não estava lá.

-Jimin-ah? -chamei, sem resposta.

Passei a andar por todos os cômodos da casa. Fui até o andar de cima, encontrando a porta de seu quarto fechada. Bati na mesma.

-ChimChim?

-Vá embora, me deixe sozinho, por favor… -a voz chorosa do outro me partiu o coração.

-Seja como quiser.

Deixei lágrimas rolarem por meus olhos, me afastei da porta e peguei meu casaco, saindo da casa tranquilamente.

Mais um dia perdido, estou impressionado comigo mesmo. Como consigo estragar dias que poderiam ter sido ótimos?

Passei a andar pelas ruas, com olhares curiosos das pessoas sobre mim, provavelmente, por conta das lágrimas que caiam involuntariamente.

Desejei por muito tempo, que esse dia fosse apenas um sonho e que eu ainda estivesse dormindo na casa do menor. Porém, querer não é poder. A grande questão agora é: como olharei para Jimin no trabalho, segunda-feira?

Apenas ignorei todos os meus pensamentos, indo para casa e desabando em lágrimas. Peguei meu celular e disquei o número dele, Jeon JungKook.

••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••

-Tae? Aconteceu algo?

-Realmente, Kookie… aconteceu… -pronunciei com voz chorosa, ouvindo um suspiro do outro lado da linha.

-O que houve?

-É, JungKook, você pode rir de mim agora, mas sentimentos por Jimin foram criados em meu peito… mas agora, eu consegui estragar tudo, por achar que esse sentimento era recíproco…

-Bem, Tae… eu não sei muito o que te falar. Você deve ficar longe do celular, pelo menos hoje, para tentar esquecer um pouco disso! Durma e descanse, ok? Até mais, Tae… aliás, me desculpe por ontem…

-Okay, obrigado, Gukkie e eu te desculpo sim, só não faça mais isso…

•••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••

Encerrei a ligação, bloqueei meu celular e fechei os olhos, soltei um suspiro falhado e apaguei na cama.

Acordei assustado, arregalando os olhos ao ver o horário: 10 da manhã, já era domingo. Levantei e fiz minha higiene pessoal, logo indo tomar um café da manhã. JungKook havia me mandado uma mensagem, me mandando ir gritar em um pequeno morro que havia na cidade, segundo ele, isso poderia tirar um peso de minha consciência.

O tempo parecia demorar a passar, por ordens de JungKook, o morro estaria vazio na parte da tarde, até lá, teria tempo de pensar no que gritar. Um simples "a", não poderia mudar minha mente. Se eu gritar qualquer coisa, as pessoas poderiam pensar que estou sendo assaltado! Pensamentos incoerentes passavam por minha mente e a voz de choro de Jimin ainda ecoava em meus ouvidos. Por quê? Por quê disso? Por que não posso amar sem estragar tudo no final? Apenas uma coisa era certa: o destino realmente está brincando comigo.

•••

Já era passado das duas horas, até o momento, não havia decidido o que gritar. Ainda estava tão confuso, que poderia ficar apenas em silêncio, mas a vontade de botar tudo para fora, era muito maior. Já estava no morro. Comecei a observar a vista ao meu redor, tudo era realmente belo, mas desde ontem, meu mundo era sem cor, sem vida e sem uma gota de esperança. Nada fazia mais sentido. Mas, um pensamento surgiu em minha mente: "se eu gritar meus sentimentos, pelo menos ninguém irá ouvir, já que este lugar é deserto, ou seja, vou poder botar tudo para fora". E era isso que eu iria fazer.

Me posicionei no meio do morro, sobre uma pedra grande que havia ali (menor do que uma rocha), olhando para o horizonte, com pensamentos longes. Puxei o máximo de ar possível para mim, tomando fôlego, fechei os olhos, em seguida os pingos, logo abrindo a boca e gritando em alto e bom som:

-EU AMO PARK JIMIN E EU NÃO VOU DESISTIR DE CORRER ATRÁS DOS MEUS SENTIMENTOS!

Realmente, funcionou, até mesmo, me senti melhor. Incrível!

Ouvi alguns passos atrás de mim e me mantive imóvel, primeiramente, achei que era algum animal, mas os passos pararam atrás de mim. A pessoa cutucou minhas costas, ia continuar daquela maneira, porém, a curiosidade bateu mais forte. Me virei para trás e encontrei Jimin, extremamente corado, mas com um semblante sério, cabelos bagunçados e os olhinhos semi-cerrados e inchados, provavelmente, por conta do choro.

-Isso é verdade, você me ama, Tae?


Notas Finais


Espero que tenham gostado!

Deixem os comentários e thanks pelos favoritos. :)

Até o próximo capítulo, bolinhos. 💙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...