História Indesejado - Capítulo 17


Escrita por:

Postado
Categorias Yuri!!! on Ice
Personagens Victor Nikiforov, Yuri Katsuki
Visualizações 246
Palavras 688
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Shonen-Ai, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá? Muito tempo não?

Espero que se agradem com esse capítulo, eu sei que demorou e que pode não corresponder as expectativas de vocês, mas sinceramente, espero que gostem e obrigada por acompanhar e esperar.


Ps: sinto muito por não ter respondido os comentários

Capítulo 17 - Fim


Yuuri acordou com a luz do Sol invadindo o lugar, incomodado com a claridade que pegava em seu rosto, ele virou para o lado contrário, só para sentir seu corpo de encontrar com o da pessoa ao seu lado, e os braços do outro enrolaram ao redor de seu corpo.


“Bom dia” a voz roupa e ainda cheia de sono encheu seus ouvidos, logo em seguida sentiu seu corpo ser puxado para o encontro do outros, seguido de um beijo em sua cabeça “ Como você dormiu?” a voz saiu abafada.


“... dia” sua resposta saiu abafada pelo corpo do outro, a afastando um pouco, continuou “ Muito bem, e você?” perguntou enquanto voltava a se aconchegar no outro


“Maravilhosamente, como a tempos não fazia”


Após essa resposta do mais velho, ambos se mantiveram em um silêncio confortável, não precisavam dizer nada, estavam satisfeitos em apenas estarem um ao lado do outro.


Algum tempo depois, Yuuri sentiu a mão do outro em seu pescoço, o metal o gelado da aliança no dedo do outro causava arrepios gostosos, logo seus lábios foram roubados pelos do outro em um beijo terno e gentil, mas que era o suficiente para transmitir todos os sentimentos dos dois.


Se afastaram com pequenos sorrisos em sua rostos, logo o maior e mais velho se levantou e estendeu as mãos para ajudar Yuuri a levantar e, assim eu o fez, foi puxado para cima do mesmo, suas pernas enrolaram na cintura do outro, assim compartilharam outro beijo, enquanto o maior os levava em direção ao banheiro.


          (Imaginem o que quiserem sobre o que aconteceu no banheiro)


                ---------------------------------


O tempo estava consideravelmente quente, assim, ambos estavam sentados na beira da Praia, bem próximo às águas, suas mãos próximas o suficiente para se encostarem, ficaram em silêncio, onde se podia ouvir claramente as gaivotas.


“Sabe…” Yuuri começou, quebrando o cômodo silêncio “ eu, depois de tudo, nunca imaginei que estaria aqui, com a minha Soulmate, já havia aceitado que estaria só... “ ele sentiu que o outro colocou a mão sobre a sua e logo em seguida um ligeiro aperto “Mas sabe, apesar do jeito que aconteceu, eu estou feliz por ser você”



Yuuri virou para Victor, que o observava atentamente desde o momento que começou a falar, com um pequeno e sincero sorriso.


“Eu te amo” Victor disse enquanto se aproximava de Yuuri, selando seus lábios num curto beijo e continuou com suas resta unidas “Muito, obrigado Yuuri, por me aceitar depois de tudo”.


Já havia se passado pouco mais de um mês, mas o casamento deles ainda estava no centro dos tablóides de notícias. Ambos havia tirado curtas férias depois da temporada de patinação e intervalo das apresentações do Bolshoi.


Os anéis em Barcelona haviam sido uma surpresa total, mesmo que na última competição Yuuri estivesse presente, e no final do Skate livre, o japonês tivesse, literalmente, se jogado em Victor dando ao russo um beijo que seria transmitido para todo o mundo, logo a relação dos dois havia sido uma das mais comentadas no momento, pois eram a atual lenda da patinação e o danseur pródigo de Lilia, que logo depois foi descoberto ter sido treinado por Minako.


Havia sido uma grande comoção quando os dois revelaram o casamento e, depois deram a todos um outro choque, eles também eram soulmates, pois ambos haviam sidos totalmente cautelosos com sua vida privada e claros que não tinham soulmates.


Após isso, toda a história por trás de tudo foi contada, no início, muitos tiveram reações negativas pelo que Victor dela, mas após revelações de outros artistas que tiveram pensamentos  parecidos com o do russo, compreenderam que o comportamento de muitos fãs os levavam a pensar daquela forma.


O fato do próprio Victor falar sobre suas ações mostrou à todos que ele se arrependeu de suas ações quando mais novo.


Mesmo sabendo que os familiares de Yuuri ainda não o aceitavam completamente, ele não esperava receber um soco de Mari assim que pôs os pés no Onsen,  e Yuuri ainda disse que foi Mari quem o aconselhou quando descobriu que o russo era seu soulmate.


Mas agora tudo o que importava era que, apesar de tudo, os dois estavam juntos e felizes.



Notas Finais


O que acharam?

Tenho duas notícias, uma mais ou menos e outra péssima

A péssima primeiro, não vou estar mais escrevendo fanfics, não é permanente, mas por enquanto não tenho inspiração e tempo.

A mais ou menos, vou estar aceitando pedidos de fanfics e disponível para conversar por mensagem, não digo que vou escrever logo, mas sempre que conseguir, irei postar.

Obrigada por tudo e a todos que acompanharam até aqui e esperaram essa atualização.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...