História Inexplicable Feelings - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags A Barraca Do Beijo, Amizade, Badboy, Bullying, Comedia, Drama Adolescente, Escolar, Festa, Inocencia, Irmãos, Romance, Violencia
Visualizações 28
Palavras 779
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Mais um capítulo amores ❤❤
Boa leitura❤❤

Capítulo 7 - O que aconteceu comigo!


Fanfic / Fanfiction Inexplicable Feelings - Capítulo 7 - O que aconteceu comigo!

Capítulo Narrado por Adam Shulman e Jacqueline Weber

 

Adam :

 

 

Quando me acordo me viro na cama

 

Jennifer: oi

 

Adam: oi

 

Jennifer: dormiu bem

 

Adam: sim, mais para falar a verdade não consegui dormi bem tou me sentido estranho

 

Jennifer: mais porque

 

Adam: não sei Jenni, vou ir tomar banho

 

Jennifer: mais escute, eu fui boa

 

Adam: sim, pergunta meia estranha

 

Jennifer: só queria saber lindinho eu vou ir para minha casa - ela se vestir, e abre a porta - aaaaaaaaa

 

Adam: que foi - ela grita, pergunto para ela meio confuso

 

Jannifer: vem ver isso aqui

 

eu levanto da cama e vou ate a porta

 

Adam: Jacqueline - corro ate ela e me sento ao seu lado

 

Jennifer: ah o que aconteceu com ela

 

Adam: não sei - fico tenso - ela ta com um corte na barriga - coloco a mao na nuca, pensando - ah droga

 

Jennifer: que foi

 

Adam: ontem ela tava batendo na porta pedindo ajuda, mais eu nunca pensava que fosse isso

 

Jennifer: ah não estão e nossa culpa

 

Adam: sim - falo meio triste - vamos me ajuda a leva ela para o hospital rapido

 

Jennifer: sim vamos meu carro está lá fora

 

Adam: vamos agora ela ainda está viva

 

Jennifer: meu deus ela está muito pálida

 

Eu e Jennifer saimos da casa com Jacqueline vou segurando ela no colo ate o carro dai vamos a caminho do hospital

 

Quebra de Tempo

 

( No Hospital )

 

Adam: doutor como está está

 

Doutor: o caso dela e grave ela perdeu muito sangue, e ela precisa de transfusão de sangue

 

Adam: qual o tipo de sangue ela precisa

 

Doutor: O+ e o sangue mais difícil de achar

 

Adam: a poxa meu sangue e a- não serve

 

Doutor: infelizmente não

 

Adam: - coloco as duas mãos na cabeça - o que eu vou fazer agora

 

Doutor: ate anteontem tinha uma bolsa de sangue o + mais já tínhamos doudo para outro paciente, ela teve hemorragia interna, ela foi esfaqueada pelas costas, foi uma facada profunda, e vamos tenta deixa-la hidratada com soro para não morrer ate chega o doador

 

Adam: hum - suspiro

 

Doutor: vou deixa você sozinho com ela agora, mais o que você e dela

 

Adam: meio irmão

 

Doutor: meio  irmão - o Doutor faz cara de confuso

 

Adam: sou irmão dela porque minha mãe namora o pai dela

 

Doutor: ok entendi - ele escreve na ficha

 

Adam: mais o senhor não pode deixa-la morrer

 

Doutor: eu não posso fazer nada, se eu não tiver o dourador aqui para doar o sangue para ela não posso fazer nada infelizmente

 

Adam: - suspiro 

 

Doutor: vou deixa você sozinho com a paciente - ele sai

 

Adam: Jacque, reage - pego a mao dela - desculpa passei dos limites eu gosto de você sou grosso as vezes mais gosto de você passei a ter sentimentos por você, ah não sei realmente meu coração ficou feliz quando eu te encontrei, você acendeu minha alma, me vez percebe que a pessoa não precisa se arrogante para ser melhor que as outras pessoas realmente passei a ter sentimentos estranhos por você, me perdoa por ignorado voce ontem - uma lagrima cai de meu rosto

 

 

( Depois de uma semana )

 

Jacque :

 

 

Depois de uns dias finalmente chegou um doador do sangue o+ e me doou o sangue que precisava, logo no dia seguinte Adam chega em meu quarto e pega minha mão delicadamente, no dia seguinte eu acordo

 

Jacque: Aah - eu desperto

 

Adam: Jacque

 

Jacque: Adam, o que está fazendo aqui

 

Adam: você teve um acidente, eu te trouxe para o hospital

 

Jacque: mais ah - tento levanta da cama, mais uma dor insuportável me impede - o que aconteceu comigo - fico tensa

 

Adam: ladrões entraram na casa e te fasquearam nas costas

 

Jacque: ah que, minhas costas

 

Adam: sim vou profundo esfaqueamento

 

Jacque: eu poderia ter morrido

 

Adam: mais não morreu - ele me olha meio triste

 

Jacque: que foi - pergunto meia confusa

 

Adam: você não se lembra do que aconteceu?

 

Jacque: não só que... - eu penso bastante - eu pedia sua ajuda - olho ele - porque não me ajudou!

 

Adam: eu não sei o que deu em mim

 

Jacque: ah não, não sabe saia daqui agora

 

Adam: mais - ele me olha meio estranho

 

Jacque: não quero saber, SAIA DAQUI AGORA - eu aponto a porta e ele sai - Argh

 

Depois de tempos meu pai foi me visitando e Adam nem quiz me ver acho que ele está com arrependido pelo o que ele fez mais isso não me interessa mais

 

Jacque: Argh, Adam porque você fez isso comigo...


Notas Finais


Obrigada por lerem❤😘

Obs: Desculpem qualquer erro nao tive tempo de revisar


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...