História Innocent Love ~ SanWoo - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias ASTRO
Personagens Eunwoo, Jinjin, MJ, Moonbin, Personagens Originais, Rocky, Sanha
Tags Eunwoo, Moonbin, Rocky Jinjin, Sanha
Visualizações 112
Palavras 597
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura e lágrimas, talvez...

Capítulo 13 - 🌹TWELVE🌹


Fanfic / Fanfiction Innocent Love ~ SanWoo - Capítulo 13 - 🌹TWELVE🌹

🌼EunWoo🌼



Escuridão. Era só o que eu via. Eu estava morto ou estava morrendo? Tão pouco posso saber. No momento apenas tentava compreender como tudo chegou neste estado.


Era para ser mais um ano normal em minha vida. Festas, bebidas, pegação e várias transas, mas, então, SanHa chegou naquela escola. De primeira eu meio que não gostei dele e deu todos aqueles problemas. Ele foi para o hospital e então para minha casa. E foi daí que tudo passou à mudar.


Por algum motivo, meus sentimentos por aquele garoto de cabelo colorido passou à ser diferente. Aos poucos Yoon SanHa foi me conquistando e hoje cá estamos nós. Não na forma que eu queria estar, pois eu estava morrendo e não tinha noção de como meu menino estaria. Será que ele ainda se encontrava vivo? Será que eu ainda sentira seus lábios doces junto aos meus. Eu ainda poderia tocar sua pele macia e branquinha com a ponta de meus dedos? Ou será que tudo isso iria por água abaixo a qualquer segundo? Eu devia desisitir de viver? Afinal, a morte me esperava de braços abertos.


Eu estava preso em minha própria mente, quase desistindo, mas então eu o ouvi. Ouvi sua voz me chamando para junto de si. E naquele momento eu parei de pensar e apenas o escutei.



- EunWoo, por favor meu amor, não desista, pois eu não desisti. Eu estou aqui meu amado. Estou te esperando. Volta pra mim, Cha EunWoo. Eu não posso lhe perder, não agora. Não agora que encontrei um motivo para continuar a viver. E esse motivo é você. Eu te amo, Lee DongMin. E não consigo mais imaginar minha vida sem você ao meu lado.

Meu coração dói ao saber que talvez você não consiga sair dessa. O impacto foi muito mais forte para você do que para mim. E eu me sinto um lixo por isso. Se eu pudesse teria lhe tirado da frente e levado tudo no seu lugar. Eu não ligaria se eu morresse, desde que meu amado estivesse bem.

Eu não sei se você está me ouvindo, mas se estiver. Eu quero que saiba que você foi a melhor coisa que já me aconteceu. O seu sorriso me encantou de uma forma tão bela. EunWoo, você é tão imprevisível, tão... Maravilhoso desse seu jeito, eu preciso de você mais do que tudo. Não se vá por favor.


Piiiii

Piii

Pii

PI

...


- EunWoo!


‹Narradora›


Um grupo de médicos e enfermeiras entraram na sala correndo e arrastaram SanHa para fora. O garoto estava acabado. Lágrimas escorriam sem parar por seu rosto. SanHa não conseguia acreditar que aquilo estava acontecendo, por que a vida sempre lhe tirava todos que amava? Por que o mundo o odiava tanto?


SanHa se ajoelhou no chão e foi abraçado por Rocky, MoonBin, MJ e JinJin. O menino sentia um pouco mais de alegria por ter seus hyungs ao seu lado, mas nada superava a dor que estava sentindo. Ele só queria que EunWoo acordasse e voltasse para ele.


Um tempo depois, um médico saiu da sala e fez sinal para que SanHa entrasse, o menino correu com medo de encontrar um EunWoo já morto, mas o que encontrou foi um garoto ainda em coma e paralisado. O médico disse que EunWoo teve uma parada cardíaca e que isso poderia voltar a acontecer. Foi quando SanHa sentiu algo tocar sua mão e então viu a cara de espanto do médico. O menino se virou rapidamente para EunWoo e viu o mesmo abrindo seus olhinhos lentamente.


- EunWoo? 


Foi a última coisa que falou antes de abraçar seu amado de felicidade. Felicidade por saber que ele estava alí. Vivo.


🍃🍃🍃🍃🍃🍃🍃🍃🍃



Notas Finais


Nada a declarar.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...