1. Spirit Fanfics >
  2. Inocência - Chaelisa - Jensooo >
  3. Capítulo 16

História Inocência - Chaelisa - Jensooo - Capítulo 16


Escrita por:


Capítulo 16 - Capítulo 16


Fanfic / Fanfiction Inocência - Chaelisa - Jensooo - Capítulo 16 - Capítulo 16

Kim Jisoo

No jogo da garrafa até que tava bem animado, as amigas da Chae são bem liberais e tudo mais. Todos estavam bem confortáveis de estarem ali naquele after.


No jogo acabei tendo que beijar algumas meninas e uns dois meninos, sim foram muitas rodadas.


Até que tive que beijar Jennie, no começo eu não quis e ela parecia também não querer até que começaram a dizer que não podia contrária e n sei o quê. Então ela veio e me deu um selinho. Só que não aceitaram tinha que ser beijão. Vi ela revirando os olhos se apoiando em meus ombros com as mãos e vindo me beijar, apenas segurei em sua cintura. 


Até que ouvimos "eu quero ver língua", ela sorriu e pediu passagem com a língua eu cedi. Em certo momento não estava mais pensando em nada, não estava mais pensando em ser a Jennie ali, só me entreguei ao beijo, após decidir que ninguém mais iria me deixar para baixo. Estavamos tão envolvidas no beijo que acabei apertando sua cintura na intenção de puxar ela pra perto, ela soltou um baixo gemido que acho que só eu ouvi. Ela então se afastou e terminou o beijo. Não sei ao certo quanto tempo passamos ali se beijando mas todos estavam nos olhando em silêncio.

Ela ficou o resto do jogo todo de cabeça baixa. Eu a olhava de relance de vez enquanto, até que Jennie disse que já ía embora do nada. E mais do nada ainda foi ver Chaeng vindo na minha direção me beijar, não recusei aliás eu não tinha o que temer né só retribui o beijo. Ouvi a porta bater imaginei que Jennie tinha ido embora.


Chaeng se sentou no meu colo e ficou me dando leves beijinhos o que me fez sorrir.


- Eu desafio vcs a irem no banheiro e Chaeng deixar um chupão no peito da Jisoo. - diz Jihyo.

- Aeeeee gostei gostei também desafio isso mesmo aí que ela falou. - diz Nayeon.


Chaeng se levantou e pediu minha mão, eu me levantei e seguir para o banheiro junto com ela.

Entramos e ela trancou a porta. Quando ela se virou eu a coloquei na parede.


- Não era isso que você queria? Agora você vai ter. - digo no seu ouvido.


Começo a beijá-la, e coloco uma de minhas pernas no meio das suas, sinto a quentura de sua intimidade.

Os beijos vão descendo para o pescoço de Chaeng, minhas mãos passeiam pelas suas coxas e lentamente minha mão vai subindo sua saia, ela fica ofegante.


- Você vai fazer isso mesmo? - diz Chaeng.

- E não era isso que você queria? Naquela noite na piscina você estava louca que eu entrasse com você, você acha que eu não notei suas intenções? Hoje você teve a oportunidade e agarrou e agora estamos aqui. - digo baixinho.


Ela nada diz.


Uma de minhas mãos estava em sua bunda apertando e a outra estava encontrando o elástico na minúscula calcinha de Chaeng, ela estava respira ofegante. Coloco sua calcinha para o lado e começo a passear com meus dedos em sua intimidade, ela estava bem molhada. Tiro meus dedos e coloco em sua boca.

- Sente seu gosto. - digo e ela me olha com uma cara de desejo e chupa meus dois dedos. 


Retiro de sua boca e volto a colocar em sua intimidade ela gemia baixinho. Abaixo a tampa do vaso e me sento a puxando para meu colo. Ela senta de frente para mim e eu a beijo novamente, minha mão desce para sua intimidade e começo a massagear seu clitóris já rígido. Fico brincando lá até que os quadris dela começaram a se mover, fico brincando na sua entrada até que coloco um dedo nela e ela continua movendo os quadris, coloco mais um dedo e ela geme baixinho.


- Isso Ji continua. - ela dizia baixinho.


Começo a fazer movimentos mais rápidos de penetração e ela rebolava nos meus dedos.

Beijo seus pescoço novamente e ela geme um pouco mais alto. Até que escuto as meninas falando do lado de fora e a única coisa que respondi foi.


- Eu sou a ativa. - digo. E escuto risadas do lado de fora.

Chaeng não ligou apenas continuou sentando no meu dedo.

- Mais forte Ji. - diz Chaeng.


Me levanto com ela no colo e a prenso contra parede, ela rebolava ofegante, ate que sinto seu gozo escorrendo nos meus dedos.

- Espero que esteja satisfeita baby. - digo.


- Você nem imagina. - diz Chaeng.


- Só pra deixar claro tá Chaeng, não vai passar de sexo ok? - digo.


- E quem disse que quero algo sério? - diz Chaeng sorrindo enquanto descia do meu colo.

- Agora é sua vez de cumprir o desafio e deixar um chupão no meu seio hahaha. - digo.


Ela vem e eu abaixo um pouco a blusa, ela me olha com um sorriso safado.


Ela chega perto e começa a massagear meus seios, coloca um na boca me fazendo relaxar com aquele ato.

- Chaeng! - digo baixinho.


- Só aproveita. - diz Chaeng.


Ela ficou um tempo massageando e chupando meus seios até deixar uma marca. E então ela para e nos recompomos. Saímos do banheiro e as meninas pediram pra ver a marca e depois ficaram bagunçando sobre termos passado tempo demais no banheiro.

- Quem diria em, Chaeng e Jisoo. - diz Chae.


- Pensei que vc já tinha ido embora. - digo.


- Resolvir te esperar. - diz Chae.


- Ok você já quer ir? - pergunta Jisoo.


- Vamos só ajudar as meninas a arrumar aqui e vamos ok? - diz Chae. 


Eu apenas concordo e começamos a arrumar a bagunça, estava uma zorra o dormitório delas.



Lalisa Manoban

Sigo em direção ao dormitório, estava cansada e só queria me deitar. Ficaria talvez a noite em claro lembrando do meu beijo com Chae, talvez eu não quisesse admitir, mas eu não sei o que realmente sentir na hora, ela confiou em mim e decidiu me beijar.

Chego no dormitório e escuto o chuveiro caindo água, então com certeza Jennie estava tomando banho.

Começo a retirar meus sapatos e os guardo, depois começo a retirar minhas roupas e pego minha toalha e me enrolo nela.

Desembaraço meus cabelos e fico aguardando Jennie sair do banheiro para eu poder entrar.

Ela sai e vai para direção da sua cama, eu nada digo apenas entro no banheiro para tomar meu banho e tirar toda aquela maquiagem.

Tomo um banho relaxante, quando termino me enrolo na toalha e pego outra para enxugar meus cabelos. Assim que termino saio do banheiro, e vejo Jennie sentada em sua cama penteando os cabelos e ela estava chorando?


- Jennie, sei que não foi certo eu fazer aquilo, mas muita coisa que vc faz também não é certa então eu sinto muito mas você mereceu. - digo e ela nada responde.


Me aproximo dela e ela fica na mesma. Sento ao seu lado na cama dela e toco em seu ombro.

- Eu você tá bem? - pergunto.

- O que você acha? - diz Jennie.

- Não sei por isso estou perguntando. - digo.

- Estou na merda Lalisa, Kai terminou comigo, ele me culpou pelo o que aconteceu, que eu o enrolava e etc, e ainda teve o beijo com Jisoo! - diz Jennie limpando uma lágrima.

- Ei calma aquele cara não te merecia, ele estava te forçando a algo? - digo.

- Não, ele só queria que as coisas fossem mais adiante se é que você me entende, e eu não me sinto confortável ainda pra isso. - diz Jennie.

Aaaaah então era isso ela escapava pq ela ainda é virgem.

- Se ele não respeitou seu tempo é pq ele não gostava de você, só queria sexo e pode ter certeza que depois que ele conseguisse transar com vc ele iria terminar com vc de qualquer jeito, homens são todos assim, por isso opitei por gostar de garotas. - Digo.

- Você só gosta de garotas? Os outros não te julgam por isso? E sua mãe? - diz Jennie.

- Primeiro sim eu só gosto de garotas, segundo que minha mãe deve saber eu nunca fiz questão de esconder, sempre tem as críticas de algumas pessoas né, mas não vou deixar de ser feliz pq os outros falam mal né. - digo.

- Entendi. - diz Jennie.

- Mas e aquele beijo com Jisoo? Foi intenso né todos perceberam. - digo.

Ela se deitou na cama e levou as mãos ao rosto.

- Isso é um problema Lalisa. - diz Jennie.

- Ué pq? Você já me beijou e não negou o beijo. - digo.

- Primeiramente eu não beijei você foi você que me beijou, segundo que o beijo dela foi diferente eu não sei explicar, não sei o que estou sentindo, aaah eu estou muito confusa. - diz Jennie.

- Você não tem certeza da sua sexualidade? - digo.

- Até vcs aparecerem aqui eu tinha certeza sim agora não sei mais. Você me ajuda? - diz Jennie.

- Ué mas ajudar como? - digo.

- Posso te beijar? - diz Jennie.

Arregalo os olhos e apenas faço sinal positivo com a cabeça.

Ela chega perto de mim e me beija lentamente, o beijo começa devagar até que vai ficando intenso. Eu separo o beijo rapidamente.

- Tem certeza que é isso que quer? - digo a olhando nos olhos.

- Só continua Lalisa. - diz Jennie.

- Só não vai confundir as coisas pfvr. - digo e ela confirma.

Ela volta a me beijar e pede passagem com a língua, eu dou passagem e ela intensifica mais ainda o beijo. Eu estava apenas de toalha estava com receio de a toalha cair. Ela estava com uma camisola de vestidinho.

Estavamos sentadas de lado uma pra outra o que estava dificultando o beijo, até que pego eu sua cintura e a deito novamente na cama indo por cima dela. Ela estava ofegante e cruzou as pernas ao redor da minha cintura. Em segundos minha toalha se soltou do meu corpo e quando ela sentiu meu calor sobre seu corpo ela corou e ao me olhar e me ver completamente nua ficou paralisada mas não desgrudou de mim e as pernas ainda estavam ao redor da minha cintura.

Volto a beijá-la, ela começa a se esfregar no meu corpo, vou descendo o beijo pelo seu pescoço.

- Lalisa eu quero muito. - diz Jennie.

- Jennie não posso. - digo voltando para encará-la.

- Mas pq? - diz Jennie fazendo biquinho.

-  A primeira vez tem que ser especial, e eu não sou essa pessoa especial Jennie, você merece alguém melhor. - digo.

- Ok tudo bem entendo. E quem é essa pessoa especial? - diz Jennie.

- Só observar Jennie que você vai saber, talvez seja quem você menos espera sabia? - digo levantando e pegando minha toalha de volta.

- Ok, vou esperar então. - diz Jennie se deitando na cama.

Coloco um samba calção e um top e me deito, algum tempo depois vejo Chae entrar no quarto abraçada a Jisoo aos risos. As duas pareciam estar um pouco bêbadas, bom elas ficaram mais tempo lá, com certeza beberam mais nesse meio tempo.

- Gente silêncio a Jennie já tá dormindo. - digo.

Chae sorria alto. Jennie acabou acordando.

- Eu só quero dormir. - diz Jisoo se deitando na sua cama e desmaiou praticamente.

Jennie só observava a movimentação.

- Chae vai tomar um banho você está com cheiro de bebida. - digo.

- Unni eu estou com vontade de vomitar. - ela diz para Jennie.

- Lisa sério não quero me sujar, faz esse favor por mim? - diz Jennie.

- O que quer que eu faça? - digo.

- Seila só ajuda essa doida que não se aguenta em pé, leva ela pro banheiro. - diz Jennie.

Engulo em seco e me levanto.

- Venha Chae vamos. - digo ajudando a levantar.

Ela se apoia no meu ombro e levanta, nos dirigimos ao banheiro, ela se abaixa e começa a vomitar no vaso, eu seguro seus cabelos a ajudando a se aliviar.

Quando ela termina passa uma mão na boca limpando. Ela se levanta se apoiando na pia.

- Você vai me ajudar Lis? - diz Chae.

Eu sinceramente gostava quando ela me chamava assim.

- Vou Chae vamos levanta os braços deixa eu te ajudar a tirar o vestido. - digo e assim ela faz.

Que corpo perfeito, penso. Fico olhando um pouco e afasto os pensamentos.

Me viro e ligo o chuveiro para ver a temperatura da água e quando viro de volta pra Chae ela já estava sem sutiã e tirando a calcinha.


- O que você tá fazendo Chae? - digo em desespero.

- Eu estou tirando a roupa pra tomar banho, você só tirou meu vestido e não tirou o resto. - diz Chae.

Ela estava tão bêbada que acho que nem sabia o que está a falando.

- Chae não precisa tirar tudo. - digo sem jeito.

- Relaxa Lis relaxa. - diz Chae.

Tento não olhar muito para seu corpo. E seguro em sua mão para ajudar entrar no chuveiro. Ela pega água na mão e bota na boca e depois cospe.

- Pega o sabonete Lis. - diz Chae.

Pego e ajudo a colocar na esponja, ela começa a passar pelo corpo.

- Passa nas minhas costas Lis? - diz Chae.

- Si-im. - digo.

Pego a esponja e começo a passar por suas costas. Tenho certeza que se ela tivesse me sã consciência não deixaria nem eu entrar no banheiro.

Ela se vira para mim e diz.

- Seu beijo é bom Lis. 

- Obrigada Chae agora deixa eu terminar de passar sabonete em você.

- Eu posso te beijar de novo? - diz Chae.

Eu não faria isso com ela naquele estado.

- Chae melhor não vamos logo terminar com isso.

- Lis é chata. 

- Não sou não.

- É sim a Lis é chata. - ela diz um pouco mais alto.

Apenas ignoro e ajudo ela a retirar o sabonete do seu corpo, passava a mão pelo corpo dela que se contraía com meus toques, a pele dela era tão macia e delicada.

Quando ela termina pego sua toalha e ajudo ela a se enxugar, enrolo ela na toalha e saio do banheiro com ela.

Pego seu pijama e ajudo ela a se vestir, quando termino a coloco deitada na cama e vou a procura de um remédio e dou para ela pra ajudar a não ter ressaca no dia seguinte. Ela toma e rapidamente se deita e pega seu esquilo de pelúcia e fecha os olhos para dormir.

Pego outro comprimido e deixo no criado mudo ao lado da cama de Jisoo, como ela já estava dormindo apenas tirei os sapatos dela e a ajeitei na cama e a cobri com o edredom.

E fui me deitar para dormir também ja que todas já estavam dormindo também.



Notas Finais


Boa noite gente. 🥱😴


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...