História Inside Her Heaven - Capítulo 22


Escrita por:

Postado
Categorias Tom Hiddleston
Personagens Personagens Originais, Tom Hiddleston
Tags Inside Your Heaven, Segunda Temporada, Tom Hiddleston
Visualizações 22
Palavras 1.037
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Mais um capítulo chegando

Capítulo 22 - Talvez


Fanfic / Fanfiction Inside Her Heaven - Capítulo 22 - Talvez

(Helena’s POV)

Eu e o Tom tivemos uma noite de bebedeira que redeu, até agra eu estou tentando digerir o fato d éter transado com ele, mas bebida em excesso da nisso, mas não foi ruim, o Tom  manda bem haha, mas o mais engraçado foi ver o jeito que ele ficou depois, meu deus, ele nunca transou com alguém por transar, ele ficou desesperado, com medo dos meus pais, com medo de não conseguir olhar pra eles por ter transado comigo, esse homem precisa relaxar haha, ele ficou chocado por conta de uma conversa normal que nós tivemos, como se nada tivesse acontecido haha, eu consigo viver numa boa como se nada tivesse acontecido, preciso dar umas dicas pra ele haha, agora estamos na sala com o meu avô, ele veio falando que que eu e o Tom vamos terminar juntos, olha as ideias do velho, amo meu avô,  mas acho que ele ta ficando gaga haha, eu o Tom somos amigos, foi uma noite de sexo e nada mais.

-Acho que eu vou dar banho nesse meninão- falei fazendo carinho no Thunder

-Quer ajuda? -o Tom perguntou

-Por favor haha

-Vão cuidar do filho de vocês haha- eu avô falou

-Olha vô, é quase um filho mesmo hahaha

-Da tanto trabalho quanto o Bart haha- o Tom falou

-Quando vocês tiverem o bebê de vocês, aí vão saber o que é trabalho

-Vô!

-Vão cuidar do cachorro hahaha

Eu e o Tom levamos o Thunder até o quintal, estava um dia quente, bem gostoso, dava pra dar banho nele com a mangueira, o Tom foi buscar o shampoo do Thunder no banheiro e voltou sem camisa, só com a calça de moletom que ele estava usando, apesar do clima mais quente:

-Meu avô ta doido- falei

-Por que? Hahaha

-Onde já se viu falar que vamos ficar juntos, pior, que vamos ter um filho juntos, acho que a idade ta batendo na porta dele

-Acho que ele estava brincando só haha

-Ah não sei não, ele tem dessas, vivia falando a mesma coisa do Matt e da Julie e olha os dois hoje, casados e com um filho

-Talvez tenha sido só coincidência, o Matt sempre gostou da Julie, pra ele, ela sempre foi mais que amiga, o que não é o nosso

-É, pode ser- falei terminando de colocar a coleira no Thuder- segura ele aí, vou pegar a mangueira

-Ok, vem aqui meninão- ele segurou o Thunder pela coleira e eu fui pegar a mangueira

-Bora tirar essa terra desse cachorro

-Difícil ter bicho claro aqui né?

-Quando eu era pequena, meu pai tinha um cavalo albino

-Cavalo albino?

-Sim, não existe cavalo branco de fato, ou o cavalo é albino o u velho

-Nossa, minha vida toda eu achei que existiam cavalos brancos assim como existem cavalos marrons, pretos, malhados

-Não haha

-Devia ser lindo né?

-Era maravilhoso, o Darksky

-O seu cavalo preto se chama Rainbow, o cavalo branco do seu pai se chamava Darksky, vocês são muito criativos haha

-Sim haha, ele era lindo, mas vivia marrom por conta da terra, meu pai tava sempre lavando ele

-Imagino haha, Thunder, para quieto, você vai me molhar inteiro- ele falou segurando o cachorro com mais força

-Me ajuda a esfregar ele, eu lavo uma metade e você a outra- falei dando o shampoo pra ele

-Beleza

Começamos a esfregar o Thunder e era impressionante como a espuma ficava suja, impossível um cachorro como ele ficar limpinho em uma fazenda, é banho atrás de banho hahaha, depois que tiramos todo o sabão dele, fui pegar a toalha que eu usava sempre pra dar uma secada rápida nele e ele chacoalhou os pelos, molhando o Tom inteirinho hahaha:

-Porra Thunder hahaha

-Hahahaha tomou um belo banho – falei prendendo a coleira do Thunder na árvore pra ele não sair correndo pela fazenda

-Nossa, ele me molhou todo haha

-Vou molhar mais um pouquinho haha- peguei a mangueira e comecei a molhar ele

-Ah não Helena, eu já tomei banho, sua peste

-Hahaha ta tomando mais um

-Da essa mangueira aqui haha- ele falou arrancando a mangueira da minha mão e me molhando

-AAAAAAH TA FRIA

-Eu nem percebi haha- ele não parava de jogar água em mim e o Thunder latia, todo feliz com a nossa brincadeira

-Queria que tivesse outra mangueira nessa casa, ai você ia ver só- falei tentando tirar a mangueira dele

-Nem vem haha- ele colocou a mangueira pro alto e nisso eu vi minha mãe na varanda e logo o meu pai apareceu

-Crianças, vão acabar com a água do planeta- minha mãe falou fechando a torneira e vindo na nossa direção com o meu pai- lembra quando fizemos isso uma vez amor? – ela falou para o meu pai

-E como lembro, você queria me matar ehehehe

-Quase molhamos o seu pai haha- ela falou

-Sim ehehehe , o que vocês estavam fazendo?

-Dando banho no Thunder- falei

-Ah ehehe, pode deixar a mangueira ai, vou lavar os cavalos, quer que lave o Rainbow também? -ele falou

-Sim paizinho lindo- fui dar um abraço nele

-Sai ehehe

-Vai trocar de roupa, deixa que eu seco o Thunder- minha mãe falou

-Meu secador ta no banheiro de baixo, só usar- falei

-Ok- ela sorriu e eu e o Tom fomos para a casa trocar de roupa

-Vou me trocar e começar a preparar as coisas para o jantar- ele falou tirando a calça antes de entramos na casa

-Eu to ficando com fome já haha- falei tirando a minha roupa também, ficando só de calcinha e sutiã

-Onde vamos deixar a roupa molhada? -ele falou entrando em casa, eu sei que eu não deveria estar reparando nisso, mas ele só de cueca, molhada ainda por cima, é um perigo para a sanidade de qualquer pessoa

-Na lavanderia ué- falei indo até a lavanderia

-Agora deu frio haha- ele falou

-só colocar uma roupa que passa haha

-Cozinhar também haha

Nós subimos, ele foi para o quarto dele e eu fui para o meu, troquei de roupa e fiquei deitada na cama pensando, o Tom é um cara bonito, talvez eu queira que meu avô esteja certo sobre nós dois, talvez.


Notas Finais


Até o próximo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...