1. Spirit Fanfics >
  2. Instinto único (Vkook, Taekook) >
  3. Garoto de cabelos dourados.

História Instinto único (Vkook, Taekook) - Capítulo 14


Escrita por:


Notas do Autor


Geeeente voltei a ativa, kakskskksksks, sumi por muito tempo né? Tenhos meus motivos tá!

"Ah deve ser como sempre"

Sim, é como sempre, tou muito destraida com meus mangas Yaois é meu jogo, e agora que avoz de meu Men(Personagem de jogo) ta dublada não paro de jogar, tou muito viciante na voz do meu Dyrroth. Enfim.

Trouxe esse cap para vocês, me desculpem se ficou curto e pela demora, vou da mais atenção a fic agora, eu prometo, kakakaa.

Bom...me desculpe pelos erros ortográficos que vocês vão ver ao decorrer da leitura de vocês e boa leitura.

Capítulo 14 - Garoto de cabelos dourados.


Fanfic / Fanfiction Instinto único (Vkook, Taekook) - Capítulo 14 - Garoto de cabelos dourados.

[Narradora On]~



Kim acordou sentindo algo ou alguém cutuca sua bochecha, e ao abrir os olhos pôde ver o garoto de "cabelo dourado" vulgo Kiyunh.

— Ei Rosinha, acorda. — Disse Kiyunh.

— Nya...que horas são?.— Perguntou Kim.

— Agora são 06:58, vem levanta, você tem quê come para eu te levar para casa e irmos a escola. — Disse tentando puxa Kim da cama.

— "Irmos?" — Olhou Kiyunh atenciosamente.

— Estudamos na mesma escola rosinha, agora vamos. — Disse tirando Taehyung da cama e o deixando em pé. — Ótimo, agora leve o rosto e tome um banho, la você so faz troca de roupa, ok?— Falou sorrindo.

Kim apenas assentiu e foi ao banheiro fazer as suas higienes matinais, Taehyung repetia para si mesmo que Kiyunh era um alfa incrível, apersa de ter o conhecê-lo ontem a noite.

Kiyunh preparar o café da manhã para si, Taehyung e sua irmã que assistia na sala o jornal, assim que terminou chamou a irmã para toma o café da manhã.

— Hmm, ta com a cara boa hein. — Falou Yoojung se sentando na cadeira da mesa .

— CLARO, foi eu que fiz bebe. — Riu.

Assim que Taehyung saou do banheiro com suas roupas ja secas, se juntou a Yoojung e Kiyunh que ja estavam comendo.

— Bom dia Yoojung! — Falou o Ômega se sentando ao lado Kiyunh.

— Bom bia Taehy, dormiu bem?.

— Com certeza. — Disse colocando café com leite em uma das xícara.

Assim que todos ja haviam se alimentado, kim lavou os pratos e Kiyunh enxugou. Depois de lava ps pratos e enxuga-los Kim e Park sairam de casa a rumo da casa de Kim, assim que chegou Park olhou para casa de boca aberta.

— Você é bem riquinho ne? Rosinha. — Falou ja pensando pelo jardim da casa com Taehyung.

— Acho que sim... — Falou dando ombros.

Ambos entaram na casa e Kiyunh olhou vendo um acasa enorme e bem decorada, segiu Taehyung com os olhos vendo o mesmo ir para escada.

— Me espera aqui, vou troca de roupa e pega minha mochila. — Falou subindo.

Kiyunh se sentou no sofa olhando a grande TV no centro da sala, Park estava tão concentrado na tv que não viu Sr.Kim surgir atrás de si. Sr.Kim cutucou o garoto 1uebdeu um pulo de susto, olhou para Jinyon com a mão no peito.

— Quem é você garoto? — Perguntou Sr.Kim.

— Eu...eu sou um amigo do Taehyung, ele tava la na minha casa. — Sorriu nervoso.

— Hmmm, você não tocou no meu filho ne?.

— Que? Claro que não, eu nunca tocaria no Taehy desta maneira que pensa, nunca teria coragem para isso. — Falou sorrindo.

— Você consegue se controlar com o cheiro dele?.

— Tenho que admitir que o cheiro de Taehyung é um dos melhores que ja senti, mas não vou agarra-lo ou tenta algo contra sua vontade, e eu nem conheço ele direito. — Riu. — Se conhecemos ontem, mas sempre o vi na escola, é so isso. — deu ombros.

— Oh, me surpreendeu agora. — Disse sorrindo.

Assim Park e Sr.Kim começaram a conversar sobre coisas do dia-a-dia, e perceberam que timham o mesmo gosto para quase tudo, infelizmente a conversa parada por Kim quê desceu a escda ja Pronto para ir a esca com o Alfa.

— Ah, Oie pai. — Beijou a bochecha do mesmo.

— Oi Filho, gostei de seu amigo, ele tem gosto parabas coisas. — Sorriu. — O traga mais vezes.

— Com certeza pai. — Sorriu e olhou para Kiyunh. — Vamos?

— Vamos!.

Kim pegou a chave de sua moto e saiu da casa com Kiyunh qie o seguia, Kim foi a garagem abrindo a porta e tirando sua moto de la, fechou o portão da garagem e levou a moto para fora da casa, esperou Kiyunh sai para pôde fecha o portão principal. E assim que fechou Kim subiu na moto a ligando.

— Mentira, essa moto é sua? — Perguntou Kiyunh.

— Sim, agora sobe e vamos. — Disse Kim.

Kiyunh sibiu e segurou na parte de trás da moto para que não caísse.

— Hey, Melhor você se segura em mim. — Sugeriu Kim.

Kiyunh balançou a cabeça e pós a mãos no ombro do Ômega, Kim riu revirando os olhos e Pegou as mãos do alfa as colocando em sua cintura.

— Segura firme! — Disse já começando a andar.

[Enquanto a Jeongguk]

Sra.Jeon cutucava o filho várias mas nada de seu filho então para resolver a situação deu um tapão forte na nuca do filho, que acordou imediatamente e pós a mão sobre o local onde o tapa foi dado.

— Ai mãe, Precisa disso tudo? — Perguntou olhando a mais velha.

— Sim, você não acordava. — Disse colocando o uniforme do alfa na cama junto com a mochila.

— Minha cabeça ta doendo muito.

— Quem manda bebe que nem um louco?— Disse indo a porta do quarto. — Agora se arruma logo, aproveite que seu pai ainda ta aqui para te leva.

Jeon apenas assentiu com a cabeça positivamente, Jeongguk pegou sua total indo ao banheiro se banhar, adentrou no banheiro indo ate o chuveiro e o ligando na água gelada.

Ao terminar o banho Jeon se enxugou e de vestiu, penteou os cabelos deixando eles bagunçado de leve. Jeon sai do quarto indo a cozinha, deu um pequeno hole no suco e olhou para o pai.

— Vamos? — Disse Sr.Jeon.

Jeon apenas assentiu e foi com o pai ate o carro, assim que entrou pôs o cinto. Sr.Jeon deu partida e começou a dirigir.

— Jeongguk, você anda gostando de alguém?— Perguntou o Alfa mais velho.

— Sim... ele é tão lindo e incrível, o jeitinho dele é tão — Soltou um sorriso bobo

— É o Taehyung né?

— Sim. Ele mesmo, meu lobo quer ele e ru também quero.

— Então pretende perdi ele em namora? — Perguntou sem tirar a atenção da estrada.

— Sim....mas como sabe disso?.

Assim que Sr.Kim parou o carro por o sinal está vermelho, olhou para o filho e tirou uma caixa azul escuro de seu bolso a abrindo mostrando os anéis de compromisso que Jeon havia comprado.

— Achei isso na mesa da cozinha.

Ao olha para os anéis Jeon lembrou que tinha perdido a Kim lhe espera na praça, mas acabou esquecendo completamente.

— Ai meu deus. — Disse colocando a mãos na cabeça.

— Que foi?.

— Eu esqueci completamente do meu compromisso com o Taehyung, sera que ele foi? Pai acelera por favor.

Vendo o despero do filho passou a dirigir um pouco mais rápido a escola, ao chega Jeon se disperde de seu pai e ver os seus amigos conversando entre si.

— Gente, o Taehyung chegou? — Perguntou ofegante por ter corrido.

— Não, ele não chegou ainda. — Disse Sehun.

Não demorou para que Kim aparecesse na moto com Kiyunh.

— Ele chegou sim. — Disse Jimin apontando para Kim.

Jeongguk olhou pra o ômega sorrindo, mas seu sorriso morreu logo pós ver um Alfa na moto com Kim, Taehyung estava guardado o capacete e assim que guardou caminhou com Kiyunh até seu grupo de amigos.

— Bom dia gente. — Falou Kim sorrindo.

Todos responderam a Kim olhando o alfa ao lado do menor.

— Taehyung, quem é esse? — Perguntou Hoseok.

— Esse é meu amigo, Park Kiyunh, fiquei na casa dele ontem por causa de um imprevisto. — Disse olhando Jeon de um jeito frio.

Assim que Taehyung ouviu o sinal toca pegou na mão de Kiyunh, oque fez Kiyunh Sorri.

— Vamos Kiyunh, temos um tempinho agora pra você me acompanhar a biblioteca ate o segundo toque.

Com pura raiva Jeon separou a mão do alfa da do Ômega, Taehyung olhou automaticamente pra Jeon com raiva.

— Qual é o seu problema? — Perguntou a Jeon.

— Porque você esta com ele? Vocês são amigos a muito tempo?. — Pergunta o Alfa de cabelo negros.

— Se a gente é amigo a muito tempo isso não te importa Jeongguk, e eu estou com ele porquê gosto da companhia dele, agora me deixa em paz. — Falou pegando na mão de Kiyunh novamente.

Mas Jeon novamente as separou e segurrou o pulso esquerdo do Ômega mais não o apertando.

— Porque você ta agindo assim comigo Taehyung?.

Kim sentiu seud olhos adere, levemente sentiu as lagrimas cairem sobre suas bochechas, ao ver o ômega chorando Jeon soltou seu pulso rapidamente.

— Você é idiota né? Você me perdiu para ir para praça sei la para que e nem seque deu sua cara de merda la, me deixou esperando como um idiota e ainda levei chuva, e a pessoa que me ajudou a perti que fui para porta de uma boate foi Kiyunh. — Disse chorando.

— Taehyung...eu....me descu-

— Não quero suas desculpas, apenas preciso de um tempo, longe de você. — Disse andando para longe.

Kiyunh o segiu, pos o braço na cintura do Ômega o abraçando de lado para consola-lo.

— Cara, explicar oque ta acontecendo. — Disse Sehun.








Continua...


Notas Finais


Obrigada por ler, e até o dia que eu me lembra que tenho uma fickakskskskkskks.

Bye.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...