História INTERLIGADOS (Imagine Min Yoongi - Suga - BTS) - Capítulo 14


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Bts, Fic, Imagine, Professor, Romance, Suga, Yoongi
Visualizações 222
Palavras 2.010
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Romance e Novela, Saga, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OIOIOIOI Lindezas

Me empolguei e tô postando um capítulo atrás do outro mesmo :D

Se tudo der certo, amanhã tem mais um kkk (ou quinta)
Boa leitura :P

Capítulo 14 - Cold Touch


Fanfic / Fanfiction INTERLIGADOS (Imagine Min Yoongi - Suga - BTS) - Capítulo 14 - Cold Touch

POV S/N

 

Acordo no domingo com uma mensagem do Jungkook.  

 

MENSAGEM (S/N E JUNGKOOK)  
 

Jungkook: Bom dia!! O que você acha de irmos à praia hoje? 

 

S/n: Bom dia! Acho ótimo... Eu estou na casa da Guk. Talvez ela e a Hee queiram ir também. Tudo bem?  

 

Jungkook: Que ótimo! Bom que vamos com a turma toda! O que você acha de estarmos às 9:30 em Naksan Beach? 

 

S/n: Combinado.  

 

MENSAGEM FINALIZADA 

 

Me levanto e vou até a sala. Guk e Hee já estavam acordadas.  

 

Guk: Bom dia!  

 

S/n: Bom dia!! Vocês estão acordadas há quanto tempo?  

 

Hee: Uns 15 minutos.  

 

S/n: Ah sim... Então - chamo a atenção das meninas, que estavam assistindo televisão - O Jungkook me chamou para ir à Praia hoje. Vai ele e uns colegas. Vocês querem ir?  

 

Guk: Clarooo! Hoje o dia está bem bom mesmo - ela abre um sorriso.  

 

Hee: Eu posso chamar o Jimin? Combinei de passar parte do dia com ele hoje.  

 

S/n: Pode sim - sorrio empolgada, já que elas concordaram.  

 

Guk: Ah, tudo bem se eu chamar o Hobi também?  

 

S/n: Tudo bem sim. Eu marquei com o Jungkook às 9:30 em Naksan Beach.  

 

Guk: Beleza.  

 

Nós corremos para nos arrumar e chegar lá a tempo. Guk e Hee mandam mensagem para os machos delas e eles gostam muito da ideia. Eles nos encontrarão lá também.  

Saímos da casa da Guk e vamos até a Praia.  

 

Chegando lá, avistamos Jin e Namjoon sentados sob um guarda-sol, Taehyung, Jimin e Jungkook jogando bola, numa espécie de brincadeira, perto deles.  

Ao perceberem nossa presença, Jimin e Jungkook vêm ao nosso encontro.  

Jimin corre até a Hee que o recepciona com vários beijos e Jungkook me dá um abraço.  

 

Jungkook: Que bom que você veio - ele abre um sorriso tão simpático - Vamos nos divertir muito hoje. 

 

Eu retribuo seu sorriso e caminhamos juntos até perto dos outros meninos.  

Não se passa muito tempo e vejo Guk correndo em direção a um ser.  

Quando eles se aproximam, percebo que não estão sozinhos.  

Vieram Hoseok e Yoongi.  

Sinto meu coração disparar ao notar sua presença. Me lembro de suas palavras desta madrugada: "Eu estou apaixonado por você, S/n". 

Ele me olha, mas eu desvio o olhar. Ele simplesmente foi embora logo após me dizer essas palavras. Não quero ter que conversar com ele sobre isso.  

Decidimos entrar no mar, e sinto meu rosto queimar quando percebo Hee observando-me a olhar o corpo de Jungkook. Ele realmente tem um ótimo físico.  

Hee me lança um olhar de segundas intenções e eu coro.  

Entramos todos na água, exceto pelo Yoongi, que se deitou debaixo de um guarda-sol e aparentemente dormiu ali mesmo.  

Apesar da água estar bem fria, nos divertimos bastante. É realmente um momento muito agradável. 

Dando mais ou menos umas 13 h, decidimos ir à um restaurante ali perto mesmo, já que iremos voltar depois do almoço. 

Saímos da água e caminhamos em grupo, pela areia, até que Jungkook vem até o meu lado e depois de algumas conversinhas, segura minha mão.  

Eu arregalo os olhos e olho rapidamente para o Yoongi e pude observar o momento em que sua expressão se fecha e ele olha em outra direção. Parece com raiva.  

Jungkook continua segurando minha mão. Ele é muito fofo. Infelizmente a presença do Yoongi me faz ficar um pouco desconfortável com isso. Ele caminha mais rápido, indo à nossa frente.  

Jungkook parece não notar meu desconforto, pois não solta minha mão até que chegamos em um restaurante fast food e eu digo que vou ao banheiro com as meninas.  

Ok, eu não precisava realmente de ter vindo ao banheiro, mas como a Hee parecia que ia mijar pelos olhos, achei que seria um bom pretexto para sair um pouco de perto do Jungkook, e sabe, mulher tem essa coisa de que se uma vai ao banheiro, vai todo o bonde, então não foi difícil desgrudar dele.  

Por um lado, eu gosto muito que o Jungkook me trate bem. Eu realmente gosto dele. Ele é muito simpático, BONITO, me trata super bem...  

Mas...  

Ah, tinha que ter um porém, né.  

Depois do que o Yoongi me disse, eu tenho me sentido um pouco mal em trocar algum afeto com o Jungkook. Principalmente na frente dele.  

Eu sei que nós não temos absolutamente NADA, mas o que aconteceu essa noite realmente me deixou intrigada.  

Parte de mim me diz que ele apenas disse aquilo para tentar se dar bem comigo de alguma forma. Mas a forma preocupada com que ele me olhou depois disso, como se ele realmente tivesse deixado aquelas palavras escaparem de sua boca, me fazem sentir algo. 

Não sei se deveria pensar nisso.  

Balanço minha cabeça, como quem quer esquecer os pensamentos. 

 

Hee: Tá pensando no Jungkook, hammm??? - ela me manda o mesmo olhar de segundas intenções de hoje mais cedo - Eu vi você admirando aquele corpinho - ela dá uma risadinha.  
 

Guk: É, S/n, eu também vi vocês de mãos dadas. - ela se junta à Hee, dando algumas risadinhas.  
 

S/n: Que isso, gente - digo envergonha - eu e o Jungkook somos apenas amigos.  

 

Hee: É - ela faz uma pausa - Eu e o Jimin também éramos apenas amigos. Amizade é uma coisa esplêndida, né? - ela abre um grande sorriso e levanta sua mão de forma brusca, mostrando seu anel. AH NÃO. O maldito anel de novo - TÃO ESPLÊNDIDA QUANTO O MEU ANEL!!!!!!!! - ela se vangloria - Eu não teria o recebido, S/n, se não fosse antes amiga do Jimin - ela sorri - Assim como você é do Jungkook.  

 

S/n: Eu não devia ter incentivado o Jimin a te dar esse troço - coloco uma mão no meu rosto, mostrando minha decepção - E EU E O JUNGKOOK SOMOS DIFERENTES DE VOCÊ E O JIMIN - digo como quem faz uma certa pirraça, em tom de brincadeira e ficamos alguns segundos em silêncio. 

 

Guk: Por enquanto, né? Fala sério, S/n, olha só o homão que você está deixando escapar!  

 

Elas não desistem.  

Me rendo e começamos a rir. Ficamos assim até sairmos do banheiro e nos direcionamos até a mesa em que os meninos estavam. 

Me distraio por alguns segundos, quando percebo uma criancinha que aparentava ter uns quatro anos e que se aproximava de mim. Me abaixo até o menininho, que parecia estar procurando alguém.  

 

S/n: Você está procurando alguém?  - falo simpática com o menininho. 

 

Criança: Eu não sei onde minha mamãe está.  

 

S/n: E você quer ajuda para encontrá-la?  

 

O baixinho apenas assente com a cabeça, me dando sua pequena mão e me acompanhando pelo restaurante.  

Faço um sinal para as meninas, dizendo que já voltava e ando com o menino, passando entre as mesas e perguntando vez ou outra se ele via sua mãe em algum lugar.  

Por sorte, não demorou muito para encontrá-la, afinal, apesar de estar bem cheio, aqui é bem espaçoso, sendo fácil encontrar outras pessoas aqui.  

A mulher me agradeceu algumas vezes. Ela estava com outras três crianças, não tão novas quando o menino que eu acabara de ajudar, mas dava para entender o porquê de ela ter acabado perdido a criança.  

Depois de o menininho, que a moça chamou de Young-Jae, me dar um abraço e um beijinho na bochecha, agradecendo-me, eu me dirijo até a mesa em que estava o pessoal.  

Meu semblante cai, de forma nada discreta, quando me aproximo. 

Mas que ótima situação essa!  

A minha vida simplesmente não está a meu favor. 

Simplesmente ocorreu que o único lugar que havia sobrado era justo entre o Jungkook e o Yoongi.  

POR QUE, DEUS?  

Me dirijo tímida até o tal lugar, recebendo o olhar de Jimin, que era o único que compreendia o meu desconforto. Infelizmente ele só ria da minha desgraça mesmo.  

POXA JIMIN.  

Percebo uma troca de olhares um tanto incomum entre Yoongi e Jungkook. Será que eles têm alguma treta mal resolvida ou isso tem alguma coisa a ver comigo?  

Af. Isso é terrível.  

Eu gostaria de apenas poder sumir daqui nesse exato momento. 

Uma parada cardíaca, um terremoto, desmaio, bombardeio, QUALQUER COISA!  

Infelizmente (ou felizmente talvez, não sei bem como definir) nada disso ocorre, e eu tenho que lidar com a realidade.  

Do lado direito, o Yoongi. Do esquerdo, Jungkook.  

À MINHA FRENTE, O INÚTIL DO JIMIN VENDO A SITUAÇÃO E APENAS RINDO DA MINHA CARA.  

POXA JIMIN. 

Fazemos nossos pedidos e dentro de alguns poucos minutos, nossos lanches chegam.  

A rapidez a qual recebemos os lanches me deixa bem feliz, afinal, eu estava com muita fome.  

Enquanto como o lanche, faço uma breve pausa, repousando as mãos sobre minhas pernas. 

Me surpreendo ao sentir o toque frio de sua mão sobre a minha e meu coração dispara. Sim, Min Yoongi acaba de segurar minha mão. Logo aqui. No meio de tanta gente. Enquanto eu como. E melhor ainda, comigo entre ele e o Jungkook. 

Apesar de ser um simples toque, tem muito efeito sobre mim.  

Sinto meu rosto queimar, com meu pulso descompassado e me viro, olhando o rosto do pálido.  

Ele não fala nada. Sequer olha pra mim. Apenas o vejo forçando o maxilar, enquanto entrelaça seus dedos nos meus. Por que tudo nele é tão confuso?  

Apesar de estranhar seu toque, isso me traz uma sensação tão boa. É aconchegante.  

Seguro sua mão, retribuindo o toque e posso sentir uma leve carícia do seu polegar pela minha mão.  

Abro um sorriso discreto. Isso realmente está acontecendo? Pelo visto, parece que ele tem algum sentimento afinal. Fico feliz por ele não ter uma pedra no ao invés de um coração.  

Que sorte, não?  

Ficamos ali, de mãos dadas, sem que ninguém percebesse. É um pouco difícil terminar de comer apenas com a mão esquerda, mas eu não quero abrir mão disso. Dele.  

Terminamos, todos, de comer e decidimos voltar para a Praia, para passarmos o restante da tarde.  

Nos levantamos da mesa, e Yoongi rapidamente solta a minha mão, num ato meio que inconsciente, imagino. Ele não quer que ninguém saiba de nós, seja lá o que somos.  

Pagamos a conta e nos dirigimos novamente até a Praia.  

Vou o caminho de volta conversando com Taehyung, Namjoon e Jin.  

Uma conversa muito agradável, aliás. Pude descobrir algumas coisas sobre eles.  

Namjoon, por exemplo, é extremamente inteligente. Chega até a dar vergonha de abrir a boca pra falar sobre qualquer assunto perto dele. Ele simplesmente sabe de tudo.  

O Jin é muito engraçado. Ou tenta ser, pelo menos. Suas piadinhas são as mais terríveis, mas é impossível não rir após suas risadas escandalosas.  

Taehyung é mais reservado, no entanto mostrou ser muito simpático, compartilhando alguns casos engraçados que já lhe ocorreram.  

Na praia, nos sentamos sobre alguns guarda-sóis, descansando um pouco. Os casais decidiram passar algum tempo juntos, então logo após chegarmos até o lugar que iríamos ficar, Guk e Hobi, Jimin e Hee e Jin e Namjoon se retiram, caminhando em direções diferentes.  

Novamente cá estou eu, sozinha com um monte de macho.  

Pior. Dois deles são Yoongi e Jungkook.  

Alguns minutos em silêncio se passaram e nada.  

De repente, Tae em uma espécie de tentativa de socialização, se levanta e nos chama, com uma bola de vôlei na mão.  

 

Tae: Não vamos ficar aqui parados - ele diz meio impaciente - Vem!  

 

Nos encaramos um pouco antes de concordar com olhares e, após levantarmos, nos dirigimos até Taehyung, que estava perto de uma rede de vôlei, com um perímetro demarcado.  

 

Tae: Vocês sabem jogar, certo? - ele ri baixinho.  

 

Yoongi e Jungkook o respondem, fazendo comentários do tipo "quem não saberia jogar isso?" e mandando olhares do tipo "não me subestime". Claro que eu fui a única que não respondeu.  

Eles me encaram esperando uma resposta.  

 

S/n: Ahnm... então... a teoria eu até que sei.  

 

Jungkook: Teoria? - ele ri.  

 

Tae: Tá, tudo bem. Você aprende. - ele diz impaciente. Não aguenta mais ficar parado. - Vamos tirar os times?  

 

Tiramos o time na sorte, e eu saio justo com o... 


Notas Finais


Ops... Essa minha mania escrota de terminar o capítulo no meio da frase voltou :D
Me perdoem novamente kkkkk

POXA JIMIN

Com quem vocês acham que a s/n vai ficar no time?? Deixe seu comentário!!!!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...