História InThe End - Capítulo 16


Escrita por:

Postado
Categorias Linkin Park
Personagens Brad Delson, Chester Bennington, Mike Shinoda, Rob Bourdon
Tags Bennoda, Linkin Park, Romance
Visualizações 35
Palavras 1.419
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Famí­lia, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Depois que Anna visitou Chester ,ela conheceu um pouco melhor a Priscila, parece que ela resolveu fazer uma boa ação.....

Capítulo 16 - Arrumando emprego


Fanfic / Fanfiction InThe End - Capítulo 16 - Arrumando emprego

Celular toca!

Nos assustamos, e procuramos os celulares, até descobrirmos que era o de Priscila.

-Chester é a dona da doceria. – diz ela olhando o visor.

-O que?

-Será que aconteceu algo com Carina?

Nessa hora me deu vontade de responder"Tomara", mais fiquei com medo.

-Atenda, meu anjo!

Ela atendeu e foi pra um canto do quarto, quando batem na porta.

–Ei Amores, vou atrapalhar viu?  - Era Phoenix

Fui até a porta, e abri.

-Ui delicia atrapalhei?

- O que vc quer idiota?

-Vim te ver bonitão. Logo vamos pro estúdio para reunião. Queria te dar um beijinho.

-Vai pro diabo que te carregue Phoenix.

-E a sua gatinha? – diz olhando pra dentro do quarto.

-Esta no banheiro.

-Oh...Ta vou te esperar lá embaixo. Joe já ligou o monitor e os aparelho para transmissão.

-Valeu já vou descer.

-Beijinhos gostosão. !!!

-Tome no cu Phoenix!

Fecho a porta e vejo Priscila arrumada.

-Onde você vai?

-A dona da doceira me ligou e disse que eu preciso ir lá. Eu vou lá ver o que houve.

Olhei espantado para ela.

-Mas você me ajuda na transmissão da vídeo conferência amor. Eu vou ficar sozinho?

-Vou pedir pra Rob ficar com vc até eu voltar ...

-Rob? Rob toca a bateria no estúdio, como ele vai gravar as partes deles se  a bateria está no estúdio?

-Então peço a Brad.

-Os acordes deles estão lá.

Ela cruza os braços e abaixa a cabeça. 

Engoli seco.

-Eu acho que vou pedi pra Joe ficar aqui comigo. – Falo suspirando. – Vou me arrumar. Enquanto vestia uma camisa, senti ela me abraçando.

-Eu não demoro meu amor. Prometo.

Virei e dei um beijo nos lábios dela.

-Tudo bem meu amor. Desculpe eu...eu nem sei pq eu falei isso...eu...

-Eu te amo, Chester. Não faça nada até eu voltar.

Eu olhei pra ela, levantando a sobrancelha.

 

Descemos e Phoenix larga logo as dele:

-Ei ...até que enfim hein?

-Cala boca!

-Eu vou ter que sair rapazes. - diz Priscila

Rob veio logo pra perto dela.

-Onde vc vai, querida? – Diz pegando na mão dela

-Vou Até a doceria, Não sei o que houve mais preciso ir lá.

-Aproveite traga uma sobremesa pra gente. – fala Phoenix

Todos olhamos pra ele sérios

-Ah ta...desculpe ai...Ei! Eu to de moto. Posso te dar uma carona se quiser.

-Ótimo ...-digo pra ele- Aproveite e compre uma sobremesa

Ele me olhou e balançou a cabeça.

-Obrigada Phoenix , depois volto amor. – Me deu um beijinho

-Depois volto amor...- Diz Phoenix

Revirei os olhos e me sentei no sofá.

-Joe, pode ficar comigo até Priscila voltar?

Joe Sentou ao meu lado e me abraçou na brincadeira

-Claro meu amor!

-Vão se catar!!!

 

Depois de uma  hora, Mike já estava falando conosco em vídeo apenas aguardando a chegada dos rapazes quando Phoenix chega com Priscila.

-Finalmente amor... – falei levantando do sofá

-Cheguei meu bem...- Ela me beija. – Joe , Phoenix pediu pra vc ir com ele de carona.

-Fui ...- Falou Joe. – To chegando ae Mike.

-Oi Mike . – Disse Pri olhando o vídeo

-Ola Priscila. – Mike acena

Ela não diz nada até que começa a reunião, entre acordes, bateria, gritos e melodias, ela permanece calada. Até que acaba a reunião.

-Chester, vou manda Rob e Brad levar umas letras que fiz, pra vc mudar algumas coisas ou acrescentar. – Fala Mike

- Ok . -Falo meio ríspido, estou muito curioso com que aconteceu na doceria. Mas eu vou esperar o que Priscila vai me dizer.

-Mike!

-Oi Priscila. – Diz Mike olhando para a câmera

-Obrigada Mike.

Eu olhei para ele. Ele sorriu

-Não agradeça a mim. Agradeça a Anna. Foi ela quem me fez ir la´.

-Acho que eu preciso saber de algo não é amor?

Eles riram de mim. Os dois ...cada um de um lado do monitor.

-Calma...Eu vou dizer…eu e Anna íamos pra casa quando mostrei a doceria onde vc comprou as tortas, eu já tinha ido lá com vcs várias vezes lembra?

-Lembro...

-Pois é....ela então disse:” amor vamos até lá, estou com vontade de comer torta de limão.”

-Serio??? –Perguntei assustado

-Fomos até lá, encontrei a amiga raivosa da Pri e ela perguntou por você Chester.

-Céus! - botei a mão no rosto.

-Então Anna perguntou quem era a dona da loja, e Carina mostrou a mulher. Anna então pediu pra acompanha-la para falar ela.

-Falar o que? –Olhei pra Priscila.

-Eles falaram pra ela me recontratar meu amor. Vou voltar ao meu antigo emprego. –Ela fala isso Eufórica e me abraça e me beija.

-Espera ai…- falo me afastando – deixa ver se entendi...Mike e Anna foram doceria pra falar pra aquela gorda e rabugenta te recontratar para ser caixa da doceria? É isso?

-Sim, Chazy- diz Mike – você não disse que ela foi demitida por sua causa? Anna foi falar com ela pra ela voltar a trabalhar, já que ela quer ter um emprego simples.

-Sendo a caixa da doceria?

-Qual é o problema? – Diz Priscila. – Eu trabalhava lá antes de vc ir lá aquela noite.

-Eu sei meu anjo mas, eu tava imaginando outra coisa pra você.

-Pra mim? Como o que por exemplo?

-Eu ia te pagar uns cursos pra poder você ter um emprego melhor.

-Qual o problema com esse emprego?

-Pelo amor de Deus Priscila, caixa da doceria?  Oras você dali já saiu.

-Saí pq fui demitida por não atender bem o Senhor Chester que não encontrava uma torta de morango.

Mike nesse momento põe a mão na boca e apenas observa aquela discussão. Os outros rapazes também.

-Você não me deu a informação direito, lembra? Não sabia que a torta estava nos fundos da loja.

-É mas eu era novata, ela nem levou isso em consideração. Fui demitida.

-E agora vai voltar pra lá?

-Qual o problema Chester?

-Eu vou te pagar uns cursos pra você ter um emprego descente.

-Esta é um emprego descente... eu recebo um salário digno do meu trabalho.

-Imagino a merreca. Ainda tem que ficar o dia todo lá. Como eu vou aqui hein?

-Chazzy...escuta fica calmo ai cara! –Mike pelo vídeo

-Cala boca Spike! Vc se mete muito nas minhas coisas, agora arruma esse emprego de merda pra ela sem eu saber.

-Chester não brigue com ele. Ele fez por mim. E não é um emprego de merda. Se eu não tivesse sido atropelada por vc , nem nos conheceríamos, eu não estaria aqui ouvindo isso , eu estaria numa fila de RH tentando um trabalho, em vez de ver vc tendo esse piti. Voce é famoso, eu não. Eu estaria ...

-O QUE PRISCILA? ESTARIA CUIDANDO DA SUA VIDINHA MEDIOCRE? DO SEU EMPREGUINHO DE CAIXA DE QUALQUER OUTRA LOJA? O QUE VOCÊ ESTARIA FAZENDO? HEIN?

-Chester!!- grita Mike – cara para com isso!

Os outros rapazes também ficavam falando, no outro lado da tela.

Priscila apenas olhou pra mim. Seu olhar era triste.  Ela baixou o rosto, e com uma voz tremula ela diz:

-Eu estaria fazendo qualquer coisa…Mas estou aqui com vc..eu...

-ESTA INFELIZ? ENTAO VA EMBORA!

-Chester o que é isso?

-CALA BOCA MIKE!!!!

-Chester , eu não disse que estou infeliz...eu

- POIS NÃO PARECE...SE VC ESTA, ENTÃO VA EMBORA. ESTOU ACOSTUMADO A SER ABANDONADO, A SER DEIXADO PELAS MINHAS MULHERES. TIVE DOIS DIVORCIOS. VC QUER SER COMO ELAS? VÁ ENTÃO, NÃO SE PREOCUPE COMIGO, EU ESTOU MUITO BEM. MALDITA HORA QUE EU ERREI AQUELE TIRO, PODIA TER ESTOURADO MEUS MIOLOS MESMO.

Sentei no sofá. Com as mão no rosto. Respirei fundo.

-Chester pq diz essas coisas? – Ouço a voz dela chorando

-Pq é verdade. Sempre foi e sempre será. Vá embora!

-Chester...

-Vá embora Priscila!! Agora!!!

Ela pegou a bolsa e saiu da casa. Eu me levantei e tranquei a porta.

-Pq vc fez isso Chester? – Disse Mike pelo monitor

-Eu mandei vc calar a boca! –Fui até o monitor. - Onde desliga essa coisas?

-Chester, calma eu estou indo pra ai...eu e os rapazes...

-NÃO!!!! NÃO QUERO NINGUÉM AQUI. NEM VOCÊ, NEM O BRAD, NEM O ROB. NINGUÉM!!!! QUERO FICAR SOZINHO COM MEUS PENSAMENTOS. PELO AMOR DE DEUS. ME DEIXEM EM PAZ!!!!

-Chester ! acalme se ...eu vou...

-CALA BOCA ENQUANTO EU FALO COM VOCÊ, MIKE!!!!!

Arranco o monitor da mesa e quebrei todos os fios.

-CALA A BOCA!!!!

Com toda a minha fúria o arremesso para o outro lado da sala, vendo ele se despedaçar todo na parede.

-CALA A BOCA, MIKE!!!!!

Sento no sofá chorando, ponho a mão na cabeça, e lamento ....

-Cala boca, Mike.Por favor...cala boca....


Notas Finais


Que piti fosse esse Chester??? Cruz credo!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...