1. Spirit Fanfics >
  2. Inuyasha lendas nunca morrem >
  3. Ventos distantes

História Inuyasha lendas nunca morrem - Capítulo 1


Escrita por:


Capítulo 1 - Ventos distantes


Fanfic / Fanfiction Inuyasha lendas nunca morrem - Capítulo 1 - Ventos distantes

"Inu no Taisshou,seu povo  suplica por você, e uma nova guerra se forma, nos já não podemos mais lutar como antes,a vila já está fraca e não temos mais como lutar,por favor volte,volte e nos valha Inu no Taisshou-sama!"


Kagome 

Já se fazia alguns dias que o poço come ossos se abriu pela última vez,sinto saudade de minha família e de minha era mas agora não tenho mais volta e mesmo se eu tivesse não voltaria.

Inuyasha continua o mesmo, reclamando e sendo encrenqueiro,e sinceramente senti muita saudades disso;as filhas de Sango e Miroku não o deixa em paz um segundo seguer;Sango se tornou uma ótima mãe e tenho certeza que também será uma ótima sensei,não só para seus filhos como também para as demais crianças que desejam seguir a tradição de exterminadores,o treinamento pelo que ela me disse e bem complicado mas com o tempo eles irão pegar o jeito,acabei me prontificando de cuidar de todos os ferimentos das crianças e junto com vovó kaede também dos ferimentos e necessidades do resto da vila,ainda não me acostumei com a rotina de uma sacerdotisa,ou com as aulas e também os treinos de arco e flecha,mas me deixa feliz ver que já acerto um alvo em movimento com facilidade,os aldeões ainda não se acostumaram muito comigo, muito menos do fato de uma sacerdotisa ser amiga de youkais e um meio youkai que no caso vive me seguindo , inclusive agora que estou colhendo algumas ervas para vovó kaede.

Coloquei as últimas ervas no cesto e me levantei.

_Vamos Inuyasha?

Passei a andar devagar mas depois de alguns passos percebi que o mesmo não veio atrás de mim.

_Inuyasha?

Me virei para trás para ver aonde o mesmo estava.

_Inuyasha!

Me aproximou dele.

_Algo errado?

_Não, não Kagome,vamos.

Ele seguiu andando e eu o acompanhei fomos até a cabana de vovó kaede comigo comprinentando alguns moradores que cuidavam das plantações;ao chegar próxima a  cabana de vovó kaede vi Rin saindo correndo com o barulho de um cininho a acompanhando.

_Sesshoumaru veio  a visitar.

Continuei o caminho depois da afirmação de InuYasha,ao chegar na cabana de vovó kaede me pus a lavar as ervas e em seguida passar a ferver um chá.

_Está quieto Inuyasha.

Me levantei com o bule em mãos o mesmo ia cair mas Inuyasha o segurou.

_Cuidado!

Segurei o bule dessa vez mais firme e o coloquei perto dos bolinhos,dei uma risadinha e olhei para ele.

_Acho que realmente não estou pronta para casar-ri novamente.

_Está-Inuyasha se aproximou de mim segurando meu rosto-_Está sim.


Kimi (mãe de Sesshoumaru.)


_Inu no Taisshou?

Me aproximo dele ainda despida.

_O que foi Kimi?

Ele se vira para mim,me olhando de maneira fria como todas as vezes,e logo se vira novamente.

_Você já vai ?

_Tenho de ir.

O abraço por trás.

_Promete voltar?

Ele segura minha mão a levando até o rosto a beijando por fim.

_Prometo.


Abri meus olhos enfrente ao espelho percebendo em meus olhos uma lágrima.

_Que patético.

Balanço a cabeça ouvindo alguém me chamar por fora do quarto.

_Entre!

_Kimi-sama?

Nem fiz questão de o olhar apenas o deixei continuar a falar.

_O seu banho está pronto minha senhora.

Me levanto permitindo algumas empregadas retirarem minhas roupas assim que me aproximei do meu ofurô as mandando embora em seguida,aos poucos deixei meu corpo ser coberto pela água quente.

Meus olhos vieram a se fechar e assim imagens a se formar em meus pensamentos,nada que eu desse importância até um rosto famíliar surgir.

_Izayoi!!

Ao abrir meus olhos percebi a bagunça que avia feito no cômodo, espelhos quebrados,velas apagadas flores mortas e claro meus olhos vermelhos.

_Ah!que ótimo.-digo com sarcasmo colocando meus dedos sobre minha bochecha fechando os olhos,respiro fundo dando um gole em meu saquê,deixando tudo em silêncio.

(Aonde está Sesshoumaru?)


Inuyasha

Sai da cabana de velha kaede deixando Kagome e as outras mulheres se arrumarem para dormir,subi em uma árvore e ao longe via a árvore sagrada,minhas memórias se refrecaram.

Tudo chegou ao seu fim,Sango e Miroku agora são pais,Shippou mal fica na vila por causa de seu treinamento,a vila está tranquila e Kagome de volta,tudo está em seu devido lugar e...

_Inuyasha.

Olho para baixo vendo Kagome sorrir de leve.

_Vim te desejar boa noite.

Desso da árvore ficando a sua frente.

_A noite está linda não?

Ela disse olhando para cima.

_Hai.-olho junto com ela.

_Me lembra as noites que acampavamos a céu aberto,sente saudades?

_Do que ?

_De cada dia dormir em um lugar diferente,ver vilas diferentes...,de tudo?

_Não.

Ela me olha me questionando.

_Nunca gostei daquela vida,eu sempre...sempre quis pertencer a um lugar.

_Você pertence agora.

_Não Kagome,...eu não pertenço a está vila ,na verdade a nenhuma delas.

_O que está dizendo? você já vivia aqui antes e agora está aqui...

_Por você.

A vejo ficar corada.

_Inuyasha.

Viro meu rosto.

_Quero dizer,Sango e Miroku,eles também não são daqui, Sango e da vila de exterminadores e Miroku de sei lá aonde ,mas eles tem motivos para ficar!Tem família, filhos para cuidar...

_E você, gostaria Inuyasha?

_Do que Kagome? 

Me viro para ela que agora não me encara.

_Gostaria de ter uma família?

Ela sorri meiga para mim.

_Hai.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...