História Invisible Girl - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Adolescente, Blog, Diário, Escola, Musica, Romance
Visualizações 3
Palavras 528
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Comédia, Famí­lia, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Alô alô alô!
Eu vou colocar uma pequena lista de músicas para você leitor que queira ler e ouvir música (super boas)

Sorry se tiver um errinho de português ;-;

Boa leitura!

Capítulo 1 - Just a Girl


Fanfic / Fanfiction Invisible Girl - Capítulo 1 - Just a Girl

"Last Dinosaurs - Weekend
The neighbourhood - Flowers
Last Dinosaurs - Hawaii
Cage the elephant - Trouble" 
❤❤


   Esse ano pensei que seria o melhor, porém mal começou e eu já quero que acabe (risos). Mudei de turma que é péssimo, soube disse 1 semana antes do começo das aulas insistir para minha mãe para me trocar mas nada, tentei mudar por mim mesma mas no final não deu certo. Ótimo sala nova com pessoas novas que eu nem me lembro do ano passado, porém coloquei na minha cabeça que seria bom apesar meu amigos ainda estão na escola não é o fim do mundo não é mesmo? 

  No primeiro dia na sala nova quando entrei me olharam um pouco torto como "quem é essa menina?" E isso fez com que eu ficasse com vergonha e pensar "quero minha salinha de volta!", para piorar sentei na primeira cadeira bem em frente a lousa porque era a única cadeira que não tinha alguém, fiquei encolhindinha no celular so zanzando pelo twitter so para fingir que estava super entretida. 

Então eu senti alguém me cutucando e vi um menino de óculos e logo pensei "nossa alguém veio conversar comigo!" Dei um sorrisinho que logo se desfez quando ele disse "você não tem outra cadeira pra sentar?" Respondi meio sem graça que essa era a cadeira que eu achei, então ele rebateu "você não pode sentar lá atrás? Eu sento ai" 

Eu fiquei tipo "??? Então porque VOCÊ não senta pra lá??" mas eu olhei pros lados para procurar outra cadeira (só fingindo mesmo porque eu não ia sair mesmo, se quiser o chão é livre), alguém viu o que estava acontecendo e buscou uma cadeira pra ele sentar e bem na minha frente, depois fiquei pensando "que abusado! Mas eu não sou obrigada!!".

Eu fiquei 1 semana na minha sala antiga no começo das aulas então eu ja havia pegado o conteúdo de uns professores e um deles era do rabugento professor de ed. física. 

Ele havia entrado para "dar aula" e passou o mesmo texto da outra sala, então como não havia nada para fazer fiquei rabiscando o fim do caderno, mas um detalhe eu estava tipo na cara dele (exagerando)  e com aquela voz grossa e alta disse "Qual é seu nome? E o seu problema?" Em um tom rude e todos da sala olharam pra mim. Respondi super sem graça "Sophia... Eu era de outra sala e já copiei o texto". Ele achando que ia me dar uma bronca mas não contou com minha astúcia!.

O restante do dia foi um tédio! Não tinha nada para fazer e o pior de tudo é que todos já haviam um grupo e todos estavam conversando enquanto eu estava lá alone. E quando não tinha aula pela falta do professor os meus amigos da outra sala estavam tendo aula e ficou complicado pra gente, so conversamos no intervalo. 

Mandei mensagem para todos os meus amigos para ver se 1 ao menos me respondia mas nada.

Mas eu estava pensando apenas em que no meio do ano talvez eu goste da sala e converse com pelo menos um pouco dela.




Amanhã será outro dia

                          


     


                    

                    


                        

                          


     


                    

                    


                        


Notas Finais


Espero que tenha gostado!!
Nesse capítulo eu vou tentar dá uma atualizada do que está acontecendo
Uma introdução hahaha


(Obs: os nomes são fictícios)



~Bjs de luz


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...