História Invisível - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Romance
Visualizações 6
Palavras 1.757
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 5 - Música


Fanfic / Fanfiction Invisível - Capítulo 5 - Música


POV Hidan


Eu estava  ansioso  e não sabia bem porque ,mais supôs que é   pelo fato de eu estar preparando uma surpresa para minha namorada , eu não via a hora da Heiren chegar  para a gente começar a escrever uma letra logo , eu estava deitado na cama pensando no quanto aquele mês  tinha sido bom , eu sou filho único e meus pais são pessoas bem ocupadas , eles mal tem tempo para mim , isso mi tornou uma pessoa muito carente  , e eu acho que é  por isso que eu ficava com garotas diferentes todos os dias , erra para ver se aquela sensação de solidão  sumia , mais durante esses tantos anos eu só mi senti melhor agora ,que arranjei uma namorada , ouvi voz da minha mãe e levantei da cama ,saí  em direção do quarto dela e parei quando a vi no corredor.

Oi amor__minha mãe está linda como sempre e mi deu um abraço terno.

Oi mamãe__ falei e sai dos braços  dela, ela sempre estava viajando então nós  não tínhamos aquela mega relação de mãe e filho por isso eu achava estranho esse afeto todo vindo dela.

Em casa ? a essa hora ? Pensei que você estaria com seus amigos __ ou com alguma garota  , eu pensei , ela tinha razão em ficar surpresa ,eu nunca ficava em casa a uma hora dessas , eu preferia ficar em casa do Nick ou no meu apartamento  onde eu podia ter mais privacidade  com alguma garota "se é  que mi entendem" 

É,  decide ficar em casa mesmo__ falei e ela mi olhou desconfiada , mas antes de dizer qualquer coisa ouvimos a companhia e eu fiquei ansioso  , com certeza erra a Heiren,  só de pensar naqueles olhos lindos meu coração bateu mais rápido,  eu estava tão estranho hoje   .

Eu atendo __minha mãe falou e desceu as escadas , eu estava sentido coisas esquisitas , estava ansioso,  meu coração parecia que ia sair pela boca a qualquer momento, eu estava soando? ? Mais porque raios eu estava agindo assim ? Fui até meu quarto dei uma olhada e tudo estava organizado,  entrei no banheiro lavei meu rosto e suspirei , não seja paranóico,  ela é  só sua amiga que vem  ti ajudar , e vai dar tudo certo você não precisa se preocupar, a Sharon vai gostar da surpresa , eu pensei mais por algum motivo eu sentia que não estava sendo sincero comigo mesmo , ouvi passos no meu quarto e a voz de minha mãe  preencheu o lugar .

Agora eu entendi porque você esta em casa a essa hora __ o que ela queria insinuar  com aquilo ??sai do banheiro a tempo de ver uma Heirem vermelha "de vergonha " eu acho , e um sorriso travesso na boca de minha mãe 

Oi Heiren__ falei e ela olhou para mim daquele jeito intenso que só ela mi olhava e eu fiquei sem jeito , espera eu O QUE? ? eu estava sem graça porque uma garota olhou para mim ? Realmente eu estava muito estranho hoje

Ola__ela respondeu e eu amei ouvir a voz dela , ela sussurrou o olá e aquilo mi fez olhar nos olhos dela e mais uma vez paralisei,  se os olhos são espelho da alma essa garota é  um anjo

Eu ainda estou aqui crianças __ ouvi a voz da minha mãe em um ton zombateiro e suspirei , o que ela estava pensando afinal ? a Heiren erra apenas minha amiga , porque ela estava fazendo aquelas insinuações? ? 

Mamãe essa é  a Heiren minha amiga , e Heiry essa é  minha mãe __ a mais nova, olhou surpresa , talvez pelo apelido que eu acabei de dar a ela.

Nós  já nos apresentemos Hidan__ minha mãe respondeu e eu olhei para Heiry ela parecia constrangida. 

E mesmo ? Que bom então,  vem cá Heiry,  senta aqui vamos começar logo __ eu falei e minha mãe olhou para mim contrariada 

Tá bom tá bom eu já entendi , estou saindo crianças,  e usem camisinha __ minha mãe saiu sorrindo e eu não podia estar mais constrangido , porque ela tem de ser tão escandalosa,  eu olhei para minha amiga e ela parecia um tomate de tão vermelha que estava , por isso eu não trazia nenhuma garota aqui , acho que ela está tão feliz assim porque pensavá que eu erra Gay , e eu não a culpo , ela não sabe que eu tenho um apartamento  por isso  esta feliz por ver uma garota na minha casa , se bem que se eu for a pensar assim , a Heiren é  que primeira  garota a conhecer minha casa , olhei para garota ao meu lado e decide acabar com aquele clima estranho que minha mãe causou. 

Não liga para minha mãe não,  eu nunca faria isso com você__ eu falei para ela e ela mi olhou triste ??eu não entendi muito bem, ela baixou a cabeça e se sentou na cama 

Você já decidiu o que escrever? __ ela perguntou e tinha alguma coisa estranha na voz dela porém deixei para lá,  ela  ainda devia estar constragida .

Sim já,  é pensei em mais algumas coisas também quero muito sua opinião  __ respondi  e ela abriu a pasta e tirou um caderno de com capa de couro 

Então??__ ela perguntou, e eu tentei explicar para ela o que tinha pensando , bem eu quero falar do sorriso dela dos olhos dela da boca do corpo da vontade que ela mi da de agara lá  quando estamos sozinhos. ..eu nao ultimei oque estava falando porque a  Heiren pediu para eu mi calar.

Sim sim , eu já percebi , por favor não fale de coisas indecentes  ela pode não gostar muito__ela mi disse e eu ri , minha namorada adorava falar de coisas indecentes 

Ela não vai se sentir ofendida  , tenho certeza __ eu respondi e ela mi olhou com surpresa .

Tá bom se é assim vamos começar entao- ela falou abriu o caderno , e pediu para que eu a notasse em um caderno algumas ideias , ela erra boa , boa,  muito boa com palavras. 

Seu olhar sorriso ou alguma coisa mais

você é  meu único remédio,  baby és minha paz 

Você é  tão perfeita você é  surreal

 nós  ficamos escrevendo e rectificado a letra , e depois de 45 minutos tinhamos tudo feito , tanto as letras quanto a melodia e eu fiquei feliz com aquilo , ainda tinha algumas horas para organizar a outra surpresa.

Bem , isso foi mais simples do que eu imaginei,__ ela disse e eu assenti

Bom eu acho melh__ela já estava se levantando e eu peguei seu pulso  .

Eu quero que você mi ajude com outra coisa pode ser ? Quer dizer , se não for pedir muito__eu cocei a cabeça sem jeito e ouvi ela a suspirar 

Por favor?  Diz sim ? Sim ?_ eu fiz minha cara de cachorrinho e ela sorriu  ...

Esta bem , eu ti ajudo , mas primeiro  mi diz onde é  o banheiro __, eu mostrei para ela a porta do meu banheiro , quando ela entrou eu tropecei na pasta que estava no tapete do meu quarto e o caderno de couro caiu , eu podia ignorar aquele caderno devolve-lo talves ,mas não  , eu erra curioso de mais para deixar aquilo para lá  , abri o caderno  na página  onde ela está escrevendo e vi algumas das nossas ideias ali escritas com caligrafia impecáveis  , abri duas páginas atrás e comecei a ler e algu mi chamou atenção , eu podia fechar o caderno porém , não mi segurei e comecei a ler 



Eu estava esperando você mi salvar 

Eu olhei nos seus olhos e pedi para você parar

Eu tentei passar para você todo meu amor em um olhar

Mas você...-  continuei lendo e parei quando ouvi a torneira ser fechada e devolvi o caderno na pasta rápido e sentei na cama.

Prontos , o que  mais eu poço fazer por ti ?__ ela perguntou sorrindo e eu mi perguntei se o que estava escrito ali erra para alguém especial ? Será  que erra  para o cara que ele queria esquecer ?

Hidan? Você está aí?  _ ouvi ela mi chamar e concordei , eu não sabia o que erra aquela sensação estranha  que eu estava sentindo  so de pensar na ideia dela escrever algu para um cara e também não estava disposto a descobrir o que erra aquilo que estava mi deixando desconfortável. 

Eu quero que você mi ajude a decorar meu apartamento,  sabe aquelas coisas românticas,  e também  que mi ajudes a escolher um anel,_ eu falei e não entendi  bem a reação da menor ao meu lado , ela estava assustada , eu tinha dito alguma coisa estranha ? Ou ela percebeu que eu me mexi no caderno dela?

Eu , bem eu não sei se eu poço ti ajudar __ ela respondeu com a voz trémula

Por favor Princesa você prometeu , você disse que  sim lembra? _ ela olhou para mim e suspirou.

Tá bom,  tá bom  como eu poço dizer não, com você fazendo essa cara? _ eu a abracei e a carreguei a girando , ela erra tão legal.

Você é  tão legal _ ela estava rindo  e eu mi perdi naquele sorriso , ela erra tão linda.

Tá tá tá,   me põe no chão  ,_ ela dizia sorrindo 

Então vamos , abracei ela é saímos do meu quarto dando de cara com minha mãe no corredor - e pela cara de constrangimento dela ela estava ouvindo nossa conversa .

Mamãe? ?__ falei para ela em um tom repreensino e ela mi deu aquele sorriso de criança  , o mesmo sorriso que eu dava a ela quando aprontava algu , a Heiren tentou se afastar de mim talvez por constrangimento e eu a apertei ainda mais  , gostava de sentir o cheiro dela , ela erra tão quente.

Que foi amor ? Eu só estava passando, vejo que vocês já estão de saída_ ela falou e piscou para mim , essa velha só pode estar louca .

Tchau mãe __ falei e ouvi um Tchau Sra. Hayane, e olhei para pequena ao meu lado , ela estava vermelha de vergonha .

Tchao crianças_ ela bagunçou meus cabelos e deu um beijo na testa da minha pequena , minha ??? Mas donde eu tinha tirado  aquilo ? Saímos de casa , elá estava de carro e eu fiquei surpreso , um BMW preto , ela tinha bom gosto .




Notas Finais


Bjs até um dia.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...