1. Spirit Fanfics >
  2. Invisível, ou talvez, não tanto. >
  3. Juntos!

História Invisível, ou talvez, não tanto. - Capítulo 11


Escrita por:


Notas do Autor


Yo, Kimitsuky_books aqui com mais um capítulo aí para vocês.

Eu achei esse capítulo muito fofinho, ele mostra que Clara, Jonathan, Michael e Stella tem uma amizade muito boa e verdadeira.

Boa leitura~♡

Capítulo 11 - Juntos!


                P.D.V Michael

 Estávamos na sala, esperando Jonthan terminar o banho.
    As meninas me perguntaram sobre o passado e a família de Jonathan, e foi quando eu percebi que não sabia sobre isso.
    Eu era o melhor amigo dele, e não sabia nada do passado dele...
  Quando ele desceu, parecia ter chorado durante o banho. Era a primeira vez que eu via ele assim. Jay sempre foi muito forte. Mesmo quando ele foi traído, nunca o vi derramar uma lágrima por isso.
  "As lágrimas não vão concertar meu coração, nem o meu orgulho." Era sempre essa a fala do moreno.
   A primeira vez que o vira chorar em público, foi quando ele fez Stella chorar. Não era por insensibilidade, ele só não gostava de demonstrar fraqueza.
  - Vocês estão bem? Tá todo mundo me encarando...- Ele perguntou me arrancando de meus pensamentos.
  - Estamos, só... cara, eu sei que você quer contar algo para a gente! Te conheço a seis anos! Você é tão meu irmão quanto a Stella! Você sabe sobre os problemas de todo mundo aqui e sempre tenta nos ajudar! Quando eu te contei sobre os meus pais, você fez tudo para eu esquecer! Quando a minha avó ficou doente, você vinha aqui e tentava me animar e animar ela, e sempre perguntava se a minha irmã estava bem, mesmo sem conhecer ela! Sei que você percebeu que a minha avó não está, ela foi para o hospital meses atrás, e está internada, eu não te contei porque sei que você considerava ela uma segunda mãe para você e que você ficaria extremamente triste com isso!- Eu olhava fixamente para o moreno que não fazia contato visual com nenhum de nós- Jay, você sempre me animou e me ouviu quando eu precisei, agora, nós estamos aqui, para te ouvir e te ajudar a superar, o que quer que tenha passado!- Ele virou a cabeça, via que lágrimas desciam pelo rosto dele.
   - Jay, por favor... Ninguém é de ferro! Eu quase me matei por esconder todo aquele sentimento sobre os meus pais! O que quer que você tenha passado, não guarde para si mesmo! Nos conte, ou vá a um psicólogo. - Clara dizia. Suas palavras transbordavam sinceridade e compreensão.
   - Jay...- Stella se levantou e se aproximou dele. O abraçou e terminou- Você... já perdeu alguém muito importante, né? Pode me contar eu sei como é!
  Foi depois dessa frase que ele desabou em lágrimas nos braços de Stella. Ela o levou para o sofá, deitou ele em seu colo e começou a fazer um cafuné nos cabelos escuros dele enquanto ele chorava.
  Ele ficou um tempo chorando no colo da Stella, mas depois nos contou, entre soluços, sua história.
  A morte da irmã, a prisão dos pais, a vida com o tio, os abusos que sofria do mesmo, a morte de sua avó e de seu cachorro, o bullying que sofreu em suas duas escolas, a traição da namorada e de como isso ele lidou com isso, se fingindo de forte por fora mas quebrado por dentro.
  Nós três ouvimos tudo em silêncio. Acho que Stella era quem mais chegava perto de entender suas dores, por também já ter sido abusada e por causa dos nossos pais, mas nenhum de nós imaginava ter tantas perdas assim.
  Stella não parou de mexer nos cabelos escuros de Jonathan nem por um segundo, acho que para passar conforto para ele.
  Quando ele terminou eu tinha lágrimas nos olhos. Nunca imaginei que meu amigo havia passado por tanta coisa.
  Ele se levantou do colo de Stella e continuou sentado de cabeça baixa, chorando.
  Minha irmã abraçou ele novamente, mas o mesmo continuava chorando.
  Eu e Clara fomos até lá e também o envolvemos num grande abraço em grupo.
     - Você não está sozinho cara! Sua família pode ter sido horrível para você mas agora você tem uma nova família! A gente! E nós não vamos te abandonar tão cedo!
      - Valeu gente... Eu nunca pensei que ouviria uma coisa gay dessas do Michael- Diz o moreno, como sempre, arrancando risos e animando a todos quando estavam para baixo.
     - Você não tem jeito Midori!!- Disse em um tom brincalhão saindo do abraço deixando assim as meninas saírem também.
      - Eu sei Ligthwood!!- Diz ele no mesmo tom rindo e fazendo todos nós rirmos também.


     Jonathan e Clara decidiram dormir em casa, já que a chuva ainda não tinha passado.
   O moreno foi o primeiro a dormir, o que foi estranho. Ele era acostumado a ficar acordado jogando até umas três da manhã. Acho que ele não queria ficar acordado e ter que relembrar nossa conversa.
   Mesmo assim, aproveitamos para conversar enquanto ele dormia pacificamente num colchão no meu quarto.
    - Vocês têm que me prometer que não vão deixar ele!- Eu olhava para as duas meninas na minha frente. Elas só me olharam confusas.
    - Você acha mesmo que nós faríamos isso?- Stella parecia indignada- Acredite ou não, ele pode ser bem idiota com as meninas ficando com todas e nunca assumindo uma namorada, mas ele ainda é legal, e eu vou continuar sendo amiga dele!
     - Mike, eu nunca deixaria alguém só por conta de seu passado! A minha mãe é psicóloga, e ele... Ele está quase caindo numa depressão profunda. Nós podemos tirar ele dessa, mas só se apoiarmos ele e ajudarmos ele a superar isso.- Clara me olhava parecendo extremamente triste com a situação de nosso amigo.
   - Então é isso, nós vamos tirar nosso amigo dessa, mesmo que seja a última coisa que a gente faça! Vamos todos superar nossos traumas e enfrentar nossos problemas juntos!- Disse estendendo a mão para elas colocarem as delas em cima.
    - Juntos!- Disse Clara colocando a mão sobre a minha (quase tive um ataque cardíaco, a crush estava tocando em mim)
   - Juntos!- Disse Stella também colocando a mão sobre a de Clara. Jogamos as mãos para o alto e fomos dormir.
"Nós não vamos te deixar Jay!"

Continua~~


Notas Finais


Bem gente, um capítulo bem fofinho, e... é isso
Ouçam essa música, ela tem muito à ver com esse capítulo:
https://youtu.be/lRdm6ip0Jd4

É como se fossem os três cantando para o Jonathan. (E eu me inspirei nela para escrever esse capítulo)

Obrigada por ler até aqui não se esqueça de me dizer o que está achando

Sayonara~♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...