História Is it Love? Colin - Capítulo 35


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Is It Love
Visualizações 192
Palavras 1.173
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Álcool, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 35 - Capítulo 35


Pov. Mariana

Estava correndo no Central Parker quando de repente vejo Samantha  uma das minhas alunas perto do lago.

Mariana: "Samantha o que você está fazendo aqui, querida?" eu me abaixo para ficar da sua altura.

Samantha: "Professora rua estou aqui com o meu pai" ela diz sorrindo para mim.

Mariana: "E onde ele esta?"

Samantha: "Ele esta comprando um sorvete de chocolate" ela diz apontando para a barraca de sorvete.

Eu olho para a barraca de sorvete e há muitas pessoas, então eu pego a mão da menina e ando com ela até a barraca de sorvete.

Mariana: "E porque você está sozinha e não com o seu pai?" eu perguntei olhando para a garotinha.

Samantha: "Porque eu estava olhando para os peixes no lago."

Mariana: "Qual é o seu pai, querida?" ela aponta para o homem com cabelos castanho escuro, de costas pra mim.

Eu me aproximo com a menina, ela puxa a sua camisa para chamar a sua atenção, fazendo ele se abaixar para ver o que ela queria, sem olhar para o meu rosto. 

?: "O que foi minha vida?" eu conheço essa voz.

<<Como não, é o estúpido do Matt

Mariana: "Matt?" eu pergunto surpresa.

Ele olhou para cima e seus olhos se encontra com os meus, o que me fez sentir estranha, é como se um milhão de voltas percorrer o meu corpo fazendo o meu coração disparar a mil por hora.

Matt: "Mariana?" ele se surpreende.

Samantha: "Papai, essa é a minha nova professora."

Matt: "Querida, toma o seu sorvete, porque você não vai brincar com o Spike agora" a garota concorda e vai brincar com o cachorro. 

Mariana: "Você tem uma filha?" ele me olha sério. 

Matt: "Sim" ele responde seco. "E não quero, eu proíbo você falar sobre ela com alguém" seu tom de voz é mais sério e inclusive ameaçador.

Mariana: "Olha idiota, pode ir abaixando esse tom de voz" eu encarei ele.

Matt: "Quem avisa amigo é!" ele aponta o dedo para mim.

Mariana: "É melhor você abaixar essa porcaria de dedo" eu me aproximo dele e cutuco o seu peito, ele começa a gargalhar por eu estar enfrentando ele.

Matt: "Ui estou morrendo de medo...me diz, o que você vai fazer para que eu tenha medo de você? "

Mariana: "Isso" eu me afasto um pouco pego um dos sorvetes do sorveteiro e o esfrego na sua cara, começo a rir diante dele e passo um dedo sobre o sorvete derramado. "Hum...esta muito bom hahaha" eu pago o sorveteiro e continuo correndo...

Coloco a música no mp3 e sem me conta, meus pés me levam até a casa de Colin, aperto a campainha e ele abre a porta pra mim.

Colin: "O que você faz aqui?" ele me cumprimenta com um beijo.

Mariana: "Eu estava correndo e então eu pensei em vir comer com o meu primo lindo e aqui estou eu" eu me sento no sofá.

Colin: "Você quer tomar uma ducha? Você esta bem suada" ele joga uma toalha.

Mariana: "Eu vou sim, obrigado primo" eu dou um beijo na sua bochecha e entro no banheiro.

Colin: "Tenho que ir comprar umas coisas, não vou demorar." ele grita para que eu escute.

Mariana: "Tá bom!" eu grite e começo tomar banho lembrando da cena do parque.

Quando acabo de tomar banho, me enrolo na toalha para não sair do banheiro nua, abro a porta do banheiro e dou de cara com Matt.

Mariana: "Ahhh, você me assustou seu imbecil" minha toalha cai no chão. "Ahhh não olhe pra mim!" eu grite enquanto ele se vira, completamente vermelho e eu me enrolo novamente na toalha, eu também estou muito envergonhada com essa situação.

Matt: "Sinto muito eu pensei que era Colin" ele diz sem se virar.

Mariana: "Como você entrou aqui?" eu acomodo. a toalha.

Matt: "Sei onde ele guarda a chave reserva. Posso me virar. agora? Detesto falar com a parede."

Mariana: "Sim, pode se virar" ele se vira sem olhar no meu rosto.

Matt: "Bom eu..." eu o interrompo.

Mariana: "Deixa eu me vestir antes, OK?" eu sorrio nervosa.

Matt: "S-sim" ele ri um pouco, dou um passo mas acabo escorregando caindo nos braços de Matt que me abraça para não cair.

Mariana: "Sinto muito, sou muito desastrada" ele sorri me apertando mais em seu peito.

Matt: "Você deve ter mais cuidado" sem me dar conta pouco a pouco nossos rostos se aproxima.

Mariana: "Sinto muito pelo o que aconteceu antes" nós sorrimos sem nos afastar.

Matt: "Eu penso em cobrar por isso" ele sorri travesso.

Mariana: "Ah é, como?" levanto uma sobrancelha entrando no seu jogo.

Matt: "Assim" ele coloca os seus lábios nos meus, me dando um beijo cheio de novos sentimentos.

Mariana: "Porque você fez isso?" eu me afasto.

<<O que ele esta fazendo? Você estava louca para sentir os seus lábios e agora você o afasta TONTA, MARIANA VOCÊ É BURRA!>

Matt: "Eu não sei, me perdoa por isso Mariana..." eu não posso pensar duas vezes e tomo posse do seus lábios, subindo as minhas mãos para o seu pescoço e mordendo o seu lábio pata introduzir a minha língua.

Nossas línguas travam uma batalha e as carícias se intensificam a medida que a temperatura aumenta.

Quando escutamos o barulho da porta nos separamos, eu corro e me tranco no quarto deColinas colocar uma camisa sua.

Colin: "Olá Matt" escutei a voz de Colin. "O que você faz aqui?"

Abro o guarda roupa de Colin e encontro uma camisa sua que fica na metade da minha coxa, e eu a coloco.

Matt: "Eu vim te ver, já que saímos cedo do trabalho pensei em comer com você."

Colin: "Mariana esta lá dentro."

Matt: "Ah-ah é?" ele gagueja um pouco.

Colin: "Podemos comer nos três juntos, o que você acha?"

Abro a porta e saído quarto meu primo.

Matt: "Tudo bem por mim,não sei o que ela pensa."

Mariana: "Por mim tudo bem" eu digo me unindo a conversa.

Colin tira algumas coisas da sacola e coloca perto do fogão, me acomodou do seu lado e corto os tomates enquanto ele faz a carne, Matt foi pegar o pão e ele trouxe cerveja.

Matt: "A Sam mandou um abraço pra você" ele diz enquanto dá um gole em sua cerveja.

Colin se vira e olha pra ele.

Matt: "Mariana já sabe, ela nos viu no parque, tem algum tempo" ele pisca o olho para mim. "Você não vai dizer nada pra ninguém, não é Mariana?"

Mariana: "Não vou dizer nada idiota, por que você não acredita em mim" abro a latinha de cerveja e dou um gole.

Quando a comida esta pronta, nos três nos sentamos na mesa, Matt se senta do meu lado e Colin na minha frente.

Colin: "Quando nove vai trazer Sam aqui?" Colin olha pra Matt e Matt olha pra mim.

Matt: "Quando a professora exigente dela não passar tanta tarefa de casa" ele me sinaliza com a cabeça.

Colin: "Você é professora dela?" ele me olha. "É sério isso?" eu assinto com a cabeça.

Passa um tempo Matt vai embora, Colin pergunta se aconteceu algo entre Matt e eu, e eu respira do que sim, ele se encosta na cadeira, cruza os braços, suspira e me olha.

Colin: "Não posso acreditar" ele coloca a sua mão na boca.

Mariana: "Pois acredite" pego a cerveja e dou um gole



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...