História Is it Love Colin - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Is It Love?
Personagens Adam, Cassidy, Colin, Gabriel, Mark, Matt, Personagens Originais, Ryan
Tags Colin, Is It Love, Romance
Visualizações 53
Palavras 1.177
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Literatura Feminina, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oii meus amores eu sei que demorei para postar cap estou cheia de tarefas de provas e trabalho escolares para fazer mias prometo postar outro assim que puder e
Boa Leitura

Capítulo 2 - Um dia para ser lembrado


Fanfic / Fanfiction Is it Love Colin - Capítulo 2 - Um dia para ser lembrado

 

      Me acordo com o despertador tocando e  já resolvo levantar tiro meu pijama e vou tomar banho. Saio enrolada na toalha pego meu secador de cabelo.

   Seco o meu cabelo e escolho fazer um coque despojado com alguns fios soltos, coloco uma blusa social branca, minha saia lápis azul escuro , meu scarpin da mesma cor, faço uma make leve e para finalizar meu  blazer pego minha bolsa e vou para a empresa.

   

  Chegando na empresa dou um aceno para a Lisa e ela retribui o mesmo entro no elevador coloco para o meu andar e quando estava quase se fechando o elevador  um homem com um ar bem misterioso pede para eu segurar  e eu seguro e o homem entra.

 

 Homem  misterioso -Bom dia.

   

     Diz o mesmo após entrar e colocar para o ultimo andar ele deve ter um cargo bem importante para trabalhar no mesmo andar junto com o grande ceo  eu nunca o vi pessoalmente só sei sobre os  boatos que contam que ele é um deus grego e é bem jovem ao contrario desses empresários velhos barrigudos. Eu acabei olhando para o homem que esta dentro do elevador junto comigo e percebo que ele é muito lindo.

   Ele tem cabelos escuros, seus olhos são meios acinzentados e esta com um tenho preto muito elegante. Sem querer eu acabei deixando cair meu telefone que estava na  minha mão (como ele foi parar na minha mão? Não faço a mínima ideia)e quando eu ia pegar o homem se agachou e pegou pra mim e me entregou quando isso aconteceu nossas mãos se tocaram e ficamos nos encarando em um tipo de transe eu já estava totalmente vermelha pelo jeito que ele estava me olhando um olhar muito intimidador eu viro o rosto tentando me acalmar e falo:

 

- Obrigado. Digo com um sorriso tímido.

 

Ryan – De nada meu nome é Ryan e eu nunca vi  por aqui você é nova?? .Ele me pergunta sem parar de me olhar com o mesmo olhar que estava antes só que agora mais curioso e eu digo:

 

- Sou sim fui contratada a pouco tempo me chamo Sabrina Smith.

   Ate meu andar chegar a gente ficou conversando sobre coisas aleatórias e eu acabei me soltando um pouco mais nos ate damos varias risadas ele pode ter pose de durão e serio mais é  um muito engraçado realmente não devemos julgar pela a aparência das pessoas. As vezes eu tinha a impressão que ele ficava olhando para meu decote e minhas pernas mais deve ser coisa da minha cabeça ,nos trocamos números de telefone e ele ate me convidou para almoçar mais tive que  recusar pois prometi para Lisa e o Matt que ia almoçar com eles. Depois de um tempinho o meu andar chegou e antes de sair do elevador eu digo :

 

-Meu andar chegou foi um prazer conhece-lo Ryan tenha um bom dia de trabalho para você. Digo dando um aceno e o mesmo só retribui com um sorriso e deseja o mesmo saio do elevador e vou em direção a minha mesa e como sempre o Matt esta sempre atrasado vou ate a sala do Gabriel e pego o trabalho que vamos fazer hoje para ir adiantando algumas coisas. Logo depois chega o Matt com dois cafés na mão  e com o seu lindo sorriso:

Matt – Bom dia princesa trouxe esse café pra você.

    Eu pego o café da mão dele e dou um largo sorriso para ele. Depois de terminarmos tudo e também aguentar as piadinhas do Matt chega a hora de nos almoçarmos e eu Matt descemos e a Lisa estava nos esperamos para ir ate o Felipe um restaurante italiano que sempre frequentamos

   Chegando no Felipe nos sentamos em uma mesa perto da janela eu estava do lado da lisa e o  Matt na minha frente, depois de um tempinho chegou o nossos pedidos todos pedimos o prato do dia.

   Nos começamos a conversar coisa aleatórias  ate que eu acabei dizendo que eu gostava de musica e sobre meu sonho eles ficaram muitos animados e o Matt queria me ver tocando e cantando e eu disse para eles que eu era uma coisa minha e que eu n tocava mais, apenas a  Lisa sabe sobre a morte dos meus pais não tive coragem para contar ao Matt mesmo ele sendo um grande amigo pra mim.

Logo depois nos voltamos para a empresa pois tinha acabado o nosso intervalo e retornamos todos para seus postos de trabalho.

O dia passou um pouco rápido e divertido com as piadas do Matt depois de encerrado o nosso expediente e estávamos só nos na empresa o Matt me pediu para entregar o nosso relatório para Gabriel já que ele tinha um  compromisso urgente eu apenas assenti e fui em direção a sala do Gabriel dou uma leve batida na porta  e escuto um “pode entrar’’ e eu entro.

-Vim entregar o relatório que o senhor Simons pediu. Digo colocando os papeis em sua mesa e ele me da um sorriso e diz:

 

Gabriel –Por favor já pedi para me chamar apenas de Gabriel Sabrina comigo não é necessário essas formalidades. Ele diz e se aproxima cautelosamente  de mim com total confiança e com um pose de sedutor e eu vou dando passos para traz e em um movimento rápido o Gabriel me prensa na parede. Eu consegui escutar perfeitamente sua respiração eu tento me soltar mais me prende mais então eu falo:

 

- Gabriel eu não acho que isso seria uma boa ideia acho melh....-Ele nem deixa eu terminar e coloca seu dedo indicador nos meus lábios fazendo com que eu ficasse calada e prossegue:

 Gabriel – Eu sei que você também quer isso tanto quanto eu. Quando ele ia me beijar contra a minha vontade  a porta e aberta revelando ser Ryan  o cara que eu conversei mais cedo  o Gabriel da um pulo me soltando  e se afasta de  mim o Ryan  olha pra mim e depois para o Gabriel e pergunta:

 

Ryan –Estou atrapalhando alguma coisa??.Ele percebeu o que o Gabriel iria fazer e o mesmo olhou com cara de reprovação  e o Gabriel apenas abaixou sua cabeça ,eu senti um clima estranho e digo:

 

- Eu acho que devo ir para casa já esta tarde com licença senhores. Rapidamente o Gabriel fala:

Gabriel – Esta um pouco tarde para um moça sozinha ir para casa eu a levo. Como se não acabace de ser pego no flagra é muita cara de pau mesmo e além disso eu não queria que ele me acompanhasse sabe se lá o que ele poderia fazer parece que o Ryan percebeu meu nervosismo e disse:

 

Ryan – Gabriel não será necessário pois eu mesmo irei leva-la para casa. Diz com um tom autoritário e o  Gabriel então fala num tom triste.

 

Gabriel – Ok senhor Carter. OPA CARTER??O MESMO SENHOR CARTER eu não acredito que o cara do elevador engraçado divertido é o mesmo senhor Carter o chefe de tudo eu fiquei paralisada ate que ele fala:

 

Ryan –Vamos??

 

- Bem....

 

Continua???


Notas Finais


Ate a proxima bjs meus amores


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...