1. Spirit Fanfics >
  2. Is It Love? Matt... >
  3. A grande luta

História Is It Love? Matt... - Capítulo 7


Escrita por: Mia_west03

Notas do Autor


Oiiiieee estou de voltaaa



💥Boa leitura 📖🔖😸

Capítulo 7 - A grande luta


Fanfic / Fanfiction Is It Love? Matt... - Capítulo 7 - A grande luta

Bekah: Aonde você está Matt....

Não consigo esconder minha preocupação se ninguém, meus treinos estavam sendo péssimos com os alunos e eles perceberam isso

Aluno: treinadora você está bem?

Bekah: sim vamos continuar, vão para o tatame, treinar alguma golpes em duplas

Preciso manter o foco! Pensar que o Matt está bem!

(....)

{Dia da competição de luta}

Finalmente chegou o grande dia, ainda não tinha notícias do Matt, se caso Matt aparecer essa luta vai dar tudo de errado!! Papai estava desesperado! Nós estávamos perdendo e feio!! O Matt era o próximo a lutar mas ele não havia aparecido, pai não tirava o olhar do celular, muitas ligações para Matt que era em vão! Estavam a beira de passar uma bela vergonha! Nossos números só estavam caindo cada vez mais !

Vinci: e agora!!!

Bekah: pai me deixa eu botar no lugar de Matt!

Vinci: você está loca!

Bekah: todo mundo sabe que eu sou a melhor da academia até mesmo melhor do que Matt!

Vinci: NÃO!

Bekah: pai isso já está indo longe demais o que vamos fazer?

Vinci: eu não SEI!!

Bekah: já chega eu vou lutar!

???: Não, eu irei!

Essa voz me soa muito familiar vindo logo atrás de mim, olhar de meu pai chega que lagrimejam, me viro curiosa porém um choque passa pro meu corpo inteiro!

Bekah: MATT!!!!

Ele nem ao menos olha em meu rosto! E a tristeza me invade! Pelo menos fico feliz em saber que ele está bem

Matt: estou pronto para lutar treinador

Vinci: ótimo já não via a hora! Bekah apronte ele

Ouço Matt fungando como se não tivesse gostado, Com certeza ele não gostou nem no meu rosto ele olhou, muito menos falar comigo, levo ele até uma salinha para prepará-lo, pego as luvas, capacete, tornozeleiras etc... Colocando as tornozeleira olho para Matt que está concentrado colocando seu capacete

Bekah: Matt...

Ele me olha friamente

Bekah: ...que bom que voltou, eu estava preocupa, não sabia mas oque fazer, havia te procurado por todos os lados

A baixo minha cabeça triste, sinto seu polegar em meu queixo levantando meu rosto até encontrar o dele

Matt: agora estou aqui!

Queria muito abraçá-lo, mas não sabia se era o momento certo, nos levantamos e bem na hora que fui abraçá-lo, a buzina do ringue tocou

_próxima luta!!!

Matt: está na hora

Bekah: boa sorte!

Sinto que minha ligação com Matt estava quebrada, e que no fundo eu sabia que não tinha mais concerto! Não tanto agora preciso me concentrar na luta, Matt não estava muito preparado para isso, ele perdeu muito treino, Mas acho que vai ocorrer tudo bem....

_Triiim....

A luta estava muito tensa, Matt já havia perdido o primeiro round, eu estava muito nervosa, Matt havia cido derrubado com apenas um golpe, seu rosto estava bem vermelho, sentia que estava com meu coração na mão. O outro lutador que estava lutando com Matt era muito mais alto e forte, ver Matt apanhando só me dava mais dó, não aguentava mais ver Matt cair ao chão, os golpes do seu oponente era muito seguro fazendo com que Matt caixa novamente no chão.

_Triiiim

Eram seis rounds Matt já havia caído dois, restava apenas quatro, ele precisa se recuperar o mais rápido, Vinci pede tempo de 10 minutos

Vinci: oque está acontecendo com você garoto!

Matt: desculpe treinador!

Vinci: seus números só estão caindo!!! Mais uma queda no chão e você está fora! Vamos perder feio!

Matt: irei melhorar

Vinci: você disse que iria se dedicar corpo e alma nessa competição! E do nada você SOME!

Bekah: Pai....

Os nervos de meu pai estavam a flor da pele, está luta estava afetando todo mundo, lhe entrego uma garrafinha de água e ele joga em sua cabeça resfriando, entrego outra para Matt com muito custo ele aceita a água

Bekah: não se preocupar não e veneno

Um pequeno sorriso ia aparecendo em seus lábios

Bekah: se você não ganhar essa luta você vai levar uma grande surra!

_o tempo acabou lutadores...

Vinci: está na hora, quebra a cara dele

Matt sobe no ringue novamente, antes que comece a luta, eu grito Matt e ele me olha curioso, não sei oque me deu mas uma esperança nasceu em mim e coragem também, subo para dentro do ringue correndo para os braços de Matt, juro que não sou eu tomando conta do meu corpo, mais uma sensação inesperado me invade e um desejo louco de beijar sua boca, não pensei duas vezes e dou-lhe um grande beijo, eu não estava ligando para plateia ou quem estaria em volta, para mim só existia Matt e eu! Sua boca macia suas mãos em volta de minha cintura me apertando para mais perto dele queria que esse momento não acabasse, Matt me ergue do chão e laço minhas pernas em volta de seu corpo, nossos corpos estavam bem quentes queríamos mais que só apenas um beijo molhado, mas ouço os gritos da plateia irem a loucura, só aí voltei a realidade, eu tinha tomado uma grande iniciativa e na frente de todo mundo! Matt me solta se seu beijo delicioso, ele abre um grande sorriso, que loucura me deu

Matt: não foi assim que eu imaginava nosso primeiro beijo

Bekah: nem eu kkkkkk

_podemos começar pombinhos?

O juiz chama nossa atenção, eu morrendo de vergonha, dou mais um beijo em Matt

Bekah: ganha aquele troféu Bad-Boy

Com uma piscadinha decido descer de cima do ringue e mais uma partida de luta começa, era golpe acima de golpe mas nenhum dos dois caia ao chão, eu estava tão nervosa que nem podia ver

Vinci: espero que aquele beijo era pra incentivar Matt

Bekah: CLARO!

(Claro que não)

Vinci: mandou bem kkkkkk

Abismada no que meu pai acabou de falar, na verdade eu fiquei surpreendida, nunca imaginei dele falar isso, porém eu estava com um sorriso de orelha a orelha, estava muito feliz

_Triiim

O barulho do sino me tira da minha concentração, o medo de Matt ter caído ao chão novamente toma conta de mim!!

Vinci: PEGAAA.... E ISSO AIII...

Logo meu pai começa a gritar feito louco kkk quando me viro o oponente de Matt estava ao chão, Matt estava com sorriso enorme no rosto, começa a dar pulos e gritos de felicidade, a plateia vai à loucura.

{•••}

Não sei como consigo expressar tanta alegria, os rounds havia acabado, e Matt tinha ganhado as quatro partidas, depois de muitas lutas ele conseguiu o troféu. Matt estava muito feliz segurando o grande troféu de ouro em suas mãos, meu pai estava muito orgulho de seu grande lutador, e se fosse eu também teria ganhado aquele troféu, digo orgulhosa rsrsrrss

Vinci: eu sabia que você iria conseguir meu garoto..

Matt: tudo graças a sua filha senhor

Oque ele pensa que está fazendo! Eu fico totalmente parada igual uma estátua sem reação, Matt caminha em minha direção sorridente, ele pegue minha cintura me erguendo para cima me rodando no ar

Matt: obrigada princesa se não fosse por você eu não teria conseguido, estava muito inseguro

Matt me solta de volta ao chão ele está me olhar no fundo dos olhos, sinto que e algum arrependimento, abro a boca várias vezes para falar mas não sai nada, antes que eu posso falar alguma coisa Matt coma conta de meus lábios

Vinci: UOL

A sensação era ótimo, muita gente gritando seu nome e nós se beijando, era como magia que estava circulando ali, uma energia bem positiva, seu beijo era muito bom, não queria largá-lo nenhum minuto

Vinci: ah calma aí né gente, acho que já deu por hoje

Entre de nossos beijos um sorriso se abrem

Matt: desculpa treinador

Vinci: tá garotão já sei o que você quer kkkk

Bekah: homens!!!

Matt: masculinidade princesa

Bekah: e a mesma coisa kkkk

Matt: ah vem cá

Bekah: Aaahhh me solta Matt

Matt me ergue no alto me colocando sobre seu ombro, obviamente que eu estava morrendo de medo de cair, ainda mais girando no alto, Matt só rir cada vez mais, aquele friozinho passa pela barriga me fazendo cosquinha, do nada ele diminui sorriso ficando seriamente, devagar me coloca no chão

Bekah: aconteceu alguma coisa?

Matt: Rebekah preciso saber de uma coisa!

Bekah: então fale

Algo me dizia que ele iria tocar no assunto! Obviamente que eu também tinha várias perguntas para lhe fazer, mas talvez agora não seria o momento! Matt passa as mãos em seu cabelos respirando bem fundo

Matt: aquele beijo que Daryl lhe deu....

Sabia que ele iria tocar no assunto a qualquer momento era só questão de tempo

Matt: ...Significou alguma coisa para você?

Era sobre isso que ele estava com medo? Não tem nem perigo kkkkk

Bekah: Matt, Daryl me pegou de surpresa eu não sabia que seu irmão iria fazer isso comigo, e no final ele apanhou de mim, acredite se quiser, mas e a verdade, eu amo você Matt e não seu irmão!

Parece até que eu tirei um peso das costas de Matt, ele estava muito tenso e agora um sorriso aparece em seus lábios

Matt: Bekah me desculpa ter duvidado de você

Bekah: afinal porque voltou?

Nervos de Matt voltam a ficarem tensos

Matt: Daryl veio atrás de mim, e me explicou tudo, apenas foi um mal entendido

Fiquei muito surpresa de Daryl ter tomado essa iniciativa, afinal eu estava com a consciência limpa, e Daryl cumpriu com a sua parte, afinal de contas Daryl não deve ser tão ruim...

Bekah: Mais você ainda me deves um jantar

Matt me pega no colo todo animado

Matt: não só um mas vários jantares, sem meu irmão por perto kkkk

Bekah: sem ele kkkk

Matt: Bekah aceita ir ao um encontro comigo essa noite ?

Bekah: sim claro

Nossa alegria estava passando do normal, tanto eu quanto o Matt estávamos muitos felizes, me pergunto se vai ser sempre assim, apenas nós dois sabe... Apesar de Matt ter um passado bem complicado com sua ex, até que ele está dando seu melhor, agora vou fazer o meu possível para que ele esqueça sua ex.



Notas Finais


Será que Matt irar conseguir esquecer sua ex Lana???

Muitas novidades estão por vir entre Bekah e Matt, fiquei ligados 🙊

✨Galerinha estão me pedindo para fazer Is It Love? Ryan novamente, porém de uma visão diferente, eu darei meu melhor se der certo em breve teremos novamente Ryan Carter, nosso sedutor mas lindo que temos kkkk 😌❤️

Até a próxima ❤️🥰


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...