História Is It love? Ryan Carter - Capítulo 38


Escrita por:

Postado
Categorias 50 Tons de Cinza
Personagens Personagens Originais
Tags 50tonsdecinza, Amor, Is_it_love?ryan_carter, Romance
Visualizações 210
Palavras 974
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 38 - Capítulo XXXVIII


Ryan: Deixa eu entrar Gabrielly, por favor, deixe pelo menos eu olhar meu filho! - ouço Ryan chorando cada vez mais 

Vou até a porta, decido abri-la

Assim que abro a porta, vejo Ryan de joelhos em frente a ela. O mesmo levanta rapidamente e me abraça!

Ryan: Obrigada meu amor por abrir a porta , obrigada! 

Gabrielly: Não coloque suas mãos em mim Ryan, e não me chame de amor.. você não sabe o que significa isso! - falo o afastando 

Ryan: Gabrielly, meu amor - ele tenta se aproximar novamente, e eu recuo. Quando de repente ele cai de joelhos em minha frente 

Gabrielly: O que você está fazendo Ryan? 

Ryan: Estou aqui, te implorando  o seu perdão! Eu fui um tolo, um imprestável Gabrielly! Eu não consegui controlar meus hormônios, estava farto da empresa, tudo o que eu queria era chegar em casa , e vê os dois amores de minha vida! Eu errei! Eu errei feio com você Gabrielly! 

Gabrielly: Levante-se Ryan!

Ryan: Não , enquanto você não me perdoar! 

Gabrielly: Ryan!

Ryan: Gabrielly! Eu prefiro morrer , do que viver sabendo que perdi o amor de minha vida , por quê estava bêbado !!! 

Gabrielly: Levante Ryan..

Ryan: Não! Já disse , enquanto você não me perdoar , eu irei ficar aqui !

Gabrielly: Ah Ryan! - falo tentando ficar em sua altura. - Eu irei ficar, mas não será fácil perdoá-lo. 

Ele abre um sorriso e diz:

Ryan: Farei de tudo para conseguir seu perdão Gabrielly, nem que eu tenha que deixar tudo de lado , só para estar ao seu! 

De repente Jhason começa chorar novamente...

Gabrielly: Você é igualzinho ao seu pai em, sempre chorando! 

Pego Jhason nos braços e tento acalma-lo. O que é inútil! 

Ryan: Posso segura-lo? 

Gabrielly: Tudo bem!

Ryan: Vem com papai! - Ryan pega Jhason delicadamente - mais que coisa mais linda!

Ryan acarícia Jhason que rapidamente fica em silêncio, o olhando atentamente!

Estou de pé no quarto e Ryan está sentado na cama. 

Ryan: Sente-se aqui meu amor, ao meu lado! - diz o mesmo olhando para mim

Estou tão comovida pela situação, que me sento ao seu lado..

Jhason nos olha, e sorri para nós..

Gabrielly: Onde estão as crianças?

Ryan: Estão na casa de minha mãe ..

Gabrielly: Bem, vou preparar o quarto para mim..

Ryan: Como assim, não vai dormir no nosso quarto?

Gabrielly: Não Ryan, irei dormir neste aqui 

Ryan: Por quê não vai dormir em nosso quarto?

Gabrielly: Como falei Ryan, não vou perdoá-lo tão fácil. Só deixei você entrar , por causa de Jhason. Já que você é o pai, tem o direito de saber como ele está!

Ryan: Tudo bem, eu vou esperar o tempo que for ...

Quebra de tempo

Já se passou um mês, desde a nossa conversa, e ainda não o perdoei..

Ele tem se mostrado muito interessado desde nossa conversa. O mesmo não se encontra muito na empresa, Ryan colocou Mark como o administrador enquanto ele tenta resolver a causa entre nós.

Estou sentada na sala lendo um livro. E Jhason que se encontra dormindo no berço. Quando sou interrompida pela campainha.

Gabrielly: Estou indo.. - abro a porta e me deparo com uma mulher

Gabrielly: O que deseja? 

Ela me dá uma bofetada e diz:

(?): Você não se meta com o Ryan sua vadia escrota!!!

Rapidamente desconto a bofetada que ela me deu, em seu rosto no lado esquerdo, e outra no lado direito

Gabrielly: Olha só sua mulherzinha, você não sabe com quem está se metendo, então é melhor você medir suas palavras antes de vim em minha casa e me ameaçar..

(?): Você vai me pagar por isso sua Vadia!!!

Dou-lhe outra bofetada, quando de repente ouço uma voz familiar dizendo:

Ryan: Samantha, o que está fazendo em minha casa?

Samantha: Eu vim deixar claro as coisas entre essa vadia e eu!!!

Ryan: Messe sua palavras Samantha, essa mulher a quem você está se referindo é minha esposa, então tome cuidado!!!

Samantha: Pouco me importa Ryan quem é ela!!!

Gabrielly: Você deve ser a mulherzinha que estava se entregando para meu marido , estou certa? - ela olha para mim rapidamente - então eu acho que quem está sendo uma vadia aqui é você Samantha! Já que não consegue arrumar um homem para você, você decide ir correr atrás dos casados e se tornar uma prostituta

Ela estar a levantar a mão para mim, mas rapidamente eu seguro seu braço e dou-lhe outra bofetada!! 

Gabrielly: Você nunca mais perturbe-me , e antes de me atacar pense bem no que vai fazer sua Vadia escrota!!! - eu a jogo no chão, e entro para dentro de casa, ainda a ouço falando 

Samantha: Você vai se arrepender de ter feito isso!!

Saio novamente para fora e digo:

Gabrielly: Não me arrependo de nada que fiz, quem deveria se arrepender é você de ter mexido comigo!!

Ela sai correndo e entra no carro dá partida e vai embora.

Eu volto para casa e Ryan faz o mesmo 

Ryan: Realmente a senhora Carter não precisa de mim 

Gabrielly: Realmente Ryan, eu não preciso de você !! 

Ryan: Bem, eu tenho algo a dizer! 

Gabrielly: Estou ouvindo

Ryan: Eu, você e Jhason vamos viajar..

Gabrielly: Para quê?

Ryan: Bem, será uma surpresa e também por quê eu preciso resolver umas coisas da empresa

Gabrielly: E para onde vamos ?

Ryan: Para a Austrália..

Assim que ele diz a para onde vamos, eu entro em modo alegria por dentro , mas por fora fico normal

Gabrielly: Ok

Ryan: Vamos partir ao amanhecer..

Gabrielly: E Jonathan e Sophie?

Ryan: Eles terão que ficar, não podem faltar aula 

Gabrielly: Eles irão ficar na casa de sua mãe certo?

Ryan: Exatamente 

Gabrielly: Ok

Ryan anda até o berço de Jhason e o pega em seus braços..

Ryan: Olá meu filhão.. - vejo Jhason sorrindo para Ryan.. fico feliz que Ryan dá a atenção a Jhason..

Ryan: O que será que a Sra. Mamãe está pensando em meu filho ?

Ryan olha para mim e eu digo:

Gabrielly: Nada ... - eu acabo dando um sorriso , que Ryan retribui sorrindo também



 






Notas Finais


Espero que gostem , amo vocês e mais tarde terá mais 💖💖💖💖💖💖💖 beijos meus amores 💖💖💖💖💖💖💖💖


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...