História Isso Pode Ser Um Recomeço (Eldarya) - Capítulo 20


Escrita por:

Postado
Categorias Eldarya
Personagens Erika, Ezarel
Tags Eldarya, Ezarel
Visualizações 107
Palavras 1.046
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Linguagem Imprópria, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 20 - Eu não posso estar... apaixo...nada ou posso ??....


Fanfic / Fanfiction Isso Pode Ser Um Recomeço (Eldarya) - Capítulo 20 - Eu não posso estar... apaixo...nada ou posso ??....

eu saio da sala do cristal e sem ideia do que fazer ,fui na ykhar ver se tinha alguma missão e não avia nada ,eu saio do QG e vou para a praia ,e novamente ,toda vez que estou sozinha aqui me sinto em paz ,com o vento batendo em meus cabelos e ,fazendo os mesmos a voar livremente no ar ,sentia a paz que abitava aquele lugar ,o mar azul que lembrava o ...Ezarel  ´´elfo metido a besta por favor saia da minha mente´´ falo para mim mesma mentalmente encarando o cél azul que também lembrava aquele elfo .Eu adoraria paraar de pensar nele mas a cada azul que eu vejo, ele consome minha mente ,aquele elfo ,logo saio de meus pensamentos com o som de passos olho para traz avistando Nevra com um sorriso mostrando suas caninos afiados.

-sentindo-se sozinha ???-pergunta ele ,se sentando na mesma pedra aonde eu estava e passando os braços em volta de minha cintura ,eu retiro seu braço de minha cintura ainda sem responder.Mas logo respondo.

-não -falo voltando meu olhar para o mar e novamente ´´elfo´´me vem a mente.

-finalmente a sós sem quele elfo ciumento -fala  ele sorrindo.

-e desde quando Ezarel é ciumento??-falo rindo.

-desde que te conheceu -afirma ele.

-aquele elfo é bipolar ,apenas isso -afirmo ,séria.

-pelo visto não só ele é bipolar ,você também -fala ele e eu começo a rir mostrando meus dentes sem motivo.

-eu confesso que sou um pouco bipolar ,talvez-falo o mesmo me olha atentamente ,não faço a minima ideia do porque.

-nunca percebi ,que seus caninos eram afiados-afirma ele olhando para meu sorriso-se eu tive-se visto isso antes ,acharia que você era uma vampira -afirma ele-mas não teria como você viver sem sangue.

eu me lembro que eu ,ficava assustando minhas amigas lá na terra com isso ,falando que era uma vampira ,e elas acreditavam ,era divertido assustar ,elas e principalmente ,com os meus dentes a meu favor,sem perceber retiro o sirrizo lembrando disso.

-oque foi ??-pergunta ele.

-nada ,apenas lembrando de umas coisas-afirmo a ele.

-posso saber quais coisas??-pergunta ele.

-talvez quem sabe eu te conte ,mas você vai ri de mim -falo rindo.

-conta-pede ele.

-ta bem ,é que antigamente ,eu usava ao meu favor esses meus dentes afiados ,ja que se igualava a de vampiros ,minhas amigas creditavam nessas coisas ,e eu ficava assustando elas com esses dentes ,fingindo que ia sugar o sangue delas -falo e ele começa a rir.

-e você acreditava nessas coisas ??-pergunta nevra ainda sorridente.

-sim, eu acreditava completamente ,só que essas coisas não vive-sem no meu mundo mas em outro,e  pelo visto eu estava certa -falo  respirando o ar fresco desse lugar.

-eu adoraria saber como você era quando menor ,poderia me contar ??-fala ele enterreçado no assunto.

-Bem eu era estranha -afirmo e o mesmo me olha curioso-Estranha do tipo muito estranha,na escola eu só tinha 3 amigas ,quando eu fui crescendo que eu percebi que era estranha então para tentar me enturmar ,eu copiava a personalidade e o jeito de outra pessoa -falo o mesmo me olha surpreso.

-você fingia ser quem não era ?-ele pergunta.

-exatamente ,e me arrependo ,depois eu percebi ,que era estranha mas estranho era meu jeito de cer ,e os outros que tinham que se acostumar com isso ,então eu logo parei com isso -falo explicando.

-nossa ,para mim você é normal -fala ele colocando o braço em volta de mim novamente.

-espero não estar atrapalhando o casalzinho ai -fala ezarel aparecendo ,aparente mente com raiva-elfinha você não treinou hoje.

-aaaaaaaaa não -falo reclamando e nevra rindo.

-a sim -fala ele .

-a não -falo.

-a sim elfa -fala ele.

-aaaaaa não -falo em um tom aalto e no mesmo tempo uma onda bem forte atinge ezarel o molhando completamente-ops -eu começo a rir.

-foi você ??-pergunta nevra.

uma dor de cabeça um pouco aguda começa eu levo uma de minhas mãos a cabeças.

-acho que sim -falo sorrindo apesar da dor de cabeça.

-você só sabe por causa da dor de cabeça se não nem saberia né -fala ezarel todo incharcado ,e com uma cara de estressado.

-exatamente ,elfo idiota-falo provocando ele.

-elfa chata-fala ele.

eu fico sem ideia do que falar eu ia dar um choque nele eu junto a energia ,mas derrepente minhas forças se acabam ,e eu caio de joelhos.

-o merda em -falo com minha voz um pouco fraca-o nevra vem e me ajuda a me sentar na pedra.

-oque ouve??-pergunta nevra sem entender.

-ela não pode usar muita magia ,ela na maioria das vezes desmaia ,estou surpreso por não ter desmaiado agora -afirma ezarel rindo.

-ta rindo só por que não é você que passa mau ,praticamente todos os dias -afirmo.

-pior em não existe um dia que você não foi para a infermaria essa semana-fala ele rindo ainda

eu sinto a dor de cabeça piorar muito ,eu sinto o cristal me dando cada vez mais poder ,umas pedras em volta começam a flutuar o vento fica mais forte e o mar fica mais agitado o cristal começa a brilhar cada vez mais e a dor piora eu escorrego da pedra caindo novamente de juelhos ,arranco o colar o me pescoço e jogo na areia o mais longe que consigo ,ezarel se aproxima junto a nevra me sustentando para me levantar ,a dor passa o mar e o vento se calmam ,e as pedra que estavam flutuando caem.

-é minha empresão ou o oraculo quer me matar -falo rindo desescorando de nevra e ezarel ,que estavam com expressões preocupadas.

-era o cristal que fez você fazer tudo isso ??-pergunta nevra.

-acho que sim ,ele estava me dando energia demais eu não consegui suportar-falo esclarecendo.

ezarel anda até o colar e o pega com certo receio.

-acho melhor você ficar sem ele por enquanto -afirma ezarel-se você ficar com ele ,você corre o risco de destruir eldarya inteira.

-tá -só concordo .

o resto do dia foi nomal fiz mais 2 missões para o purrekos,e no final do dia mesmo tendo feito poucas coisas estava exaltas ,me deitei na cama  e adormecendo sendo o  meu ultimo pensamente ´´por que ... porque você não sai da minha cabeça elfo ... eu não posso estar... apaixo...nada ou posso ??...´´.


Notas Finais


e ai continuo
estão gostando ??eu preciso que vocês respondão pois ai eu decido se continuo ou não


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...