1. Spirit Fanfics >
  2. Isso seria... Amor? 2 temporada >
  3. Viva aos noivos!

História Isso seria... Amor? 2 temporada - Capítulo 7


Escrita por:


Capítulo 7 - Viva aos noivos!


Mitsuba On

Hmmmm? O que esse idiota pensa que está fazendo? Só porque eu estou nesse estado ele vai se aproveita do meu lindo corpinho, é que nem EM UM PORNÔ!

Mitsuba: Idiota o que pensa que tá fazendo?... Hic... Eu não estou interessado em fazer um pornô. - Tentava sair de baixo dele porém ele estava me presando muito forte na cama.

Mitsuba: Kou? O que você está esperando para me soltar?

Kou: Não é óbvio? Eu não irei te soltar. - Ele da um sorriso malicioso.

Mitsuba: Você vai se aproveita de mim... Hic... Só porque estou em um estado delicado... Hic... Você não presta Kou. - Ele se aproxima de meu ouvido e sussurra.

Kou: Não estou me aproveitando, eu sei que você quer também Mitsuba, não minta para mim.

Mitsuba: Eu... Idiota...

Kou: Ahn vou colocar isso como um sim. - Aquele sorriso malicioso surgir novamente em seu rosto, eu já estava todo vermelho com tudo isso.

Ele se aproximar de mim e começar primeiramente com um beijo calmo e delicado, eu podia sentir o cheiro do álcool nele mas aquilo não importava, depois sua língua pediu passagem para entrar e eu deixei. Nossas línguas brigavam por um lugar, isso foi deixando o clima cada vez mais quente, já podia sentir seu membro duro roçando sobre minha coxa.

Após terminar o beijo ele parte para meu pescoço, depositando alguns beijos molhados e chupões, ele dava alguns chupões fortes e aquilo me fazia gemer baixinho, ele parecia gostar de me ouvir e de vez em quando aumentava a força dos chupões. Tudo isso já estava me deixando duro até demais.

Ele enfim se afastar de mim e tenta tira minha roupa, isso mesmo só tenta, porque ele falhou miseravelmente. Em todos esses anos ele nunca conseguiu tira o "uniforme" de n°3.

Mitsuba: É um idiota mesmo, não consegue tira um "uniforme".

Kou: Não tenho culpa... Esses "uniformes" de fantasmas são estranhos.

Mitsuba: ESTRANHO É SEU... Aaahn, eu tiro.

Em alguns minutos tiro aquele "uniforme" e só fico de cueca, eu por incrível que pareça ainda estava duro. Kou olha para o volume da minha cueca e lança um sorriso malicioso, eu coro imediatamente com isso. Eu sei que nós já fizemos vários filmes pornôs durante esses 5 anos, mas isso não é assunto para agora né?

Kou se aproxima de mim, e me puxa novamente para cama voltando a ficar por cima de mim, ele ia beijando todo meu corpo descendo até chegar em minha intimidade, quando ele chega lá ele começa a me tocar ainda por cima de minha cueca, eu somente com aquilo já estava indo a loucura, e ele ainda nem começou, como é que ele me deixava assim?

Ele finalmente tira minha cueca, eu já estava tão excitado que literalmente meu pênis estava pulsando, ele segura e começa a me masturbar, em seguida ele abocanhar ele com tudo, ele lambia a cabeça e a chupava, me jogo para trás de tanto prazer,dando alguns gemidos, eu queria aquilo eu queria muito mais.

Ele já estava a um tempinho me chupando, estava quase chegando ao meu ápice.

Mitsuba: Kou-kun... Eu... Tô quase...

Nem conseguir terminar a frase quando de repente, eu gozo na boca de Kou-kun.

Mitsuba: Kou, eeeeeeh desculpe por isso deveria ter falado antes... - Coro ao ver o que tinha feito.

Kou: hahaha sem problemas meu amor,aahn mais eu mereço algo também né? - Ele aponta para sua região que inclusive tinha um relevo já.

Mitsuba: Não... Mas desta vez eu abro uma excessão hehehe. - Ele da um sorriso malicioso,e eu também.

Eu tiro aquela calça que ele estava, também tiro logo sua cueca, sem enrolação certo? O pênis dele pula da cueca quando tirei, era impressão minha ou ele estava maior agora??? Acho que estou bêbado demais. Enfim logo o seguro e abocanho com tudo também, ouço um gemido vindo dele. Começo a fazer movimentos de vai e vem cada vez mais rápido, paro um pouco porque minha cabeça ainda estava girando um pouco, então só o masturbava por um momento e voltava a chupa-lo.

Já tava algum tempinho assim quando de repente ele me para.

Kou: Espera, antes que eu chegue ao meu limite... - Ele tira a blusa que eu não havia tirado. - Eu vou querer algo a mais...

Eu nem tava pensando direito, e quando me dei conta já estava de quatro na cama, espero que não me arrependa amanhã.

Mitsuba: Estou pronto pode vim. E VAI LOGO ANTES QUE EU ME ARREPENDA.

Ele me olha surpreso, afinal era a primeira vez que ele não precisou falar para mim ficar de quatro, desta vez eu fiquei por conta própria.

Ele se aproximar de minha entrada, e começar a colocar devagar, eu dou um gemido de dor nesse processo, ele começa a fazer movimentos devagar até que eu me acostume, quando me acostumo com a dor autorizo para que ele faça mais rápido. Ele aumenta o movimento, e agora eu dava gemidos de prazer, aquela sensação era única e eu amava, um corpo quente em contato com um frio, o choque térmico é maravilhoso... Cada escoltada que ele dava com mais força um gemido meu saia, ele parecia gostar muito de me ouvir assim.

Ele dá a última escoltada com força e finalmente chega ao seu ápice, eu caio na cama "morto", fantasmas também cansam sabia? O Kou também cair na cama muito ofegante e suado. Eca... Eu que não me aproximo disso não.

Mitsuba: Eu não vou dormir com você todo suado hoje não, eu vou para outro lugar. - Quando ia me levantar para pegar minhas roupas, Kou me puxa para seu lado.

Kou: Aaaahn, vai ficar aqui sim. Não quero nem saber senhor Mitsuba.

Mitsuba: Senhor Mitsuba? EU NEM SOU TÃO VELHO ASSIM SEU IDIOTA. - Dou alguns tampinhas nele.

Kou: Hahaha mas não foi nessa intenção baka, é porque agora que você vai se casar comigo você irá oficialmente ser chamado de "senhor", Senhor Minamoto também.

Mitsuba: Eu vou ser chamado de senhor Minamoto? Credo, esse nome não é fofo.

Kou: Ahn mais é bobo mesmo hahaha, vai dormir Mitsuba.

Mitsuba: Mas você está...

Kou: Vai dormir.

Merda... Eu tive que ficar ali mesmo por que o Kou não ia deixar eu sair, estava muito cansado então logo adormeci em seus braços...

Alguns minutos antes....

Yashiro On

Maldição, onde que o Amane-kun se meteu hora dessas? E ainda não me falou nada que aconteceu, na verdade ninguém me falou... Será que todo mundo tá me odiando agora?

Enquanto estava presa em meu mundinho particular, logo ouço uma voz conhecida... Era o Amane-kun, FINALMENTE ELE CHEGOU MEU DEUS.

Amane: Amooor... Hic... Cheguei. - Ele entra no quarto e cair direto na cama.

Ele estava com um cheiro estranho, e estava com a voz estranha também. Esse cheiro... É BEBIDA ALCOÓLICA???

Yashiro: AMANE-KUN O QUE ACONTECEU COM VOCÊ? QUE ROUPA É ESSA? QUE CHEIRO É ESSE? ONDE VOCÊ ESTAVA? E POR QUE NAO ME FALOU NADA!?

Amane: Calma... Hic... Uma pergunta de cada vez... Hic... Bom o que aconteceu comigo? Uns negócios aí, Que roupa é essa? Uma roupa aí, onde eu estava? Em um lugar aí, e por que eu não falei nada? Por que o que ia fazer era surpresa... Hic...

Yashiro: Surpresa? O que aconteceu?

Amane: Ahn o N°3 ainda não veio correndo falar? - Ele falava pensativo. - Certeza que aqueles dois estão fazendo coisas pervertidas então... Que inveja...

Yashiro: Hm? - Olho confusa para ele.

Amane: O que eu tô falando? Inveja... Hehehe eu tenho uma pessoa aqui comigo também.

Eu mal tive tempo para pensar, e quando eu vi ele já estava em cima de mim, me presando contra a cama.

Yashiro: Amane-kun?

Amane: Yashiro a noite vai ser longa hoje hehehe. - Ele dá um sorriso malicioso.

Yashiro: EEEEEK????

Continua...


Notas Finais


Meu Deus eu escrevendo o lemon deu muita vergoninha Kakakak eu nunca tinha escrito Yaoi

Eita, dois capítulos lemon seguidos?

Sim 😎

Bjs de luz 😚✌🏻


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...