História IT IS LOVE ? COLIN - Capítulo 59


Escrita por:

Postado
Categorias Is It Love?
Tags Amor, Colin, Itislove
Visualizações 51
Palavras 2.549
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 59 - As surpresas e os sentimentos - parte 02


Fanfic / Fanfiction IT IS LOVE ? COLIN - Capítulo 59 - As surpresas e os sentimentos - parte 02

***LUCY***

Eu nunca imaginei que o meu chefe ia pedir minha amiga em casamento, tudo foi tão lindo, as pétalas caindo do céu jogadas por um helicóptero, bruno mars cantando só pra nós e aquele anel com aquele grande diamante, realmente Ryan Carter não tem limites quanto a gastar e fazer as coisas pra impactar. Eu não invejo a isa nessa questão do grande momento que o noivo dela preparou, pra mim não importa muito isso, pode ser até algo simples, o que vale são os sentimentos e nessa parte eu queria ter encontrado alguém que como o Ryan estivesse disposto a dividir a vida ao meu lado.

Pode parecer clichê mais apesar do meu profissional eu sou aquele tipo de garota que sonha em ter um marido legal e que eu ame, filhos correndo pelo jardim, bichos de estimação e etc. Toda essa coisa clichê me faria muito feliz, eu gosto de apreciar os pequenos gestos e momentos simples que com o tempo vão se tornar lindas lembranças.

Nos saímos do terraço e agora estamos na sala do Ryan bebendo champanhe para comemorar enquanto ele e a isa falam de uma festa pra oficializar o noivado que eles vão fazer depois de amanhã, eu estou totalmente imersa aos meus pensamentos, talvez presenciar toda essa cena tenha feito eu me dar conta do quanto minha vida está passando e do quão distante parece estar o meu sonho de formar uma família. Estamos aqui eu, meus irmãos, isa e o noivo, e o Alexander que chegou de Londres, aliás tem uma moça morena e muito bonita com ele, não sei se eles estão juntos no sentido próprio da palavra mais pelo olhar dela pra ele está claro que interesse nele ela com certeza tem, ela é linda (alta, magra, cabelos longos e pretos, pele escura, lábios carnudos e tem classe).

O Colin não apareceu no terraço pra ver o que estava acontecendo mais isso não me surpreende, esses rompantes românticos não me parece muito a cara dele e acho que ele considerou uma perda de tempo deixar seu setor pra presenciar o momento.

Isabelle: acho que consigo organizar o jantar pra amanhã à noite, quero algo lindo mais não tão grande. – ela começa a dizer. – a gente chama algumas pessoas da imprensa e alguns amigos e sócios, além da família é claro e creio que já está ótimo.

Ryan: como você quiser querida. –ele diz sorrindo pra ela e dá pra ver o grande sentimento que ele tem por minha amiga.

Elliot: Não acredito maninha que você laçou o menino de ouro de New York. – meu irmão diz fazendo graça.

Isabelle: nem eu. – nós rimos todos.

Alexander: estou tão feliz por você irmã, você finalmente encontrou um amor em um cara que vale apena. – ele diz e vai até ela e a abraça. – cuida bem dela Carter ou nós acabamos com a sua raça.

James: faço das palavras do meu irmão as minhas. – ele diz sério mais sabemos que ele está feliz por ela.

Lucy: Desejo toda felicidade do mundo pra você. – vou até ele e abraço os dois. – vocês sabem que eu sempre shippei o casal e ai de você isa se não me chamar pra madrinha. – digo rindo.

Isabelle: até parece que eu poderia chamar outra pessoa além de você né sua doida. – ela diz e me abraça forte com um grande sorriso. – você além de minha melhor amiga é a minha irmãzinha esqueceu.

Ryan: falando em padrinhos, eu pretendo chamar o jhenny e o Mark para serem os meus. – ele olha pra noiva. – alguma oposição querida?

Isabelle: nenhuma, eu sei que eles são importantes pra você. – a isa o olhou e sorriu mais sei que ela odeia a jhenny e sei o quanto ela está se esforçando pela felicidade dele aceitando isso.

Conversamos mais e depois voltamos pra nossa rotina diária, exceto isabelle que tirou a tarde de folga pra cuidar do evento de amanhã onde eles vão anunciar seu noivado oficialmente a sociedade e ao resto da família, imagino que meu querido ‘’ papai’’ vai estar lá também, estou vendo que isso vai ser tenso, além do Alex que está distante de mim e agora aparece com essa mulher que falta comer ele com os olhos e o Colin querendo ir embora, oh vida viu.

 

O DIA DA FESTA DE NOIVADO DE RYAN E ISABELLE...

                                               *******************************

Eu fui com isabelle as compras e eu escolhi um vestido preto de seda longo com um decote nas costas, e ela escolheu um vestido dourado lindo e chamativo, fomos ao salão e arrumamos a unha, cabelos e maquiagem e depois o Jake foi nos buscar, já que íamos direto para o salão de festas de lá.

Chegamos ao lugar enorme que ela escolheu e havia muitos fotógrafos e a decoração estava maravilhosa, tudo requintado e de bom gosto como todos os eventos que minha amiga organiza, o Ryan estava lindo como sempre em um terno azul e depois foram chegando meus irmãos lindos como sempre, elliot em um terno preto e James em uma roupa social cinza e camisa social branca. Conversávamos todos enquanto estávamos tomando champanhe, até que chegou Alexander acompanhado da mesma linda mulher do dia do pedido de casamento e do meu querido ‘’PAPAI’’.

O meu progenitor estava impecável como sempre, com uma roupa social cabelo impecável e lindo como sempre, o vei não tinha nada de vei, apesar da idade ele ainda era um homem muito bonito e arrancava suspiros das mulheres por onde passava com seu corpo bem cuidado através de muito exercício e um charme natural que ele tinha. O Alexander estava com uma camisa social com alguns botões abertos na frente e uma calça social azul escuro, e a garota com ele usava um vestido de cor nude de alça fininha na altura do joelho e com brilho e que dava uma ótima visão aos homens por causa de seu belo decote.

Eles se aproximaram de nós e nos cumprimentaram e eu procurei sair de fininho dizendo que ia ao banheiro, ficar tão perto do homem que me renegou não me fazia bem e muito menos perto do meu ex melhor amigo que estava muito bem acompanhado pelo visto, fui para a varanda tomar um ar.

Me encostei na sacada e respirei fundo rezando pra que essa noite acabasse logo, então ouvi uma voz atrás de mim.

Alexander: você está se sentindo bem? – era a voz da pessoa que quase me fez morrer de saudade nesse último mês.

Lucy: estou, só precisava de um pouco de ar. – digo e ele se acomoda em pé ao meu lado e finge observar o céu também mais me olha as vezes de canto de olho.

Alexander: eu te conheço a muito tempo pra saber que você está mentindo. Oque está te incomodando Lucy? – ele diz e agora me encara com aqueles olhos verdes.

Lucy: achei que você não se importasse mais comigo afinal anda me ignorando a mais de mês desde que voltei daquele maldito coma. – suspiro e evito seu olhar. – eu precisava de você, do meu melhor amigo, de uma das pessoas que mais importa pra mim e você ficou me evitando e depois foi pra Londres sem nem se despedir de mim ou pelo menos me avisar, fiquei sabendo pelos outros. Acho que tenho todo direito de estar magoada e não querer me abrir com você, afinal não sei mais se ainda somos amigos. – digo despejando minha chateação nele.

Alexander: me desculpe Lucy, eu não queria que você se sentisse abandonada, eu só precisei de um tempo, estava com dificuldade de lidar com algumas coisas que aconteceram e eu precisava pensar, ficar longe e ter uma visão mais clara das coisas. – ele diz e suspira fundo.

Lucy: Você está falando do beijo que você me deu quando eu acordei ou dos seus sentimentos? – resolvi jogar logo tudo no ventilador, sabe quando você já está na merda mesmo então não está mais ligando, essa sou eu hoje ...ele me encara com os olhos meio arregalados quando me viro e encara ele olhando bem no fundo dos seus olhos e eu continuo falando. – se você se arrependeu de meu beijar tudo bem, mais saiba que eu me lembro de tudo que disse pra mim enquanto eu estava naquela cama, de cada palavra sobre o quanto você me amava e se importava comigo, e você não cumpriu sua promessa de que independente do que acontecesse você ia estar comigo, mais que merda Alex, você me fala coisas lindas, me dá um beijo que me deixa completamente confusa com o turbilhão de sentimentos que me invadiu naquele momento e depois se afasta de mim como se eu tivesse uma doença contagiosa.

Alex: Você tem razão eu não devia ter me afastado quando prometi estar sempre ao seu lado, mais me entenda também, não e fácil amar alguém como eu amo você e não ser correspondido, eu não sabia o que fazer quando você acordou e me indagou sobre o beijo. – ele suspira e continua. – eu sempre amei você e você nunca percebeu e mesmo depois daquele beijo eu vi o quanto você sempre me veria apenas como amigo afinal você só gostava de uma pessoa e essa pessoa era o Colin, eu precisava me afastar porque dói te amar e saber que você não sente o mesmo. – ele diz me olhando e vejo seus olhos ficarem marejados, ele acabou me dizendo tudo de supetão e agora ele parecia tomar consciência do que acabou de dizer em voz alta pra mim.

Lucy: E Quem disse que eu não sinto mesmo o Alex. – digo apenas isso e saio dali o mais rápido possível, eu não podia encara-lo eu me sentia chateada ainda com ele e pior tinha revelado a parte que mesmo eu sendo apaixonada pelo Colin eu não posso negar que sempre amei o Alex e depois daquele beijo eu já não sabia mais se meus sentimentos por ele eram apenas de amigos.

Enquanto me afastava rapidamente dali esbarrei em alguém que não vi quem era mais quando levantei meu olhar vi a pessoa que eu precisava naquele momento ‘’ DARYL’’, ele me olhou sorrindo e com a sobrancelha arqueada e eu em um súbito desespero apenas o abracei em busca de conforto da pessoa que se tornou em pouco tempo um grande amigo, ele parecia surpreso de início mais depois retribuiu ao meu abraço.

 

***COLIN***

Vesti uma calça jeans preta, uma blusa social branca com alguns botões abertos e um blazer por cima e deixei meus cabelos soltos, depois fui pra festa de noivado do meu chefe com o adam que havia sido convidado, o matt e a Dóris que ia porque nós íamos cantar na festa a pedido da isabelle, o que eu aceitei já que ia ter muita mídia e isso ia ajudar a nos promover.

Confesso até que me surpreendi com a Dóris que estava usando um salto, um penteado com uma trança lateral que destacava com seus cabelos coloridos, maquiagem de noite e um vestido de alça preto que vinha até o joelho que era elegante mais com uma pegada rock, ela deu um sorrisinho quando me viu a observando tão atentamente, ela era muito bonita apesar de eu não corresponder seus sentimentos.

Chegamos e entramos pela entrada lateral pra checar nossos instrumentos antes de irmos pro salão, nossa apresentação seria no final da festa, tudo estava como pedimos, isabelle realmente não deixa a desejar quanto a organizar eventos.Então decidimos ir para o salão, passou um garçom e cada um de nós pegou uma tarça de champanhe, procurei com os olhos pelo salão a lucy mais não a vi até que olhei em direção a saída para sacada do prédio e vi uma cena que me deixou puto de raiva, ela estava abraçadinha com o Daryl, serio vei eu tenho vontade de matar o ortega, suspiro fundo olhando pra eles e meus amigos olham na mesma direção encarando a cena, a Dóris percebe porque bufei de raiva e sai de perto de nós com raiva também.

Colin: matt eu sei que ele é seu irmão mais eu vou mata-lo qualquer hora dessas. – digo bufando e o matt e o adam faz é rir.

Matt: só te digo uma coisa, quanto mais você ficar com essa cara mais ele vai te provocar. – ele diz rindo. – ele ainda não te viu mais se ver ele não vai perder a chance de te irritar ainda mais, conheço meu irmão.

Colin: ele é um idiota. – digo observando a cena.

Adam: pode ser um idiota , mas a Lucy parece gostar dele. – ele diz rindo.

Colin: de que lado você está adam? – fuzilo meu amigo com o olhar.

Adam: De lado nenhum, porque você não assume de uma vez que esta apaixonado pela Lucy, invés de ficar bancando o idiota e ficar se roendo de ciúme toda vez que vê ela perto de outro. – ele diz e eu me irrito e saio de perto deles.

***MELANIE***

Estávamos na festa, estava tudo muito lindo e eu estava acompanhando o Alex, somos amigos pelo menos por enquanto porque eu pretendo conquista-lo, já percebi que ele gosta da garota que trabalha com o noivo da isabelle, ele não tirava os olhos dela no dia do pedido e hoje não foi diferente, ele saiu atrás dela assim que ela se afastou quando chegamos, aquilo me deixou puta de raiva mais me obriguei a sorrir e ser simpática com todos.

Alex é um homem brilhante além de lindo e muito inteligente, tudo me fascina nele e desde quando o vi pela primeira vez eu decidi que esse homem ainda ia ser meu, custe o que custar. Eu não vou descansar até ter ele pra mim.

 Estava andando pelo salão quando passei pela sacada e vi que ele estava com aquela garota, não sei o que ele viu nela, ela e tão sem graça. Assim que os vi ela saiu de lá e depois esbarrou em um rapaz muito bonito por sinal e depois eles se olharam e pelo o olhar parece que se conhecem e ela o abraçou e ele retribuo com muito carinho, mais pior foi ver o ciúme nos olhos do Alex ao presenciar aquela cena.

Dóris: Não sei o que essa mosca morta tem de especial. – comenta uma garota perto de mim tomando champanhe, ela tem um visual exótico e cabelos coloridos e olha pra mesma direção que eu, então fico curiosa.

Melanie: Por acaso você está falando da Lucy? – pergunto curiosa em saber se não é só a mim que aquela garota incomoda.

Dóris: essa idiota ai mesmo, não sei o que os homens vê naquela cara de songamonga dela, odeio essa garota, affs. – ela diz irritada e vira o resto da taça bebendo tudo em um só gole.

Melanie: Nem me fale, tenho que concordar com você. – comento me sentindo melhor por ter finalmente alguém aqui que não fica achando ela a perfeitinha, dá até vontade de vomitar quando o Alex fica enchendo ela de elogios, eu hein.

Dóris: Já gostei de você, prazer meu nome é Dóris. – ela diz e me dá um sorriso de lado.

Melanie: Me chamo Melanie, e o prazer é meu. – retribuo seu olhar e voltamos a olhar nosso desafeto em comum.

 


Notas Finais


Pessoal esta chegando a 2ª temporada onde as coisas vão pegar fogo, altas emoções, intrigas, amor e o nosso querido colin finalmente achando o seu caminho, esta difícil escrever porque algumas partes são foda e eu acabei chorando escrevendo , mais espero que curtam a nova temporada, só teremos mais 1 capitulo e entraremos na 2ª temporada....espero que tenham gostado da leitura...beijos meus amores!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...