1. Spirit Fanfics >
  2. It is love Ryan Carter - Orgulho vs o poder do Perdão!!! >
  3. Conhecendo o CEO da Carter Corp.

História It is love Ryan Carter - Orgulho vs o poder do Perdão!!! - Capítulo 7


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura 😉

Capítulo 7 - Conhecendo o CEO da Carter Corp.


Fanfic / Fanfiction It is love Ryan Carter - Orgulho vs o poder do Perdão!!! - Capítulo 7 - Conhecendo o CEO da Carter Corp.

Ryan 

Mais um dia que saio cedo de casa e vou correr no Central Park. Gosto de o fazer bem cedo e todos os dias. Me ajuda a calma minhas ansiedades e organizar as ideias.

Estou a sair do Central Park e esbarro com uma pessoa que cai no chão. Rapidamente ajuda a se levantar e peço desculpas pela minha falta de atenção.

Ela me dá um sorriso e diz que está tudo bem pra não ficar preocupado. De seguida, limpa sua calça e arranja sua blusa antes de ir embora.

Até pensei que ia surtar, mas me surpreendeu com a sua atitude calma e seu sorriso radiante. Se fosse a Jenny, o caso seria bem diferente. Kkkkk.

Sigo meu caminho pra casa, tomo banho e troco de roupa seguindo pra empresa. Hoje o meu dia é cheio de reuniões stressantes.

[....]

Passou 2 semanas e gostava de ver novamente aquela moça do parque. Desde esse dia, ela não me sai da cabeça e nem sei o porquê. Deve ser pk fiquei muito atraído por ela. Gostava de a ter na minha cama.

Estou num restaurante perto da empresa, num almoço de negócios e a vejo passar na calçada. Estava vestida com um vestido rosa claro e estava a sorrir (foto capa)...que sorriso lindo que tem!!!

Até parece que ela é o dia e eu a noite!

Eu tenho que a conhecer!

[....]

Passa mais uma semana e nada sobre aquela bela mulher. Hoje é sábado, levanto me cedo, preparo para a minha corrida matinal e sigo pro Central Park.

Depois de duas voltas ao parque, abaixo me para apertar os cordões das minhas sapatilhas e a vejo passar na minha frente a correr.

Corro na mesma direção ao encontro dela. Ela parrou alguns metros á frente para fazer algumas flexões. Aproximo dela com um sorriso e...

Ryan- Bom dia senhorita

Vero- Bom dia senhor. Sua cara  não me é estranhas, mas não me lembro de onde.

Ryan- Eu me esbarrei com a senhorita na entrada do parque algum tempo atrás. Sou Ryan.

Vero- Á sim...recordo me agora. Sou Vero.

Ficamos na conversa durante algum tempo e foi muito agradável. Durante os dias seguintes, nós dois encontrávamos na entrada do Central Park para a nossa corrida matinal.

Correr de manhã cedo nunca tinha sido tão bom como agora está a ser. Ela é lindíssima, meiga, alegre e muito divertida...nunca tinha me divertido tanto com uma mulher.

[....]

De á 6 meses pra cá, minha rotina matinal foi diferente e mais animado. Vero é uma mulher extraordinária.

Dou comigo muitas vezes a pensar na Vero e mesmo não querendo, eu estou a gostar muito dela. Saímos juntos várias vezes durante estes 6 meses. São passeios no parque, jantares, idas ao cinema, teatro, fins de semanas juntos e longe de tudo e de todos.

Ontem não resisti e a beijei. Seus lábios são suaves e doces. Senti seu corpo se arrepiar com o meu toque e vibrar com o meu beijo.

Quero-a tanto, quero seu corpo, saber qual o sabor que ela tem e mais que tudo, eu quero tê-la nos meus braços e estar dentro dela até ela perder os sentidos de tanto prazer que lhe vou proporcionar. Assim acabo logo com esta atração sexual que cresce mais de dia pra dia.

 Dessa forma poderei seguir em frente pra nova aventura.

[....]

O dia de hoje foi muito cansativo e ainda só vai na parte da manhã. Da parte da tarde tenho uma reunião de desenvolvimento com a equipa maravilha do departamento de marketing. Geralmente é função do meu braço direito, o Mark Leviels...mas, ele está na organização da filial em Londres e vai estar lá mais um ano.

Eu só confio nele e por essa razão, ele estar lá e eu vou tratando de tudo aqui até á sua volta.

Hoje pedi o almoço, vou almoçar mesmo no meu escritório. Não tenho muito tempo pra ir no restaurante, então como por aqui mesmo.

Rapidamente chega á hora da reunião e vou pra sala das reuniões. Detesto atrasos e espero que já estejam lá todos.

Entro na sala e começo a reunião. Logo quando entro fico surpreso por ver que a Vero está aqui e nada falo. Depois de 2 horas de reunião, a mesma chega ao fim com bons resultados.

Todos saem, mas antes peço educadamente para a senhorita Bernardes ficar pra discutir alguns pontos do seu trabalho. Claro que não é sobre isso que quero falar.

Ryan- Não sabia que era minha funcionária. Pk não falou nada ?

Vero- Também não sabia que o senhor era o CEO da empresa onde trabalho. Algum problema ?

Ryan- Eu não misturo minha vida profissional com a minha vida particular.

Vero- Nem eu...mais algum problema ? 

Ryan- O que aconteceu entre nós...- (sou interrompido por ela que diz)

Vero- Eu não lhe pedi facilitismo, nem vantagens. Não lhe pedi nada e nunca lhe vou pedir, se quer saber.

Ela vira de costas e antes que saia da sala eu falo:

Ryan- Só quis ser direto e...- (mais uma vez não me deixa acabar de falar)

Vero- Eu fiquei bem ciente da sua informar senhor.

Ela acaba de falar e sai da sala, me deixando plantado na sala. 

.......



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...