História It is not the end - Capítulo 2


Escrita por: ~ e ~Maya7590

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 37
Palavras 1.488
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Romance e Novela
Avisos: Canibalismo, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa Leitura
e desculpe os erros

Capítulo 2 - The Beginning part. 2


Fanfic / Fanfiction It is not the end - Capítulo 2 - The Beginning part. 2


- Então meninas aqui no sótão tem uma porta que da acesso ao telhado podemos andar por cima e descer pela escada que fica atrás da casa e depois vamos direto para floresta.


- tá bom mais vamos precisar de mais algumas coisas para poder se defender desses zumbi – disse Maya


- ok vou pegar algumas lanternas – disse Naomi


- vou pegar algumas facas que estão guardadas aqui – diz Yasmin


- enquanto isso Rafa Paola e Triz e eu vamos abrir essa porta ai – Diz tara


- ok vou pegar as lanternas.

                                                      

#Quebrando o tempo#


- pronto achei a porta.


- ok – disse todas juntas


- vamos abrir Tara eu e você vamos empurrar aqui Rafa e Paola vocês empurram o outro lado ok.


- OK – elas disse juntas


- Maya.


- minha pessoa.


- para de ser boba e ilumina aqui pra mim


- nossa tá bom chata estou indo.


- menina no três ok


- um, dois, três Agora!


- isso conseguimos ufa isso estava pesado - Tara diz cansada


- verdade conseguimos ainda bem – rafa


- Gente acho melhor irmos logo porque eu ouvi barulhos. – Paola

                                                     

  “Maya Narrando”


Quando todas subiram e eu estava fechando a porta sinto alguém ou algo segurar minha mão. Sussurrei para Triz que estava me esperando fechar a porta para irmos


- Triz Socorro!

 

No mesmo estante ela pegou uma faca e com toda força cortou a mão do zumbi

  

Depois disso fechamos a porta com tudo e saímos correndo para escada.


-Maya você esta bem?


- Sim estou obrigada Triz

 

Nos abraçamos tão forte que não aguente deixei algumas lagrimas saírem


- May pode contar comigo sempre


- eu sei amiga obrigada mesmo por isso eu te amo


- eu sei - falou ela rindo me fazendo rir - eu também te amo.


- vamos então, as meninas já devem estar nós esperando.


- verdade, vamos

                              

“Passando o tempo”


- meninas o que aconteceu vocês demoraram muito estávamos preocupadas?– pergunta rafa preocupada


- eu sei calma, estamos bem agora. – diz Triz calma.


- o que houve?


- quando eu estava fechando a porta um zumbi segurou minha mão então a Triz pegou uma faca e cortou a mão dele.


- nossa May você esta bem? – Yasmin.


- Graças a Triz estou


- Gente temos que ir agora antes que eles chegam ate nós

                                     

“Triz Narrando”

 

Depois do ocorrido com a Maya eu e as meninas seguimos em frente. Entramos na floresta, estávamos com muito medo. De repente vimos um vulto, a Paola ia gritar mais eu tampei sua boca.


- meninas silencio eu vou na frente agora – Maya disse


- ok – todas disseram juntas


Ela pegou uma arma e ouvimos mais um barulho no mato.


- eu estou com muito medo


- calma Tara vai ficar tudo bem e só nós não nos separamos

 Do nada veio um monte de zumbi em nossa direção. O que não era para acontecer aconteceu, nós nos separemos. Comecei a atirar e gritar para as meninas correrem, só eu e Maya estávamos com armas.

  

Quando fui ver já estava bem longe, subi em uma arvore alta, e fiquei pensando em tudo nas meninas na minha família ate que adormeci.

                                            

  “Maya Narrando”


Na hora que Triz começou a gritar para corrermos, a minha reação foi começar a atirar igual a uma louca, eram muitos. Minhas balas acabaram quando olhei para trás não vi minhas amigas. E a minha opção era correr ou se esconder. Tinha um zumbi me perseguindo, então para melhor minha situação eu caio.  E depois só vi tudo escuro

                                

  Enquanto isso “Narradora”


- Rafa Yasmin vocês estão bem?


- sim estamos


- droga cadê as meninas


- elas sumiram e agora? O que vamos fazer?


- calma meninas, esta muito escuro logo vai amanhecer


- e melhor nos se escondermos

                                   

   “enquanto isso”


- Paola


- Naomi estou aqui


- ai meu coração corri muito tanto você esta bem NE?


- sim estou bem e você?


- também


- meu deus cadê as meninas?


- eu não sei


- droga não acredito não era pra gente se separar e agora?


- calma Naomi, vamos achar elas.


- espero que elas estejam bem

No nadas as meninas ouviram um barulho, e Paola e Naomi ficaram com medo, mas Naomi lembro que Paola ira gritar naquela hora então Naomi disse.


- Não grita


- não vou


- que bom, temos que ir nós esconder em algum lugar.


- verdade mais aonde?


- ali


- vamos mais sem fazer barulho


- verdade e espero que você não de uns de seus gritinhos.


- olha eu sou ser humano eu grito quando estou com medo ok


- ok ser humano, acabou.


-acabei chata


- você esta com a sua faca?


- sim estou e você?


- também


 Naomi e Paola estavam andando ate chegar ao seu esconderijo mais no nada viram alguém caído no chão


-Será que aproximamos?


- não sei melhor não


- mais se for uma de nossas amigas?

-e se não for?


- nunca iremos descobrir se ficarmos paradas aqui.

   

Elas chegaram mais perto do corpo e deram uma olhada.


- não parece ser menina


- e nem zumbi


- mais pode ser


- ou não, calma. - Paola chegou mais perto e disse para Naomi


- ele esta vivo


- serio deixe-me ver


- tá bom.


Naomi chega mais perto e ele abre os olhos


- menina o que esta fazendo? – disse o desconhecido


- ai menino que susto seu idiota – falou dando um pulo pra trás


- eu não sou idiota


- e sim você me assustou


- sou não, aproposito meu nome e Namjoon.


- nossa serio legal que pena que ninguém perguntou


- ai que menininha chata


- não sou chata


- e sim


- cala boca vai, vamos embora Paola já vimos que ele esta bem.


- Prazer Paola – disse Namjoon fazendo aceno com a mão


- Prazer também Namjoon.

 

 Ele deu um sorriso e Naomi pensou “que sorriso lindo” “para Naomi ele e um idiota”


- você poderia dizer seu nome pelo menos?


- Naomi agora tchau.


- Tchau cuidado meninas


- obrigada você também tome cuidado – disse Paola


- vou tomar.


Elas se afastam de Namjoon e Naomi fala


- nunca mais, vou parar para ouvir alguém respirando.


- mais fala ai ate que valeu a pena NE.


- o que? – Pergunta Naomi com cara de confusa


-ele e bonito não perdemos tempo com coisas bobas e sim com coisas bonita


- Paola


- eu


- quieta, por favor.


- tá boa jovem revoltada.


- menina eu vou te deixar aqui sozinha


- não nos não podemos se separar, já estamos sem as outras.


- eu sei gatinha só estava brincando


 - bom mesmo

 

Rimos ate que elas chegaram a uma cabana que estava abandonada. Que talvez pudesse ter um zumbi


- você abre e eu mato ele ok – disse Paola


-ok


 Naomi abriu a porta e fez um barulho só que ninguém apareceu “ótimo”. As duas entram


- feche a porta e nos colocaremos o sofá ai


- esta ok.

 

As duas empurram o sofá e depois foram para cozinha


- será que tem comida aqui?


- não sei vê ai

  

Paola começou a abrir todos os armários ate que


- cereal


- só?


- sim


- pode ser então.

           

#Enquanto Isso#


- o que vamos fazer?- Yasmin


- achar um lugar para nós esconder – Rafa diz.


- tá bom, amanha vamos procurar as meninas – tara diz.


- verdade, será que elas estão bem? – pergunta Rafaela preocupada


- não sei -  De repede elas ouvem um barulho


- vocês ouviram?– pergunta Yasmin


- sim ouvimos mais calma não deve ser nada – tara diz


- ok, mais mesmo assim fiquem com suas facas entenderam. – rafa


- sim entendemos


- ótimos vamos

 

 Elas continuaram a andar devagar sem fazer algum barulho. Ate que elas acharão uma barraca


- será que esta vazia – pergunta tara


- não sei – responde Yasmin


-vamos da uma olha – diz rafa


- vamos – disseram as duas junta

 

As três foram ate a barraca ela estava vazio só que tinha um cara caído no chão, e ele levanta.


- e um zumbi


- eu cuido dele

  

Tara foi ate ele e empurra com força ate arvore e perfura o cérebro dele.


- pronto


- nos vimos


- cara ele tem comida por que ele se matou – tara pergunta


- como você sabe que ele se matou


- tinha um bilhete no chão escrito “eu me matei assim e mais fácil beijo” bem sentimental ele né.


- idiota ele não aguentou, e olha que isso nem faz um dia.


- então né - Então elas entram na barraca e rafa diz


- eu fico de vigia e você dormem


- ok


- quando você sentir sono você me chama – Yasmin diz


- digo o mesmo Yasmin – disse tara


- ok

 

  Então as duas dormem e Rafa ficou de vigia.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...