História It's Love? -Imagine Kim Taehyung - Capítulo 18


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Kim Taehyung (V), Personagens Originais
Tags Bts, Fanfic, Taehyung
Visualizações 52
Palavras 2.005
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Capítulo 18 ai pra ocês meus paozinho doce❤❤

Espero que gostem aaa, bye❤❤

Capítulo 18 - Irie Matsumoto


Fanfic / Fanfiction It's Love? -Imagine Kim Taehyung - Capítulo 18 - Irie Matsumoto

  Ring Ring*


Meu celular tocou bem na hora que meu pai me chamou.

-Pode atender -Meu pai fala

-Ta. -falando subindo para meu quarto.

(No quarto)

-Alô?


-Oi, é o Taehyung?


-Sim sou eu, quem é?


-Irie Matsumoto, lembra de mim oppa?


-Matsu.. quem?


-Nossa TaeTae.. Matsumoto,aquela sua amiga do colegial de quando você morava no Japão.


-Nossa, é você? Sua voz mudou muito. (Ficou mais fina e irritante.) Desculpe não te reconhecer. Mas, como consegui meu número?


-Minha mãe me deu, ela tem o seu número.


-Ah sim, A Sra. Irie e o Sr. Irie está bem?-Perguntei


-Sim sim, está tudo bem. Como está a vida?


-Esta normal, como sempre. E ai?


-Está tranquilo tambem. Meu irmão saiu de casa e vai se casar. Estou muito feliz.


-O Naoki vai se casar?


-Sim


-atah, mande lembranças dele por mim.


-Tudo bem. 


-Matsumoto, eu vou ter que desligar agora, meu pai quer falar comigo.


-Tudo bem, vamos marcar uma hora para nos vermos.


-Okay..


-Tchauzinho Tae Tae.


         Matsumoto era uma colega do Japão, que era fissurada por mim. Eu e Noo Ri vivemos algum tempo junto com ela e com os seus pais, Sr Irie e Sra Irie no mesmo teto. Meu pai era melhor amigo do pai da Matsumoto. A menina era inteligente, bonita mas era muito egoísta e egoncetrica.. sabe, ela se achava muito. Porque ela tinha que ser apaixonada por mim?




...


  Lembrei que meu pai queria falar comigo ainda.. sai do meu quarto e desci as escadas, ele estava no celular me esperando.


-Oque você queria falar comigo? -Perguntei atrás da poltrona.


Ele levantou do sofa, se aproximou e com um simples movimento rápido me abraçou. Eu não retribui, fiquei parado.


-Pai... -Falei assustado. Ele molhou minha camiseta com uma lágrima.


-obrigado por me dar uma última chance..


-... -Eu não o respondi. Aquela foi a primeira vez que ele me abraçou. Alguma coisa me dizia, que aquele abraço era sincero.


-Pai, daqui pra frente, seja um pai melhor.. -Falei me afastando de seu abraço. Ele sorri para mim.


S/n On


  
-Yaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!!!!!! HONG S/N HONG S/N!!!! -Jaehyun gritou de dentro de seu quarto


-meu deus, oque foi agora.. -Resmunguei. - OQUE FOOOOI, EU JA VOU SUBIR!!!! -gritei de volta.


Fui correndo para seu quarto. Chegando la, cadê o Jaehyun?


-Jae? Oppa? -Falei fechando a porta.


-Aqui, aqui! -Ele fala saindo de dentro do armário.


-Mas oque.. HONG JAEHYUN, QUE MERDA É ESSA?


- O-Olha atrás de você.. -Ele disse, eu virei na mesma hora.


-Oque que tem aqui? Ah, uma baratinha. VOCÊ ESTA COM MEDO DISSO? -falei rindo


-S/n, isso é um monstro com antenas, olha que coisa nojenta -Ele falou fazendo cara de nojo.


-Jaehyun, Jaehyun, você é uma figura. -Falei indo em direção da janela, chegando la... joguei o bixinho. Sim, barata é nojenta, mas eu não tinha medo igual ele.


-Lava, LAVA A SUA MÃO -Ele falou abrindo a porta do banheiro que tinha no seu quarto.


-Ta ta... -Fui para pia..


...


-Oppa, você saiu do armário é? -Falei ironicamente, me referindo a cena que acabei de ver..


-Ei, eu estava me escondendo daquele monstro. Ela ia voar, pousar no meu cabelo e.. Ahhhhh, ja pensou? 


(Eu ria muito)


-e outra coisa, eu sou hetero,  irmãzinha. -Ele disse jogando o cabelo pra trás.


-Hm, tendi.. -Falei sorrindo.


-Ahhh, e tocando nesse assunto... Você e o Taejung..


-Taehyung, oppa, é Taehyung! -Falei interrompendo.


-Taehyung, okay.. Enfim, vocês estão namorando? -Ele perguntou..


-Bom, Estamos ficando. -falei tímida. 


-Ahh que fofos -Ele disse me abraçando. -Minha irmã linda está ficando com alguem, finalmente..


-YAAA -gritei batendo na sua testa.


-Ta ta.. parei. Ah, e.. a mamãe disse que já vai chegar com o Papai. Eles tiveram uma noite divertida ontem, ela me disse. 


-Que bom!!!!! Ta com saudades? -Perguntei sorrindo.


-Óbvio né S/n.. Mó tampão sem ver ele.


-(risos) Eu também!.. oppa, eu vou la pra baixo arrumar as coisas.


-Ta bom.


(Mamãe e papai chegam)


-CEGAMOOOOS -Minha mãe grita abrindo a porta de mãos dadas com o papai.


-Paaai -Mal esperei ele entrar, e o ataquei com um abraço. Ele retribuiu sorrindo.


-Pituca, você cresceu mais? -ele diz me olhando e bagunçando minha franja.


-Sim, aaa você esta de volta -Falei abraçada com ele.


-Yaaa, eu to aqui também senhorita -Mamãe falou com os braços cruzados no meio da sala.


-Calma calma, eu nao vejo ele a um tempo, tambem te amo -falei e logo em seguida ela me dá um tapinha no bumbum.


-Querida, eu vou subir com sua mãe la pra cima, vamos nos trocar e tomar um banho.. -Meu pai disse


-Okay. -Respondi sorrindo.


-Meu amor, você ja almoçou? -Minha mãe fala da escada.


-Sim sim, almoçei


-Okay. -Ela fala subindo de mãos dadas com meu pai.


...




Taehyung on


   Eu estava na sala vendo tv, e meu pai estava no computador.. Uau, ele estava trabalhando. Hmmm.
..


-Pai, Matsumoto me ligou -Falei do nada


-Oque? Aquela sua namorada do Japão? 


-Não, namorada não, pelo amor de Santo Deus. Enfim, ela está aqui na Coreia, está fazendo intercâmbio.


-Atah, ela vai morar aqui? -ele falou olhando para os gráficos que estava na tela de seu computador.


-Bom, deve ficar um tempo.


-Entendi, olha, do jeito que ela é, meio doidinha... Ela pode aparecer qualquer hora, ela sabe onde a gente mora.


-Eita ferro! -Eu respondi, e ele riu.


-Não ria, ela é apaixonada por mim.


-Ahh o amor..


-Você conhece essa palavra? -Falei ironicamente


-Sim, xiu. -Ele riu.


Aquele foi o nosso primeiro dialogo sem palavrões, agressões ou decepções. Ele até riu pra mim.


__


*Ring Ring


-Vou atender o celular -falei


-Ta


Ligação on


- Tae?


-Oi S/n, tudo bem?


-melhor agora, adivinha que acabou de chegar? 


-Quem?


-Meu paaai


-Aah ele chegou!! Você pulou em cima dele não foi?


-Sim, quase o derrubei.


-Ah.. S/n, eu quero te perguntar uma coisa.


-Pode falar Tae


-Nós.. Estamos tendo alguma coisa?


-Sim.


-Tipo.. -Fiquei gaguejando


-mas você é lerdo ein, Eu sou apaixonada por você Tae, e você por mim. Então..


-Pera ai, me encontra no parque daqui a 5 minutos.


-Okay.


Ligação off



Por telefone não ia ser legal oque eu iria fazer. Pego meu casaco, abro a porta e saio. Ah, eu voltei.. meu custume de não avisar para meu pai quando eu iria sair.


-Pai, eu vou me encontrar com alguém no parque, ja volto.


-Okay, Mas..


Fechei a porta sem ouvir oque ele iria dizer. Fui correndo e ao mesmo tempo colocando meu casaco.
..


Lá estava ela, usando um vestido rosa e uma fitinha no cabelo.


-Tae!! -Ela acenava sorrindo.


-Quer namorar comigo? Eu.. não pedi de um jeito.. certo e tal.. mas agora, tipo.. -Aaaaah eu odiava gaguejar. INFERNO.


Ela me surpreendeu com um beijo calmo. Minha mão automaticamente se encontrou em sua nuca e nossos corpos como ja de custume, estavam colados um no outro.


-Óbvio que eu aceito seu idiota -Ela falou com a testa colada na minha sorrindo.


-Ahh -Eu falei sorrindo. Minha felicidade era tão grande que eu a abracei e rodopiei com ela.


Nós riamos ao mesmo tempo. Eu amava aquela pirralha.


-Quer ir lá em casa? -Perguntei.


-Sim, mas.. e seu pai? -Ela perguntou.


-Ele vai te tratar bem, relaxa. -Falei segurando sua mão.


(Chegando em casa)


-só relaxa.. -Falei sorrindo e abrindo a porta. -Pai...


-Oi Taehy... Ah, oi menina -Ele falou olhando para trás.


-Pai, Ela é a S/n, minha namorada. -Falei com todo o orgulho.


-Namorada? Vocês são bonitos juntos! -Ele disse levantando. -Prazer S/n, Sou  Kim Min Ho, pai do Taehyung.


-Prazer!!! -Ela disse sorrindo.


-O prazer é meu, senta ai com ele, eu vou voltar pro computador, estou vendo umas coisas nele -ele disse voltando para a mesa.


-Tudo bem!.


-S/n, quer beber alguma coisa? -Eu Perguntei indo para a cozinha.


-Sim -Ela disse vindo atrás de mim.


..


-Amor, seu pai mudou muito -Ela disse quase sussurrando.


-Sim, eu to assustado, e com medo dele se tornar aquela pessoa horrível e psicótica. -Falei abrindo a geladeira.


-Pois é, maaas, a chance ja foi dada, agora é só seguir. -Ela falou sorrindo.


-Quer oque pra beber?


-Tem oque?


-Suco de laranja, Refrigerante, Suco de morango e uma lata de cerveja. Ah, você não bebe.


-Suco de morango. Você bebe cerveja?


-Sim, mas, não aqui em casa. Quero deixar meu lai longe de bebida e cigarros. -disse pegando e abrindo a cerveja, dispejando-a na pia. Depois, logo em seguida, pego o suco e sirvo para a S/n.


-Hmmm, ta bom! Quem fez? -Ela perguntou.


-Noo ri 


-Atahh!! -Ela sorriu.


-Cade ela?


-Está la em cima dormindo.


-Entendi.


...


(MAIS TARDE)


*ding dong


-Pai, atende por favor -falei enquanto estava sentado no sofá com a S/n mostrando meu album de fotos de quando era mais novo.


-Okay.
...


-Paiii !!! -uma voz fina gritou.


-Matsu... - Irie Matsumoto,O meu maior pesadelo... acabara de chegar, e acabara de atacar meu pai com um abraço.


-Pai, nossa o senhor continua o mesmo, olha olha, trouxe um presente de Japão para o senhor. -ela disse ainda do lado de fora.


-Calma calma, respira. Primeiro, entra. -Meu pai disse rindo.


-Taehyung!!!!!!!!!!! -Ela disse me levantando e me abraçando na mesma hora que me viu.


-Calma, Ooii, Matsu.. Matsumoto, meu Deus, cê ta é forte em. -Falei


-Nossa, você esta muito bonito, olha só, tem até músculos agora. -Ela disse passando a mão no meu abdômen. Meu pai ria la de trás.


-Oi, PRAZER! Eu sou Hong S/n, NAMORADA dele, tudo bom? -S/n falou entrando no meio, e tirando a mão de Matsumoto do meu corpo.


-Ah oi flor! Prazer, Irie Matsumoto. Amiga de infância do Tae. -ela disse com um sorrido forçado e um beijo no rosto de S/n. Dava pra ver que S/n não gostou dela. Entendo ela, eu entendo.


-Amiga, de infância -S/n disse rindo e sossurrando baixinho, Matsumoto não ouviu.


Meu pai pegou o presente e levou para cima do seu quarto.


-Então oppa, desde quando namora com ela? -Matsumoto perguntou.


-Desde hoje, pedi ela em namoro hoje.


-Hum, felicidades ao casal -Ela disse falsamente, dava pra ver o quanto ela estava agoniada.


-seu coreano é ótimo. -S/n falou


-Ah obrigada meu amor, eu sou fluente em 4 línguas: Inglês, Coreano, Chinês e Francês.


-Hum, uau. -S/n falou forçadamente.


-Então, gente.. eu tenho que ir, eu não posso demorar muito aqui, só passei para dar um oi para vocês, estava com tantas saudades, avisa para o pai e para a sua irmã que eu mandei beijinhos!. Eu ja vou indo Tae Oppa -Ela levanta e me da um beijo na bochecha.


-beijo flooor !!!! -Ela disse para S/n.. Nossa eu estava agoniado era com a falsidade dela.. S/n estava se controlando para não lascar a mão nela.


...


-ELA FINALMENTE FOI EMBORA -S/n falou quase enlouquecendo.


-*Risos* Calma, amor, vem cá. -Puxei ela. -Quer que eu te fale quem é essa menina?


-Quero, ela tem muita intimidade com você. Não gostei dela, olha só.. ela ja entrou e foi logo te alisando! -Ela disse vermelha, com raiva.


-Matsumoto é uma "amiga" de um tempinho atrás, de quando eu morava  Japão na casa dos pais dela junto com o meu pai.


-Ela era apaixonada por você né?


-Sim...


-e ainda veio falando que era sua amiga de infância.


-Amor, calma, essa embuste ja foi embora. Liga pra ela não.


-E aahh, ela ficou se amostrando falando sobre as 4 línguas fluentes dela.


-Hong S/n! -falei apertando seu rosto com as duas mãos fazendo ficar com um bico fofo. -Amor, Calma, eu to aqui.. relaxa, ela ja foi e ja esta tudo bem. Eu te amo e você me ama, somos um casal de boas na lagoa. -eu falo a animando. -Aaaaewmm, você é tão fofa -Falei


-Taehyung, vou te dar um porradão. -ela disse.


-Você com ciúmes de mim é tão fofo, por isso que eu te amo. -Falei a beijando. Ela se acalma. -Te amo ta?


-Eu também.- ela fala sorrindo.


...



Notas Finais


Essa Matsumoto.. Rum...

Até o prox capítulo meus xuxus🙂❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...