História It's never too late to love.(Gruvia)(fairy tail) - Capítulo 12


Escrita por:

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Bickslow, Cana Alberona, Elfman Strauss, Erza Scarlet, Evergreen, Gajeel Redfox, Gray Fullbuster, Happy, Jellal Fernandes, Juvia Lockser, Levy McGarden, Lucy Heartfilia, Lyon Vastia, Makarov Dreyar, Meredy, Natsu Dragneel, Wendy Marvell
Tags Amor, Fairy Tail, Gale, Gruvia, Jerza, Nalu, Romance
Visualizações 388
Palavras 1.052
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Ecchi, Fantasia, Hentai, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 12 - Quero você.


Fanfic / Fanfiction It's never too late to love.(Gruvia)(fairy tail) - Capítulo 12 - Quero você.

Abri a mala e comecei a jogar tudo dentro ,não queria mais ficar ali ,não queria olhar para a cara do Gray-sama não hoje ,a mala não fechava de jeito nenhum .

-Droga .gritei enquanto tentava fechar o zíper da bolsa porém em mais uma tentativa falha a bolsa caiu no chão deixando todas as roupas amostras principalmente a lingerie que a cana mandou eu comprar para deixar o gray-sama feliz ,me ajoelhei tentando botar tudo dentro novamente mas acabei agarrada naquele tecido delicado ,era tão belo , suspirei e olhei novamente para a peça na minha mão nem provei e talvez nunca mais tenha a chance de usá-lo .

Levantei e fui em direção ao banheiro o lado de fora estava quieto aparentemente não havia ninguém lá fora ,gray-sama com toda certeza não voltaria para o quarto hoje , então quer saber eu vou provar só para ver como fica ,entrei no banheiro ,me arrumei como se fosse para ele ,passei hidratante de morango na pele ,botei a minúscula calcinha que por incrível que pareça tinha ficado ótima ,vesti o corpete ,as meias 7/8 ,soltei os cabelos e passei um batom cor de rosa já estava ansiosa pelo resultado é corri para o espelho fora do quarto por minutos esqueci todo mundo lá fora .

Estava bonita ,sexy o tom claro combinava com minha pele a renda tinha formato de flores ,ajeitei os seios dentro do bojo e depois percorri a mão pelo resto do corpo me senti deslumbrante .

A porta se abriu tão vagarosamente que nem notei estava muito intertida com a lingerie ,fazendo mil posses no espelho ,que nem notei o gray-sama parado na porta .

Ele limpou a garganta fazendo barulho,virei olhando para ele assustada cobrindo o corpo com as duas mãos .

- Você deveria bater na porta antes de entrar -falei envergonhada,não queria que ele me visse daquela forma .

-Desculpa eu só tinha vindo pegar uma roupa .ele falou enquanto não tirava os olhos do meu corpo ,estava com os cabelos molhados ,a água ainda escorria pelo peitoral nu ainda com tinha uma expressão triste.

-Tudo bem eu vou me vestir,fique a vontade .Disse a ele enquanto saia apressada em direção ao banheiro mas fui interrompida pela mão de gray-sama que segurava meu pulso com um certa força,mas sem intenção de me machucar, me impedindo de continuar.

-Nao vai embora por favor …,ele olhou para a minha bolsa e roupas espalhadas e voltou a direcionar o olhar para mim, a voz dele saiu tão manhosa e ele ainda estava com aquele olhar de cachorro carente que desmanchou meu coração em segundos ,não poderia negar nada a ele

-Gray-sama eu ,eu eu vou ficar hoje mas amanhã eu vou . Gaguegei lutando com minha emoção ,não poderia ceder depois de tudo aquilo que aconteceu .

-Não você não vai . Não tive tempo para resposta ele me puxou ,suas mãos foram na minha cintura e me apertaram ferozmente ,não duvido que ficará as marcas de dedos ,sua boca encontrou a minha e de um forma bruta sua língua invadiu meus lábios ,era um beijo sedento senti seu corpo frio e molhado e cada vez mais contra meu corpo ,eu precisava de ar mas não queria parar.

-não vou deixar …Ele separou nossos lábios numa mínima distância para recuperar o fôlego mas não demorou para voltar a me beijar na mesma intensidade ,dessa vez suas mãos começaram a explorar meu corpo descendo da cintura ao quadril ,bunda seus dedos continuavam firmes pressionando com força minha pele ,seus pés começaram a nós guiar em direção a cama me empurrando de costas ,me segurava nele envolvendo minhas mãos timidamente em seus pescoço , intercalavamos entre beijos e selinhos para não precisamos separarmos na hora de respirar ,sua mão continuou a me percorrer até chegar as minhas coxas com cada uma de um lado puxou minhas pernas para cima e no impulso enrosquei elas em sua cintura e pude sentir sua ereção dentro da calça .

Ele me soltou , me jogando sobre a cama sem nenhuma delicadeza ,ele ficou ali parado em pé na minha frente olhando meu corpo ,corei me sentindo completamente exposta ,ele puxou meu pé direito apoiando sobre seu peito ,e percorreu com as duas mãos pela perna até encontrar a barra da meia puxando vagarosamente enquanto passava a ponta do nariz sobre a pele que ficava nua ,repetiu o mesmo movimento com a perna esquerda em nenhum momento ele tirou os olhos do meu ,me olhava como se fosse sua presa .

Beijou meus dois tornozelos antes de deitar sobre mim , suas mãos não demoravam para encontrar meus seios e o apertar a me arrancando um gemido fraco, e continuou a apertar com mais força meus seios me fazendo gemer cada vez mais alto ,era aquilo que ele queria ouvir ,abriu um sorriso vitorioso ,senti o calor dominando o meu corpo ,ele começou lentamente a roçar sua ereção entre minhas coxas ,num movimento involuntário movimentei o quadril em sua direção , era tão excitante sentia cada vez mais necessidade do seu corpos ,deixei que as mãos percorresse suas costas arranhando levemente , ele olhou nos meus olhos.

-Voce está inteiramente perfeita-sussurou no meu ouvido ,e envergonhada me agarrei em seu pescoço escondendo meu rosto ,nesse instante senti o cheiro de álcool e todo meu tesão simplesmente sumiu .

-Gray-sama você estava bebendo ?!falei tristonha.

-Foi só um pouco e já faz tempo .ao perceber minha situação se ajeitou ficando apenas com as duas mãos apoiadas na cama comigo ainda em baixo dele , olhando em meu olhos .

-Tudo bem então ,acho que se for assim podemos continuar.falei mas ainda incerta com as minhas palavras eu queria que aquilo acontecesse mas também não por culpa da bebida.

-Voce está certo ,não podemos continuar , não quero que seja assim …-disse ele sem jeito .

-Mas eu quero está com você .sussurei e comecei a encher seus lábios de selinhos carinhosos-Quero ser sua .

Ele me beijou carinhosamente mais uma vez antes de se deitar ao meu lado

.-Tambem quero você ,cada pedaço seu.disse ele percorrendo meu rosto com as pontas dos dedos-Nao sabe como é difícil te ver assim e não fazer nada ,mas quero está totalmente sóbrio ao fazer isso,você merece .

-Tudo bem .virei de costas e senti suas mãos enrolarem na minha cintura e seu rosto em meus pescoço.

-Quero você .


Notas Finais


Desculpa gente a demora
E desculpa se não ficou tão bom kkkk
Bj bj 💚


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...