História Clichê. - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, Jeon Jungkook (Jungkook), Jinyoung, Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Mark, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Youngjae, Yugyeom
Tags Jingyeom, Menção Taekook, Otp, Pepigyeom, Romance, Tragedia, Yugnior
Visualizações 33
Palavras 1.016
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Fluffy, LGBT, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Estupro, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Quase acabando.
Hihihi
~❤

Capítulo 3 - Plan.


Fanfic / Fanfiction Clichê. - Capítulo 3 - Plan.

- Não podemos ficar parados, o Yug é meu melhor amigo, sempre me dá conselhos, sempre me ajuda. Vamos fazer alguma coisa, eu não sei o quê vai ser de mim sem ele. - Disse Bambam com os olhos lacrimejando.

- Temos que pensar antes de agir, não podemos arriscar perder o nosso maknae. - Disse Jb já com lágrimas caindo em sua face.

- É tudo culpa minha, se eu não tivesse brigado com ele. - Yugyeom me perdoe.

- Não Jinyoung, a culpa não é sua, não é de ninguém, as vezes coisa ruins tem que acontecer para nós nos lembramos que a vida não é um mar de rosas, onde tudo vai ser perfeito. - Jae sempre foi muito otimista, sempre pensando positivo, isso é algo que eu admiro muito nele. Ele sempre consegue acalmar as pessoas em momentos de aflição. - O Gyeom é esperto, ele vai sair dessa, eu tenho certeza. -

Eu não poderia deixar que nada de ruim possa acontecer com o Yug, ele sempre me protege e agora chegou a minha hora de proteger ele. Eu e os meninos começamos a pensar em como tirar o Yugyeom de lá se fazer com que ele ou um de nós se machuquem e sem dar dinheiro algum, não é ganância nem nada, mas, imagina o quê pessoa desse jeito podem fazer com um pouco que se já de dinheiro? Primeiro: seria um desperdício. Segundo: existem pessoas que necessitam desse dinheiro. Nós, do Got7, fazemos doações todos os meses, e a quantia é sempre muito alta, não quero me gabar, mas, não são todos que conseguem fazer isso, maioria gasta dinheiro com bebidas outros com drogas, mas nós não, ajudamos órfãos, idosos, deficientes, qualquer pessoa que precisar.

Eu vou salvar o Yugyeom, nem que pra isso, eu tenha que dar minha vida por ele.


                            [...]


Essa manhã está acabando com o meu psicológico, eu estaria bem se ele estivesse aqui, e por culpa minha não está. Eu e os meninos passamos horas tentado arrumar uma estratégia para conseguir trazer o Yug de volta, eu preciso dele, do seu carinho, do seu amor, de sua presença aqui, ao meu lado. Preciso dizer a o meu amado que me arrependo profundamente te ter o machucado tanto, mesmo tendo grandes possibilidades do mais novo não me perdoar, mas, o quê custa tentar não é mesmo? Todos temos uma segunda chance, e como eu não sou burro e nem idiota para fazer o Yug sofrer - de novo -, vou aproveitar para lhe dar todo o amor e carinho que não dei enquanto estávamos juntos. 

Os sequestradores ligaram, eles vão querer 1 milhão de dólares, já que sabem que o Yugyeom é muito famoso, então se aproveitaram para pedir muito dinheiro, esses filhos da mãe. Me pergunto qual o motivo de quererem tanto dinheiro, dinheiro não traz felicidade, amor, carinho. Em muitas ocasiões, o dinheiro nos deixa cegos, nos deixa gananciosos, sem nos importar com o outros, nos faz sentir sentir superior. 

Eu e os meninos passamos horas fazendo um plano para conseguir trazer o Yug de volta sem dar o dinheiro, até que enfim, conseguimos chegar em um acordo. Seria assim, um de nós vai ficar na van esperando com o dinheiro. Jackson, Mark e Jb vão entrar para "negociar" com os criminosos, enquanto isso, Bamabam e eu vamos entrar pelos fundos com mais alguns amigos do Gyeom - o Bangtan inteiro -. 

Espero, do fundo do meu coração, que de tudo certo, nem sei se vou conseguir viver sem o meu Yug aqui, ele pode até não me perdoar, mas desde que esteja bem, eu estarei bem.

                     


                                        [...]



JEON JUNGKOOK

Recebi hoje de manhã uma notícia que abalou meu coração, Yugyeom foi sequestrado, como? Bom, digamos que ele é um pouco impaciente e quando se 'explode' ele sempre sai para esfriar a cabeça, isso acontece principalmente quando o Jinyoung hyung não lhe dá atenção ou trata ele como criança, coisa que acontece frequentemente. O pessoal do Got7 nos pediram ajuda pra conseguir trazer o mais novo de volta, sem dar o dinheiro e sem fazer com que alguém se machuque. 

Estamos nos preparando para sair e ir de encontro ao resto do pessoal, eu, particularmente, estou muito nervoso, ainda mais sabendo que vamos sozinhos, sem as empresas saberem, se eles descobrem, estamos fritos. Jimin hyung disse que não é pra mim ficar nervoso e que tudo vai dar certo - algo que eu duvido um pouco -, ele falou que não é pra mim tomar decisões precipitadas, e que se eu quiser eu posso ficar aqui, ele realmente é um amor de pessoa, mas, mesmo ele estando preocupado, eu não vou deixar o Yugyeom na mão, nem que para isso eu tenha que cometer uma loucura. 

- Jungkook-ah posso entrar? - Taehyung bateu na porta.

- Sim hyung. -

- Você está bem? - 

- Mais ou menos, estou muito nervoso e chateado, mas eu vou com vocês. -

- Não fique assim Jungkookie, ele vai ficar bem, eu tenho certeza, ele é forte você sabe disso. Além do mais nós já vamos. - Ele disse sentando na ponta da minha cama.

- Hyung, eu sei disso, sei que ele é forte, mas ele é como um irmão pra mim, ele é divertido, carinhoso, e tudo de bom, não sei como seria viver sem ele, o meu melhor amigo, depois do Jimin-ssi claro, mas mesmo assim. - Meus olhos já estavam embaçados antes, denunciando meu choro que invadiu meu ser faz tempo. 

- Não fica assim, ok? Ele irá ficar bem, eu tenho certeza, agora vamos, os meninos estão esperando. - Ele disse acariciando meus cabelos. Enquanto nós dois deciamos, Tae passou seu braço esquerdo por cima do meu ombros, fazendo uma leve carícia ali. Chagamos na sala de estar, todos me olhavam, acho que é por causa dos meus olhos, eles devem estar vermelhos. Tae entrelaçou nossas mãos e me levou calmamente pra' van, ele - quando quer - é muito protetor com todos os membros.

- Não fique assim saeng, ele vai ficar bem. - Ele deu um dos seus melhores sorrisos quadrados. 




Notas Finais


Até o próximo.
~❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...