1. Spirit Fanfics >
  2. Jaeyong is a new vintage >
  3. Bônus;;

História Jaeyong is a new vintage - Capítulo 2


Escrita por:


Capítulo 2 - Bônus;;


Seu coração estava prestes a explodir.




Um encontro nunca pareceu tão assustador. Apoiou-se na parede mofada da lanchonete enquanto observava os próprios pés. Jaehyun ainda hesitava dentro do estabelecimento, pensou até mesmo em sair pelos fundos, mas seria muito grosseiro de sua parte. Pegou a mochila, logo a jogando em suas costas, suspirou fundo e saiu, finalmente. 

- Jaehyun! - Taeyong acenou, a fim de lhe chamar a atenção, andou em direção ao garoto e sorriu. - Eu estava esperando por você. 

Jung não sabia o que responder, sorriu singelo e logo estendeu a própria mão. 

"Vamos?"

Aquilo saiu mais como um sussurro inaudível. Sua mão trêmula e suada deixaram o Lee em alerta.

- Está nervoso? Se quiser podemos sair outro dia. - Ele apenas negou e catou a mão do outro. 

- Estou bem. Vamos?

E assim, saíram. Mãos dadas e rostos rubrados. Não se olharam durante toda a trajetória, isso estava deixando Taeyong louco. O rio Han estava próximo, o Lee rapidamente correu em direção as barras de proteção para poder vê-lo melhor.

- É lindo! Não acha? - Aquele sorriso fez o coração de Yoonoh palpitar.

- Sim, é lindo. 

Era um clima perfeito, precisaria de atitude, mas gotículas de água invadiram aquele ambiente, as mulheres seguravam suas saias e corriam junto a seus parceiros em direção a uma parte coberta, muitos entravam em seus carros de teto baixo para se esconder, mas aqueles dois não. Taeyong direcionou seu olhar pra cima e logo levantou sua destra para sentir aquelas minúsculas gotas.

- Acho melhor irmos para um local coberto. - Ele estava prestes a iniciar seus passos rápidos, mas foi impedido pelo Jung, que o segurou e encarou fundo em seus olhos. - Está tudo bem?

Ambas das roupas se encharcavam rapidamente, mas eles não moviam um músculo. Um suspiro. Foi a única coisa que Jaehyun fez antes de soltar Taeyong. 

- Vamos... - Antes de qualquer passo, o Lee o puxou para um beijo, era algo diferente e apaixonante, ele adorava aquela sensação. As mãos de Taeyong percorreram pelo ombro esquerdo e pelo rosto do garoto, que nesse momento, corava como um louco. 

Aquele beijo deixava-os insano, era uma adrenalina diferente, aquela chuva que descia friamente por seus corpos trêmulos deixava tudo mais inesquecível. 

Quando o beijo teve seu fim, Taeyong sorriu tímido e agarrou a mão do Jung enquanto o puxou para uma cafeteria próxima, corriam e sorriam um para o outro, seus corpos molhados não impediam aquele momento de ser o mais romântico possível.

Ao adentrarem o local, retiraram seus casacos, mesmo que suas roupas de baixo também estivessem encharcadas.

Pediram algo quente para beber e aproveitaram a presença um do outro. As mãos do Lee eram seguradas firmemente por Yoonoh, que mantinha seu olhar fixo no garoto. 

Quando deu-se 22:00 eles sentiram a necessidade de ir para casa, pensaram em beber algo alcoólico, mas Jaehyun iria trabalhar no dia seguinte. 

Depois de uma breve caminhada até a casa do Lee, eles se manteram rente um ao outro e sorriram.

- Vejo você amanhã? - Jaehyun perguntou enquanto colocou as mãos no bolso do jeans molhado.

- Sim...! 

- Parece triste.

- Quero que fique. 

E nesse momento, Jaehyun soube onde era seu verdadeiro lugar, seu verdadeiro eu.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...