1. Spirit Fanfics >
  2. Je t'aimerai toujours mon amour >
  3. Carta....'

História Je t'aimerai toujours mon amour - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Para mais emoção leia com: https://youtu.be/R_mE9uuGzSI

Espero que gostem!

Capítulo 1 - Carta....'


Fanfic / Fanfiction Je t'aimerai toujours mon amour - Capítulo 1 - Carta....'

"Mon amour,

Estou escrevendo essa carta a ti, mesmo sabendo que tu não vais ler, pois está longe de mim. Estou escrevendo para te dizer o quanto da tua falta eu sinto, falta dos teus sorrisos, das suas piadas idiotas, de suas brincadeiras. Eu sinto falta de ti. Não aguento mais chorar a noite, não aguento mais lembrar de você a cada minuto, em cada coisa que eu faço.

Eu não consigo mais viver sem você.... eu não sei mais o que é sentir algo depois que você se foi. Você não podia ter me deixado, a gente tinha prometido, você se lembra? Nós iríamos morrer juntos, um ao lado do outro, mas você não cumpriu essa promessa, você foi antes de mim.

Eu sinto tanta falta de ti.... saudades das nossas noites, sinto falta do seu corpo colado ao meu, dos seus lábios que eu tanto era viciado, sinto falta de quando você abria um dos sorrisos mais lindos que um dia vi, você ofegante por mais uma noite de amor nossa.

Eu sinto falta de quando tu reclamavas quando não queria tomar banho, falta de quando você ria, eu sinto falta de você ao meu lado....

Eu ainda estou morando na nossa casa, depois que nos mudamos, foram os dias mais felizes da minha vida. Eu sinto falta de ti aqui, pois era tu que trazia cor para essa casa.... era você que trazia cor para a minha vida.

Você foi a melhor coisa que um dia me aconteceu, eu não me arrependo nem um pouco de ter deixado você entrar em minha vida.

Eu me arrependo de não ter te falado mais o quanto eu te amo.... o quanto eu te achava incrível, pois tu passaste por tanta coisa, mas ainda sim, conseguia sorrir como ninguém.

Meu amor.... saibas que eu nunca amei ninguém igual eu te amei e ainda te amo.

Sabes aquela casa no campo que compramos, pois queríamos ter um pouco de espaços para nós? Então.... eu vendi ela. Eu não ia aguentar, sei que se você estivesse aqui, você ia estar muito bravo comigo e me xingando , mas eu não ia conseguir meu amor, eu não ia conseguir entrar naquela casa, não quando passamos tanta coisa , a qual  prometemos morar, a qual prometemos tantas coisas......

Sabe, todos estão sofrendo muito. Seus amigos, a Hanji, seu irmão, eu.... amor da minha vida.... você não faz a noção de quanta falta você faz. Por que você não pode voltar para mim? Por que você tinha que partir? Por que você me abandonou? Eu não queria te perder.....

Eu sinto tanto, tanto a sua falta. Eu quero voltar a sentir seus toques, voltar a sentir você abraçado a mim....

Eu nunca te disse.... mas o seu abraço era muito bom, me fazia me sentir seguro, me dava a sensação de lar, que eu tinha uma casa, seu abraço era meu lar, sabe, eu poderia passar horas e horas no seu abraço.

Lembro-me de quando dançavamos, eu e você, nós dois, onde não tinha brigas de família, pessoas querendo separar a gente, o mundo parava para observar a gente. Me recordo dos jantares que você fazia tentando ser romântico, mas acabava queimando e então acabamos por sempre  pedir pizza. Me lembro de quando acampamos e dormimos embaixo de um céu estrelado.

Sabe de quando eu estava mal e tu me davas um beijo me dizendo que tudo ia ficar bem? Então, eu queria muito te dizer o quanto eu te amava, que você era meu porto seguro, que nesse mundo, você é o amor da minha vida, você era a minha razão de viver, o motivo dos meus sorrisos, os motivos do meu estresse diário.

Me lembro de quando brigávamos e tu sempre tentava manter a pose de bravo, mas sempre era o primeiro a dar o braço a torcer....

Sinto falta de quando tocava violão para mim, cantando com sua voz que se tornou um dos meus sons favoritos.

Toda vez que olho as nossas fotos, os vídeos que fazíamos, os seus presentes.... tudo me dói tanto, é como se tivesse levando facadas em cada parte do meu corpo. Eu me sinto incompleto sem ti mon ange, me sinto vazio sem a sua presença. Eu não consigo mais, eu uso as tuas roupas, não saio mais de casa. Eu não aguento mais! Por que você não pode simplesmente voltar para mim? Eu não consigo jogar as tuas coisas fora, pois são as únicas lembranças que tenho de ti, mesmo me machucando, eu não consigo.

É cansativo.... É difícil aceitar que você não está mais do meu lado,é difícil aceitar que eu não vou mais poder te ver, que eu não vou poder presenciar suas crises de ciúmes, suas risadas, escutar sua voz.... eu sinto falta de ti.

Mas eu sei que no lugar que tu estás, é um lugar alegre, cheio de flores, um céu azulado limpo, o lugar que você realmente merece estar.....

Mas eu vou seguir em frente por tu, sei que se estivesse aqui, ia me falar para te esquecer e seguir com minha vida, mas isto é impossível. Então... eu vou aprender a viver com essa dor, e seguir em frente.

Mas saibas de uma coisa.... Eu te amei, amo e vou amar com todo o meu ser

Levi"


Enxugo uma lágrima que tinha caído e deixo a caneta em cima do papel. Vejo a chuva caindo lá fora pela janela.... e permito que mais algumas lágrimas caia.

- Je t'aimerai toujours mon amour (sempre vou te amar meu amor ) - falo com minha voz embargada deixando as lágrimas caírem enquanto observo o temporal que está lá fora.


Notas Finais


Eu tinha até gostado, mas agora não gosto mais. Só não apago pois chorei escrevendo e não gastei lágrimas atoa, então.... tá aí né!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...