História A Origem - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 2.476
Palavras 1.074
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Ecchi, Festa, Ficção, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Gente, eu notei que a live que eu escrevi no começo da fanfic é depois do MV de Boy in luv, masssss finge que é antes ok?! Kkkk Obg.. Enfim, eu não consigo me aguentar até as férias... escrevi logo outro capítulo. Amo! <3

Capítulo 3 - Lost


Fanfic / Fanfiction A Origem - Capítulo 3 - Lost

Eu e Jimin, definitivamente esquecemos do que aconteceu entre nós de "estranho" e isso foi bom pelo fato de não termos precisado conversar sobre o assunto momento algum. Passaram-se alguns meses e minha amizade com o garoto só crescia. Éramos inseparáveis. Eu sentia uma certa dependência de sua proteção... Bom, talvez por que ele sempre me ajudava em tudo. Bom, agora mais ainda por que éramos colegas de quarto, juntamente com Namjoon

Jimin parou com seus carinhos e atitudes que me deixavam incomodado. Bom... Talvez por isso que parou. A questão é que eu não conseguia pensar ou racionar direito quando tinha um Jimin na minha frente extremamente lindo. Mas isso não me faz deixar de ser hétero. Quer dizer... Eu fiquei com uma menina. SIM EU FIQUEI COM UMA MENINA!! Numa festa que fomos. E nossa, foi bom pra mim. Aliás, isso me deixava aliviado, por saber que eu ainda tinha interesse em garotas. Pera, o que eu estou falando? Eu nunca deixei de ter. Eu sou hétero. 100% hetero. Pense em alguém muito hétero e multiplique por 5. Esse sou eu. 

- Então você ficou com ela?  - Yoongi perguntou debochado quando sentava-se no sofá da sala. 

- SIM! - Suspirei, sentando-me. - Ela era tão linda... e nossa... Beijava tão bem. - Bom, talvez eu estivesse exagerando demais. 

- Meu menino cresceu. - Jin disse se gabando. 

Namjoon e Hoseok riram com a fala do hyung, enquanto Yoongi ainda continua a me perguntar sobre o meu beijo. Quando eu ouço Taehyung berrar

- Jimin, volta aqui. - Disse batendo na porta do quarto (que por sinal, era o meu também). Isso, antes do menino ter fugido para o quarto.

- O que houve? - Hoseok preocupou-se. 

- Não sei, ele parece mal... - Tae disse olhando cumplicimente para Hoseok. Fazendo um tipo de sinal. 

- Saquei. MERDA! - Hoseok disse indo em direção ao quarto de Jimin. - Jimin abre a porta, conversa com a gente, por favor. 

Finalmente o garoto abre. 

- O que vocês querem? - Ele perguntou, na porta. Pude ouvir. 

- Nada... Só conversar. - Taehyung disse 

- Não tenho nada pra conversar. Quer dizer, estou ótimo. Vamos pra sala. 

Então os três voltaram. 

A conversa sobre a festa durou muito tempo, apesar de eu, e bom, Jimin não estarmos tão atentos ao diálogo. Eu tentava observa-lo para tentar entender o que estava acontecendo. E ele sempre desviava o olhar. 

Ah, Park Jimin, não me diga que está com ciumes? 

 (...) 

 Acordei de manhã com Jin gritando para que levantássemos. Após o café, fomos para mais um dia cansativo de mais gravações para o novo MV. 

Boy in luv era a música, e foi muito divertido gravar todas as cenas. Inclusive, tinha uma cena em que eu e Jimin nos encontrávamos no banheiro, ambos usando o mictório, ele olha para mim e solta um sorrisinho.

 Confesso que essa cena foi muito engraçada e divertida de gravar e as outras também. Está ficando muito bom e nosso diretor disse que esse MV poderá promover nossa carreira, pois a música é gostosa de ouvir, juntamente com a coreografia que é bem trabalhada. 

 Estamos muito contentes com toda nossa evolução desde "No more dream". Estamos cada vez mais profissionais e dando o nosso melhor para alegrar nossas armys. 

Após o dia de gravação, quando chegamos em casa, todos fomos dormir, afinal, foi tudo muito cansativo e estavamos esgotados. 

 Uma observação: Park Jimin me irrita. Eu não sei qual a necessidade de ter que dormir SÓ DE CUECA. Ele simplesmente não usa mais nada. E, bom, como é muito frio, acabo ficando preocupado com o meu hyung. Além do mais, ELE TEM UM ABDÔMEN TÃO SARADO. Eu acho que ele dorme quase pelado pra me fazer inveja. Só pode. Por que é só isso que eu sinto quando olho pro seus músculos... Eles são tão bem desenhados e ele deve ter uma pele tão macia ao tocar... e... Pera, o QUE EU TÔ FALANDO? 

 Ele gosta de juntar nossas camas para que fique uma grande cama. Ele faz isso pois na época que tínhamos nossos quartos individuais, eu ia para seu quarto e ficávamos conversando, eu sempre costumava fazer isso nas noites de insônia e pesadelos e de fato, Jimin era o hyung mais atencioso comigo. Ele sempre me protegia e sempre tinha certa atenção comigo. 

Quando eu estava saindo do banheiro, enquanto enxugava meus fios, sou deparado com um Jimin dançando só de cueca. SÓ DE CUECA. 

Como ele ainda tem disposição para dançar, depois de um dia tão corrido?

 - Preciso melhorar. - Jimin solta um sorriso de canto, continuando a dança. 

- Você sabe essa coreografia de có. - Falei deitando-me na cama, tateando meu celular.

 Jimin continuava dançar seus passos sensuais nos quais não dei muita atenção. Aliás, sensuais? 

De repente, ele para a dança e joga-se na cama, respirando rapidamente. Parecia cansado. Ele estava ao meu lado na cama enorme.

Começou um olhar voltado pra mim, olhando de cima e deu um sorrisó sem mostrar os dedos, fechando seus olhos. Depois virou-se de costas, e passou a me encarar, como naquele tempo, no carro. 

Merda!

Ele me encarou com sua boca semi aberta e com seus olhos brilhando. 

 - Há algo errado? - Perguntei, sentindo minha bochechas esquentarem. Eu estava extremamente envergonhado com todo seu contato visual. 

O menino ignorou minha pergunta, ainda olhando para mim com um mínimo sorriso nos lábios carnudos. Depois finalmente me respondeu

 - Sim. 

 - O que? - Perguntei curioso 

- Você. 

EU?

 Permaneci imóvel e sem reação. Não conseguia entender o porquê dele ter dito isso. 

 - Como assim?

 - Você... Você está.. 

 Namjoon entrou no quarto, interrompendo Jimin de sua fala. Ele iria se aproximar mais ainda de mim. Eu tenho certeza. Algo me fez odiar Namjoon naquelese segundos. Aliás, o que? 

- Vamos dormir logo... por que... - Ele observou Jimin quase que avançando em meus lábios de tão perto que estava seu rosto no meu.

- Opa... Eu atrapalhei alguma coisa?

 Olhamos para ele e depois nos encaramos. 

Jimin soltou uma gargalhada, acredito que seja uma de suas táticas de disfarce. 

 - Lógico que não, Nam. Está nos estranhando? - Levantou-se da cama e correndo pro banheiro, depois de ter pescado pra mim.

ELE PISCOU PRA MIM. 

 Mas que porra está acontecendo com Park Jimin e por que ele disse que há algo de errado comigo?!  

POR QUE EU TÔ ME SENTINDO TÃO PERDIDO? 


Notas Finais


Poxa Namjoon! Por que aparecer logo agora?! kkkkkkk enfim... Será que no próximo capítulo vai rolar beijo? UI. Espero que tenham gostado! <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...