1. Spirit Fanfics >
  2. Jikook - Bad Bunny >
  3. - Capítulo (02) : "Me chame de coelhinho do azar!"

História Jikook - Bad Bunny - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


~舞*'¨¯¨'*·~漫-漫~*'¨¯¨'*·舞~

- Atenção!:
- Inspirada?: Não, na verdade, eu acho que em todas as fics do Jk killer ;u;
- +18
- Jimin e Jungkook
- Jikook
- Tenha um bom proveito!
- ٩(๑❛ᴗ❛๑)۶

- Oioioie! Então, na minha fanfic anterior eu fiz uma playlist, e nessa eu também fiz uma, hehe.

Link da playlist no Spotify: (https://open.spotify.com/playlist/7DM7D3mS7Z2sDFwNBL5ugX?si=066fJxaUQsq40bB-h4zNKA)
Link da playlist no Youtube: (https://www.youtube.com/playlist?list=PLzmZXzFdNsFllvRpMqSWX4mgEF4PIP-9F)

Músicas: Swim - Chase Atlantic
Replay - Jay Park
Love is a bitch - Two Feet
Or Nah - Ty Dolla Sing (feat. The Weeknd)
Own It - Drake
Mirror - SoMo
Earned It - The Weeknd
Quick Musical Doodles - Two Feet
I Feel Like Im Drowning - Two Feet
Lost The Game - Two Feet
Twisted - Two Feet
The Hills - The Weeknd
Daddy Issues - The Neighbourhood
Ride - SoMo
Call Out My Name - The Weeknd
Make Up Sex - SoMo
Devil Eyes - Hippie Sabotage
Go Fuck Yourself - Two Feet
Had Some Drinks - Two Feet
Do I Wanna Know? - Arctic Monkeys
Sweater Weather - The Neighbourhood

~舞*'¨¯¨'*·~漫-漫~*'¨¯¨'*·舞~

Capítulo 2 - - Capítulo (02) : "Me chame de coelhinho do azar!"


- Capítulo (02) : "Me chame de coelhinho do azar!"

 

>>Toronto - Canadá 

>>10:26 da noite 

>>Ben McNnally Books (Uma livraria de Toronto)

 

 

- Park trancou as portas da livraria e foi para a caféteria do lado, a: "Propeller Coffee Co.", uma caféteria bastante famosa em Toronto. Chegando-lá Park cumprimenta Jung-Hyun, os dois se abraçam e Park pediu um café. Enquanto Park Jimin tovama seus café, Jung-Hyun falava sobre o que tinha acontecido no dia. Jung sempre gostava de fazer isso, pois Park era um bom ouvinte, isso era bom, pois ele não gosta de falar muito de sua vida para seus familiares, que as vezes escutavam, apenas quando queriam, e também não gostava de falar muito sobre isso com seu irmão, já que eles se viam pouco, e quando se vêem gostam apenas de sair e curtir o dia, um do lado do outro, apenas em dias de folga, pois Jeon saia a noite, dizendo que iria para sua casa, ou qualquer desculpa esfarrapada para despistar o irmão mais velho. 

Jimin termina o seu café e ajuda Jung-Hyun com as mesas, aquele momento era a hora de Park falar de seu dia, ele não tinha muito o que falar na maioria das vezes, pois seu trabalho era calmo, como hoje.

 

Park Jimin: Aish! Eu não tenho mais nada para falar do meu dia! - Gargalhou - Me conte mais do seu! 

Jeon Jung-Hyun: Oh, você não se incomoda de eu falar?..

Park Jimin: De modo algum! - Deu um sorriso doce e Jung retribuiu

Jeon Jung-Hyun: Bem, várias moças vieram aqui hoje, elas eram muito bonitas, mas uma me chamou atenção, ela não parava de falar de você! - Gargalhou 

Park Jimin: De mim? Mas por quê?

Jeon Jung-Hyun: Eu não sei, mas ela falava o quão você era bonito, mas eu tenho que concordar! Você é bem bonito!

 

- Hyun sorriu, Park corou e retribuiu o sorriso, so que um sorriso meio desajeitado, pois fazia um tempinho que garotos não o elogiava. Park tinha interesse em garotos. 

 

Park Jimin: Obrigada! Você também é muito bonito! - Disse sorrindo

Jeon Jung-Hyun: Obrigada! - Sorriu 

 

- A porta se abre e um rapaz alto com cabelos pretos entra. Ele usava botas pretas, calças rasgadas e uma blusa larga branca.

 

Jeon Jung-Hyun: Irmãozinho, o que faz por aqui? - Sorriu ao olhar para a porta

Jeon Jungkook: Eu vim te ajudar, eu queria passar mais um tempinho com você - Soltou uma risada baixa

Park Jimin: Então esse é o tal Jeon Jungkook?..

 

- Disse se aproximando dos dois Jeon's e olhou, Jungkook, de cima para baixo. 

 

Jeon Jungkook: Famoso? - Gargalhou - Ainda não gracinha! - Piscou para Park, que corou 

Jeon Junh-Hyun: Oh meu Deus Jeon! Você não perde uma em?! Deixe de paquerar o Jiminie  e nos ajude! - Falou gargalhando

Jeon Jungkook: Okay, okay! - Sorriu 

 

- Jeon Jung-Hyun pegou a xícara que Park tomou o seu cáfe e foi lavá-la. 

 

Jeon Jung-Hyun: Já volto! - Disse indo até a cozinha

Park Jimin e Jeon Jungkook: Okay!

 

- Jeon aproveitou que seu irmão mais velho foi até a cozinha e chegou mais perto de Park.

 

Park Jimin: Ah, olá Je- 

 

- Jeon Jungkook atrapalhou a fala de Jimin, e puxou ele pela a cintura, para mais perto de seu corpo. 

 

Jeon Jungkook: O seu nome realmente é Jiminie? - Falou e inclinou a cabeça para o lado e falou confuso

Park Jimin: Não! - Gargalhou - Eu me chamo Park, Park Jimin! 

 

- Jimin deu um sorriso fofo e Jeon corou fracamente.

 

Jeon Jungkook: Você é fofo! - Sorriu 

Park Jimin: Obrigada! - Corou e sorriu - Você também é fofo! Principalmente quando está confuso! - Deu uma risadinha

Jeon Jungkook: Eu vou te mostrar o que é fofo!

 

- Jeon pegou Jimin pela a cintura e entrelaçou as dele, Jimin, em sua cintura, levou Park até a parede, e grudou as costas dele, Park Jimin, na parede. 

 

Park Jimin: J-Jeon Jungkook! Seu pervertido! - Corou e deu tapinhas no peito de Jeon

Jeon Jungkook: Não me chame de Jeon Jungkook! Me chame de coelhinho do azar! - Sorriu cínico 

Park Jimin: Tá ''coelhinho do azar'', apenas me solte agora! - Novamente deu tapinhas no peito de Jeon

Jeon Jungkook: Tá! - Deu uma risada baixa

 

- Jeon com cuidado colocou Jimin no chão e desaproximou-se de Jimin. 

 

Park Jimin: Idiota! - Gargalhou

Jeon Jungkook: Obrigada? - Também gargalhou

Park Jimin: Agora vamos! Vamos terminar de arrumar as mesas!

 

- Jimin saiu em disparada para uma mesa, e fez questão de sair dando leves reboladas. Jeon quando viu Jimin dando suas reboladas, não conseguiu desfocar o olhar da bunda do garoto, que apenas sentia os olhares. 

 

Park Jimin: Vai ficar olhando para a minha bunda ou vai me ajudar? - Disse olhando para Jeon 

Jeon Jungkook: Se continuar rebolando desse jeito você que vai ter que me ajudar... - Sussurrou 

Park Jimin: Hm?..

Jeon Jungkook: Nada! - Corou - Já estou à te ajudar! - Pegou um pano e começou a passar nas mesas

 

- Um tempo depois, as louças sujas foram lavadas por Jung e as mesas desarrumadas foram arrumadas por Jeon e Park 

 

Park Jimin: Bem eu já vou indo! 

Jeon Jung-Hyun: Você quer que eu te acompanhe?

Park Jimin: Oh, não! Você parece bem cansado, o seu dia foi cheio hoje! 

Jeon Jung-Hyun: Por favor eu faço questão!

Jeon Jungkook: Eu também faço! Eu quero ir para proteção de vocês!..

Park Jimin: Se vocês dizem... Vamos! - Sorriu

 

- Eles saem da loja e Jung fecha. Eles começam a andar pela aquela rua escura, estava um breu, eles passam por algumas casas, e por alguns becos, até passarem por um onde haviam gritos ecoando, não eram gritos de prazer, eram gritos de desespero. Os rapazes se assustaram e ficaram olhando para o beco com pouca luz, forçando um pouco a visão, Park conseguiu ver um homem apontando uma arma na cabeça de um adolecente. 

 

Park Jimin: E-ele tem uma ar-arma... - Sussurrou e os rapazes arregalaram os olhos

 

- Jung engoliu a seco e Jeon arrastou eles para parede do lado do beco, tampou a boca de Jimin, que estava chorando baixinho com medo, e sussurrou para que eles ficassem quietos. Eles ouviram passos do beco, os passos estavam chegando mais proximos, Jeon tirou um canivete browning do bolso de sua calça ficou olhando para a entrada do beco.

Uns segundos depois, o cara que estava com a arma sai do beco, ele estava meio sujo de sangue, e sem demora, Jeon agarrou o cara pelo os braços, depois deu um mata leão nele, para que ele apenas atordoasse ele, o homem caiu no chão e Jeon guardou o seu canivete novamente no bolso. 

Dez (10) minutos depois a policia chega, Jimin por conta do desespero colocou na discagem rápida e ligou para a policia. Eles prenderam o cara, e por um tempo conversaram com os garotos, nenhum deles falou sobre o fato de Jeon ter um canivete, mas quando tudo acabou eles continuaram até a casa de Park. Uma coisa ainda incomodava o Jeon mais velho, mas ele deixou para lá. 

Park ainda estava abismado, e chorava, pouco, mas chorava, ele estava com medo, e ainda iria dormir sozinho essa noite, pois seu irmão iria ficar na casa da namorada, então era apenas Jimin e mais ninguém... 

 

Park Jimin: C-chegamos... - Disse soluçando 

Jeon Jungkook: Acalme-se! - Se inclinou até Jimin e beijou a testa dele - Nada vai acontecer com você essa noite! Eu prometo - Sorriu 

Jeon Jung-Hyun: Jungkook está certo! Respire Jiminie! - Abraçou Jimin

Park Jimin: Obrigada! - Retribuiu o abraço

Jeon Jung-Hyun: Então... Até amanhã Jiminie! - Separou o abraço e sorriu 

Park Jimin: Até amanhã Jung-Hyun! Até qualquer outro dia Jungkook! 

 

- Park sorriu e o Jeon mais novo se aproximou do ouvido de Park

 

Jeon Jungkook: Até amanhã... - Mordeu a orelha de Park, que se arrepiou

 

- Os dois Jeon's sairam, e foram até a suas casas. Jimin entrou na sua casa e trancou as portas, mesmo com aquele conforto que os Jeon's, deu para ele, ele ainda estava com medo. 

A casa de Park era enorme, e continha dois andares. Park subiu as escadas até o segundo andar, e foi para o seu quarto, pegou uma toalha e foi para o banheiro, tira as roupas que ele estava usando, que no caso eram: uma calça jeans clara, rasgadas no joelho, um moletom amarelo clarinho, e um tênis branco, tomando um banho demorado. Quando Park sai do banho, ele volta para o seu quarto e coloca uma box preta, e uma blusa larga branca. Ele se joga na cama e começa a mexer em seu celular, ele morria de sono, mas aquela visão pertubadora do homem desconhecido sempre aparecia quando ele fechava os olhos. 

Park ficou um bom tempo no seu celular, até escutar um barulho em sua rua, preocupado e com medo, ele levantou e foi até a janela, olhou para a brechinha a cortina e viu, o tão famoso: "Bad Bunny", com uma arma apontada para a cabeça de uma pessoa, e prestando bem atenção, a pessoa era igual o homem que atormentou os pensamentos de Park naquela noite.

 "Mas, como ele havia saido da prisão? Ele foi justiçado? Mas como?! A policia de hoje em dia!.." - Pensou Park. 

- Continuando a olhar, derrepente um estouro foi ecoado pela a rua, o "bad bunny", acertou em cheio a cabeça do homem. Minutos antes de sair do local do seu crime, bad bunny, ou melhor Jeon Jungkook, olha para a janela e vê um pouco do rosto de Jimin, que se assustou e arregalou os olhos, mas não conseguiu se esconder, bad bunny apenas fez um coração com as mãos e saiu correndo, antes que a policia viesse. 

Park Jimin se perguntou quase a noite inteira o por que daquele homem, com um belo físico, que era de se perceber, por suas calças apertadas e pretas, e seu palito, que era um pouco apertado, e definia os seus músculos, Park corou fracamente e acabou pegando no sono.

 

>>No dia seguinte

>>Toronto - Canadá

>>08:40 da manhã

>>Ben McNnally Books 

 

- Jimin estava sentado atrás do grande balcão da livraria, onde ficava o atendente, no caso, onde ele ficava, Jimin lia um livro, acho que era Anne Frank, um livro muito bom! Ele estava tão consentrado no livro que nem viu que o Jeon mais novo tinha entrado na livraria e estava olhando ele, quase em sua frente. Um tempinho depois Jimin percebe olhares e olha para frente, vendo Jeon com um grande sorriso no rosto. Park se assusta e quase cai da cadeira.

 

Park Jimin: À quanto tempo você está aqui!??!

Jeon Jungkook: À não muito tempo - Sorriu 

Park Jimin: Como sabia que eu trabalhava aqui? 

Jeon Jungkook: Primeiro, meu irmão, Jung-Hyun, me disse e, segundo, eu te vi pelo a janela, e terceiro, a caféteria que o Hyun trabalha é bem perto daqui, com certeza daria para te ver...

Park Jimin: Ah... Eu esqueci... - Gargalhou baixo

Jeon Jungkook: Sua risada é gostosa de se ouvir! - Disse com um grande sorriso, que mostrava seus dentinhos de coelho

Park Jimin: Obrigada! - Jimin olha para Jeon novamente e vê os dentinhos dele - Own!~ QUE FOFO! - Park falou alto e apertou as bochechas de Jeon

Jeon Jungkook: Ah! Isso doi! - Falou ainda com o sorriso de coelhinho

Park Jimin: Desculpa! Mas não pude evitar! 

 

- Disse e parou de apertar as bochechas de Jeon, Park, levantou-se da cadeira, saiu de trás do balcão e foi até o lado de Jeon. Park deu beijinhos nas bochechas dele, de Jeon, que ficou um pouco avermelhado. 

 

Park Jimin: Pronto, agora, vai passar! 

Jeon Jungkook: Na verdade já passou! Você é um anjo! - Sorriu 

Park Jimin: Obrigada! - Corou e sorriu - Você também é um anjo! Me salvou ontem com aquele seu poderoso mata leão, naquele homem mal! - Falou de um jeito fofo

Jeon Jungkook: Eu sou um homem ruim... Mas obrigada... - Falou cabisbaixo

Park Jimin: Ei! Não diga isso! Você é um homem bom! Um homem incrivel! 

 

- Park Jimin abraçou Jeon, que apenas retribuiu o abraço sem falar nada. 

 

Park JiHyun: Vão namorar em outro canto, vão! - Gargalhou 

 

- Jimin separou o abraço e soltou uma doce risada

 

Park Jimin: A gente não namora!

Jeon Jungkook: Ainda... - Sorriu malicioso 

Park JiHyun: Iiiih, alá, primeiro tem que falar comigo antes de namorar o meu irmãozão! - Sorriu 

Jeon Jungkook: Hm... Então vocês dois são irmãos? É, olhando assim, dá para ver uma certa semelhança... - Gargalhou 

Park JiHyun: Faça uma pausa! Eu fico no seu lugar por um tempo... Você precisa tomar um café, assim ficará mais acordado!..

Park Jimin: Okay... 

Jeon Jungkook: Vem! 

 

- Jeon sorriu, pegou o braço de Jimin e puxou com cuidado. Jeon puxa Jimin até a caféteria, abre a porta para Jimin e dá passagem para ele entrar. Jimin entra, logo em seguida Jeon também, encostando a porta.

 

Jeon Jung-Hyun: Ah, olá Jiminie! Você aqui tão cedo? 

 

- Hyun disse entregando cafés em uma mesa e olhando para Jimin

 

Park Jimin: Sim! Meu irmão mais novo está me cobrindo por um tempinho hoje! Hehe

 

- Hyun se aproxima dos dois 

 

Jeon Jung-Hyun: Aaah! Jimin! Você não dormiu, não é?! Dá para ver pequenas olheiras escondidas por maquiagem! 

Jeon Jungkook: O que?! Você não dormiu?

Park Jimin: Ah! Eu dormi sim tá?! Mas foi pouquinho... - Bocejou

Jeon Jung-Hyun: Ah... Foi por causa daquele cara de ontem?... - Falou em um tom preocupado

Park Jimin: Por causa dele também... 

Jeon Jung-Hyun: Teve mais algo que tirou o seu sono?..

 

- Park confirma com a cabeça e se senta em uma mesa vazia

 

Jeon Jung-Hyun: Hyuna, pode cuidar das coisas um pouquinho?.. 

Hyuna: Pode deixar! - Sorriu 

Park Jimin: Ah, eu não quero atrapalhar o seu trabalho!

Jeon Jung-Hyun: Não está atrapalhando! Agora nos diga, o que aconteceu!..

 

- Os Jeon's se sentaram na mesa junto a Jimin

 

Park Jimin: Sabe aquele tal de: "bad bunny"?

Jeon Jun-Hyun: Sim...

Jeon Jungkook: Hm..

Park Jimin: Então, ontem a noite eu vi ele...

 

- Jeon não ficou nem um pouco surpreso quando Park falou aquilo, mas Hyun arregalou os olhos

 

Jeon Jung-Hyun: O que?! - Falou preocupado

Park Jimin: Ele não fez nada comigo... Mas com o homem do beco sim...

Jeon Jung-Hyun: Como assim? O homem foi preso...

Park Jimin: É eu também pensei isso... Eu estava com muito medo de cair no sono, até que eu escutei um barulho na rua, preocupado, fui ver o que era, olhei pela um cantinho da cortina e vi o Bad Bunny com uma arma apontada para a cabeça daquele homem, não consegui ver muito bem então decidi abrir mais a cortina, foi ai que o Bad Bunny atirou no homem do beco. Depois disso tudo, ele olhou para a janela do meu quarto, eu não consegui me mover, eu estava desesperado, mas não consegui mover nenhum musculo, ele fez um coração com as mãos e saiu correndo... Eu voltei para a minha cama e fiquei pensando nisso, até acabar caindo no sono... 

Jeon Jung-Hyun: Ele, fez um coração?... - Falou boqueaberto 

Park Jimin: Sim..

Jeon Jung-Hyun: Uau... - Olha para Jungkook - Não vai dizer nada?..

Jeon Jungkook: Oh, sim, sim! É que eu estava atento na história, bad bunny até que parece ser legal

Jeon Jung-Hyun: Ele é um assassino... - Fez uma cara estranha

Jeon Jungkook: Assassinos tem sentimentos! 

Jeon Jung-Hyun: Você fala como se fosse ele... - Gargalha e Jeon fica meio desconcertado

 

- Um tempo se passa, Jungkook paga um café para Jimin, que bebe e volta para a livraria, junto com o Jungkook. 

 

Park JiHyun: Se sente melhor agora?

Park Jimin: Sim! - Sorriu

Park Jihyun: Que bom! 

 

- O Park mais novo retribuiu o sorriso e saiu, para organizar os livros. E Jeon ficou por trás de Jimin, e o abraçou por trás.

 

Park Jimin: O que é isso? Tão repentino - Deu uma risada amorosa

Jeon Jungkook: Eu sei la... Eu só quis te abraçar... 

 

- Jimin se vira para Jeon, e retribui o abraço. E assim os dois ficam por um tempo, até que sem querer Jimin pega no sono, ele realmente estava com muito sono...

 

Park JiHyun: Ele pegou no sono?.. - Disse se aproximando de Jeon que estava com Jimin no colo

Jeon Jungkook: Sim...

Park JiHyun: Eu não sei onde colocar ele... Ele parece tão cansado eu não quero acordá-lo

Jeon Jungkook: Eu peço um carro e levo ele até a casa de vocês...

Park JiHyun: Sério? Ah, obrigada! Aqui! - Disse tirando chaves de seu bolso - Pegue, eu tenho reservas comigo...

Jeon Jungkook: Obrigada!..

 

- Jeon ajeitou Jimin com cuidado, segurando ele no estilo noiva e pegou as chaves. Saiu da livraria, e pediu um carro por aplicativo. 

O carro chega, ele os leva para a casa de Jimin, Jeon abre a porta com cuidado, para não acordar o Jimin, ele entra, fecha a porta e coloca Jimin no sofá.

Ele se senta no chão e começa a mexer em seu celular, jogando joguinhos, coisas para passar o tempo. 

 

>>Duas horas depois

>>Toronto - Canadá

>>Casa de Park Jimin e Park Jihyun

>>10:25 da manhã 

 

- Jimin abre os olhos um pouquinho e levanta do sofá, ficando sentado nele. 

 

Park Jimin: O que?... - Olha em volta e vê Jeon olhando para ele - O que aconteceu? - Falou sonolento

Jeon Jungkook: Você dormiu em meus braços, então eu te trouxe para a sua casa...

Park Jimin: Oh meu Deus! Me desculpe! 

Jeon Jungkook: Não tem problema!.. - Sorriu

Park Jimin: Espere! Meu irmão está sozinho na livraria?

Jeon Jungkook: Sim... Mas ele falou que era para você descansar! Então trate de dormir mais! - Sorriu 

Park Jimin: Okay...

Jeon Jungkook: Bom... - Se levanta do chão - Eu já vou indo! - Sorriu

Park Jimin: Naum! - Falou de um jeito fofinho - Fica comigo!..

Jeon Jungkook: O-okay... - Cora 

Park Jimin: Vem... 

 

- Jimin coça os olhos, pega na mão de Jeon e o puxa calmamente até o seu quarto, quarto de Jimin. Jimin se deita na cama

 

Park Jimin: Deita comiguh!.. - Ainda falava de maneira fofa

Jeon Jungkook: O-o que?!... 

Park Jimin: Venha logo! - Disse dando tapinhas ao seu lado na cama

Jeon Jungkook: O-okay... - Corou mais ainda

 

- Jeon tirou os sapatos e deitou-se ao lado de Park, que o abraçou. 

 

Park Jimin: Faz carinho nos maus cabelos? - Pergountou e suas bochechas ficaram vermelhas

Jeon Jungkook: Faço sim! - Soltou uma risada baixinha de doce

 

- Jeon fez carinho nos cabelos de Park, até ele, o Park, cair no sono. Mais um tempo fazendo carinho nos cabelos de Park, Jeon cai no sono. E eles ficam lá por um longo tempo, abraçadinhos.

 

>>Horas depois

>>Toronto - Canadá 

>>Na casa de Park Jimin e Park Jihyun

>>06:12 da tarde

 

Park Jihyun: QUE BONITO EM! - O Park mais novo grita e acorda os dois.

Park Jimin: Mas que porra é essa?.. Jihyun?... - Diz sonolento

Park Jihyun: QUE CENA MAIS LINDA SERÁ QUE EU ESTOU APRAPALHANDO O CASALZINHO AI??? - Fala cantarolando alto

Jeon Jungkook: O que é isso?... - Diz coçando os olhos

Park Jihyun: Sei lá, é uma música brasileira, hehe

Park Jimin: Precisava acordar a gente desse jeito?!

Park Jihyun: Sim! - Sorriu debochado

Park Jimin: Aish!..

 

- Jeon e Jimin levantam da cama, Jeon coloca os seus sapatos e fica com os olhos meio fechados, pois estava com um pouco de sono, Jimin coça os olhos, vai até o banheiro, lava o rosto e volta para o quarto. 

 

Jeon Jungkook: Eu acho que já vou indo... 

Park Jimin: Mas já? - Faz bico

Jeon Jungkook: Não faça bico para mim!

Park Jimin: Eu queria que você ficasse! - Abraça Jeon

Jeon Jungkook: Você pega intimidade rápido em!

Park Jihyun: Eu vou indo, por que segurar vela, não é para mim - Disse brincalhão e saiu do quarto

Park Jimin: A gente virou amigo tão rápido que parece que eu te conheço a bastante tempo! Eu quero que você fique!

Jeon Jungkook: Está bem!.. Eu fico - Retribuiu o abraço

Park Jimin: Yes! - Deu uma risada fofa

 

- Um tempo depois, já estava quase na hora da caféteria fechar, então, Jeon e Jimin, vão até a caféteria, pois, era meio que a rotina de Jimin ajudar seu amigo, Jung-Hyun.

 

Park Jimin: Oie! 

Jeon Jung-Hyun: Ah, olá! - Sorriu - Eu não vi vocês o dia inteiro

Jeon Jungkook: O Jimin acabou pegando no sono, então eu levei ele para a casa dele

Jeon Jung-Hyun: Oh, que bom que você dormiu, Jiminie!

Park Jimin: Jungkook também dormiu - Gargalhou 

Jeon Jungkook: Só um pouquinho - Sorriu e deixou os seus dedos quase juntinhos, fazendo sianl de pouco

Jeon Jung-Hyun: Oh céus Jungkook! - Gargalhou junto com Jimin 

Park Jimin: Vinhemos te ajudar! 

Jeon Jung-Hyun: Ah, muito obrigada! 

 

- Eles conversam mais um pouco, e o Jeon mais velho pega as louças sujas e as levam para a cozinha, e fica lá, as lavando, enquanto o Jeon mais novo e o Park ficam cuidando das mesas, do mesmo jeitinho do dia anterior. Park começa a cantarolar, e Jungkook fica prestando atenção em sua voz, tão doce e calma...

 

[Escute: Dance Monkey - Tones And I (Cover by Alexander Stewart) Para uma experiência melhor :)]

 

Jeon Jungkook: Você catnta muito bem! - Sorriu 

Park Jimin: A-ah... O-obrigada! - Devolveu o sorriso e corou 

 

- Park continuou a cantar, um pouco mais alto que antes e voltou a arrumar as mesas.

 

Jeon Jung-Hyun: Eu estou escutando uma voz tão bonita lá da cozinha...  

Jeon Jungkook: É do Jimin! - Deu um grande sorriso

Jeon Jung-Hyun: Aah!.. Que voz linda! 

Jeon Jungkook: Foi o que eu disse! - Disse ainda sorrindo

Paark Jimin: Obrigada! - Sorriu envergonhado 

 

- Hyun voltou para a cozinha, para terminar seus afazeres. Jeon e Park também voltaram a arrumar as mesas. Quando todos terminam, Hyun fecha a caféteria, e como na noite passada os Jeon's acompanharam Park novamente, até a casa dele, de Park.

Chegando perto do beco da noite anterior, Jimin agarrou os braços de Jungkook, que corou fracamente. Jimin, quando segurou os braços de Jungkook, sentiu que eram braços fortes, e músculosos, uma leve aparição de bad bunny, da noite anterior, apareceu em sua mente, mas logo tirou isso da cabeça, pois Jeon nunca seria um sociopata como o bad bunny. 

Quando chegou em casa, recebeu uma mensagem de seu irmão..:

 

[09:57 da noite] - Irmãozinho <3 : Oii! Então, eu vou ficar na casa da minha namorada mais uma vez! Espero que não se importe! Bjx :)

 

- Park suspirou um pouco triste

 

Jeon Jungkook: O que houve? Parece infeliz...

Park Jimin: Meu irmão novamente foi para a casa da namorada dele, agora eu vou ficar mais uma noite sozinho...

Jeon Jung-Hyun: Bem que eu gostaria de ficar com você... Mas também tenho que ficar com minha namorada... Eu prometi a ela...

Park Jimin: Ah, não tem problema! Eu fico sozinho!.. Eu acho que não me importo mais...

Jeon Jungkook: Eu posso ficar com você... - Corou fraquinho

Park Jimin: Eu não quero te incomodar! 

Jeon Jungkook: Deixe de bobeiras! Eu irei ficar com você! 

Park Jimin: Tudo bem - Sorriu 

Jeon Jung-Hyun: Eu já vou indo! Até amanhã! - Sorriu e saiu andando 

Park Jimin e Jeon Jungkook: Até!

 

- O Jeon mais velho foi em direção a casa da namorada, enquanto Park e o Jeon mais novo entraram em casa. 

Eles dois foram para o andar de cima, Park pediu para que Jungkook tomasse um banho, com um pequeno esforço Jungkook aceitou. Park deu roupas um pouco largas dele, para Jeon, e deu uma toalha. 

Jeon toma banho primeiro, e coloca as roupas que Park lhe emprestou. Uma box, blusa larga branca e uma calça moletom cinza. Voltou para o quarto e Jimin foi tomar o banho dele.

Depois do banho, Jimin vestiu um moletom grande azul, e uma box branca. Jimin volta para o quarto e se joga na cama.

 

Park Jimin: Deite-se ao meu lado! - Sorriu 

Jeon Jungkook: Okay... - Retribiu o sorriso e deitou ao lado de Park 

 

- Park começou a fazer carinho no rosto de Jungkook, que sorriu envergonhado. 

 

Park Jimin: Coelhinho do azar... 

Jeon Jungkook: Hm?..

Park Jimin: Por que do azar?.. Desde do dia em que te conheci, você só me trás sorte...

 

- Jeon arregalou os olhos e ficou avermelhado. Mas logo voltou ao normal e respondeu a pergunta de Park

 

Jeon Jungkook: Se você me conhecer bem, vai saber que eu trago o azar, mas só para aqueles que merecem, anjos como você, eu apenas guardo em meu coração!.. - Sorriu

Park Jimin: Que fofo! - Retribuiu o sorriso 

Jeon Jungkook: Obrigada!.. 

 

- Ambos estavam fazendo carinho no rosto um do outro. Alguns minutos se passaram e os dois dormiram. 

No dia seguinte, por volta de umas 06:00 da manhã, os dois já estavam de pé, tomando café, enquanto a TV estava ligada para os dois rapazes escutarem as noticias do dia.

 

[TV: A previsão do tempo hoje me Toronto, Canadá, é de 19°C, um pouco mais quente do que ontem, mas ainda usem agasalhos e roupas quentes, para sair de casa. 

Agora, saindo da parte do tempo, vamos falar de algo que está deixando a policia curiosa, ontem a noite ninguém, foi morto por bad bunny.] 

 

- Jeon engole o café com muita força em sem querer se engasga, Park o ajuda. 

 

Park Jimin: Você está bem?! 

Jeon Jungkook: Sim, eu apenas me engasguei...

Park Jimin: Aish! Que susto, em! Você poderia ter morrido engasgado!

Jeon Jungkook: Mas não morri! Porque um anjo chamado Park Jimin, me salvou! - Sorriu bobo

 

- Park gargalhou envergonhado e eles voltaram a escutar o noticiario.

 

[TV: Com a falta de bad bunny nas ruas ontem a noite, a morte de duas adolecentes lesbicas aconteceu ontem. Também a morte de um garoto trans, para vermos o que é as ruas de Toronto a noite sem o bad bunny... Agora fiquem com outras noticias!] 

 

Park  Jimin: Hm... Quando a gente perde alguém importante, a gente só se dá conta quando a merda acontece...

Jeon Jungkook: Sim... 

 

- Jungkook se sentiu pesado naquele momento, ele não conseguiu evitar os assassinatos, mas se ele deixasse  Jimin sozinho, ele também iria s esentir pesado... A sua cabeça delirava, mas ele tentava esquecer. Hoje a noite, ele iria gastar mais do que uma bala, hoje a noite ele iria matar cafajestes pecadores. 

Jungkook tinha o plano perfeito, o mesmo plano de sempre, pesquisar sobre a pessoa, matar, e ir embora, como se nada tivesse acontecido. Simples, só que tem que inventar mais desculpas, já que tem que despistar seu irmão e Park dessa vez.

Jungkook suspirou e ficou pensando em quais de suas pessimas desculpas ele poderia arranjar para hoje a noite. 

 

Park Jimin: Está tão pensativo - Gargalhou 

Jeon Jungkook: Hm?..

Park Jimin: Disse que você está pensativo, pois apenas olha para o nada e toma o seu café, sem falar um "a" se quer 

 

- Os dois gargalharam, e terminaram o café. Subiram para se trocar, Jimin pediu para que Jungkook ficasse com as roupas, mas Jungkook insistia em devolver as roupas. 

 

Park Jimin: Não teime! Fique com as roupas! - Faz bico

Jeon Jungkook: Não faça bico! Você sabe que eu não resisto ao seu biquinho! 

Park Jimin: Não resiste, é? - Continuou a fazer biquinho

Jeon Jungkook: Tá! Mas é a última vez que eu caio em um de seus truques com esse biquinho! - Sorriu 

Park Jimin: Hehe! - Fez uma carinha fofa 

 

- Jungkook colocou seus sapatos e pegou suas roupas, enquanto Jimin se trocava no banheiro. 

Jimin volta para o quarto usando: Um moletom cinza, um macacão jeans claro e botas timberland.

 

Jeon Jungkook: Você está muito bonito! - Deu um sorriso de coelhinho 

Park Jimin: Obrigada! - Corou fracamente e retribuiu o sorriso

Park Jihyun: Bom dia chim! Está na hora de acordar! 

 

- O irmão de Jimin entra com tudo no quarto e vê os dois rapazes

 

Park Jihyun: Opaaa, atrapalhei o casal - Sorriu e fez uma cara engraçada 

Jeon Jungkook: Não, não atrapalhou nada, não! - Gargalhou baixo 

Park Jihyun: Eu não sabia que você estava aqui - Olhou para Jeon com uma cara safada

Jeon Jungkook: É, dormi com Jimin hoje, para ele não ficar só - Sorriu

Park Jihyun: Só dormiu né?! - Falou sério 

Park Jimin: Bipolaridade do caraí 

Jeon Jungkook: Sim senhor! Eu juro que não fiz nada de mais! - Levantou as mãos para o alto e sorriu

Park  Jihyun: Tô de olho! - Falou brincalhão e gargalhou, junto com o Jeon e Jimin 

 

- Os três desceram as escadas e sairam de casa.

 

Jeon Jungkook: Até mais Jimin! - Beijou a bochecha de Jimin e saiu andando 

Park Jimin: A-ah... Até mais Jungkook! - Sorriu envergonhado 

 

- Os irmãos Park foram até a biblioteca e começaram o turno deles. 

A noite, como sempre Jimin foi ajudar Jung, só que sem Jungkook dessa vez. Depois da ajuda de Jimin, o Jung foi deixar ele e o irmão, que iria ficar com Jimin dessa vez, em casa. Se despidiu dos dois e foi em direção a sua casa.

 

>>00:24 da madrugada

>>Toronto - Canadá

>>Casa de Park Jimin e Park Jihyun

 

- Jimin estava quase pegando no sono, até que seu irmão entra no seu quarto desesperado. 

 

Park Jimin: O que aconteceu?!

Park Jihyun: Vem cá! - Disse e saiu caminhando rápido para o quarto dele, de Jihyun

 

- Jimin seguiu o seu irmão, entou no quarto e Jihyun apontou para a janela. Jimin foi até a jalena e olhou por pequenas brechas dela. Novamente, bad bunny, perto de sua casa. Bad bunny apontava uma arma, para a cabeça de um homem de meia idade, diferente do primeiro dia que Jimin o viu, ele estava cheio de sangue em seu terno e na máscara de coelho, que ele usava para esconder o rosto. Por momentos Park se pegou pensando: ''Então é por isso que o chamam de 'Bad Bunny'...''. 

E novamente, um estouro foi ecoado pela a rua, bad bunny assassinou mais uma de suas ''vitimas'', e como sempre, apenas saiu, como se nada tivesse acontecido.

As paredes que eram brancas, foram manchadas de vermelho, como o seu terno. 

 

Park Jihyun: Eu escutei um grande estron- 

Park Jimin: Shh... - Sussurrou e tampou a boca de seu irmão - Olhe... O que é aquilo?

Park Jihyun: Uma pessoa morta?..

Park Jimin: Não!.. Na parede... - Aponta para a parede manchada de sangue 

Park Jiyun: Tem algo escrito... - Começa a ler - ''Eu voltei!'', está escrito: ''Eu voltei!''.. - Engole a seco

Park Jimin: Hm... - Suspira - ''Para infelicidade de uns, e para minha felicidade'' - Pensou Park.

 

- Park ficou olhando por mais um tempo, até a policia chegar, e ele sair da brecha da janela. Colocou Jihyun, que estava um pouco amedrontado, para dormir, e voltou para o seu quarto, se jogando na cama, logo caindo no sono.


Notas Finais


- Obrigada por ler até aqui!
- Kim_Teok!~


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...