História Jikook predestinados (hot) - Capítulo 30


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Visualizações 299
Palavras 1.263
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Lemon, LGBT, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi gente, como vocês estão meus amores?
Gente a fic ta terminando já mds, parece que foi ontem que comecei ela..
Como foi o fim de semana de vocês?
Estou fazendo esse capítulo ao som de YOU ARE- GOT7, apesar que não tem nada a ver, só gosto da musica mesmo kkjkk
Sem mais delongas vamos ao capítulo

Capítulo 30 - CAPÍTULO 30


Eu esqueci a rota pela qual vim

Eu até mesmo esqueci quem eu era

Tente conversar com o espelho, quem diabos é você? 

(...)

Jimin estava tremendo, estava com medo de tocar as sombras. Mas faria isso.., faria isso por ele e por Jungkook. Levou um de seus dedos até as sombras e as tocou. Tudo começou a escurecer em volta de si, mas, olhava para os lados e não o achava.. Cadê Jungkook?

(...) O loiro sentiu o chão frio e duro embaixo de si, abriu então os olhos e viu que estava encima de neve. Onde estava? Olhou em volta e viu Kookie deitado ao seu lado como se tivesse sido jogado. Estava aliviado por ver que não estava sozinho, mas no fundo ainda sentia um pouco de medo.

- Kookie- tocou no rosto do moreno

Jungkook- Aishh- falou abrindo os olhos- Onde estamos?

Jimin- Eu.. eu não sei

Jungkook- Ah meu Deus- disse olhando em volta

Jimin- O que foi? Algo ruim?

Jungkook- Jimin-ssi, estamos no ano de 1980- falou lembrando-se de quando estivera vivendo aquilo, lembrando- se daquela vida, de quando conheceu Jimin, de quando o beijou e ele se foi

Jimin- É muito tempo, o que aconte...- parou subitamente de falar quando se viu (sim, ele viu o eu da vida passada), se viu passando em sua frente- Eu.., sou eu?

Jungkook- Sim, é você e está indo para..

Jimin- Pra onde?

Jungkook- Para a cafeteria onde trabalho, vamo9s seguir você- falou puxando o loiro

Jimin- Me seguir? Isso pe estranho. E alguém pode nos ver?- perguntava

Jungkook- Não, não podem nos ver

O outro eu de Jimin seguia andando rumo a cafeteria que ficava no beco de uma rua qualquer. Ele estava com uma calça preta apertada, uma blusa amarela de frio com mangas longas, botas pretas e..

Jimin- Eu tinha o cabelo rosa?- falou arqueando uma de suas sombrancelhas

Jungkook- Sim, você era, é maravilhoso- sorria para o loiro

Jimin- Aigoo não me deixe com vergonha aqui- falou envermelhado

O Jimin de cabelos rosas entrara na cafeteria, Kookie e Jimin entraram logo em seguida, sentando-se em uma mesa qualquer, ninguém podia os ver

Jimin- O que vai acontecer aqui?

JKungkook- Eu.. se não quiser ver eu entendo, e acho até melhor- falou segurando as mãos do menor

Jimin- O que vai acontecer Kookie?- dizia sério

Jungkook olhava fixo para Jimin, mas de repente abaixou a cabeça, virou a cabeça e olhou para o lado, para o seu outro eu, fazendo assim com que Jimin acompanhasse seus olhos.

O Jimin de cabelo rosas estava no balcão conversando com o Jungkook, que nãomudara nada daquela vida até agora. Ambos sorriam, o Jimin mordia os lábios fazendo com que o Kookie o olhasse com desejo, parecendo que queria beija-lo

Jungkook- Você sempre foi tão irresistível Jimin- sorriu de lado

Jimin- Olhe para você Kookie, não sou nada disso- falou

Jungkook- Você é perfeito, o meu anjo perfeito- segurou as mãos do loiro

Jimin olhou para o seu outro eu e viu quando o Jungkook o puxara para perto, colando seus corpos. Então o de cabelos rosas lentamente olhou para os lábios do moreno e o beijou delicadamente, pssando os braçis pelo pescoço de Kookie que apertava o corpo do menor contra si

Jimin- Tão lindos- falou mordendo os lábios

Jungkook então abaixou a cabeça, porque não queria ver aquela cena, ele viveu aquilo e nunca superava, nenhuma vez superou, só de ver o que poderia acontecer com Jimin nessa vida assim como nas outras, Kookie já ficava triste.

Então aquele vendo que le conhecia passou no lugar, quando Jungkook virou vira que Jimin se ia junto com o vento, tinha virado pó, olhou para o seu outro eu e o viu de cabeça baixa, com o corpo completamente inclinado para a frente, sinal de tristeza, aquela tristeza novamente. O outro saiu para fora.

Jungkook- Venha, vamos seguir-me- puxou Jimin

Jimin- Mas..

Chegaram do lado de fora da cafeteria e viam o outro Jungkook indo até um canto, logo em seguida abrindo suas asas e voando para cima, para bem longe dali

Jungkook- É isso que faço até você aparecer de novo

Jimin- Voa?

Jungkook- Fico vagando, te esperando novamente- disse abraçando o loiro

Jimin- Eu não quero ir embora outra vez- falou triste no ouvido de Jungkook

Jungkook- Não vai, estamos aqui para resolver isso. Vai da tudo certo- dizia depositando um selinho no menor, até que sentiu a escuridão descendo sobre os dois.

(...) Jimin acordou e olhou em volta, estava sentando em um daqueles bancos de corredores de hospital. Jungkook estava ao seu lado, com os olhos ficos no teto, provavelmente estava esperando o loiro acordar

Jimin- Onde estamos agora?- perguntou fazendo com que Kookie o olhasse

Jungkook- Bem, ano de 1955, você é enfermeiro nesse hospital e eu.. eu machuquei a perna, e estou naquele quarto- apontav para a porta a alguns centímetros do lado de Jimin- Você está responsável por me ajudar hoje, o medico me deu alta

Jimin- Enfermeiro? Que chique- sorria

Jungkook- Vamos lá- se levantou

Jimin segurou as mãos do moreno o acompanhando pelo correedor branco do hospital, entraram no quarto e observaram a figura do outro Jungkook dormindo

Jimin- O seu cabelo nunca muda de cor?

Jungkook- É o meu charme- sorria

Nesse momento alguém abrira a porta, era Jimin de cabelos pretos, estava com uma roupa toda branca e com uma prancheta na mão, foi caminhando até a maca do outro Kookie e anotando algumas coisas

Jungkook- Poxa Jimin, você é sempre tão gato

Jimin- Pare- sorria

O outro Jungkook acordara, se espreguiçando levemente, fazendo com que o outro Jimn de cabelos pretos sorrisse, estavam apaixonados com certeza, o loiro via aquela cena e tinha certeza disso

Jimin- Como o paciente está hoje?

Jungkook- Com você cuidando de mim, bem melhor

Jimin- Aigoo, porque você sempre me deixa envergonhado

Jungkook- Você fica lindo assim

Jimin olhou para Jungkook e o viu meio cabisbaixo, agora ambos sabiam tudo o que veriam dali para a frente, o loiro sentia um de javu com aquelas palavras de Kookie

Jimin- Você já pode ir para casa

Jungkook- Não quero ficar longe de você

Jimin- Eu também não, mas não pode ficar aqui

Ambos olhavam fixos um nos olhos do outro, Jungkook tinha se levantado, já estava bem, e Jimin o observava, estavam hipnotizados olhando um ao outro

Jimin- Eu acho que já vou indo, você pode trocar de roupa

Jungkook- Fica

Falando isso segurava o braço do menor, o fazendo se virar para si, sentiam um longo arrepio, então Kookie o puxou e celou seus lábios em um beijo necessitado, rápido, erótico. Segurava forte Jimin fazendo com que ele enroscasse as pernas em sua cintura, o menor grudou as unhas nos braços de Kookie, o fazendo soltar um gemido baixo

Jungkook- Eu não quero que você fique vendo isso- falou baixo

Jimin- Ah-h está tudo bem

Jungkook- Se ver morrendo não deixa ninguém bem Jimin-ssi

Jimin- Estou aqui para ver isso e aprender algo, não posso evitar

Jungkook novamente sentiu aquele vento frio passando por si, então olhou rapidamente para o seu outro eu e Jimin o seguiu com os olhos, vendo o menor começar a se desmanchar sobre o chão, o vento assoprava tudo aquilo. Jimin estava branco, estava extasiado com aquela cena. O Jungkook se ajoelhou no chão e começu a gritar e chorar, chamando a atenção da maioria dos enfermeiros.

Jimin virou e se olhou para Jungkook, que novamente sentiu a escuridão cair sobre os dois, sinal de que iria para a próxima vida...


Notas Finais


Gente, o que vocês acharam? Ficou bom?
Ahh até quarta e comentem para eu saber a opinião de vocês
Beijoss^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...