1. Spirit Fanfics >
  2. JIKOOK: Sem Querer Grávido. >
  3. Prologue; Conhecendo Como Namorado.

História JIKOOK: Sem Querer Grávido. - Capítulo 1



Notas do Autor


Olá, aqui é a diaba da @YuriChan334

Vim trazer mais uma nenê pra vocês. Esse aqui é o prologue, vou decidir um dia específico pra postar os capítulos.

Sigam a nossa conta coletiva e fica tudo certo. Acesse a notificação do Spirit para não perder nenhuma fanfic. ↓↓
@collectiverkpop

Obrigada amados, não me matem. Respondo todo mundo nos comentários, não sei porque vocês não comenta, eu sou mó Frô. Mais okay né. ^^

Fique com o prologue feito por esse demônio aqui.

Boa leitura e nos vemos nas notas finais ✨🤡✌🏻

Capítulo 1 - Prologue; Conhecendo Como Namorado.


Fanfic / Fanfiction JIKOOK: Sem Querer Grávido. - Capítulo 1 - Prologue; Conhecendo Como Namorado.

 


As vezes eu penso, será que a minha família é normal ou é de geração mesmo? Tenho apenas dezoito anos de idade e eles já querem me colocar pra casar aos dezenove. Ah, pra quem não sabe, completo dezenove semana que vem. Não tenho irmãos, sou filho único.

Meus pais entraram nessa mania de me casar com um rico buchudo. O homem não deve nem ter 6 cm de pau e quer me casar com um velho que dá pra ser meu bisavô. Puta que pariu. 

Na primeira sentada o velho já deve morrer com problemas cardíacos, também né? Um filé como eu. — sou exibido pra caralho mesmo —.

E eles ainda querem netinhos. Eles tão achando que estamos no tempo do passado? Só pode. Estamos em pleno século 21 e eles com essa porra de casar.

Ai me deixaram apenas duas opções, como assim ? Vou explicar amados.

Eu fui obrigado a escolher duas dessas opções, ou eu casava ou eu arrumava um boy rico em apenas um mês. E claro que eu escolhi a segunda opção, não sou retardado. A minha sorte é que eu tenho um melhor amigo na idade certa e rico. Claro, não sou interesseiro, mas minha família é pra caralho.

Conversamos e tal, falei com ele tudo o que estava acontecendo e ele me apoiou, até que eu pedi a sua ajuda. Óbvio que ele ficou meio coisado. Mais aceitou porque estava me devendo uma.

Vou contar como nos conhecemos... Nada muito clichê, só é meio clichê mesmo. 

Alguns anos atrás, ou, a muitos anos atrás éramos e somos melhores amigos. Mais como todo garoto popular da escola tinha um cachorrinho. E claro, esse cachorrinho era eu. Eu sempre fazia barbaridades com os nerds por mandado do mesmo. Jungkook é três anos mais velho que eu. Porém um ano ele perdeu por motivos pessoais que eu não sei até hoje e dois foi repetidos. Jungkook namorava uma garota chata pra um caralho, a menina era nojenta. Uma vez ela quebrou aquelas porra que se coloca na unha que eu não sei o nome. Ela quebrou na escola, a garota fez um escândalo que foi preciso os enfermeiros tacarem uma agulha no braço da menina pra ver se o fogo descia.

Outra vez, o nerd da escola sem querer derramou um suco de laranja em cima da mesma. Acredita que ela me fez bater no garoto? Eu bati, mais não por que ela mandou e sim porque o Jungkook pediu. Eu era e sou completamente apaixonado no menino, vocês não tem noção. Nossa, eu me lembro até que eu virei amigo do mesmo. Jungkook parou de falar comigo por um ano. Depois descobri que a garota tava o pondo um par de chifres lindos e bem sedosos em sua cabecinha.  Eu tentei o avisar, mais nunca acreditava em mim. Sempre mandei fotos e vídeos para o mesmo, mais a tarântula sempre o convencia que era apenas uma edição.

Ele não acreditava mais em mim.

Alguns dias depois eu vi a purgante se pegando com o garoto e tive que arrastar Jungkook até lá. Obviamente ele foi me xingando no meio do caminho e quase me bateu. A puta macumbeira tava aos amassos com o retardado. Eu só queria saber quem é o retardado! A menina nem bunda tem, o peito parece até um caroço de azeitona. Ela abaixa e dá até um nervoso. O osso chega a mecher. Misericórdia, esse povo não tem noção. Quem gosta de osso é cachorro mesmo. Eu nem sabia como o Jungkook conseguia transar com aquela menina. O osso dela quebrava em cada aperto que ele dava, não é possível. Nem sei como ela desmontou ainda.

Enfim, nesse mesmo dia ele não disse nada, só quase me matou mesmo e tacou o foda-se pra minha existência. Semanas depois ele veio dando de arrependido e claro que eu perdoei. Se não for pra ser imbecil como esse bebê aqui eu nem sirvo.  Aí voltamos a conversar, o meu amigo nerd foi fazer intercâmbio nos Estados unidos, Jungkook parou de me tratar como o seu Diguinho particular, agora ele faz faculdade de administração e eu curso dança e medicina. Agente faz faculdade no mesmo lugar porque somos chiques pra caralho. Primeiro que a faculdade coreana é um cu. As faculdades daqui tem Monte de regra que dá vontade de chutar. Onde já se viu, não pode ter cabelo grande, prós meninos é só um tipo de cabelo e se não cortar daquele jeito é cortado a força e ainda eles fazem aqueles ninhos de ratos. Absurdo!

O cabelo tem que ser da cor natural, as meninas nem cabelo grande pode ter. Só se no caso for um k-idol. Aí pode até ir pintado de amarelo meu amigo. Até que mudou bastante as regras coreanas, porque antes era muito pior.

Enfim, nesse exato e perfeito momento eu estou no meu querido e gigante quarto. Me arrumando para ver jeon Jungkook. Vou apresentar ele para os meus pais, mesmo que eles conhecem Jungkook. Mais, claro, ele será apresentado como meu namorado. Vulgo daqui a um mês será meu noivo. Esse contrato que fizemos irá durar apenas cinco meses. Jungkook irá continuar a pegar essas pessoas que ele chama de uma simples foda. O cara é brabo Jé? Olha o brutamonte que eu fui me apaixonar.

Puta que pariu, minha vida é muito fodida mesmo. Que caralho hein. Mais claro, eu sou Park Jimin e sempre dou a volta por cima, só tenho que bolar uma técnica de fazer jeon Jungkook se apaixonar por mim. Se dessa vez não der certo eu desisto.

Coloquei uma roupa bem bonita, por mandato da minha omma chata pra um cacete. Meus cabelos que agora tem uma cor tingida mais escura, no caso preto. Jungkook ama cabelo preto. Eu tava parecendo até aqueles guri. Misericórdia, muito gostoso na verdade.

Minha omma falou que daria o presente de Lua de mel. Aí é que o cu tranca, imagina se ela der uma caixa de camisinha com lubrificante? Puta que pariu, até que não seria nada mal.

É melhor prevenir do que remediar.

Desci as escadas de mármore, em um tom branco com Cinza. Pude ouvir a voz de jeon na sala de visitas. Andei até lá, vendo aquele pecado de terno e o caralho a quatro. 

selinho

UM SELINHO

S E L I N H O

AMADOS, NEM CONTO. O BOY LEVANTOU E ME DEU UM SELINHO.

PUTA QUE PARIU, UM SELINHO, morri. Meus pais estavam sorrindo que nem aquelas najas, doido pra fisgar o ratinho. E eu todo mongolóide porque ganhei um selinho do garoto que eu gosto desde o século 18. Puta que pariu, é muita emoção gente... NEM GUINDASTE, NEM GUINDASTE, NEM GUINDASTE.

Meus pais resolveram me deixar sozinho com o Parmê delicioso de terno que se encontra em minha frente.  — Jungkook, que canalhas de selinho foi esse?

— amado, sabe o teatro? — neguei porque sou lerdo mesmo. Dedo no cu e gritaria. — então, é isso que vamos fazer pro seus pais na frente deles. Fingir ser um casa, Lembra?

Murxei.

— saquei. Da próxima vez tira a minha roupa logo, imbecil. — falei todo coisadinho.

— Credo, esqueceu de tomar o seu calmante meu bem? — eu amo esse garoto, sua ironia me dá vontade de enfiar ele no meu cu. Pena que ele é Grande de mais. 

Bota Grande nisso.

— você vai ver aonde vai parar o meu calmante bebê. — mandei o meu dedinho do meio—que mais parecia uma minhoca rechonchuda— pra ele.

— esqueci que você tá brabrinho.  Tá um amor meu bem.— o desmiolado foi interrompido pela minha omma com um prato gigante de kimchi, a empregada estava a ajudando. Estranhei né Amados, em todos esses anos ela nunca pegou em uma panela e tá toda amorzinho agora.

— eu fiz especialmente pra vocês meninos. — fomos pra mesa, ela colocou alguns pratos na mesa. A empregada nos olhava apreensiva. Como : “não comam, isso tá horrível”

E eu não vi a cara de preocupação da empregada e deu em que um Jungkook só faltava morrer com a 'comida' entalada na guela. Eu não sabia se a a comida tinha muito sal ou muita açúcar. Só sei que aquele troço estava aparecendo aquelas colas que só Jesus tem poder. Não duvidaria se tacase' aquela porcaria no teto pra ver se não faria um ótimo cimento. 


↑↓↑↓ 


Notas finais amores. 



Notas Finais


E aí? Gostaram?

Caralho, eu gostei dessa capítulo.

Jimin todo coisadinho é a minha religião 🤡✌🏻


PESSOINHAS DO MEU CORA, UMA EXPLICAÇÃO AQUI:

ESSA CONTA É FEITA POR 9 PESSOAS, SENDO DUAS CAPEIRAS. 7 PESSOAS FAZEM PARTE DESSA CONTA(FANFIC). TEM UMA FANFIC ESPECIALMENTE AQUI, NOSSA PRIMEIRA FANFIC NESSA CONTA, NO CASO. A NOSSA FANFIC COLETIVA É POSTADA POR UM CAP EM CADA SEMANA!

ESSA DAQUI NÃO TEM UM DIA ESPECÍFICO DE POSTAGEM.

ESSA FANFIC AQUI ESTÁ SENDO FEITA POR MIM, ESTOU EXPLICANDO PORQUE PODE SER UM POUCO COMPLICADO.

obrigada mores.

Já tá corrigido amores. Se tiver algum erro me falem. Obrigada por quem leu até aqui.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...