História Jogo da Matemática - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Karin, Kushina Uzumaki, Minato "Yondaime" Namikaze, Naruto Uzumaki, Pain, Yahiko
Tags Itachi X Ino, Itaino, Naruhina, Obika, Painino, Yahiino
Visualizações 12
Palavras 1.598
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Literatura Feminina, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo
Avisos: Adultério, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Salve salve minaaaa!!!

Eu demorei?
Sim pode ser.... Maisss, taí um cap pra vocês.
Gente esse é o primeiro hentai que eu escrevo então, não sei se vai ficar bom
#boaleitura

Capítulo 4 - No banco de um carro.


 Ino p.o.v.s

 Ca.ra.ca.!, isso aqui está uma baderna. Papaiii o que deu na minha cabeça de aceitar o convite da minha amada amiga, em ir para uma balada??, não sei, não sei, só sei que se o naruto descobrir eu estou muito fudida, isso sim.

 Ahhh, você deve estar se perguntando da briga que aconteceu no bar não é??

Bom, vou resumir para vocês. 


Flash back on.


Depois daquele briga, itachi me disse que viu um cara pálido ( de tanto fumar) conversando com alguém no telefone, e, esse alguém era o amaldiçoado do meu irmão. O filha da puta que eu tenho plena certeza que era o orochimaru, ligou para o meu querido irmãozinho, dizendo que eu tava me agarrando com dois maconheiros, ( que obviamente ele estava se referindo a itachi e pain) e me meti em uma briga, pela qual eu mandei uma garota quase morta pra o hospital. Automaticamente entrei em pânico, e por impulso agarrei a mão de karin e tirei ela daquele bar sem que a maioria das pessoas nós visse. Depois de 30 minutos de correria ( não pegamos o taxi porque, no desespero eu deixei a minha carteira encima do balcão do bar, isso significa que quando eu voltar, não vai ter nem 5 centavos) na rua, chegamos na entrada do hotel, onde reparamos o carro do naruto estacionado. - estou ferrada - pensei, enquanto karin choramingava no meu lado - ino, me perdoa por te meter nisso - desculpou-se karin, ótimo, era só o que me faltava.

Subi pelo elevador, depois adentrei o quarto, - NARUTO, PELO AMOR DE NOSSA MÃE, NÃO ME MATE MANO, POR FAVOR E- cortei-me pois escutei uma risadinha fraca. - hihi, ino-cha o n-naruto-kun ficou em uma casa noturna com alguns amigos - disse entre risadas tímidas, - m-mas hina- estava preparada para questionar quando a voz de hinata soou novamente, - foi eu quem atendi o telefone do naruto-kun, pois ele estava muito bêbado - acalmou-me hinata enquanto ajudava-me a me levantar. - o naruto está bêbado??? - questionou karin com a sobrancelha arqueada, seguida por uma gargalhada estrondosa. - hahahahahahahhaha.. Isso-isso.... ISSO É A COISA MAIS HILÁRIA QUE EU JÁ OUVI NA MINHA VIDA kkkkkkk...- karin não parava de gargalhar, até levar uma tapa meu - sua besta, você tem muita sorte de que foi a anja-chan que atendeu o telefone do naruto, se não...se não... SE NÃO NÓS ESTÁVAMOS FERRADA!! - gritei fazendo karin se calar. - ino-chan, n-não grite por favor - tentou me acalmar da forma mais fofa possível, o que, ela obviamente conseguiu com sucesso.... Aliás, quem era o ser humano que resistia a aquela voz fofinha?? Aii gente que cute. Tá mais voltando a realidade. - naruto-kun tem resquícios de que só vai voltar de manhã, então, boa noite meninas, porque eu não posso demorar muito - meu deu um beijo na bochecha e depois na de karin, e foi embora.


Flash back of.


Gente, eu estou louca ou eu fumei algumas?, por que eu acho que o pain ta estranho, ele parece estar bêbado.

- ino , v-vem aqui comigo - falou no meu ouvido enquanto agarrava minha cintura me fazendo arrepiar toda - ah-ahh... P-pain v - cortei-me ao sentir um olhar penetrante de um par de olhos ônix na minha direção. - pain, é melhor você ir par a sua casa... Olha o seu estado - falei me virando para a sua direção e encarando aquelas lindas orbes lilases. - ahh ino... Depois tá - disse piscando para mim, - aliás, toma algumas, prometo que vai te fazer bem - disse me oferecendo um copo de cerveja, pelo qual eu não recusei.

- ino, vamos lá com o itachi - perguntou me olhando de canto, - t-tá bom - gaguejei por conta da cerveja que ia ardendo na minha garganta.

Chegando lá, me deparo com uma linda jovem que sorria timidamente  - o-olá, meu nome é izumi uchiha, sou a irmã de itachi - comprimentou-me estendendo a mão. - oh, eu vejo são bem parecidos... Ahh esqueci, meu nome é ino... Ino yamanaka - segurei sua mão em um aperto gentil. - meu irmão estava me falando de você, ino - falou izume enquanto exibia um sorriso para itachi. - oh sim sim,... Eu ia te chamar, só que depois eu vi que você estava ocupada demais com o pain - desviou seu olhar enciumado, enquanto eu ouvia pain soltar uma risadinha rumando em direção a uma pista de dança, mas não sem antes se abaixar e sussurrar algo no meu ouvido - a gente se agarra depois, loirinha - disse, e por fim, deu uma leve mordida no lóbulo da minha orelha fazendo-me suspirar. Do meu lado,estava um itachi se controlando para não arrancar-lo de mim, enquanto izumi soltava uma risada abafada, rindo da cara do próprio irmão. - argh...esse yahiko é muito trouxa - resmungou itachi olhando na direção do amigo, - você tá assim, porque tá com ciúme maninho - disse izume em meio de risadas mau abafadas o que só fez itachi resmungar. - Cala boca porque eu não estou com ciúme de ninguém,... Aliás... Você fica pior quando está com o izuna - rebateu itachi enquando se formava uma sorriso de canto nos seus lábios - I-ITACHI!! - repreendeu izume enquanto corava violentamente - viu - disse itachi gargalhando.


Q.d.t


Já são 3:35 da madrugada, e todo mundo tá morto de bêbado. Aliás, cade a karin?, ela sumiu já faz um tempo.

- iin-o ( hick) e-eu ( hick) t-tô-ô com s-ssono - disse itachi se ajeitando no meu colo, o que me deixou corada. - me-me leeva pra p pra casa - falou baixo por conta do sono.

Eu me levantei do banco peguei as chaves do carro de itachi ( que tava na carteira dele ) e ajudei ele a se levantar até chegarmos no carro, ( o que obviamente deu muito trabalho ) - vamos itachi, entre, eu dirijo porque você tá muito bêbado - o empurrei para o banco do passageiro enquanto o mesmo se esparramava lá - pronto!, agora qual é o endereço da sua casa? - perguntei enquanto ligava o carro. - rua esmaelino pontes, n° 104 - respondeu-me enquanto eu saia da garagem.

Durante esse tempo todo, percebi que itachi nem sequer piscou ou dormiu, e sim, me secava descaradamente com malícia.

-inoo...eu tô com fome..- opa!, foi só eu quem percebi o duplo sentido nessa frase? - o que você quer comer itachi - perguntei tentando soar inocente, o que, eu acho que não deu muito certo, pois aquele ser tão pecaminoso deu um sorriso como se dissesse "você" - ahhhh ino... Não me faça uma pergunta dessas....- disse se levantando e passando para o banco da frente, - só se você quiser tranzar - alertou-me passando a mão pela minha coxa, o que eu não podia ver muito, pois eu estava prestando atenção na estrada. - i-itachi...e-er - itachi cortou-me colocando sua mão na minha boca, o que me fez arregalar os olhos - hmm... ino.... Para o carro - falou entre beijos e mordidas que dava no meu pescoço - m-mas ita - cortou-me denovo, mas agora depois que eu estacionei o carro em um beco escuro - shhhhh.. - silenciou-me com um beijo ardente, ficamos assim até o ar nos faltar e por fim, itachi deu uma mordida no meu lábio inferior, o que me fez suspirar alto. - hunnmm... Ino...você parece tão deliciosa - disse enquanto acariciava minha femilidade por cima da calcinha, me fazendo soltar vários gemidos baixo  - ahhhhhh..... ita - gemi manhosa enquanto sentia itachi rasgar minha calcinha para, logo em seguida me penetrar com dois dedos - ahh ita-itachi ahhh mas...aaaah!!! - gemia freneticamente, sentindo o mesmo tirar meu sutiã com a mão livre, deixando meus seios fartos a mostra. - tão gostosa... - elogiou-me, e por fim, abocanhou meu seio esquerdo e apalpou o direito. Não demorou para eu sentir o clímax chegar, e, logo me derramei na mão de itachi, vendo o mesmo exibir um sorrisinho malicioso enquanto levava suas mãos para a boca e logo em seguida lambendo a mesma, o que só me deixou mais exitada - hnmmm - murmurou enquanto ajudou-me a me despir e logo depois ele, e por fim me deitou no banco de trás subindo encima de mim - ino, isso só vai doer no começo, mas logo você se acostuma....mais, vou ter o maior cuidado possível para não doer - e por fim me penetrou com força me fazendo gritar, - ahhhh iii-tachi....!!! - gemi seu nome sentindo uma dor desconfortável me atingir.

 Logo que ele percebeu minha dor , foi indo devagar, até eu me acostumar com o tamanho e logo os gritos de dor se tornaram em gritos e gemidos de puro prazer e exitação. - ahhh hnnn ....ino...hmmm - itachi gemia meu nome, o que só me levou a loucura : arranhando suas costas, puxando seu cabelo, gemendo seu nome, essas eram a forma pra eu poder usar minhas últimas forças. O carro balançava a cada estocada profunda e forte que itachi dava, e mais alguns minutos, eu sinto o clímax chegar primeiro em mim, mais três estocada e chega em itachi, fazendo o mesmo se derrubar ao meu lado e depois me puxar para os seus braços me aninhando, até adormecemos.

- O naruto e o meu pai vão matar o itachi - foi o que eu pensei antes de dormir quentinha naqueles lindos e musculosos braços do meu atual amante.


Pois é, e foi nesse lugar que eu perdi minha virgindade.

No banco de um carro.






Notas Finais


Hihi
Eai galerius, o que acharam?
Se está ruim me perdoem ok?
Alias e o meu primeiro hentai.
E tbm me desculpe se tiver erros de digitação

Beijinhos de joinhas e tchaaaau😘👍


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...