História Jogo da Vida - Capítulo 25


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Zayn Malik
Tags Drama, One Direction, Rebeldia, Romance, Tortura
Visualizações 505
Palavras 1.164
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Romance e Novela, Violência
Avisos: Estupro, Insinuação de sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 25 - O inesperado


Fanfic / Fanfiction Jogo da Vida - Capítulo 25 - O inesperado

Isabella:

Para Isa, se contenha você saberia que isso poderia acontecer, é normal, é o Harry, ele é besta e ciumento, amanhã vocês se falam e se resolvem como sempre fizeram certo?

Certo, pelo menos era até eu receber uma noticia meio que surpresa.

- Como assim eu to grávida? – perguntei sem entender nada, só havia eu e o médico no local.

- Você vai ter um filho – ele respondeu

- E agora? Isso não é perigoso? Existe um jeito de tratar a leucemia sem ser agressivo com o bebe?

- Não, não existe. Os tratamentos destroem as células que estão se reproduzindo de jeito ativo, ou não deixa elas se reproduzir. Isso inclui as células do bebe.

- E agora? O que eu faço?

- Basta saber que a gravidez é de risco e complicada, ha duas soluções. Uma é: não fazer o tratamento e rezar que até o bebe nascer o quadro de leucemia não piore e a mãe aguente, nesse caso você, e assim que o bebê nascer começará o tratamento de novo. Geralmente nessa opção pode-se fazer o parto com o bebe prematuro, se o pulmão já estiver formado. Para adiantar o tratamento. A outra seria na justiça pedir para interromper a gestação para que a pessoa se trate.

- Eu não vou abortar, eu vou seguir com essa gravidez e seja o que deus quiser, vou parar com os tratamentos e se for de Deus, ele ou ela vai nascer se não, morreremos juntos.

- Eu admiro essa sua escolha, vai avisar aos seus amigos ou eu conto?

- Pode deixar, eu falo com eles – suspirei e ele apenas balançou a cabeça, antes de sair ele me deu o teste que estava mostrando que eu realmente estava grávida, cara como eu vou contar isso pro Harry? Minha gravidez é de risco, mas eu vou até o fim, eu sempre quis ser mãe e se ninguém quiser me apoiar foda – se, a escolha é minha, a vida é minha, eu quero ter esse filho e eu vou ter, nem que eu tenha que morrer para ele nascer.

 

(...)

 

- Como assim grávida? Isa você não pode, você tem leucemia – falou a Fernanda, Liam ainda estava chocado com a noticia que eu dei.

- Estou grávida e não preciso te falar como né? Acho que já passamos dessa fase, mas se você quiser eu explico... – falei

- Sem sarcasmo agora Isabella, isso é sério. – ela falou

- E você já sabe o que você vai fazer? – até que fim o Liam falou algo.

- Sim, eu já sei. – falei

- E o que você vai fazer? – ele perguntou

- Eu vou ter esse filho, vou falar com o Harry, se ele quiser assumir ótimo, se não dana – se, mas eu não vou deixar de ter essa criança, eu vou ter ela nem que seja a ultima coisa que eu faça.

- E quanto aos tratamentos? – ele perguntou

- Eu vou parar com eles e rezar para que minha leucemia não piore, quando ele ou ela nascer ai começo com eles de novo.

- Isa isso pode te matar – falou a Fernanda.

- Pode, mas meu filho pode nascer prematuro ok? Se ele já tiver o pulmão pode se optar por um parto prematuro, então quanto antes ele ou ela nascer mais cedo começamos de novo, essa é a minha decisão.

- Temos que aceitar, agora resta o Harry saber disso – falo a Fernanda.

- Eu não quero nem ver como ele vai reagir, mas estamos aqui qualquer coisa – ele falou.

 

Liam:

Como assim cara, como assim ela ta grávida? Como o Harry pode ter dado essa mancada? Eu não quero nem ver como ele vai reagir quando souber, o que dói mais é saber que ela pode acabar se matando por causa disso, mas a Isa é teimosa, mesmo assim ela fez a escolha certa, eu faria a mesma coisa se estivesse em sua situação, eu admiro isso nela, ela sempre tem as melhores escolhas, mas essa pode acabar tirando ela de todos nós e agora?  Não quero nem vê como o Harry vai reagir, ele é imprevisível, sei não.

- E ai o que você acha que vai acontecer? – perguntei pra Fernanda enquanto ela bebia seu suco, o horário de visita havia acabado e então resolvemos ir ao refeitório comer algo.

- Pelo que eu conheço da Isa ela vai até o fim com essa história, agora o Harry eu já não sei, o que você acha?

- Bom, ele reagiu super mal com isso e ta com muito ciúme, coisa que não era pra acontecer, agora eu não sei como ele pode reagir com a parada da quimioterapia e com a gravidez dela.

- Seja o que Deus quiser – ela falou e eu sei que tudo vai acabar bem, tudo tem que acabar bem!

 

Na manhã seguinte:

Isabella:

- Ainda bem que já chegamos em casa, não agüentava mais aquele cheiro de hospital, aquela comida de hospital, eca – falei

- Cruz credo Isa, parece que você ficou lá por semanas, quando na verdade você só ficou um dia lá, que drama – falou a Fê fazendo o Liam rir.

- Não é pra rir gente, to falando sério, é horrível lá.

- Ta ok anjo, agora vai lá descansar, estaremos aqui na sala quando você acordar – falou o Liam e logo depois ele me deu um beijo na testa.

- Ta legal, só não se comam aqui por favor – brinquei e vi que os dois ficaram sem jeito, quando subi mandei uma mensagem pro Harry:

“Estou em casa, precisamos conversar, passa aqui mais tarde, beijo amo você.”

E logo em seguida ele respondeu:

“Também acho mais tarde eu passo ai, também amo você”

 

(...)

 

Todos haviam indo embora porque sabiam que Harry viria e queriam da privacidade para nós dois, quando a campainha tocou senti meu corpo gelar.

-Entra – cedi espaço para ele passar e então fechei a porta.

- Quem começa? – ele perguntou

- Você começa – falei

- Então ta, eu to muito bolado porque você decidiu ligar pra ele e não pra mim, poxa, eu sou teu namorado e não ele.

- Desculpa, mas ele é meu melhor amigo e foi o primeiro que – e de repente eu parei por perceber que já ia falar merda.

- Termina Isa, ele foi o primeiro que passou pela sua cabeça no momento de desespero não foi? – ele me encarou – Não foi Isabella?

- Foi Harry, foi sim! Mas depois de tudo que ele viveu comigo você não achou justo ter chamado ele? Você me magoou esqueceu?

- Não! Eu não esqueci.

- Eu já pedi desculpas, vamos esquecer esse assunto porque agora é a minha vez de falar.

- O que você tem de tão importante pra falar assim?

- Harry, eu...- eu não sabia como falar – Eu...

- Fala logo Isa, sem rodeios! – eu fechei os olhos e então falei de uma vez só:

- Eu to grávida!

 

Continua....



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...