História Jogo do destino - Capítulo 24


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Obito Uchiha (Tobi), Personagens Originais, Rock Lee, Sakura Haruno, Sasori, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara, Shisui Uchiha, Temari, TenTen Mitsashi
Tags Naruto, Sasusaku
Visualizações 30
Palavras 3.153
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Festa, Ficção Científica, Hentai, LGBT, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


espero que estejam gostando

Capítulo 24 - Capítulo 24


Fanfic / Fanfiction Jogo do destino - Capítulo 24 - Capítulo 24

Acordei com a Hinata me cutucando

-Sakura acorda- abri meus olhos e ela estava deitada do meu lado

-Oi- falei me sentando na cama

-Tudo bem?

-Tudo e com você?

-To bem

-Que bom- me levantei e fui no banheiro

-Você tem caixa Sakura?- Hinata gritou do quarto, apareci na porta escovando meus dentes e negando com a cabeça- Então a gente vai ter que ir comprar

Tomei um banho e depois fui ao closet, coloquei um short um cropped e uma melissa nos pés, passei creme no corpo e um perfume

-Então vamos?- saí do closet pronta

-Cadê seu carro?

-Pra que? Cadê o seu?

-No mecânico, mandei fazer uma revisão Neji me trouxe

-Você dirigi?

-Sakura...

-Vai Hina, mais pra frente eu vejo isso eu prometo

-O Sasuke sabe que você tem medo de andar de carro?

-Não é medo...- fomos até a garagem pegar o carro, entrei no banco de passageiro e Hina no volante, abria a porta da garagem e assim saimos

-É o que então?

-Não é medo, eu acho... Não sei se o Sasuke sabe

-Você falou pra ele dos seus problemas?

-Acho que sim, ao decorrer dos dias eu conto não preciso contar de uma vez vai que ele vai embora

-Ele não vai amiga, ele gosta de você

-Como você tem certeza?

-Só do jeito que ele te olha dá pra perceber, e também ele vive falando de você pro Naruto

-Falando no Naruto como vai o relacionamento de vocês?

-Bem sabe...

-Hm conte-me

-Amiga eu...- Hinata ficou tensa e segurou o volante firme 

-Fala Hinata 

-Eu tô sentindo enjôo, tontura...

-Você toma remédio?

-Eu esqueci de tomar esses últimos dias

-Hinata meu Deus

-Sakura eu tô morrendo de medo

-Já fez o teste?- Hinata parou o carro na frente de uma "papelaria" descemos e entramos

-Ainda não

-Naruto sabe?

-Não

-Bom então vamos fazer hoje, vou marcar uma consulta pra amanhã só por precaução

-E se eu estiver?

-Você quer ter filho agora?

-Não, eu só tenho 17 anos

-Você aborta ué

-Mas... Não sei

-Você quem sabe

-Falando sobre bebê...

-Não, não contei pra ele ainda

-E não vai?

-Não sei

Compramos algumas caixas e passamos na farmácia para comprar teste de gravidez, compramos um de cada só pra ter certeza 

Estavamos voltando pra casa quando o celular da Hinata toca

-É o Naruto- ela falou

-Atende

-Não, melhor não

-Você não tá falando com ele?

-Desde que saímos da escola ontem, eu tô evitando ele

-Porque?

-Você sabe como eu sou, eu ia acabar falando pra ele e ele ia surtar eu acho- o celular parou de tocar

-Não a culpo, faria a mesma coisa- meu celular começou a tocar

-Quem é?- Hina perguntou

-Sasuke- atendi

ligação on

-Oi meu amor

Sasuke- Oi, porque foi embora?

-Meu pai tinha marcado de ir almoçar comigo

Sasuke- Hm... O que tá fazendo?

-Tive que sair pra comprar umas caixas 

Sasuke- Hm, aconteceu algo com a Hinata?

-Porque?

Sasuke-Naruto me...

Naruto- Sakura a Hinata tá aí com você?

-Naruto, o que foi?- olhei pra Hinata que negava com a cabeça, ela parou o carro na frente de casa

Naruto- ela não me atendendo e tá me evitando desde ontem, nem as minhas mensagens ela tá respondendo

-Olha Naruto eu não sei de nada, vou conversar com ela pra ver o que tá acontecendo 

Naruto- Fala pra ela me ligar ou sla, eu só tô preocupado

-Relaxa

Sasuke- Amor eu te ligo mais tarde

-Tá, se cuida te amo

ligação off

Entramos em casa e fomos até o meu quarto com as caixas, montamos elas 

-O Naruto tá muito preocupado, você tinha que ver

-Vou fazer o teste agora, depois eu ligo pra ele e conto

Hinata foi no banheiro com com os testes e eu marquei um médico pra ela amanhã de tarde, desci até o bar e peguei uma garrafa de vinho

- Hina tá tudo bem aí?

-Tá...

-Algum deu positivo?- falei tomando o vinho, ela pareceu na porta chorando, me levantei e fui até ela- O que foi? 

-Eu não tô grávida- ela me abraçou

-Vamos comemorar então- coloquei um pouco de vinho na taça e dei pra ela- Mas amanhã vamos no médico

-Tá, agora eu vou ligar pro Naruto- ela falou pegando o celular

Fui até o closet e comecei a separar minhas roupas as que eu vou usar e doar

Comecei a dobrar e colocar nas caixas até que a Hinata apareceu chorando

-Porque tá chorando?- falei me levantando e a levando na cozinha dando um copo d'água pra ela- Agora me conta o que aconteceu

-Eu liguei pra ele e falei das minhas suspeitas e tudo mais e ele... ficou bravo e triste comigo pois ele queria saber desde o começo ai a gente brigou, ele perguntou aonde eu tava e eu falei que estava aqui e ele falou que...- antes da Hinata falar algo tocaram a campainha fui abrir e Naruto e Sasuke estavam na porta, dei espaço pra eles passar e assim eles fizeram

Hinata apareceu ali na sala e todos ficaram quietos

-Vamos lá pra cima Sasuke- falei pegando na mão dele e o levando no meu quarto, entrei fechando a porta e indo ao closet terminar de arrumar as coisas

-O que você tá fazendo?- Sasuke perguntou

-Arrumando minhas coisas pra mudança

-Você vai se mudar pra onde?

-Não sei, meu pai quem tá vendo isso ele só falou pra mim arrumar minhas coisas 

-Hm- ele falou e ficou encostado na parede me olhando, amarrei meu cabelo em um coque- Sakura...

-Oi- me levantando pegando umas roupas no guarda roupa, Sasuke apareceu atrás de mim beijando minha nuca aonde ficava minha tatuagem 

-Sasuke...- me arrepiei soltando a roupa no chão, me virei de frente pra ele colocando minhas mãos na nuca dele e ele colocando sua mão na minha cintura, dei um selinho nele

-Sakura?- olhei pro lado e vi a Hinata com o rosto vermelho, fui até ela

-Hinata? O que aconteceu?

-Eu já vou indo

-Com o Naruto?- ela negou com a cabeça

-Não vou deixar você ir sozinha...

-Vem Hina eu te levo- Sasuke falou 

-Não precisa Sasuke 

-Anda- ele foi andando até a porta onde colocou a mão na maçaneta

-Anda Hinata ele vai insistir até você aceitar- falei puxando ela pelos braços assim que demos um passo Sasuke abriu a porta e foi até o seu carro

Entramos e Sasuke foi dirigindo

-O que aconteceu?- perguntei

-Eu falei pra ele que está tudo bem e que era apenas um susto mostrei meus testes, ele falou que havia perdido a confiança em mim...- ela puxou o ar pelo nariz sabia que se ela continuasse a falar ela acabaria chorando- Sabe eu sei que  magoei ele, e se eu estivesse grávida entende? 

-Só dá um tempo pra ele- Sasuke falou

-É amiga, ele precisa de um tempo pra pensar só, isso foi um choque pra ele

-Chegamos

-Obrigada, até amanhã- ela saiu do carro

Sasuke deu partida assim que ela saiu

-O que Naruto te contou?

-Do que você tá falando?- Sasuke se fingiu de besta

-A vai fala, o que ele falou? você não é de dar conselhos pras pessoas- Sasuke parou num sinal vermelho e me olhou colocando sua mão na minha coxa

-Eu não sei de nada, só que ela achou que estava grávida e que não contou pro Naruto apenas se afastou dele

-Isso eu sei que você sabe, tô falando sobre o que Naruto acha disso tudo... Com certeza você sabe- Sasuke ficou me olhando e negando com a cabeça rindo

-Com essa reação dele de ter deixado a Hinata sozinha lá e ter ido embora o que você acha?- virei pra frente e fiquei pensando, Sasuke ainda estava com a mão na minha coxa só tirava ela para trocar de macha, até que ele para na frente de casa

Descemos e entramos no meu quarto, me joguei na cama e Sasuke se deitou no meu lado, olhei pra ele e me deitei em cima dele

Sasuke ficou fazendo cafuné em mim

-Amor?

-Hm

-O seu sonho é ser pai né?

-Não diria sonho, mas eu queria muito sabe... ter uma criança me chamando de papai e eu poder mimar ela- levantei minha cabeça e o olhei sorrindo- Porque?

-Por nada, tá com fome?

-To morrendo de fome- Sasuke falou colocando a mão na minha bunda e me puxando mais pra cima fazendo minha intimidade encostar no seu membro

-Besta eu tô falando sério- dei um tapinha no seu ombro

-Eu também- ele começou a rir- Não to meu amor, minha mãe me fez comer assim que acordei

-Como ela tá?

-Ela está melhor que ontem pelo menos, não estava bebendo e estava até com uma roupa de escritório sabe... ela me falou que iria procurar um emprego pois alguém a deu motivação- comecei a sorrir- Que foi?

-Nada não lembrei de um negócio engraçado mas... e o seu pai?

-Não sei

-Vai falar com ele?

-Talvez

-Sabe... toda história tem dois lados seria bom se você soubesse o lado dele

-Hm

-Tá, mudando de assunto... você vai na minha festa de aniversário?

-Claro, você acha que eu te deixaria sozinha em uma festa?

-Não confia em mim?

-Logico que confio, só não confio nas outras pessoas... sendo assim, o que você quer de presente?

-Nada, eu já tenho você

-Eu sei que sou o sonho de qualquer pessoa, mas é sério, você não quer nada?

-Não, já tendo você pra mim isso é mais do que o suficiente

-Hm, sabia que você faz aniversário junto com o Yami?

-Puta merda, sério?

-Uhum

-O que dá de presente pra um menino que tem de tudo?

-Ele falou que não quer nada de presente, ele só quer passar o dia com a mãe dele

-A nossa

-Ou lerda, você é a mãe dele- Me sentei no colo do Sasuke e meus olhos começaram a lacrimejar

-Serio? não brinca comigo

-É sério- Sasuke se sentou também e me abraçou, encostei minha cabeça no seu ombro 

-É tão lindo

-O que?

-A consideração que o Yami tem por mim, eu... eu me sinto muito sei lá sabe? isso é tão de repente e se eu estragar tudo- Sasuke segurou meu rosto

-Sakura o Yami te considera um anjo em nossa família, não acho que você vá estragar as coisas- fiquei olhando pro rosto do Sasuke, ficamos uns minutos quietos até que ele me beijou, fiquei rebolando no seu membro até que ele me joga pro lado ficando sobre mim

Sasuke tirou sua blusa e em seguida a minha, depois ele tirou meu short me deixando apenas de lingerie branca

-Você fica tão gata de lingerie branca

-Só da branca?

-Não, fica sem ela também- dei um sorriso e o puxei pela nuca para lhe beijar, ele foi apertando meus seios até que nós faltar e ele foi descendo o beijo para o meu pescoço 

Sasuke chegou nos meus seios e beijou minha tatuagem enquanto tirava meu sutiã, ele beijou e chupou meus peitos, ele mordeu o bico do meu peito levemente e foi descendo beijando minha barriga, ele beijou minha intimidade por cima da calcinha 

Ele me olhou e retirou minha calcinha devagar

-Anda Sasuke não tô aguentando

-Calma meu amor, a presa é inimiga da perfeição- ele terminou de tirar e abriu minha pernas logo colocando sua língua na minha intimidade

Sasuke era de outro mundo, ele me fazia gemer de um jeito diferente na verdade ele me fazia ser diferente, quando estávamos em quatro paredes a gente não ligava para mais nada só para satisfazer o outro do melhor jeito possível

Sasuke ainda estava me chupando até que ele coloca um dedo em mim e começa a chupar meu clitóris, comecei a gemer seu nome e passar minha mão nos seus cabelos

-SASUKEEE- gemi, comecei a massagear meus peitos até que Sasuke para de me chupar e coloca dois dedos em mim e começa os movimentos de vai e vem, ele sabia que estava presta a gozar então com o dedão ele aperta meu clitóris e o massageia, gozei nos seus dedos, Sasuke passou a ponta de sua língua no dedo me olhando, me sentei ainda de pernas abertas e peguei no seu pulso trazendo sua mão até minha boca onde limpei seus dedos, ainda mantendo o contato visual

Sasuke tirou seus dedos da minha boca e quando olhou pra baixo ele já estava nu fiquei olhando pro seu membro e passei minha língua sobre a boca, Sasuke segurou meu queixo me fazendo o olhá-lo, ele me beijou e me deitou novamente na cama 

Enquanto nós beijamos Sasuke pegou seu membro e passou na minha fenda me fazendo gemer entre o beijo, não demorou muito Sasuke enfio seu membro em mim ele começou a fazer os movimentos devagar de vai e vem, abri minhas pernas e ele começou a ir rápido e fundo

-SASUKEEE ÃÃÃÃWNN- comecei a arranhar suas costas e a contrair minha intimidade no seu membro

-Meu amor você está me apertando desse jeito não vou durar muito- dei um sorriso e o puxei para um beijo

-Sasuke eu vou...- falei baixinho

-Goza meu amor- gozei e Sasuke continuou a estocar- Quero gozar na sua boca- ele falou se retirando de mim e se levantando ficando em pé do lado da cama

Fui até ele ficando de joelhos, segurei seu membro e lambi ele de baixo pra cima até chegar na ponta onde dei um beijo e em seguida o coloquei na boca, Sasuke prendeu meus cabelos com as mãos fazendo ele ficar de rabo de cavalo e assim ele começou a controlar os movimentos, até que seu membro começou a pulsa na minha boca já sabia que ele ia gozar, Sasuke o enfiou no fundo da minha garganta e gozou, engoli tudo e Sasuke tirou seu membro de mim

Me levantei ainda de joelhos sobre a cama e coloquei meu braço no seu ombro

-Vamo tomar banho?- dei vários selinhos nele até que ele segurou na minha cintura e me beijou, ele pegou na minha bunda e me ergueu me fazendo entrelaçar minhas pernas na sua cintura e nos levando até o banheiro

Ele me colocou no chão e ficamos se beijando até que nos faltou ar, ele me virou de costas

-Sakura você é só minha- ele falou no meu ouvido e foi descendo sua mão até chegar na minha cintura, ele me fez ficar com a bunda empinada pra ele, ele começou a encostar seu membro na minha bunda

-Sasuke eu n....

-Eu sei, não se preocupa- ele me deu um tapinha na minha bunda e enfio seu membro na minha intimidade e começou os movimentos rápidos, me apoiei na parede enquanto ele alisava e batia na minha bunda até que ele me vira de frente de novo e me ergueu me colocando na sua cintura e enfiando seu membro em mim

Sasuke segurava na minha cintura e controlava os movimentos, ele começou a me beijar e começou a fazer os movimentos devagar depois de vários gemidos estava chegando no meu limite e Sasuke já sabia

-Ainda não- ele falou no meu ouvido me fazendo arrepiar e me contrair minha intimidade no seu membro, depois de alguns minutos Sasuke cedeu

-Goza agora- ele falou no meu ouvido com aquela voz rouca e sexy dele, eu gozei e ele logo depois, sentir um jato quente escorrer dentro de mim

Sasuke me colocou no chão e encostou nossas testas e ligou o chuveiro

-Sakura a cada foda que a gente dá eu fico mais louco, mais apaixonado por você

-Sasuke...- ele me deu um beijo na testa e depois tomamos um banho

.

-To com fome, vamos sair pra comer algo?- falei colocando a calcinha e uma calça

-Na onde- ele falou colocando seu short

-Tanto faz, só quero comer algo- coloquei meu sutiã e me olhei no espelho

-Você é tão linda Sakura- Sasuke falou me abraçando por trás

-Eu sei- falei rindo

-Convencida

-Muita convivência contigo

-Ei espera ai eu não sou convencido

-É sim Sasuke

-Tsc- fiquei olhando pros meus peitos- O que foi?

-E se eu colocar silicone?

-Porque você quer colocar? seus peitos são perfeitos e tem um tamanho ok

-Tamanho ok?- me separei dele e coloquei minha blusa depois fui até o closet pegar um tênis

-Eu não quis dizer isso, seus peitos são perfei...

-Eu entendi Sasuke eu tenho uns peitos ok, agora podemos ir?- falei parando na porta, Sasuke me olhou e negou com a cabeça fomos até o carro dele

Entramos e ele deu partida, o caminho todo foi um silêncio até chegarmos em um drive- thru

-O que estamos fazendo aqui?

-Vou te levar em um lugar- ele falou pegando o cardápio e me dando, fizemos nossos pedidos, Sasuke pagou mesmo eu falando que iria pagar ele falou que "o namorado tem que pagar num encontro"

Pegamos nossos lanches e Sasuke dirigiu até um lugar, descemos do carro e nos sentamos no capô do carro

-Uau que lindo- falei olhando pra cidade, dava para ver ela toda, abri meu lanche e ninguém falou nada apenas ficamos ali admirando aquela vista

-Você deve trazer todas aqui né?

-Apesar daqui ser um ótimo lugar para sexo, não, eu nunca trouxe outra garota pra cá além de você... Sabe Sakura eu não quis dizer aquilo

-Tá tudo bem, eu sei que não tenho um dos melhores corpos do mundo

-Você tá enganada, pra mim o seu corpo é um dos melhores que eu já vi

-Você tá falando isso pra limpar sua barra

-Tá funcionando?- ele começou a rir- Mas é sério, sua cintura fina, sua bunda grande sua coxa e seu peito médio pra mim isso é mais do que o suficiente- coloquei minha cabeça no ombro dele

-Obrigada- ficamos ali olhando pra céu conversando e rindo

-Sasuke porque eu não sei quase nada sobre você?

-Como assim?

-Você sabe tudo sobre mim, meu ponto fraco e tals e eu não sei nada sobre você

-O que você quer saber? pode perguntar

-Sua comida favorita- ele olhou pra mim e colocou a mão na minha coxa- To falando sério

-Massas

-Sua cor favorita

-Preto

-Já se apaixonou antes?- Sasuke ficou pensando até que me olhou

-Já está tarde, vamos voltar?- peguei meu celular do bolso e já era 20:45

-Vamos mas me responda primeiro- falei saindo do capô

-Não Sakura, nunca me apaixonei antes, você é a primeira- ele segurou na minha cintura e no meu rosto e me beijou o beijo foi calmo- Você não quer realizar meu sonho de transar aqui?

-Fica pra próxima, agora a gente tem que ir

-Eu vou cobrar- ele falou abrindo a porta do carro pra mim e depois ele entrou

-Falando em cobrar... você perdeu a aposta

-Achei que faria você esquecer

-Ata que eu ia esquecer, Sasuke Uchiha fazendo o que eu quiser por uma noite

-O que vai ser?

-No dia você vai saber- falei olhando pra ele, ele parou num sinal vermelho e me puxou pra um beijo, paramos assim que o sinal ficou verde 

Chegamos na frente da minha casa, soltei o sinto e olhei pro Sasuke

-Tchau- ele se aproximou e me deu um beijo na testa

-Tchau, eu te amo- sorri pra ele e sai do carro, entrei na minha casa e assendi a luz da sala e depois fui até a cozinha beber água, subi até o meu quarto e troquei de lençol e coloquei um novo e tomei banho, assim que sai do banho  meu celular começa a tocar

ligação on

-Alô

-Oi?

-É o celular da Sakura?

-Sim

-Então Sakura eu sou Shizuni do Hospital Northwestern Memorial Hospital e o senhor Sasori acabou de aparecer aqui

-O que aconteceu com ele?

 -Ele teve overdose e está em coma

-Porque me ligaram?

-Porque você é o único número que está nos contatos dele

-Ok, estarei aí em 10 minutos

-Estarei te aguardando

ligação off

Coloquei uma roupa adequada e fui até a garagem, entrei no meu carro e olhei pro meu celular já era 21:25

-Vamos lá Sakura, não precisa ter medo- falei pra mim mesma e dei partida saindo da garagem

continua...




Notas Finais


o que estão achando??


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...