História Jornalista Amadora - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Kakashi Hatake, Kankuro, Karin, Kiba Inuzuka, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Personagens Originais, Rock Lee, Sai, Sakura Haruno, Sasori, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara, Suigetsu Hozuki, Temari, TenTen Mitsashi
Tags Naruto, Sakura Haruno
Visualizações 10
Palavras 2.367
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Literatura Feminina, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olar.

Novamente, a maioria dos personagens não me pertencem.

Capítulo 2 - Nejiten e o Servo da Princesa Cor de Rosa


Fanfic / Fanfiction Jornalista Amadora - Capítulo 2 - Nejiten e o Servo da Princesa Cor de Rosa

Antes de começar a descrever esse dia estranho, preciso dizer que não tenho culpa se sou tão interessante e até as pessoas mais estranhas gostam de mim. Bem, estranhas mas legais. Acredito que este dia foi promissor pois fiz um amigo e juntei um casal.

Bem, era um lindo dia de fevereiro. Estávamos em época de provas e eu estava morrendo de estudar. Acho que estava parecendo um fantasma com tanto de corretivo na cara por não ter dormido as três últimas noite e um tanto de pó e base para esconder minha cara amassada. Eu realmente não deveria ter dormido em cima da escrivaninha. Mas tudo bem, estou viva e vou continuar viva até receber o resultado das provas que- creio eu- serão impecáveis. Tem que ser.

Sento em um parapeito e fico observando as pessoas, finalmente me livrei do castigo do meu adorável professor e agora posso curtir alguns minutos antes das aulas. Ino e Sasuke apareceram de mãos, sorridentes.

-O dia está perfeito hoje, não é Sakurinha? -a loira me olha sorrindo.

-Vocês se comeram muito ontem para está com esse sorrisinho aí... ainda bem que a prova é de anatomia, não é mesmo?

Sasuke sorriu de canto para mim e sentou ao meu lado, seguido de Ino.

-Claro, para que estudar na teoria se podemos fazer isso na prática?

Reviro os olhos, de gente sedenta eu já tô cheia, mal consigo dormir porque meus pais ficam batendo a cama na parede.
Prefiro pegar meu celular e ficar vendo qualquer coisa desinteressante, é mais interessante que ver as duas máquinas sexuais em minha frente. Sinto alguém me cutucando por trás e já me preparo para dá uma voadora, mas era apenas Tenten e suas feições estranhas e ansiosas.

-Oi, o que foi?

-Precisamos conversar, à sós, mas é segredo. Sei que você é a pessoas menos indicada para isso mas Temari é bruta e direta demais, Ino é escandalosa e Hinata de jeito nenhum.

As máquinas de sexo nos olharam por segundos e deram de ombros, levantando-se.

-Tudo bem, estamos caindo fora.

Tenten sentou no lugar deles e me olhou, ofegante.

-Eu estou num problemão

-Tá grávida?

-Pior

-Vai morrer?

-Muito pior. Estou apaixonada!

Faço uma careta para ela. Isso não é pior que a morte. Ou sim, foi quase a morte para mim quando o Akasuna descobriu que eu gostava dele à quatro anos.

-Neji?

-Fala baixo, fofoqueira de uma figa. Tá tão na cara assim? -Assinto- Será que ele já sabe?

-Os garotos nunca sabem disso. A não ser que um moreno idiota que o nome começa com Sa e termina com Suke o diga.

-Como eu faço para ele saber disso? Sem ser direta, eu não conseguiria falar.

-Ah, antes de mostrar que gosta dele se faça de indiferente, finja que não está nem aí e se mostre desinteressada, ele é seu amigo e vai achar que algo está errado, vai te perguntar o que você tem e você não diz nada. Ele vai achar que está te perdendo por alguma coisa ou alguém e vai perceber que também gosta de você. Finja que não se importa com o que está ao seu redor, olha lá ele está vindo, aja normal.

A peste, ao invés de obedecer, faz o contrário. E não é o contrário assim pá, olha para ele e sorri. Ela se joga no chão e coloca o dedo na boca. Louca. O engomadinho aparece e encara a menina, confuso.

-Ei, está bem?

Bato com a mão no testão.

-Ela está morrendo, beija ela.

A morena dá um pulo assim que me escuta.

-Eu tô bem, tô ótima bzz -o garotos apenas franze o cenho e depois dá de ombros.

-Tudo bem...eu só vim te desejar boa sorte na prova, Ten, eu não preciso já que sou um gênio, mas vocês medianos...bem, vou falar com o Lee.

E o mesmo sai, todo com o nariz empinado.

-Não acredito que eu me joguei no chão

-Não acredito que ele não me desejou boa sorte.

***

A prova não estava ruim, estava péssima, a única coisa que caiu nas provas e eu sabia foram as minhas lágrimas, além do mais, Naruto ficou toda hora me cutucando e pedindo resposta. BAKA. Professor Orochimaru estava toda hora olhando para o Sasuke- não sei porque- e não notou o Uzumaki quase se jogando em cima da minha prova. Falando no Orochi, um dia ele quis me colocar para fora da sala e eu espalhei para todos que ele estava de rolo com o Kabuto da enfermaria. Sabe que o aconteceu? Ele me agradeceu e os dois começaram a namorar sério. Ódio.

Enfim, sei que não vou passar. Não é que eu não tenha estudado. Eu estudei, mas quando eu chego na sala e olho para a prova eu esqueço até meu nome e aí eu faço nada. Isso é horrível! Mas tudo bem, eu estou plena porque tenho planos em mente.

Faltava apenas Naruto e alguns outras pessoas para terminar as coisas e eu já havia saído, caminhava pelos corredores da escola ao lado de Tenten, que estava cada vez mais nervosa com a minha ideia.

-Não sei não...acho que o Lee não vai topar...

-Garota, qual a melhor forma de fazer ciúme para um garoto? Usar o amigo dele!

-Mas nós somos um trio, Saky, ficaria um clima estranho. Isso se, e eu digo se, o Neji ficar com ciúme.

-Ele gosta de tu

-Como você sabe?

-Eu sinto.

-Aham.

-Acredite, olha o Lee. LEE.

O garoto esquisito vira para nós, com olhos arregalados. Depois, cai duro no chão. Franzo a sobrancelha e me aproximo junto com a garota.

-O que houve com ele?

-Ah, ele é doidinho por você, doidinho assim, no sentido literal

Estreito os olhos.

-Por que não disse isso antes?

-Não achei que haveria problema.

-SENHORITA SAKURA, PRINCESA COR DE ROSA, MINHA FLOR DE CEREJEIRA, como posso ajudar -Salto de onde estava e me jogo nas costas da Tenten.

-Me salva, ele tá possuído, menina!

A mesma ri e o outro fica lá, olhando para nós com um sorriso estranho.

-Ele é assim mesmo, você se acostuma. Agora, Lee, precisamos conversar.

E assim foi, explicamos para ele -claro, comigo protegida atrás da Mitsashi- e ele entendeu a sua missão. Era fácil, apenas precisavam fingir um namoro na frente do Hyuuga e assim, provocar ciúmes no mesmo.

-Tem chances de não dá certo...

-Melhor tentar, sim? Ou nunca iremos saber os reais sentimentos do nosso gênio nariz empinado.

Rimos juntos e continuamos a conversa. Avistei o garoto de olhos perolados, parecia procurar algo no meio do refeitório. Joguei Tenten encima do Lee e sorri falsa. O moreno se aproximou observando os dois juntos.

-Algo errado com vocês?- Bem, parecia, pois os dois mantinham um sorriso mais falso que meu cabelo e ainda estavam agarrados de uma forma estranha.

-Eles estão mostrando o quando se amam para o mundo.

O mesmo me encarou confuso.

-Estão namorando?

-Não! -Tenten falou e eu a olhei com uma cara péssima -Quer dizer...Leezinho ainda não me pediu.

-Leezinho? Hm...err...bem...deixarei os estran...o casal exalando o amor para o mundo e vou procurar algo melhor para ver.

Ele se foi a passos leves, mas parecia tremer. TREMER DE RAIVA E CIÚME.

-Viu? -sussurrei para os dois, me aproximando- Ele está doidinho de ciúmes.

-Si-sim, se-se-senhorita S-Sa-ku-ra -o outro também estava tremendo, fiz uma careta e me afastei dali rápido, acenando para os dois.

Continuei meu caminho e no meio do corredor para fora da escola, escutei um choro dramático. Eu já sabia de quem era.

-O que houve com Naruto?- perguntei para Hinata que tentava o acalmar o loiro.

-Ele acha que não foi bem na prova aí tá chorando porque a Dona Kushi vai matar ele.

-Ah, se preocupa não Narutin, Kushina vai te matar porque você não vai passar em nenhuma mesmo.

Aí Naruto chorou mais e Hinata se desesperou. Foi horrível e eu só ri porque sou uma péssima pessoa. Saí dali e continuei indo para fora. Avistei meu lobo branco conversando com a Shizune. Credo. Eu não gosto dele mas acabamos de ficar e eu estou com um tanto de ciúmes. Droga. Coragem ficar com ela, e eu? Tá bom, Sakura, chega de drama. Segui meu caminho e voltei para minha casa, meus pais estavam lá por incrível que pareça. Queria não estivessem.

-Sakurinhaaaaaaa, chegou da escola?

Não, é só um clone.

-Sim mãezinha

-ENTÃO VEM LAVAR ESSA LOUÇA SUA PESTE, TRABALHO O DIA TODO PRA CHEGAR E NÃO TER NENHUM LITRO DE ÁGUA NA GELADEIRA

-Mas a senhora quer que eu lave a louça ou encha os litros.

-AH, PRESTA PRA NADA, DEIXA QUE EU FAÇO TUDO.

Quê?

Deixei a mochila num canto e fui pro meu quarto trocar de roupa, coloque só uma blusa larga e um short que corta o útero. Mentira, botei uma bermuda soltinha mesmo porque eu gosto de me sentir livre.
Voltei para a sala e meu pai estava sentado no sofá assistindo Bob Esponja.

-Filha- ele disse sem virar para trás, ele tem olhos atrás da cabeça ou eu faço barulho até andando descalça? -Seu avô e avó virão próximo mês passar uma semana aqui, tem como você sair de casa?

O negócio é o seguinte. Meu avô é um grande machista e num almoço qualquer envolvendo a família Haruno, Uchiha e Uzumaki, estávamos um tanto alegres quando o meu avô disse "lugar de mulher é na cozinha senão leva palmada", eu, a pessoa calma que sou, me levantei com tudo e gritei.

"-MACHISTA"

Todo mundo me olhou meio de lado, acho que todos queriam dizer isso mas só eu tive coragem. No fim de tudo meu avô disse que não quer olhar na minha cara. Eu que não quero ver aquele machista opressor na minha frente de novo. Temos uma rixa agora e não ficamos sob o mesmo teto. Ainda bem que Sasuke me convidou pra um almoço na casa dele no mesmo dia.

-Tudo bem, fico lá nos Uchihas.

Papai virou a cabeça que nem aqueles corpos possuídos.

-Junto com aquele tanto de macho que foram desenhados por pincéis divinos? -Concordo- Não.

-Vou dormir no apartamento da Izumi.

-Tá. -Sorrio e me sento ao lado dele.- Como foi as provas, sabia de tudo?

A única coisa que eu sabia é que eu vou tirar zero.

-Claro que sabia, pai, não faço nada aqui em casa e você acha que eu não uso todo esse meu tempo livre para estudar?

O mesmo sorri orgulhoso e eu fico olhando para os lados. Meu deus eu sou muito cara de pau. Bem, agora eu vou encher os litros e lavar aquela louca para a mamãe não jogar na minha cara que eu sou inútil.

A semana de provas havia acabado e a cara emburrada do Neji também. Estranhei, será que ele passou a aceitar que perdeu para o Lee?
Sinto alguém segurar meus ombros e pelo perfume já sabia quem era.

-Não encosta em mim porque você não me desejou boa sorte na prova de anatomia.

O mesmo deu a volta na mesa e sentou em minha frente, sorrindo vitorioso.

-Eu sei que o namoro do Lee e a Tenten é mentira.

-Nossa, que legal.

-Ela podia ter me contado que gostava de mim e queria fazer ciúmes.

-Mas você acha mesmo que ela iria te contar?

-Não. Acho melhor eu tomar iniciativa né?

-Sim.

O resto dos meus amigos chegaram aos poucos e Tenten e Lee vieram juntos na maior falsidade. Neji sorriu.

-Tenten, quer namorar comigo?

Cuspo a água que eu tava bebendo, de onde saiu essa água? Todo mundo olha do Neji para a Tenten, em busca de explicação. Nós tres nos entreolhamos e Lee deu de ombros.

-Quero -o clone de Pucca (sabem que CC se pronuncia como T, uh?) e os dois promíscuos foram se beijar ali mesmo. Nojentos. Mentira, meu shipper dando certo eu tô quase chorando.

-O que eu perdi? -Naruto se pronunciou por todos ali.

-Tenten ama Neji, Tenten tem medo de dizer que ama Neji, a princesinha aqui ajudou a fazer ciúmes em Neji e Neji descobriu e também ama Tenten. Aí todos nós ficamos de vela e os bonitinhos trocam saliva.

-Não estamos de vela- Ino diz agarrando o pescoço do Uchiha sedução. Shikamaru e Temari sorriem concordando, seguidos de Hinata e Naruto. Franzo o cenho.

-Obrigada amigos.

-SEU SERVO, TEM SEU SERVO AQUI AINDA. NO AUGE DA JUVENTUDE. -Lee grita e eu pulo da cadeira. Louco.

-Pegue seus glúteos e sua juventude e se sente nessa cadeira longe de mim, servo no auge.

-Obrigado por me deixar sentar na mesma mesa que a sua -ele dizia lacrimejando. Jesus.

-Com licença, Haruno.

Me viro com a cara emburrada, quem ousa interromper seja lá o que vou fazer?

-Rose. Quer o quê, menina?

-Quem te deu o direito de falar da vida dos outros nesse blogzinho seu?

-Acho que a diretora.

-Pois eu quero que você exploda!

-Então fala com o Deidara.

-Olha você pare de brincadeira porque Kiba terminou comigo por sua causa! -Ela diz apontando o dedo na minha cara. Ah, mas você acha mesmo que é assim?

-Quem traiu ele foi você ou eu? Tem que assumir suas coisas e parar de esconder seu próprio eu, garota, eu só ajudei ele a terminar essa mentira toda.

-Eu amo ele.

-Quem ama não trai.

-Eu vou te matar -ela dizia e eu me levantei, no mesmo momento em que Lee se coloca em minha frente e a garota para, o olhando brava. -Sai da frente, sombracelhudo.

-Sabe...- o sombracelhudo começou- ao invés de brigar com Sakura, você deveria fazer o mesmo que ela: viver a verdade. Ela só ajudou você a parar de esconder dos outros quem você é! Diz que ama o Kiba, pode até ser verdade, mas será que é amor de casal? Ou é fraterno e até mesmo costume? Pode até ter usado ele para esconder porque você acha que as pessoas vão te julgar. Vão julgar? Claro! Hoje em dia julgam até o que você come, bebe e veste. Mas você tem que ficar de cabeça erguida e mostrar que não teme a verdade.

Céus!

Eu ganhei o melhor amigo que alguém poderia querer e ele ainda é a pessoa MAIS SENSATA DO UNIVERSO. Acredito que todos estão boquiabertos, principalmente a garota que saiu lacrimejando, mas parecia sorrir um pouco. Sorri também porque sei que o mundo precisa de mais pessoas como o Lee, e acredito que quem está nesta escola ou quem esta lendo aprendeu alguma coisa hoje. Ou duas. O valor de alguém e os valores do mundo. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...